A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

SESSÃO III – INVESTIMENTO AGRICOLA Uma Visão Empresarial Batalha – 3 Março 2006 Humberto Teixeira – Grupo HUBEL.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "SESSÃO III – INVESTIMENTO AGRICOLA Uma Visão Empresarial Batalha – 3 Março 2006 Humberto Teixeira – Grupo HUBEL."— Transcrição da apresentação:

1 SESSÃO III – INVESTIMENTO AGRICOLA Uma Visão Empresarial Batalha – 3 Março 2006 Humberto Teixeira – Grupo HUBEL

2 Investimento agrícola Uma Visão Empresarial Tema Proposto

3 Evolução da Área de Produção Hortícola Protegida do Algarve

4 Causas da Redução de Área Falta de Preparação para o Impacto da Plena Adesão à CEFalta de Preparação para o Impacto da Plena Adesão à CE Produção e Comercialização com Actuação Dispersa, e Dependentes do Mercado Interno.Produção e Comercialização com Actuação Dispersa, e Dependentes do Mercado Interno. Grandes mudanças em consequência do aparecimento das Grandes SuperfíciesGrandes mudanças em consequência do aparecimento das Grandes Superfícies Grandes Mudanças em Consequência da GlobalizaçãoGrandes Mudanças em Consequência da Globalização Inexistência de um Plano Estratégico para o SectorInexistência de um Plano Estratégico para o Sector Falta de um Plano de Reconversão Específico Falta de um Plano de Reconversão Específico

5 Existem Fortes Razões Para A Mudança  Portugal importa mais de 50% das hortofruticulas frescas que consome  Existe a necessidade de aumentar as exportações para equilíbrio da Balança de Pagamentos  O aumento do custos de combustíveis,faz aumentar os custos de produção no Norte da Europa

6  O Algarve dispõe de Óptimas condições Edafoclimáticas  Na região existe uma experiência acumulada de produção  Existe disponibilidade e domínio de Tecnologias de Produção actuais e adaptadas à região  Existe disponibilidade dos Recursos Críticos : Solo, Água e Mão de Obra Existem Fortes Razões Para A Mudança

7 SOLUÇÕES Necessárias para a MUDANÇA 1.Ser Assumida a Importância Estratégica para a Região e para o País,do POTENCIAL de Produção Hortofrutícola do ALGARVE 2.Ser considerada essa importância no PLANO ESTRATÈGICO NACIONAL (em preparação)

8 3.Ser Elaborado um Plano de Acção Específico que Englobe:  Programa de reconversão das estufas existentes – Cerca de 250HA  Programa de captação de investimento estrangeiro atraindo para o Algarve a deslocalização em curso. SOLUÇÕES Necessárias para a MUDANÇA

9 4. Participação Activa, Concertada e Comprometida de :  Empresários, Associações e Organizações de Produtores  Ministério da Agricultura - DRAA,IFADAP/INGA  Ministério da Economia -DREA(Turismo)  Universidade do Algarve  API-Agência Portuguesa de Investimento  Autarquias SOLUÇÕES Necessárias para a MUDANÇA

10 -“A Visão é o Sonho Duradouro e Indica a Rota de Transformação Necessária para Alcançá-la” Hubert Rampsard -“A Visão Cria a Imagem do Destino” Robert Kaplan & David Norton A Minha Visão para a Horticultura do Algarve em 2013

11 1.O Algarve será em 2013 uma região onde se produzirão hortofruticulas de Qualidade Superior Com Identidade Própria Com Respeito pela Protecção do Ambiente Criando sinergias com a Principal Actividade Económica da Região - O Turismo A Minha Visão para a Horticultura do Algarve em 2013

12 > € A Minha Visão para a Horticultura do Algarve em O Algarve contribuirá em 2013 com

13 Estrutura Empresarial O Grupo HUBEL e a Agricultura

14 SESSÃO III – INVESTIMENTO AGRICOLA Uma Visão Empresarial Batalha – 3 Março 2006 Humberto Teixeira – Grupo HUBEL


Carregar ppt "SESSÃO III – INVESTIMENTO AGRICOLA Uma Visão Empresarial Batalha – 3 Março 2006 Humberto Teixeira – Grupo HUBEL."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google