A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 1 Rio de Janeiro – 13 de novembro de 2013 ANÁLISE DE COMPETITIVIDADE DA CADEIA PRODUTIVA PETROQUÍMICA E DE PLÁSTICO NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Identificação.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 1 Rio de Janeiro – 13 de novembro de 2013 ANÁLISE DE COMPETITIVIDADE DA CADEIA PRODUTIVA PETROQUÍMICA E DE PLÁSTICO NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Identificação."— Transcrição da apresentação:

1 1 1 Rio de Janeiro – 13 de novembro de 2013 ANÁLISE DE COMPETITIVIDADE DA CADEIA PRODUTIVA PETROQUÍMICA E DE PLÁSTICO NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Identificação de fatores de atratividade para empreendimentos e de ações de estímulo para o desenvolvimento do setor Seminário de Petroquímica

2 2 Objetivo Avaliação da cadeia produtiva petroquímica e de plástico no Estado do Rio de Janeiro, sua evolução, estágio atual e condições para competir no futuro. Propiciar aos integrantes do processo decisório, envolvidos nas definições de políticas públicas e estratégicas do setor, condições de estabelecer diretrizes visando promover e fortalecer o setor no Estado do Rio de Janeiro. Competitividade da Cadeia Produtiva Petroquímica e de Plástico no Rio de Janeiro

3 3 Escopo do Trabalho Caracterização da cadeia petroquímica e de plásticos; Cenário de impacto econômico no que diz respeito à cadeia petroquímica e de plásticos; Mapeamento da indústria de produtos plásticos do estado do Rio de Janeiro; Competitividade da cadeia petroquímica e de plásticos no Rio de Janeiro; Análise do impacto da expansão da produção da indústria de plásticos no Rio de Janeiro sobre a economia do estado. Conclusões Competitividade da Cadeia Produtiva Petroquímica e de Plástico no Rio de Janeiro

4 4 Escopo do Trabalho Caracterização da cadeia petroquímica e de plásticos; Cenário de impacto econômico no que diz respeito à cadeia petroquímica e de plásticos; Mapeamento da indústria de produtos plásticos do estado do Rio de Janeiro; Competitividade da cadeia petroquímica e de plásticos no Rio de Janeiro; Análise do impacto da expansão da produção da indústria de plásticos no Rio de Janeiro sobre a economia do estado. Conclusões Competitividade da Cadeia Produtiva Petroquímica e de Plástico no Rio de Janeiro

5 5 Caracterização da cadeia petroquímica e de plásticos Composição geral da cadeia petroquímica e de plásticos Indústria de produtos plásticos, seus fornecedores e setores demandantes

6 6 Caracterização da cadeia petroquímica e de plásticos Indústria Petroquímica Configuração atual da indústria petroquímica brasileira O cracker do Rio de Janeiro, em Duque de Caxias, é o único no Brasil que processa etano/propano, base gás natural.

7 7 COMPERJ - impacto na indústria petroquímica brasileira Com o COMPERJ, a dependência da nafta petroquímica no Brasil diminuirá. A participação da nafta na matriz de matérias primas passará de 77% para 59% do total. Caracterização da cadeia petroquímica e de plásticos Indústria Petroquímica

8 8 O Estado do Rio de Janeiro terá a maior capacidade produtiva de poliolefinas do Brasil após a implantação do COMPERJ. Caracterização da cadeia petroquímica e de plásticos Indústria Petroquímica COMPERJ - impacto na indústria petroquímica brasileira

9 9 Escopo do Trabalho Caracterização da cadeia petroquímica e de plásticos; Cenário de impacto econômico no que diz respeito à cadeia petroquímica e de plásticos; Mapeamento da indústria de produtos plásticos do estado do Rio de Janeiro; Competitividade da cadeia petroquímica e de plásticos no Rio de Janeiro; Análise do impacto da expansão da produção da indústria de plásticos no Rio de Janeiro sobre a economia do estado. Conclusões Competitividade da Cadeia Produtiva Petroquímica e de Plástico no Rio de Janeiro

