A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

IGREJA EM JUIZ DE FORA E MATIAS BARBOSA Março / 2012 ARREPENDIMENTO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "IGREJA EM JUIZ DE FORA E MATIAS BARBOSA Março / 2012 ARREPENDIMENTO."— Transcrição da apresentação:

1 IGREJA EM JUIZ DE FORA E MATIAS BARBOSA Março / 2012 ARREPENDIMENTO

2 ARREPENDIMENTO - INTRODUÇÃO Arrependimento e fé são os dois ingredientes necessários para que haja conversão. Arrependimento é mudança de direção e mente.

3 OS ELEMENTOS DO ARREPENDIMENTO UM ELEMENTO INTELECTUAL. Há uma mudança de opinião, um reconhecimento do pecado com a culpa pessoal, a corrupção e a incapacidade que envolve. O homem se torna consciente de que é pecador e precisa de Deus. Acontece uma renovação da mente no momento da conversão.

4 OS ELEMENTOS DO ARREPENDIMENTO UM ELEMENTO EMOCIONAL. Há uma mudança de sentimento que se manifesta EM TRISTEZA PELO PECADO cometido contra um Deus bom, santo e justo. Sl 51:2,10 e 14 “Lava-me completamente da minha iniqüidade e purifica- me do meu pecado.” “Cria em mim, ó Deus, um coração puro e renova dentro de mim um espírito inabalável.” “Livra-me dos crimes de sangue, ó Deus, Deus da minha salvação, e a minha língua exaltará a tua justiça.” Já a TRISTEZA CONFORME O MUNDO se manifesta em morte, angústia e desespero: 2 Co 7:9-10 “agora, me alegro não porque fostes contristados, mas porque fostes contristados para arrependimento; pois fostes contristados segundo Deus, para que, de nossa parte, nenhum dano sofrêsseis. Porque a tristeza segundo Deus produz arrependimento para a salvação, que a ninguém traz pesar; mas a tristeza do mundo produz morte.” Mt 27:3 “Então, Judas, o que o traiu, vendo que Jesus fora condenado, tocado de remorso, devolveu as trinta moedas de prata aos principais sacerdotes e aos anciãos,” Lc 18:23 “Mas, ouvindo ele estas palavras, ficou muito triste, porque era riquíssimo.”

5 OS ELEMENTOS DO ARREPENDIMENTO UM ELEMENTO DA VONTADE. Há um elemento da vontade que consiste na mudança de propósito. Uma íntima vontade de voltar-se do pecado e uma disposição a buscar o perdão e a pureza. Sl 51:5,7,10 “Eu nasci na iniqüidade, e em pecado me concebeu minha mãe. 7 Purifica-me com hissopo, e ficarei limpo; lava-me, e ficarei mais alvo que a neve. 10 Cria em mim, ó Deus, um coração puro e renova dentro de mim um espírito inabalável.”

6 OS ELEMENTOS DO ARREPENDIMENTO ENVOLVE TODO O SER DA PESSOA. É uma mudança radical que ocorre em todo o ser da pessoa arrependida. Não é apenas uma mudança de mente, mas uma MUDANÇA DE ESTILO DE VIDA. MUDANÇA NA ADORAÇÃO, isto é, dos ídolos para Deus (1Ts 1:9 “pois eles mesmos, no tocante a nós, proclamam que repercussão teve o nosso ingresso no vosso meio, e como, deixando os ídolos, vos convertestes a Deus, para servirdes o Deus vivo e verdadeiro”). DA POTESTADE DE SATANÁS PARA DEUS (At 26:16-18 “Mas levanta-te e firma-te sobre teus pés, porque por isto te apareci, para te constituir ministro e testemunha, tanto das coisas em que me viste como daquelas pelas quais te aparecerei ainda, livrando-te do povo e dos gentios, para os quais eu te envio, para lhes abrires os olhos e os converteres das trevas para a luz e da potestade de Satanás para Deus, a fim de que recebam eles remissão de pecados e herança entre os que são santificados pela fé em mim.” ) MUDANÇA DE GOVERNO / IMPÉRIO, das trevas para o reino do Filho. Cl 1:13 “Ele nos libertou do império das trevas e nos transportou para o reino do Filho do seu amor,”

7 O CONCEITO BÍBLICO DO ARREPENDIMENTO As Escrituras ensinam que o arrependimento é um ato interno e não deve confundir-se com a mudança de vida que flui dele. A confissão de pecados e a reparação dos erros cometidos são frutos do arrependimento. O verdadeiro arrependimento somente existe em conjunto com a fé e jamais separado da mesma. Os dois elementos fazem parte da mesma volta – um regresso do pecado em direção a Deus. São partes do mesmo processo e que se complementam.

