A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Pré-História Antes da escrita:. Evolução Biológica: Astralopitecus – Andar bípede e postura ereta.(4 - 3 Milhões de anos) Astralopitecus – Andar bípede.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Pré-História Antes da escrita:. Evolução Biológica: Astralopitecus – Andar bípede e postura ereta.(4 - 3 Milhões de anos) Astralopitecus – Andar bípede."— Transcrição da apresentação:

1 Pré-História Antes da escrita:

2 Evolução Biológica: Astralopitecus – Andar bípede e postura ereta.(4 - 3 Milhões de anos) Astralopitecus – Andar bípede e postura ereta.(4 - 3 Milhões de anos) Homo Erectus – Afastamento dos dedos e modificação dos dedos polegar.(2 – 1,5 milhões de anos) Homo Erectus – Afastamento dos dedos e modificação dos dedos polegar.(2 – 1,5 milhões de anos) Homo Sapiens Sapiens – Capacidade de reflexão.(90000 Anos) Homo Sapiens Sapiens – Capacidade de reflexão.(90000 Anos)

3

4 Paleolítico: Os nômades Tem início com o surgimento do gênero Homo(Hominídeos – 4 milhões de anos). Tem início com o surgimento do gênero Homo(Hominídeos – 4 milhões de anos). Primeiras ferramentas – Madeira, osso, e pedra lascada.(2 milhões de anos) Primeiras ferramentas – Madeira, osso, e pedra lascada.(2 milhões de anos) Utilização do fogo (50000 anos) Utilização do fogo (50000 anos) Abrigo em cavernas (40000 anos) Abrigo em cavernas (40000 anos) Pinturas rupestres (30000 anos) Pinturas rupestres (30000 anos) Utilização das primeiras vestimentas e desenvolvimento das primeiras linguagens ( anos) Utilização das primeiras vestimentas e desenvolvimento das primeiras linguagens ( anos)

5 Pedra Lascada:

6 Arte Rupestre:

7

8 A revolução Neolítica: Fim da glaciação (10000)aC – Expansão do Homem pelo universo. Fim da glaciação (10000)aC – Expansão do Homem pelo universo. A descoberta da agricultura provavelmente já tinha ocorrido desde aC, mas a domesticação só ocorrera entre e 8000 aC. A descoberta da agricultura provavelmente já tinha ocorrido desde aC, mas a domesticação só ocorrera entre e 8000 aC. A teoria da Revolução Sexual. A teoria da Revolução Sexual.

9 O deslocamento humano:

10 Neolítico: ( )aC Processo de sedentarização – Formação das primeiras aldeias. Processo de sedentarização – Formação das primeiras aldeias. Fabricação de instrumentos de pedra polida/Utilização do arco e flecha. Fabricação de instrumentos de pedra polida/Utilização do arco e flecha. Desenvolvimento do artesanato (tecelagem e cerâmica). Desenvolvimento do artesanato (tecelagem e cerâmica). Fabricação de alimentos (Pães, farinhas e bebidas alcoólicas) Fabricação de alimentos (Pães, farinhas e bebidas alcoólicas) Sepultamento dos mortos. Sepultamento dos mortos.

11

12 A idade dos Metais: (6000 – 4000)aC Desenvolvimento das técnicas de fundição (Metalurgia) – Cobre, estanho,bronze e ferro. Desenvolvimento das técnicas de fundição (Metalurgia) – Cobre, estanho,bronze e ferro. Crescimento demográfico – Divisão social do trabalho (Lavradores, artesãos, comerciantes, guerreiros e sacerdotes) Crescimento demográfico – Divisão social do trabalho (Lavradores, artesãos, comerciantes, guerreiros e sacerdotes) Surgimento da propriedade privada e a desigualdade social. Surgimento da propriedade privada e a desigualdade social. As primeiras cidades estado – Civilizações. As primeiras cidades estado – Civilizações. Formação cultural e religiosa. Formação cultural e religiosa.