10 10 Cenário de impacto econômico no que diz respeito à cadeia petroquímica e de plásticos Rio de Janeiro O perfil da indústria no Rio de Janeiro mostra vocação para a extrativa em detrimento da transformação, quando comparado com o Brasil, o que restringe a demanda por produtos plásticos. Atividade Econômica

11 11 No Brasil, de uma demanda total de 6,0 milhões de toneladas de produtos plásticos, 65% são relacionados a setores demandantes da indústria de transformação. 65% Indústria de transformação. 35% Outras indústrias e agropecuária. Brasil Identificação dos setores econômicos associados a cadeia do plástico Cenário de impacto econômico no que diz respeito à cadeia petroquímica e de plásticos

12 12 Escopo do Trabalho Caracterização da cadeia petroquímica e de plásticos; Cenário de impacto econômico no que diz respeito à cadeia petroquímica e de plásticos; Mapeamento da indústria de produtos plásticos do estado do Rio de Janeiro; Competitividade da cadeia petroquímica e de plásticos no Rio de Janeiro; Análise do impacto da expansão da produção da indústria de plásticos no Rio de Janeiro sobre a economia do estado. Conclusões Competitividade da Cadeia Produtiva Petroquímica e de Plástico no Rio de Janeiro

13 13 Mapeamento da indústria de produtos plásticos do RJ Metodologia da Pesquisa Caracterização e desempenho da indústria de produtos plásticos do RJ (IPP-RJ) Caracterização e Desempenho da Indústria de Produtos Plásticos do Rio de Janeiro Transformação Conversão Reciclagem Transformação Conversão Reciclagem Pesquisa Primária (IPP-RJ) Produção física PIB Número de Funcionários Rotatividade Horas Pagas Produção física PIB Número de Funcionários Rotatividade Horas Pagas Caracterização por Tipo de Empresa e Evolução (2003, 2008, 2011) Número de Empresas Funcionários Porte Valor da Produção física Processos produtivos Segmentação de mercado Consumo de resinas (volume e por tipo) Número de Empresas Funcionários Porte Valor da Produção física Processos produtivos Segmentação de mercado Consumo de resinas (volume e por tipo) Pesquisa Secundária RJ x BR x Outros estados RJ x BR x Outros estados Caracterização Geral e Evolução (2003, 2008, 2011)

14 14 Mapeamento da indústria de produtos plásticos do RJ Comparativamente a outras regiões e a média nacional, a Indústria de Plásticos e Borracha do RJ teve desempenho inferior quanto à produção física no período analisado, afetada pela atração de investimentos em outro estados. Dados Secundários Desempenho da Indústria de Produtos Plásticos do RJ

15 15 Mapeamento da indústria de produtos plásticos do RJ Média empresa tem a maior taxa de contratação de empregados da Indústria de Plásticos do RJ, similarmente a média nacional Grande empresa (500 ou mais empregados) tem a menor taxa de crescimento da contratação na Indústria de Plásticos do RJ, contrastando com outros estados. TAXA DE CRESCIMENTO ANUAL DOS VÍNCULOS ATIVOS DA INDÚSTRIA DE PLÁSTICOS 2002 – 2010 Período / Funcionários BRBAMG RJ SPPRSCRS 1 a 194,8%7,7%6,8%3,8%3,6%9,5%5,2%3,9% 20 a 995,1%3,4%7,5%4,2%4,6%5,8%6,9%2,1% 100 a 4996,7%9,5%3,1%6,7%5,7%7,9%6,3%3,3% 500 ou mais14,0%--2,1%13,1%10,2%3,9%- Total6,5%7,9%9,3%5,1%5,6%7,7%5,8%4,0% Fonte: RAIS Dados Secundários Desempenho da Indústria de Produtos Plásticos do RJ

