A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

CURSO DE APERFEIÇOAMENTO DE EXPOSITORES REGIONAL LITORAL CENTRO 2013.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "CURSO DE APERFEIÇOAMENTO DE EXPOSITORES REGIONAL LITORAL CENTRO 2013."— Transcrição da apresentação:

1 CURSO DE APERFEIÇOAMENTO DE EXPOSITORES REGIONAL LITORAL CENTRO 2013

2 Intercâmbio mediúnico realizado no I Encontro de Expositores da Regional Litoral Centro 03/03/2013 Queridos irmãos amigos em Cristo, facilitadores! Porque dizemos Facilitador? Pois facilitam com que a mensagem do Cristo possa adentrar os corações daqueles que buscam. Ah, companheiros! Estamos hoje aqui reunidos em grande número, para que possamos aprender e possamos nos afinizar com cada coração. Chegamos numa etapa na qual precisamos nos aproximar um pouco mais de nós mesmos. Porque dizemos isto irmãos? Porque ser um facilitador exige um pouco mais, exige preparar o material e o espiritual. O material nós dizemos do estudo, a coisa prática, de se aprofundar nos livros, nos vídeos, no material que o mundo proporciona para que o conhecimento possa ser aquele adubo, a terra fértil no qual a espiritualidade aqui presente possa ter assim um embasamento, e possa ter o que tirar de vós, corações amorosos que clamam, a todos vós que rogaram a Jesus, que rogaram a Deus, para que enviassem companheiros que pudessem auxiliar os facilitadores aqui na Terra. E aqui se formou companheiros, uma equipe grandiosa, equipe essa formada por companheiros que foram pregadores, padres, professores, enfim inúmeros irmãos em que o titulo na Terra não importa, e esses companheiros se comprometeram em auxiliar a cada um de vós. Ah, meus irmãos eles se reúnem uma vez por mês, sabe para que? Para trocar ideias, se aprofundar, e saber a melhor maneira de levar a Mensagem do Cristo. E cada companheiro desses, meus irmãos, se aproxima de cada pessoa encarnada e irá trabalhar lado a lado. E eu lhes digo novamente os tempos não são mais os mesmos. Agora precisamos de algo mais, enquanto a religião vai se rareando aí na Terra, mas a mensagem do Cristo não pode morrer, ela só vai morrer se aqueles que a ouviram, que a levam, não exemplificarem e não se comprometerem com aquilo que sabem. E para que isso seja possível é muito importante o estudo, a oração, a transformação intima. Nisso eles nada poderão fazer por vós. A Reforma Íntima é de cada um: refrear sentimentos, refrear indiferenças. Por isso hoje aqui estamos para quebrar as diferenças de cada um, não importa se aquele que aqui está é mais antigo ou mais novo. O que importa é se unir e formar a verdadeira fraternidade, como esta que está formada aqui no Plano Espiritual. Não digo que isso seja só nessa Regional. O trabalho é de toda essa Aliança e digo que o preparo está muito fraco, o preparo de cada um aí na Terra é muito sutil e por isso precisa de mais força, irmãos. Irmãos queridos espero ter me expressado com carinho diante de vós nesta nova etapa, nesta nova jornada. E com muito amor e carinho desejamos que o dia de hoje possa se estender sempre. Muita paz!

3

4 O QUE FAREMOS HOJE? Prezado trabalhador, é com grande alegria que iniciamos as comemorações dos 40 anos da Aliança Espírita Evangélica. Nós e outras 334 casas no Brasil e exterior estão neste momento, partilhando desse sentimento. Nosso objetivo é que aproveitem a oportunidade de trocar informações e compartilhar sentimentos, pois em todas essas circunstâncias estamos vivenciando o ideal de amizade, de companheirismo e, por consequência, de Aliança. Não haveria instituição se não contássemos com a presença, esforço, disponibilidade, inovação, superação e ousadia dos voluntários da Seara do Mestre que participam e participaram deste ideal de evangelização.

5 Assim como todos nós temos uma história de vitórias, conquistas, tropeços e aprendizado; a Aliança Espírita Evangélica também é formada por pessoas e, por consequência, vive as mesmas fases. Desta forma, caberá a nós, em nossos trabalhos e estudos, entender quem somos e nossa história com o movimento, para que possamos efetivar este ideal em todo lugar, principalmente fora da casa espírita. Podemos nos superar interiormente para viver a nossa própria evangelização? Deus, nosso Mestre Jesus, os benfeitores amados, o movimento da Aliança aguarda que mais e mais Homens de Bem, se juntem, se superem, sirvam e auxiliem esta Humanidade a encontrar os caminhos que levam a felicidade real. O convite se renova. Aceitemos e sigamos em frente, confiantes e entusiasmados sobre o roteiro do Homem de bem. Aliança, 40 anos.

6 Começando a Viagem Apresentação do Grupo Apresentação do Curso Plano de Voo Instrumentos a serem utilizados Importância da participação de todos: apenas co-pilotos

7 Por que um Curso de Aprimoramento de Expositores? Aprimorar : v.t.: Fazer com primor; Tornar primoroso; Aperfeiçoar; Acompanhar com delicadeza Sinônimos: aperfeiçoar; apurar; elevar; requintar e sublimar Por que aprimorar o trabalho de expositor?

8 Vídeo com Anette Guimarães Livro dos Espíritos – Pergunta 919: Qual o meio mais eficaz para nos melhorarmos nesta vida e resistirmos às solicitações do mal? R: Um sábio da antiguidade vos disse: conhece- te a ti mesmo.

9 INTERVALO PARA CAFÉ

10 O que o Plano Espiritual espera dos Expositores Analisaremos a orientação apresentada à diretoria da AEE no Plano Estratégico Espiritual (PE) em intercâmbio mediúnico em 18/09/2010

11 Atividade em subgrupos Analisar 3 itens norteando-se pelas seguintes questões: Qual a expectativa do Plano Espiritual com esta orientação? O que já fazemos nesta orientação? O que precisamos melhorar?

12 Orientações do Plano Espiritual Expositor preocupar-se com a qualidade: uniformizar o curso Aprofundar conhecimento de valores AEE e aspectos de RI e FDJ Considerar principalmente valores morais cristãos Considerar a sociedade em constante mudança Expositor tocar corações Atenção ao ambiente místico Investir em pessoas comprometidas Valorizar o trabalho, inclusive por aqueles que dirigem os cursos Dirigentes e expositores são pastores Atenção à responsabilidade de cada um Aprofundar aspectos da natureza da pedagogia cristã Diferente de técnicas de ensino A aula deve ser uma troca Pensar mais profundamente: por que não temos expositores?

13 Auto Avaliação Ensinar e Aprender

14 Próxima Decolagem: 21/04/2013 O Plano Convite: estudo, análise e reflexão Trazer uma proposta sobre: Como o expositor pode REALIMENTAR o conhecimento do Plano Convite que foi apresentado pelo dirigente no início da EAE? Qual a importância de fazer isso?


Carregar ppt "CURSO DE APERFEIÇOAMENTO DE EXPOSITORES REGIONAL LITORAL CENTRO 2013."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google