13 Bronze:

14 Ferro:

15 Religiosidade:

16 Estreito de Bering:

17

18 Culturas paleolíticas do Brasil: Sambaqui (do tupi tamba'kï; literalmente "monte de conchas") são depósitos criados pelo Homem constituídos por materiais orgânicos, calcários, empilhados ao longo do tempo e sofrendo a ação da intempérie, que acaba por promover uma fossilização química, pois a chuva deforma as estruturas dos moluscos e dos ossos enterrados, difundindo o cálcio em toda a estrutura e petrificando os detritos e ossadas porventura ali existentes. São comuns em todo o litoral do Atlântico, sendo mais raros no Pacífico, mas notando-se exemplares até no norte da Europa. Sambaqui (do tupi tamba'kï; literalmente "monte de conchas") são depósitos criados pelo Homem constituídos por materiais orgânicos, calcários, empilhados ao longo do tempo e sofrendo a ação da intempérie, que acaba por promover uma fossilização química, pois a chuva deforma as estruturas dos moluscos e dos ossos enterrados, difundindo o cálcio em toda a estrutura e petrificando os detritos e ossadas porventura ali existentes. São comuns em todo o litoral do Atlântico, sendo mais raros no Pacífico, mas notando-se exemplares até no norte da Europa.

19 Culturas paleolíticas do Brasil: Os sambaquis não eram o local de moradia desse grupo; eram simplesmente os lixões onde eram depositadas as sobras da alimentação, as carcaças dos crustáceos e as ossadas de peixes e pequenos mamíferos que serviam de alimento; por motivos desconhecidos, passaram a abrigar sepulturas humanas, sendo que a intempérie dissolveu as camadas superiores do sambaqui, fazendo uma petrificação por cálcio dos esqueletos imersos no núcleo do sambaqui, conservando-os, e a seus adornos funerários, pelos milênios. Os sambaquis não eram o local de moradia desse grupo; eram simplesmente os lixões onde eram depositadas as sobras da alimentação, as carcaças dos crustáceos e as ossadas de peixes e pequenos mamíferos que serviam de alimento; por motivos desconhecidos, passaram a abrigar sepulturas humanas, sendo que a intempérie dissolveu as camadas superiores do sambaqui, fazendo uma petrificação por cálcio dos esqueletos imersos no núcleo do sambaqui, conservando-os, e a seus adornos funerários, pelos milênios.

20

21 Culturas paleolíticas do Brasil: O sítio de Pedra Furada, localizado em São Raimundo Nonato, no Parque Nacional da Serra da Capivara, Piauí, foi encontrado na década de 60. Ele vem sendo estudado, desde os anos 70, por Niède Guidon, uma arqueóloga franco-brasileira. Os achados (pedras lascadas e vestígios de fogueiras) datam de aproximadamente anos. Segundo a equipe, não é impossível que os achados possam ter até anos. A tese de Guidon vai bem mais longe - cerca de 100 mil anos - e pressupõe que o homem não teria chegado à América vindo da Ásia por terra (via estreito de Bering como se acredita até hoje) e sim, pelo mar, já se utilizando de embarcações. Contudo, as descobertas de São Raimundo Nonato permanecem controversas e ainda não refutam totalmente a Teoria Clóvis. O sítio de Pedra Furada, localizado em São Raimundo Nonato, no Parque Nacional da Serra da Capivara, Piauí, foi encontrado na década de 60. Ele vem sendo estudado, desde os anos 70, por Niède Guidon, uma arqueóloga franco-brasileira. Os achados (pedras lascadas e vestígios de fogueiras) datam de aproximadamente anos. Segundo a equipe, não é impossível que os achados possam ter até anos. A tese de Guidon vai bem mais longe - cerca de 100 mil anos - e pressupõe que o homem não teria chegado à América vindo da Ásia por terra (via estreito de Bering como se acredita até hoje) e sim, pelo mar, já se utilizando de embarcações. Contudo, as descobertas de São Raimundo Nonato permanecem controversas e ainda não refutam totalmente a Teoria Clóvis.

22

23 Culturas paleolíticas do Brasil:Pedra Pintada (PA) Os brasileiros pré-históricos daquela região sustentaram-se com uma economia estável e produziram uma cultura e tecnologias bastante superiores às de seus primos da América do Norte. Os paleoíndios moraram em cavernas confortáveis e protegidas, tinham uma dieta mais saudável e produziram cerâmicas, pinturas rupestres e pontas de flechas. Eles eram caçadores de pequenos animais e coletores de frutas. No auge de sua civilização, chegaram a abrigar cerca de indivíduos. Os brasileiros pré-históricos daquela região sustentaram-se com uma economia estável e produziram uma cultura e tecnologias bastante superiores às de seus primos da América do Norte. Os paleoíndios moraram em cavernas confortáveis e protegidas, tinham uma dieta mais saudável e produziram cerâmicas, pinturas rupestres e pontas de flechas. Eles eram caçadores de pequenos animais e coletores de frutas. No auge de sua civilização, chegaram a abrigar cerca de indivíduos.