16 16 Mapeamento da indústria de produtos plásticos do RJ Dados Primários Caracterização da Indústria de Produtos Plásticos do RJ (IPP-RJ) Composição da IPP-RJ: o Indústria de Transformação de Produtos Plásticos (IPPt) o Indústria de Conversão de Produtos Plásticos (IPPc) o Indústria de Reciclagem de Produtos Plásticos (IPPr) DIMENSIONAMENTO DA IPP-RJ – 2011 – Tipo de Indústria Valor da Produção – R$ milhões – Consumo de Matéria-Prima – mil toneladas – Número de Empregados Número de Empresas Transformação , Conversão93, Reciclagem45,363,2*75056 TOTAL , * Consumo refere-se ao consumo de resíduo plástico pela indústria de reciclagem

17 17 Amazonas 210 kt Ceará 180 kt Bahia 380 kt Mato Grosso do Sul 80 kt Paraná 580 kt Rio Grande do Sul 511 kt Santa Catarina kt São Paulo kt Rio de Janeiro 309 kt Pernambuco 100 kt Goiás 160 kt Minas Gerais 322 kt Outros 474 kt Mapeamento da Indústria de Produtos Plásticos *Nota: Inclui consumo de plásticos reciclados pós-consumo Dados Primários Caracterização da Indústria de Produtos Plásticos do Brasil (IPP-Brasil) 7ª posição no ranking

18 18 Mapeamento da indústria de produtos plásticos do RJ Dados Primários Caracterização da Indústria de Reciclagem de Produtos Plásticos (IPPr-RJ) Na reciclagem, o Rio de Janeiro participa com apenas 5,1% da produção brasileira. Das 55 mil toneladas produzidas, 71% é PET, enquanto que no Brasil a participação do PET é de 35%.

19 19 Mapeamento da indústria de produtos plásticos do RJ A região Metropolitana concentra 73,6% das empresas da IPP-RJ, segundo distribuição regional do CEPERJ. Caracterização da Indústria de Produtos Plásticos do RJ (IPP-RJ) Dados Primários Costa Verde 0 empresas Metropolitana 289 empresas Médio Paraíba 21 empresas Centro Sul 18 empresas Serrana 31 empresas Norte 14 empresas Noroeste 15 empresas Baixadas Litorâneas 5 empresas DISTRIBUIÇÃO REGIONAL SEDEIS

20 20 Mapeamento da indústria de produtos plásticos do RJ Micro e pequenas empresas compõem a grande maioria das empresas da IPP-RJ. NÚMERO DE EMPRESAS POR PORTE DE FUNCIONÁRIOS PORTE FUNCIONÁRIOS Micro1 a Pequeno20 a Médio100 a Grande500 ou mais112 TOTAL Caracterização da Indústria de Produtos Plásticos do RJ (IPP-RJ) Dados Primários

21 21 Mapeamento da indústria de produtos plásticos do RJ Dados Primários Caracterização da Indústria de Transformação de Produtos Plásticos do RJ (IPPt-RJ) Baixa diversificação da IPPt-RJ em termos de mercado de atuação quando comparado ao Brasil.

22 22 Mapeamento da indústria de produtos plásticos do RJ PEAD mantém liderança como resina consumida, porém a que mais cresceu no período analisado foi o PEBDL. EVOLUÇÃO DO CONSUMO DE RESINAS NO RIO DE JANEIRO mil toneladas mil toneladas Caracterização da Indústria de Transformação de Produtos Plásticos do RJ (IPPt-RJ) Dados Primários Outros: PA, POM, PC, EVA, ABS, PU

23 23 Mapeamento da Indústria de Produtos Plásticos Participação do Consumo de Resinas na Capacidade Produtiva do Rio de Janeiro ATUAL (2011) *APÓS COMPERJ ** Dados Primários (*): não há produção de PEBD atualmente no RJ(**): considerando-se consumo estimado para 2017.