8 OS MOTIVOS DO ARREPENDIMENTO A. O PECADOR EXPERIMENTA: A BONDADE DE DEUS (Rm 2:4 “Ou desprezas a riqueza da sua bondade, e tolerância, e longanimidade, ignorando que a bondade de Deus é que te conduz ao arrependimento?”). O AMOR DE DEUS (Jo 3:16 “Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.”). E O ARDENTE DESEJO DE DEUS EM VER OS PECADORES SALVOS (Ez 33:11 “Dize-lhes: Tão certo como eu vivo, diz o Senhor Deus, não tenho prazer na morte do perverso, mas em que o perverso se converta do seu caminho e viva. Convertei- vos, convertei-vos dos vossos maus caminhos; pois por que haveis de morrer, ó casa de Israel?”); 1Tm 2:3,4 “Isto é bom e aceitável diante de Deus, nosso Salvador, o qual deseja que todos os homens sejam salvos e cheguem ao pleno conhecimento da verdade”.

9 OS MOTIVOS DO ARREPENDIMENTO B. O PECADOR EXPERIMENTA : A INEVITÁVEL CONSEQUÊNCIA DO PECADO (Lc 13:1-5 “Naquela mesma ocasião, chegando alguns, falavam a Jesus a respeito dos galileus cujo sangue Pilatos misturara com os sacrifícios que os mesmos realizavam. Ele, porém, lhes disse: Pensais que esses galileus eram mais pecadores do que todos os outros galileus, por terem padecido estas coisas? Não eram, eu vo-lo afirmo; se, porém, não vos arrependerdes, todos igualmente perecereis.Ou cuidais que aqueles dezoito sobre os quais desabou a torre de Siloé e os matou eram mais culpados que todos os outros habitantes de Jerusalém? Não eram, eu vo-lo afirmo; mas, se não vos arrependerdes, todos igualmente perecereis.”); DA DEMANDA UNIVERSAL DO EVANGELHO (At 17:30 “Ora, não levou Deus em conta os tempos da ignorância; agora, porém, notifica aos homens que todos, em toda parte, se arrependam;”); A ESPERANÇA DA VIDA ESPIRITUAL (Jo 3:16 “Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.”); A FILIAÇÃO NO REINO DE DEUS (Gl 4:7 “De sorte que já não és escravo, porém filho; e, sendo filho, também herdeiro por Deus.”).

10 OS MOTIVOS DO ARREPENDIMENTO C. DEUS PODE USAR VÁRIOS FATORES PARA LEVAR OS PECADORES AO ARREPENDIMENTO. Como por exemplo a pregação do Evangelho. “ARREPENDEI-VOS” era a mensagem de João Batista (Mt 3:2 “Arrependei-vos, porque está próximo o reino dos céus.”); de Jesus (Mt 4:17 “Daí por diante, passou Jesus a pregar e a dizer: Arrependei-vos, porque está próximo o reino dos céus.”). E deve ser a nossa também. Outro fator é a influência da igreja na sociedade. Mas Deus pode usar meios como a morte de um parente, uma enfermidade, falta de recursos financeiros para trazer o homem perdido à sua presença.

11 EXEMPLOS DE ARREPENDIMENTO NA BÍBLIA DAVI: Depois de cometer adultério com Bate-Seba, foi repreendido por Natã e se arrependeu do que havia feito (2Sm12). O Salmo 51 foi escrito como uma declaração de confissão e arrependimento do pecado que Davi havia cometido. MANASSÉS: Ele foi talvez o rei mais perverso da nação de Israel, mas em um momento de sua vida ele se arrependeu e se voltou para o Senhor (2Cr 33:1-20). A CIDADE DE NÍNIVE: A cidade inteira se converteu ao Senhor; se arrependeu dos pecados cometidos. Temos que ter em mente que Nínive era a capital da Assíria e os assírios eram perversos. Mas Deus sendo rico em misericórdia aceitou o seu arrependimento (Jn 3:5-8). Isso nos ensina que uma cidade inteira pode se converter e é isso que esperamos de J.Fora e Matias Barbosa.

12 EXEMPLOS DE ARREPENDIMENTO NA BÍBLIA A MULHER SAMARITANA: Ela vivia uma vida de adultério e se transformou em uma mulher que evangelizou uma cidade (Jo 4). PEDRO: Negou Jesus, mas depois do seu arrependimento foi um dos maiores líderes da igreja primitiva. Mt 26:69-75; Jo 21:15-17; At 2:14; 3:12; 8:14. ZAQUEU: Era um publicano ou cobrador de impostos. É possível que tenha vivido uma vida de roubo e “rolo”. Quando teve uma experiência com Jesus, sua vida foi totalmente transformada (Lc 19:1-10).

13 CONCLUSÃO Sua vida também é um exemplo de transformação. Você se arrependeu e agora vive para o Senhor. Seus pecados foram perdoados e você experimentou o poder de Deus na sua vida. Agora o inimigo não pode mais te acusar porque sua posição é de autoridade. Assentado com Cristo nas regiões celestiais.

14 ARREPENDIMENTO FIM


Carregar ppt "IGREJA EM JUIZ DE FORA E MATIAS BARBOSA Março / 2012 ARREPENDIMENTO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google