A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Relação entre o tamanho do fato geográfico representado no mapa e o seu tamanho real na superfície da Terra. NUMÉRICA 1: 500 000 GRÁFICA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Relação entre o tamanho do fato geográfico representado no mapa e o seu tamanho real na superfície da Terra. NUMÉRICA 1: 500 000 GRÁFICA."— Transcrição da apresentação:

1 Relação entre o tamanho do fato geográfico representado no mapa e o seu tamanho real na superfície da Terra. NUMÉRICA 1: GRÁFICA

2 ***A escala corresponde a uma RELAÇÃO DE PROPORÇÃO, portanto, é ADIMENSIONAL, ou seja, não possui unidade própria de medida*** 1 cm no mapa corresponderá a 500 Km na realidade; Se a escala for 1: EXEMPLO :

3 ESCALAS PEQUENAS 1: : : Escalas MENORES = MAIOR o denominador A ÁREA REPRESENTADA É MAIOR, MAS COM POUCO DETALHAMENTO

4 ESCALAS GRANDES 1:5001:1000 1:5000 Escalas MAIORES = MENOR o denominador A ÁREA REPRESENTADA É MENOR, PORÉM COM MELHOR DETALHAMENTO

5 P LANTA C ARTA M APA A diferença básica entre estes três produtos cartográficos é a Escala. Plantas:Plantas: Representam áreas menores com maiores detalhes, portanto, maior escala. Planta baixa de uma casa Planta de um bairro

6 CARTAS: CARTAS: "Representação dos aspectos naturais e artificiais da Terra, destinada a fins práticos da atividade humana, permitindo a avaliação precisa de distâncias, direções e a localização plana, geralmente em média ou grande escala, de uma superfície da Terra, subdividida em folhas, de forma sistemática, obedecido um plano nacional ou internacional (ABNT).

7 MAPA: MAPA: "Representação gráfica, em geral uma superfície plana e numa determinada escala, com a representação de acidentes físicos e culturais da superfície da Terra, ou de um planeta ou satélite (ABNT).

8 PROJEÇÕES CARTOGRÁFICAS Toda representação cartográfica apresenta distorção. As diferentes representações visam diminuir as distorções do mapeamento. Representação da Terra em uma superfície plana, mantendo as relações espaciais. Uso de fórmulas matemáticas e cálculos geométricos.

9 CILÍNDRICAS CÔNICAS AZIMUTAIS Refere-se à figura geométrica adotada para representar a esfera terrestre em um plano

10 CONFORME – CILÍNDRICA DE MERCATOR Apresentam alterações nas áreas continentais Ocorre pequena distorção nas proximidades do Equador Quanto maior o afastamento do Equador, maior será a distorção Mais conhecida é a projeção cilíndrica de Mercator.

11 EQUIVALENTES – CILÍNDRICA DE PETERS As áreas mantêm-se proporcionalmente idênticas As formas da superfície terrestre são distorcidas Projeção mais conhecida é a projeção de Peters

12 CILÍNDRICA EQUIVALENTE ÁREAS PROPORCIONAIS SÉCULO XX GUERRA FRIA CILÍNDRICA CONFORME ÁREAS DE ALTA LATITUDE APRESENTAM-SE MAIORES SÉCULO XVI FACILITAR A NAVEGAÇÃO DURANTE A EXPANSÃO MARÍTIMA

13 EQUIDISTANTES OU AZIMUTAL As distâncias entre as regiões são precisas Adota-se como centro, um ponto qualquer da superfície Geralmente tem como ponto central o pólo Norte As distorções das áreas aumentam na medida que se afastam do ponto central da projeção

14 B

15 B

16 C

17 A

18 A

19 FUSOS HORARIOS

20 360º = Rotação completa = 24 HORAS 360º / 24h = 15º Portanto: Temos 1 fuso a cada 15º E cada 15º = 1 HORA

21 A TERRA GIRA DE OESTE PARA LESTE W -h +h E Sendo assim, no LESTE amanhece antes, por isso:FUSOS SITUADOS À LESTE SERÃO MAIS ADIANTADOS AS HORAS AUMENTAM DE OESTE PARA LESTE E SITUADOS À OESTE SERÃO MAIS ATRASADOS AS HORAS DIMINUEM DE LESTE PARA OESTE

22

23 Primeiro fuso- fuso menos duas horas - Arquipélago de Fernando de Noronha e Ilha Trindade Segundo fuso- fuso menos três horas - litoral do território brasileiro, o Distrito Federal e Estados do interior excepto os que fazem parte do terceiro fuso. Terceiro fuso- fuso menos quatro horas - Estados do Acre, Amazónia, Roraima, Rondónia, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. FUSOS HORÁRIOS BRASILEIROS