24 24 Mapeamento da indústria de produtos plásticos do RJ O Polo do RJ se consolida como fonte de matéria-prima, porém as importações também aumentaram sua participação no período analisado. ORIGEM DA MATÉRIA-PRIMA VIRGEM DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Dados Primários Caracterização da Indústria de Transformação de Produtos Plásticos do RJ (IPPt-RJ)

25 25 Mapeamento da indústria de produtos plásticos do RJ DESTINO DAS VENDAS DA INDÚSTRIA DE PRODUTOS PLÁSTICOS Vendas interestaduais cresceram, enquanto que as exportações caíram significativamente. Dados Primários Caracterização da Indústria de Transformação de Produtos Plásticos do RJ (IPPt-RJ)

26 26 Escopo do Trabalho Caracterização da cadeia petroquímica e de plásticos; Cenário de impacto econômico no que diz respeito à cadeia petroquímica e de plásticos; Mapeamento da indústria de produtos plásticos do estado do Rio de Janeiro; Competitividade da cadeia petroquímica e de plásticos no Rio de Janeiro; Análise do impacto da expansão da produção da indústria de plásticos no Rio de Janeiro sobre a economia do estado. Conclusões Competitividade da Cadeia Produtiva Petroquímica e de Plástico no Rio de Janeiro

27 27 No Rio de Janeiro apenas 38% do valor adicionado (base 2009) diz respeito à indústria de transformação, maior demandante de produtos plásticos no Brasil. Setores demandantes de produtos plásticos Identificação dos setores econômicos com vocação no Rio de Janeiro Competitividade da cadeia produtiva petroquímica e de plásticos do RJ Setores com vocação regional Caracterização do setor no RJProdutos plásticos demandados no RJ Bebidas Água mineral é o principal segmento, alto consumo per capita de bebidas Garrafas, copos, rótulos Farmacêutico / cosméticos / hig, pessoal Grande quantidade de empresas de pequeno e médio porte, indústria madura e profissionalizada Embalagens filme, frascos, potes, blister Têxtil/vestuário Grande quantidade de empresas de pequeno e médio porte, forte vocação do Estado Embalagens filme, acessórios injetados Naval/náutica Empresas de grande porte, muitos investimentos em curso, renovação do parque naval Amortecedores p/ ancoragem navios, bóias, decks Petróleo & gás Liderado por Petrobras, fornecedores de insumos e serviços em fase de desenvolvimento no estado Dutos de petróleo, cabos de ancoragem p/ E&P de petróleo, cilindros p/ GNV Construção civil Muitos investimentos em curso, especialmente em projetos sociais Tubos e conexões, laminados, perfis, chapas de isolamento térmico Infraestrutura Muitos investimentos em curso, em especial nas áreas de transporte e logística. Tubos, fios e cabos, geomembrana

28 28 Setores demandantes de produtos plásticos Projetos de investimento no RJ com potencial de uso de produtos plásticos SetorPetróleo&gás, petroquímica Infraestrutura e construção civil Naval e náutico Automotivo e transportes Alimentos e bebidas Farmacêutico e cosméticos Investimentos (R$ bilhões) 97,677,59,56,21,40,2 Alguns projetos anunciados Petrobras, Chevron, OGX, BR Distribuidora, Comperj Porto Maravilha, LLX, LS Cable, Maracanã, Aeroporto Tom Jobim Beneteau, Estaleiro Aliança, OSX, intermarine Pegeout, NISSAN, Hyunday, Maxion, Suspensys Nestlê, Bunge, Ambev, Brasil Foods, Coca Cola, Godiva Alimentos Procter &Gamble, Embelleze, Niely Cosméticos, Merck Produtos plásticos demandados Risers de exploração e produção de petróleo, dutos, sacaria para embalar resinas Tubos para saneamento, fios e cabos, sinalização urbana, geomembrana Amortecedor para atracagem navios, deck de madeira plástica Para-choques e outras peças p/ automóveis, tanques de combustível p/ caminhão, Bed Liner Potes p/ bebida láctea/fermentado, embalagem termoformada p/ refeições prontas, garrafas e copos plásticos p/ bebidas Embalagens sopradas, injetadas e termoformadas. Competitividade da cadeia produtiva petroquímica e de plásticos do RJ

29 29 Todos os setores econômicos selecionados têm investimentos previstos para os próximos anos no Rio de Janeiro. Porém, os de maior vocação no Estado e dinamismo do mercado, são os de menor grau de utilização de plásticos. Setores demandantes de produtos plásticos Avaliação dos setores associados a cadeia e com potencial de desenvolvimento Competitividade da cadeia produtiva petroquímica e de plásticos do RJ Alimentos Construção civil Naval e Náutica Logística e Transporte Petróleo, gás natural Telecomunicações Bebidas Química e petroquímica Automotivo Higiene pessoal e Limpeza doméstica Saneamento Fármacos e cosméticos Tamanho da bolha = Dinamismo do mercado

