A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Pressão Arterial Mestrado Integrado em Engenharia Biomédica Teresa CardosoNuno SantosLiliana Valente Ana Carapeto.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Pressão Arterial Mestrado Integrado em Engenharia Biomédica Teresa CardosoNuno SantosLiliana Valente Ana Carapeto."— Transcrição da apresentação:

1 Pressão Arterial Mestrado Integrado em Engenharia Biomédica Teresa CardosoNuno SantosLiliana Valente Ana Carapeto

2 Objectivo Construir um protótipo capaz de registar as pressões sistólica e diastólica por esfigmomanometria. Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais

3 Pressão Sanguínea É a força exercida pelo sangue contra a superfície interna dos vasos sanguíneos. É originada pelo batimento cardíaco. É um dos principais parâmetros fisiológicos analisados em termos médicos. Valores de pressão mais elevados nas artérias do que nas veias. Valores de pressão nas arteríolas inferiores aos das artérias e superiores aos das veias. Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais

4 Ciclo Cardíaco Pressão arterial sistólica – pressão máxima, quando o coração bombeia o sangue, ronda os 120mmHg. Pressão arterial diastólica – pressão mínima, alcançada antes de cada bombeamento de sangue para a artéria aorta, perto de 80mmHg. Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais

5 Métodos de Medição da Pressão Arterial Modo invasivo Introdução de uma agulha na artéria ligada a um transdutor de pressão electrónico Modo não invasivo Métodos auscultatórios – uso de um estetoscópio e de um esfigmomanómetro Métodos oscilométricos – idênticos aos auscultatórios, mas em vez de um estetoscópio, utiliza-se um sensor de pressão electrónico Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais

6 Cuidados a ter na medição Evitar um enchimento excessivo, ou um esvaziamento rápido da bolsa de ar. O doente deve permanecer em repouso durante 5 a 10 minutos antes da medição. O doente não deve realizar nenhuma actividade física nos 30 minutos precedentes à medição. Durante a medição o doente deverá estar sentado com o tronco encostado e relaxado com o braço ao nível do coração, com a palma da mão virada para cima e o cotovelo ligeiramente flectido. Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais

7 Método auscultatório Método utilizado actualmente nos consultórios médicos. Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais

8 Sons de Korotkoff K1 – som súbito, bem definido. Define-se a partir deste a pressão sistólica. K5 – desaparecimento completo dos sons. Define-se a partir deste a pressão diastólica. Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais

9 Métodos de Calibração Manómetros de mercúrio Desnecessária Transdutores de pressão Calibração periódica imprescindível para manter a exactidão, podendo ser feita de duas formas: Estática Dinâmica Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais

10 Calibração estática São utilizadas balanças de pressão para produzir uma pressão de referência. Tem a vantagem de se obterem as pressões de referência com exactidão – incerteza menor do que 0,05%. Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais

11 Calibração Dinâmica Cria-se uma ligação entre o manómetro, o transdutor de pressão e a braçadeira. Coloca-se a braçadeira numa pressão estável e depois de captar a tensão produzida no transdutor, relacionam-se os valores de pressão e tensão. Adquirem-se pares de valores e traça-se uma recta de calibração. Assim, qualquer valor medido no transdutor poderá ser convertido em pressão. Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais

12 Construção do protótipo Material não electrónico necessário Braçadeira com bomba de borracha e válvula Coluna de mercúrio Tubos de borracha Material electrónico necessário Transdutor de pressão Breadboard Amplificador de instrumentação (AI) Placa de aquisição de sinal Computador com MATLAB Fonte de alimentação Fios de cobre para ligar os vários elementos Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais

13 Montagem electrónica Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais

14 Montagem Electrónica Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais

15 Funcionamento do programa Inicialização das variáveis Calibração SimNão Efectua-se o processo de calibração O programa prossegue Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais

16 Encher a bolsa de ar até aos 150mmHg Abrir a válvula da braçadeira Aquisição do Sinal Apresentação das pressões pretendidas Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais

17 Calibração Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais Manómetro + Transdutor Manómetro + Transdutor + Estetoscópio Informações visuais Informações auditivas

18 Aquisição de Sinal Tratamento inicial do sinal Eliminação de amostras 3 Abordagens possíveis Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais Módulo da diferença entre sinal e polinómio Análise das amplitudes Análise dos picos Máximo de cada 25 amostras Módulo da diferença entre o sinal e o polinómio Máximo de cada 1000 amostras

19 Resultados Obtidos Sinal Adquirido Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais Válvula a ser aberta Transdutor em pressões baixas

20 Resultados Obtidos Sinal obtido após a eliminação de alguns pontos e ajuste polinomial de 4º grau Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais

21 Tratamento de Resultados Gráfico a partir do qual se obtêm os valores das pressões Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais

22 Output Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais A pressão sistólica é: 110 A pressão diastólica é: 70 E pelo método auscultatório…

23 Discussão Formas de optimizar a fase de calibração Múltiplas calibrações Utilização de bombas sem fugas Rectas de calibração de graus superiores, se necessário Confirmação pelo método tradicional auscultatório Principais causas dos desvios identificados Ambiente ruidoso Imprecisões no programa desenvolvido Vantagens do método escolhido Simplicidade Resultados bastante razoáveis Desvantagens do método escolhido Baseado em diversas aproximações Existem métodos mais exactos Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais

24 Conclusões Objectivo atingido Protótipo pode ser aplicado a qualquer pessoa Alguns cuidados a ter… Variabilidade a nível de comportamento da pressão arterial de pessoa para pessoa Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais

25 Referências Blood Pressure. (10 de Dezembro de 2007). Obtido em 13 de Dezembro de 2007, de Wikipedia: Pressão Arterial. (28 de Abril de 2007). Obtido em 13 de Dezembro de 2007, de Wikipedia: Pressão sangüínea. (12 de Dezembro de 2007). Obtido em 13 de Dezembro de 2007, de Wikipedia: Rocha, S. (2005). Sistema Circulatório. Obtido em 13 de Dezembro de 2007, de Bertolo, P. (2005). PRESSÃO SANGÜÍNEA. Obtido em 13 de Dezembro de 2007, de Site Prof. Bertolo: Jesus, P. C., & Jesus, C. A. (22 de Fevereiro de 2002). NIPE - Glossário de termos médicos. Obtido em 13 de Dezembro de 2007, de Núcleo Integrado de Pesquisa em Esfigmomanometria (NIPE): Pfarm Online Store :: Medidor de Tensão :: OMRON M6 Confort. (13 de Julho de 2007). Obtido em 15 de Dezembro de 2007, de Pfarm Loja Online: online.com.pt/product_info.php?products_id=70 White Coat Hypertension. (4 de Dezembro de 2007). Obtido em 15 de Dezembro de 2007, de Wikipedia: (s.d.). Obtido em 15 de Dezembro de 2007, de bin/PRG_0599.EXE/5851_2.PDF?NrOcoSis=15987&CdLinPrg=pt Mion Jr., D., Pierin, A., Krasilcic, S., Matavelli, L. C., & Santello, J. L. (1996). THE DIAGNOSIS OF HYPERTENSION. Simpósio: HIPERTENSÃO ARTERIAL, II, pp São Paulo. Pierin, A. M., & Mion Jr., D. (2000). Como avaliar a calibração dos aparelhos de medida da pressão arterial. Rev Bras Hipertens, 7(4), Pressão Arterial - Instrumentação e Aquisição de Sinais


Carregar ppt "Pressão Arterial Mestrado Integrado em Engenharia Biomédica Teresa CardosoNuno SantosLiliana Valente Ana Carapeto."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google