A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O MUNDO ROMANO I PROFESSORA : AMANDA RUEDEK. ORIGENS LENDAS : Eneias – cidade de Alba Longa Rômulo e Remo HISTORIADORES: Alguns autores acreditam que.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O MUNDO ROMANO I PROFESSORA : AMANDA RUEDEK. ORIGENS LENDAS : Eneias – cidade de Alba Longa Rômulo e Remo HISTORIADORES: Alguns autores acreditam que."— Transcrição da apresentação:

1 O MUNDO ROMANO I PROFESSORA : AMANDA RUEDEK

2 ORIGENS LENDAS : Eneias – cidade de Alba Longa Rômulo e Remo HISTORIADORES: Alguns autores acreditam que foram os etruscos que fundaram Roma.

3

4 ETRUSCOS Segundo Heródoto vieram da Lídia; Várias cidades como : Volterra, Vetulônia, Arezzo, Cortona, Perúsia, Orvieto, Tárquinia, etc... Politicamente cada cidade era independente; Economicamente eram bastante desenvolvidos; Em termos sociais havia uma sociedade de classes. Eram um povo alegre; A mulher possuía lugar dentro da sociedade;

5 Os Etruscos eram extremamente religiosos; Os ritos eram elementos essenciais : dirigiam preces e ofereciam sacrifícios, INCLUSIVE SACRIFICIOS HUMANOS; Quanto as artes, os etruscos foram influênciados pelos gregos; Tiveram seu declínio graças as invações célticas IV a.C;

6 MONARQUIA SETE REIS O primeiro foi Romulo e o Ultimo foi Tarquínio o Soberbo. O rei não possuía autoridade ilimitadas, era fiscalizado pelo CONSELHO DOS ANCIÃOS- integrado por patrícios- A base da organização social era a GENS. Em 509 a.C uma revolta Patricia depôs o ultimo rei de Roma.

7 Pirâmide social

8 Patrícios : Os patrícios, cidadãos de República Romana, constituíam a aristocracia romana, a sua nobreza Plebeus:São as pessoas que não nasceram em meio a nobreza. A classe baixa da população, povo. Clientes:foi um grupo originário da plebe que, para sobreviver, colocava-se a serviço de um patrício, denominado patrono Escravos

9 Republica 509 a.C. a 27 a.C Os magistrados romanos durante a Republica, tinham poder executivo e eram eleitos anualmente. Os cônsules eram dois, eleitos anualmente pelas Assembleias Centuriatas, presidiam o Senado e tinham funções administrativas e militares. Em caso de grave crise interna, era escolhido um ditador, com poderes absolutos, pelo prazo de seis meses. A designação era feita pelos cônsules. Os pretores eram eleitos pelas Assembleias Centuriatas; competia- lhes decidir as contendas; entre cidadãos romanos e estrangeiros ou estrangeiros entre si. Já os censores promoviam o censo da população, classificando-a de acordo com a renda anual de cada um. Preparavam a lista de senadores e cuidavam da moralidade pública.

10 Os edis eram encarregados da conservação da cidade, do policiamento, do abastecimento, etc. Quanto aos questores eram os cobradores de impostos. Estavam sob a autoridade dos cônsules. Os tribunos eram os representantes da plebe. O senado era a assembleia de notáveis. Composto por cem membros

11 A criação dos tribunos da plebe está ligada às lutas dos plebeus por uma maior participação política e melhores condições de vida. Em 367 a.C, foi aprovada a Lei Licínia, que garantia a participação dos plebeus no Consulado (dois cônsules eram eleitos: um patrício e um plebeu). Esta lei também acabou com a escravidão por dívidas (válida somente para cidadãos romanos).

12 Em 450 a.C após ter sido redigida por dez magistrados foi instituída a lei das doze tabuas que constitui a primeira lei escrita e sistematizada do Direito Romano. Com essas mudanças os patrícios incorporaram às suas fileiras a camada enriquecida da classe plebeia e Roma ganhou força para se lançar na conquista da Itália.

13 Formação e Expansão do Império Romano Hegemonia na Itália; Cartago x Roma Guerras Punicas – vitória romana. Fator determinante : busca de terras férteis e recursos.

14

15 Consequências A expansão mercantil-manufatureira determinou a formação de uma nova e poderosa classe de comerciantes e militares enriquecidos com as guerras: os homens novos ou cavaleiros da ordem esquestre; Grande fluxo de riquezas em Roma; Ruína dos pequenos e médios proprietários rurais ; Êxodo rural, gerando a proletarização da plebe; Mudança de mentalidade; o divorcio torna-se frequente; Aumento da escravidão.

16 Tentativa de Reformas Tibério Graco – primeiro tribunato em 133 a.C; Reforma agraria; Foi morto durante um tumulto; Seu irmão Caio Graco assumiu como Tribuno. Suas principais realizações foram a lei frumentária ( lei do pão ) Fundação de colônias, com concessão de terras. Quando tentou estender o direito da cidania foi morto;

17

18 CRISE Os soldados se distanciam da vida civil; Soldados e Comandantes Exercito como instrumento de poder;

19 A ditadura César Apoiado pelo exército, pela plebe e cumulado de títulos pelo Senado, César iniciou uma série de reformas : Construiu diversas obras públicas; Pôs em ordem as finanças; Proibiu o abuso de luxo; Obrigou os proprietários a empregar homens livres; Promoveu a fundação de colônias; Unificou o mundo romano;

20

21 A Aristocracia se viu despojada de quase todos os seus privilégios, decidiu assassiná-lo e Restaurar a República; Divinizado após sua morte, César teria seu nome transformado no título que designaria os imperadores Romanos.

22

23 O segundo Triunvirato O levante popular que se seguiu à morte de César e, principalmente, o controle das guarnições de Roma permitiram a seus partidários neutralizar o Senado; Em 43 a.C Marco Antônio, general Lépido e Otávio, implantaram o Triunvirato. Os assassinos de César foram mortos. Lépido X Otávio

24 Marco Antônio aliou-se à Cleópatra; Em 31 a.C Otávio conquista o Egito e tornou-se senhor absoluto de Roma e seu primeiro Imperador. Depois da vitória sobre Antônio, Otávio completou a unificação do mundo mediterrâneo. Uma nova era começou O IMPÉRIO

25


Carregar ppt "O MUNDO ROMANO I PROFESSORA : AMANDA RUEDEK. ORIGENS LENDAS : Eneias – cidade de Alba Longa Rômulo e Remo HISTORIADORES: Alguns autores acreditam que."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google