30 30 Fatores Externos Setores Demandantes Downstream Indústria Produtos Plásticos Fornecedores Upstream Elo Forte Elo Fraco Elo Faltante Indeterminado Cadeias produtivas com potencial para desenvolvimento Elos fortes, fracos e faltantes nas cadeias produtivas selecionadas Competitividade da cadeia produtiva petroquímica e de plásticos do RJ Distribuidores Embalagens filme Petroquímica Recicladores Máquinas & Equip. Moldes & matrizes Alimentos Bebidas Hig. Pessoal cosméticos Varejo Embalagens injetadas Embalagens sopradas Tubos e conexões Fios e cabos Petróleo&Gás Infraestrutura (nas áreas incentivadas) Financiamento Incentivos Fiscais (restrição geográfica) Associações Classe Capacitação m-o Descartáveis Utilidades domésticas Infraestrutura Construção civil Componedores Peças técnicas Tecnologia Automotivo Posição competitiva forte na cadeia Posição competitiva fraca, com potencial de desenvolvimento Sem produção local, com potencial de desenvolvimento Não é requerida instalação local Não - tecido

31 31 Cadeias produtivas com potencial para desenvolvimento Análise das cadeias produtivas selecionadas – dimensões críticas Competitividade da cadeia produtiva petroquímica e de plásticos do RJ Cadeias Produtivas Alimentos Bebidas Automotivo Construção civil Infraestrutura Petróleo &Gás Industrial Higiene Pessoal e Cosméticos Dimensões Criticas Concorrência Saturação Dinamismo Concentração Integração Transportabilidade Tecnologia embutida Valor agregado Oportunidades de Negócio Embalagem termoformada Não-tecido Filme técnico Garrafa PP Tanque combustível Tubos e conexões Utilidades domésticas..... BALCÃO DE PROJETOS: 45 PROJETOS IDENTIFICADOS

32 32 Potencial de desenvolvimento da IPP para atender o mercado externo Potencial de desenvolvimento da IPP para atender a demanda de outros estados brasileiros Potencial de desenvolvimento do setor demandante de produto plásticos no RJ Potencial de desenvolvimento da IPP para atender a demanda do RJ GRUPO 1GRUPO 2 GRUPO 4 GRUPO 3 Cadeias produtivas com potencial para desenvolvimento Classificação das cadeias produtivas por grupo de afinidade Competitividade da cadeia produtiva petroquímica e de plásticos do RJ A classificação das oportunidades de negócio por grupos de afinidade, em termos de mercado de atuação e diferencial competitivo, indica os investimentos estratégicos para a região.

33 33 Classificação da cadeia produtivaCaracterizaçãoFatores críticos GRUPO 1 Potencial de desenvolvimento de produtos plásticos p/ atender demanda no RJ Produtos plásticos com potencial de mercado local e baixa competitividade no mercado nacional Vocação do estado Concorrência local Customização de produto GRUPO 2 Potencial de desenvolvimento do setor demandante de produtos plásticos no RJ Produtos plásticos cujo desenvolvimento do mercado depende do fortalecimento do setor demandante Integração downstream Customização de produto Produção in House GRUPO 3 Potencial de desenvolvimento de produtos plásticos para atender demanda em outros estados Produtos plásticos com potencial de mercado em um raio de abrangência maior e alta escala de produção Transportabilidade Escala de produção Logística interna GRUPO 4 Potencial de desenvolvimento de produtos plásticos para exportação Produtos plásticos com alta escala de produção e competitivo para a exportação Transportabilidade Escala de produção Logística exportação Cadeias produtivas com potencial para desenvolvimento Caracterização dos grupos de afinidade e seus fatores críticos Competitividade da cadeia produtiva petroquímica e de plásticos do RJ