24 ROTAÇÃO: Em torno de si mesma Sentido: Oeste – Leste Tempo: 24 horas PRINCIPAL CONSEQÜÊNCIA: Sucessão dos dias e das noites

25 TRANSLAÇÃO: PRINCIPAL CONSEQÜÊNCIA: ? ESTAÇÕES DO ANO ? Órbita em que a Terra descreve uma elipse em torno do Sol Tempo: 365 dias FONTE: Atlas digital geográfico - IBGE

26 O eixo da Terra é inclinado em relação à sua órbita PRINCIPAL CONSEQÜÊNCIA: Movimento de Translação + Obliqüidade da Eclíptica = ESTAÇÕES DO ANO EQUADOR Eixo de inclinação 23º2730

27 OS RAIOS SOLARES INCIDEM SOBRE O EQUADOR PERPENDICULARMENTE AS NOITES E OS DIAS SÃO IGUAIS PRIMAVERA E INVERNO EQUINÓCIO = (LATIM NOITES IGUAIS) FONTE: Atlas digital geográfico - IBGE

28 SOLSTÍCIOS = (LATIM SOL PARADO) VERÃO NO HEMISFÉRIO SUL: OS RAIOS SOLARES INCIDEM PERPENDICULARMENTE SOBRE O TRÓPICO DE CAPRICÓRNIO OS DIAS SÃO MAIS LONGOS E AS NOITES MAIS CURTAS AO CONTRÁRIO NO INVERNO INVERNO NO HEMISFÉRIO NORTE: OS RAIOS SOLARES NÃO INCIDEM PERPENDICULARMENTE SOBRE O HEMISFÉRIO AS NOITES SÃO MAIS LONGAS E OS DIAS MAIS CURTOS AO CONTRÁRIO NO VERÃO FONTE: Atlas digital geográfico - IBGE

29 INVERNO NO NORTE E VERÃO NO SUL DIA: 21/12 SOLSTÍCIO PRIMAVERA NO NORTE E OUTONO NO SUL DIA: 21/03 EQUINÓCIO VERÃO NO NORTE E INVERNO NO SUL DIA: 21/06 SOLSTÍCIO OUTONO NO NORTE E PRIMAVERA NO SUL DIA: 23/09 EQUINÓCIO FONTE: Atlas digital geográfico - IBGE

30 Precessão do Eixo da Terra O eixo da Terra faz um círculo em torno do eixo da eclíptica no período aproximado de 26 mil anos, fazendo com que mude a posição dos polos celestes. Há 4 mil anos, o polo norte estava próximo da estrela alfa Draconis. Hoje está a 1 grau da Estrela Polar ou alfa da Ursa Maior. Dentro de 12 mil anos estará próximo à estrela Vega ou alfa de Lira. Este movimento faz mudar também a posição do Ponto Gama por entre as constelações zodiacais. Hoje, o Ponto Gama está na constelação de Peixes (Era de Peixes), entrando em Aquário mais ou menos no ano 2.600

31 Os PÓLOS CELESTES não ocupam uma posição fixa no céu: cada pólo celeste se move lentamente em torno do respectivo pólo da eclíptica, descrevendo uma circunferência em torno dele com raio de 23,5. O tempo necessário para descrever uma volta completa é anos. Atualmente o Pólo Celeste Norte está nas proximidades da estrela Polar, na constelação da Ursa Menor, mas isso não será sempre assim. Daqui a cerca de anos ele estará nas proximidades da estrela Vega, na constelação de Lira. PÓLOS CELESTES

32 E 2012? De acordo com estudos ocorrerá a precessão. É nesse momento que acredita-se que os pólos se inverterão, trazendo conseqüências da qual chamamos de Fim do Mundo. Quando ocorre uma inversão de pólos ocorre o seguinte: - Todo o centro da Terra (Núcleo) é feito de ferro sólido ao centro, e derretido na periferia do núcleo, Sabemos que ferro é um elemento que é facilmente manipulado pela força magnética. Pois bem, todo o campo gravitacional do planeta é controlado por forças magnéticas da Terra. Toda essa força magnética é manipulada e regida pelo Sol. Conforme nos aproximamos do alinhamento com o centro da Via Láctea (ocorrerá em 21/12/2012), forças até o momento desconhecidas vindas do centro da galáxia farão com que o Sol comece a se agitar (por isso as erupções solares constantes atualmente). Então o Sol começará a mexer com o campo gravitacional terrestre. Conforme chegarmos nesse ponto, ou próximo, os pólos se inverterão. Quando os pólos se invertem ocorre um colapso, pois o núcleo de ferro da Terra se mexe violentamente (imagine um imã gigantesco se aproximando de uma bola gigantesca de ferro) gerando assim cataclismas, como terremotos, tsunamis e outras visões apocalípticas no planeta inteiro Outra coisa, conforme nos aproximamos dessa data, o centro da Terra se mexe mais esquentando mais o magma em torno da superfície. Durante esses tempos, veremos com isso muitas erupções vulcânicas, principalmente em vulcões subaquáticos (profundeza dos mares). Isso é normal, ocorre e sempre ocorrerá. Já ocorreram milhares de vezes antes.