24 Culturas paleolíticas do Brasil: Lagoa Santa: Lagoa Santa: –No Brasil, além dos restos do Piauí, existe também um antiqüíssimo conjunto achado na região de Lagoa Santa (Minas Gerais), possivelmente os representantes do antigo grupo lingüístico do país - Macro Jê -, cujos descendentes mais próximos hoje seriam os índios cariris e botocudos. –A descoberta, em 1975, no mesmo local, de um fóssil humano de 11,5 mil anos, o mais antigo da América, apelidado de Luzia, colocou ainda mais dúvidas sobre a Teoria Clóvis, já que a pertence a uma mulher com nítidas características polinésias e negróides, indicando que deve ter havido alguma forma de povoamento vindo do Pacífico Sul ou da África. Luzia foi investigada pelo arqueólogo brasileiro Walter Alves Neves.

25 Luzia e Lúcia:

26 Culturas Neolíticas do Brasil: Marajoaras: A cerâmica marajoara é um tipo de cerâmica fruto do trabalho das tribos indígenas da ilha de Marajó (PA), na foz do rio Amazonas, durante o período de 400 a 1400 d.C., no Brasil. A cerâmica marajoara é um tipo de cerâmica fruto do trabalho das tribos indígenas da ilha de Marajó (PA), na foz do rio Amazonas, durante o período de 400 a 1400 d.C., no Brasil. Alguns arqueólogos encontraram objetos de cerâmica em bom estado de conservação, realizados com destreza, tendo em conta as formas esguias e curvilíneas perfeitamente moldadas, e delicadamente decorados e pintados. Alguns arqueólogos encontraram objetos de cerâmica em bom estado de conservação, realizados com destreza, tendo em conta as formas esguias e curvilíneas perfeitamente moldadas, e delicadamente decorados e pintados. Tais objetos pertenceram à chamada "civilização marajoara", um antigo povo agricultor da região amazônica. Através de grandes pesquisas, pôde descobrir-se que os índios marajoaras levantavam suas casas sobre morros artificiais, construídos para proteger as casas de inundações. Escavando esses morros, os arqueólogos encontraram vasos, vasilhas, urnas, tigelas e outras peças de cerâmica, feitas com argila cozida da região marginal. Os objetos que mais chamaram a atenção foram encontrados em sepulturas. Tais objetos pertenceram à chamada "civilização marajoara", um antigo povo agricultor da região amazônica. Através de grandes pesquisas, pôde descobrir-se que os índios marajoaras levantavam suas casas sobre morros artificiais, construídos para proteger as casas de inundações. Escavando esses morros, os arqueólogos encontraram vasos, vasilhas, urnas, tigelas e outras peças de cerâmica, feitas com argila cozida da região marginal. Os objetos que mais chamaram a atenção foram encontrados em sepulturas.

27

28 Culturas Neolíticas do Brasil: Troncos Lingüísticos: As línguas indígenas do Brasil, assim como as demais línguas do mundo, por apresentarem semelhanças nas suas origens tornam-se parte de grupos lingüísticos que são as famílias lingüísticas, e estas por sua vez fazem parte de grupos ainda maiores, classificadas como troncos lingüísticos. Os troncos com maior número de línguas são o macro-tupi e o macro-jê. Existem também povos que falam o português; no entanto, estes casos são considerados como perdas lingüísticas ou identidades emergentes. As línguas indígenas do Brasil, assim como as demais línguas do mundo, por apresentarem semelhanças nas suas origens tornam-se parte de grupos lingüísticos que são as famílias lingüísticas, e estas por sua vez fazem parte de grupos ainda maiores, classificadas como troncos lingüísticos. Os troncos com maior número de línguas são o macro-tupi e o macro-jê. Existem também povos que falam o português; no entanto, estes casos são considerados como perdas lingüísticas ou identidades emergentes.

29

30

31


Carregar ppt "Pré-História Antes da escrita:. Evolução Biológica: Astralopitecus – Andar bípede e postura ereta.(4 - 3 Milhões de anos) Astralopitecus – Andar bípede."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google