34 34 Cadeias produtivas com potencial para desenvolvimento Identificação das oportunidades de negócio por grupo de afinidade Competitividade da cadeia produtiva petroquímica e de plásticos do RJ GRUPO 1 - Potencial de desenvolvimento de produtos plásticos p/ atender demanda no RJ Setor DemandanteOportunidades de Negócio COSMÉTICOS/FARMACEUTICO FRASCOS SOPRADOS, EMBALAGEM INJETADA, EMBALAGENS BLISTER PVC INDUSTRIAL MADEIRA PLÁSTICA DE PVC P/ DECKS, EMBALAGEM P/ LUBRIFICANTE, AMORTECEDOR P/ ATRACAGEM DE NAVIO CONSTRUÇÃO CIVIL CAIXA DAGUA PP, BRINQUEDOS ROTOMOLDADOS P/ PRAÇAS E ESCOLAS, MOBILIÁRIO URBANO DE MADEIRA PLÁSTICA, CHAPA ISOLAMENTO TÉRMICO (PU) BEBIDAS EMBALAGEM COPOS PP, GARRAFAS P/ BEBIDAS PET E PP, TAMPAS P/ GARRAFAS, RÓTULOS P/ GARRAFAS VAREJOBOBINA PICOTADA, SACOLA RETORNÁVEL, COPOS E UTENSÍLIOS DESCARTÁVEIS Grupo 1: o diferencial competitivo é o mercado local (Rio de Janeiro)

35 35 Cadeias produtivas com potencial para desenvolvimento Identificação das oportunidades de negócio por grupo de afinidade Competitividade da cadeia produtiva petroquímica e de plásticos do RJ GRUPO 2 - Potencial de desenvolvimento do setor demandante de produtos plásticos no RJ Setor DemandanteOportunidades de Negócio AUTOMOTIVO TANQUES DE COMBUSTÍVEL PARA CAMINHÕES; BEDLINER P/ REVESTIMENTO CAÇAMBA CAMIONETE; PEÇAS TÉCNICAS P/ AUTOMÓVEIS, ÔNIBUS E TREM; VOLANTE, TAPETE E ENCHIMENTO DE PU ALIMENTÍCIO FILME TÉCNCO P/ ENVASE AUTOMÁTICO, EMBALAGENS TERMOFORMADA REFEIÇÃO PRONTA, EMBALAGEM TERMOFORMADA IOGURTE, EMBALAGEM SOPRADA BEBIDA LÁCTEA INDUSTRIALPEÇAS PLÁSTICAS PARA INFORMÁTICA, ELETRODOMÉSTICOS, ELETROELETRÔNICOS Grupo 2: o diferencial competitivo é o relacionamento com o cliente

36 36 Cadeias produtivas com potencial para desenvolvimento Identificação das oportunidades de negócio por grupo de afinidade Competitividade da cadeia produtiva petroquímica e de plásticos do RJ GRUPO 3 - Potencial de desenvolvimento de produtos plásticos para atender demanda em outros estados Setor DemandanteOportunidades de Negócios PETROQUÍMICASACARIA PARA RESINA TERMOPLÁSTICA PETRÓLEO & GÁS DUTOS DE PETRÓLEO (PP), ALMA DO CILNDRO DE GNV (PEAD), CABOS DE ANCORAGEM PARA E&P INFRAESTRUTURA TUBOS DE PEAD P/ SANEAMENTO, P/ GÁS E P/ DRENAGEM DE ATERROS SANITÁRIOS E ESTRADAS, FIOS E CABOS DE ENERGIA CONSTRUÇÃO CIVILTUBOS E CONEXÕES, FORROS, PERFIS, PORTAS E ESQUADRIAS DE PVC INDUSTRIAL FILME STRETCH P/ PALLETIZAÇÃO, EMBALAGEM FILME P/ RAÇÃO, BALDE E BOMBONAS INJETADAS P/ TINTAS, BOTIJÃO DE GÁS Grupo 3: o diferencial competitivo é o custo de produção