33 16. (ACAFE 2006_2)Analise a figura a seguir sobre os limites das zonas t é rmicas. Sobre eles, todas as alternativas estão corretas, exceto a: A- As zonas temperadas, tanto ao Norte quanto ao Sul, têm menor aquecimento e luminosidade em relação às zonas tropicais porque os raios solares incidem sobre elas de forma inclinada. B- Os paralelos principais são os marcadores das zonas térmicas do planeta: zona tropical ou intertropical, temperada e glacial ou polar. C- Os trópicos de Câncer, ao Norte, e Capricórnio, ao Sul, delimitam a faixa intertropical do globo terrestre, as de maior aquecimento e iluminação. D- A divisão em zonas térmicas não apresenta problemas porque em todas as faixas não há nenhum fator modificador dos climas. E- As zonas glaciais Norte e Sul recebem os raios solares com grande inclinação, razão pela qual apresentam as mais baixas temperaturas.

34 17. (ACAFE 2006_2) Analise A inclina ç ão do eixo imagin á rio da Terra e o movimento de transla ç ão que ela executa são muito importantes para a vida no planeta. Considerando os paralelos principais e essas duas situa ç ões, todas as alternativas estão corretas, exceto a: A- O solst í cio de verão no hemisf é rio sul ocorre quando, na sua marcha aparente, o Sol p á ra perpendicular-mente no Tr ó pico de Capric ó rnio, não se deslocando mais para o sul. B- A distribui ç ão desigual de luz e de calor solar nas diversas partes do planeta, no per í odo de um ano, determina as esta ç ões do ano, que são opostas nos dois hemisf é rios. C- O dia 21 de junho corresponde ao momento em que os raios solares incidem perpendicularmente sobre o Tr ó pico de Câncer, sendo que o C í rculo Polar Ant á rtico ser á o ú ltimo paralelo a ser iluminado. D- Os dias 21 de mar ç o e 23 de setembro marcam o equin ó cio, isso é, a distribui ç ão de luz é desigual nos dois hemisf é rios e os dias têm maior dura ç ão do que as noites pelo fato dos raios solares ca í rem perpendi-cularmente sobre o Tr ó pico de Câncer. 6 E- O C í rculo Polar Á rtico é o c í rculo que assinala, ao redor do P ó lo Norte, o alcance m á ximo dos raios solares no dia 21 de dezembro, ou seja, quando se inicia o verão no hemisf é rio sul.

35 (UFPR) Em relação aos movimentos da Terra, é correto afirmar que: 01) A Terra realiza em torno de si mesma o movimento de rotação, que dura 23 horas, 56 minutos e 4 segundos. Sua velocidade é de 1666 km/h na altura do Equador e nula nos pólos. 02) Os solstícios correspondem às épocas do ano em que os hemisférios norte e sul da Terra são desigualmente iluminados, 04) No dia 21 de junho o Sol encontra-se sobre o Trópico de Capricórnio. 08) Os equinócios correspondem às épocas do ano em que os hemisférios norte e sul são igualmente iluminados. 16) No dia 23 de setembro o Sol encontra-se sobre o Trópico de Câncer. 32) O dia 21 de dezembro marca o solstício de verão no hemisfério sul.

36 LUA CHEIA OU PLENILÚNIO = ENCONTRA-SE NA POSIÇÃO CHAMADA DE OPOSIÇÃO LUA CRESCENTE OU QUARTO CRESENTE= ENCONTRA-SE NA POSIÇÃO CHAMADA DE 1ª QUADRATURA LUA MINGUANTE OU QUARTO MINGUANTE = ENCONTRA-SE NA POSIÇÃO CHAMADA DE 2ª QUADRATURA LUA NOVA OU NOVILÚNIO = ENCONTRA-SE NA POSIÇÃO CHAMADA DE CONJUNÇÃO

37 FONTE: UFRGS-RS SOLLUATERRA OCORRE QUANDO A LUA ENCONTRA-SE NA FASE NOVA OU NA CONJUNÇÃO.

38 FONTE: OGLOBO.GLOBO.COM SOL LUA TERRA OCORRE QUANDO A LUA ENCONTRA-SE NA FASE CHEIA OU NA OPOSIÇÃO.


Carregar ppt "Relação entre o tamanho do fato geográfico representado no mapa e o seu tamanho real na superfície da Terra. NUMÉRICA 1: 500 000 GRÁFICA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google