37 37 Cadeias produtivas com potencial para desenvolvimento Identificação das oportunidades de negócio por grupo de afinidade Competitividade da cadeia produtiva petroquímica e de plásticos do RJ GRUPO 4 - Potencial de desenvolvimento de produtos plásticos para exportação Setor DemandanteOportunidades de Negócio VAREJOUTILIDADES DOMÉSTICAS INDUSTRIAL NÃO TECIDO DE PP P/ HIGIENE PESSOAL, MEDICO-HOSPITALAR E DESCARTÁVEIS; PISO LAMINADO, COURO SINTÉTICO E LINER DE PVC, RÁFIA DE PP, PRÉ-FORMA PET, RÁFIA CONSTRUÇÃO CIVILPORTAS E ESQUADRIAS DE PVC Grupo 4: o diferencial competitivo é a escala de produção

38 38 Escopo do Trabalho Caracterização da cadeia petroquímica e de plásticos; Cenário de impacto econômico no que diz respeito à cadeia petroquímica e de plásticos; Mapeamento da indústria de produtos plásticos do estado do Rio de Janeiro; Competitividade da cadeia petroquímica e de plásticos no Rio de Janeiro; Análise do impacto da expansão da produção da indústria de plásticos no Rio de Janeiro sobre a economia do estado. Conclusões Competitividade da Cadeia Produtiva Petroquímica e de Plástico no Rio de Janeiro

39 39 Análise do impacto da expansão da produção da indústria de plásticos no Rio de Janeiro sobre valor adicionado e geração de empregos Com base no número de oportunidades de negócios (balcão de projetos) identificados, foi estimado o faturamento e número de empregos esperado após os investimentos. IMPACTO DA EXPANSÃO DA PRODUÇÃO DA IPP NO RIO DE JANEIRO ClassificaçãoNº projetos Faturamento (R$ milhões) Número de empregados GRUPO 1 Potencial de desenvolvimento de produtos plásticos p/ atender demanda no RJ 15 69,3525 GRUPO 2 Potencial de desenvolvimento do setor demandante de produtos plásticos no RJ , GRUPO 3 Potencial de desenvolvimento de produtos plásticos para atender demanda em outros estados , GRUPO 4 Potencial de desenvolvimento de produtos plásticos para exportação 8 908, TOTAL , Impacto da expansão da produção da IPP no RJ

40 40 Análise do impacto da expansão da produção da indústria de plásticos no Rio de Janeiro sobre valor adicionado e geração de empregos A estimativa do impacto sobre o faturamento (valor adicionado) é de um incremento de 54% sobre o resultado obtido em 2011, enquanto que no número de empregos é de 32%. Resultados Impacto da expansão da produção da IPP no RJ

41 41 Conclusões e recomendações Competitividade da Cadeia Produtiva Petroquímica e de Plástico no Rio de Janeiro A IPP-RJ cresceu nos últimos anos, mas não atingiu nível de desenvolvimento e competitividade compatíveis com a economia do estado e o seu potencial. A vocação do estado para indústria de extração em detrimento da indústria de transformação, ajudam a explicar a demanda restrita de produtos plásticos no RJ. Por outro lado, a indústria de transformação robusta de São Paulo por si só vem alavancando a IPP-SP, que atende toda a região sudeste e acaba inibindo o desenvolvimento da IPP-RJ. Outros fatores que poderiam atrair investimento da IPP no estado do Rio de Janeiro, como baixo custo de produção (mão de obra, energia elétrica), infraestrutura adequada e mão de obra especializada, não são vantagens competitivas do estado. Portanto, para atrair investimentos na IPP no Rio de Janeiro e mantê-los competitivos, é necessária uma política industrial abrangente, que contemple toda a cadeia produtiva petroquímica e de plástico, com o intuito de criar demanda local, aproveitar as potencialidades da região, e tornar o setor competitivo para exportar produto acabado.

42 42 OBRIGADO! Solange Stumpf


Carregar ppt "1 1 Rio de Janeiro – 13 de novembro de 2013 ANÁLISE DE COMPETITIVIDADE DA CADEIA PRODUTIVA PETROQUÍMICA E DE PLÁSTICO NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Identificação."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google