A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

APRESENTAÇÃO Evento I Encontro Profissional de Negócios Contábeis I Expo de Oportunidades de Negócios Contábeis Tema Análise Crítica da Convergência Internacional.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "APRESENTAÇÃO Evento I Encontro Profissional de Negócios Contábeis I Expo de Oportunidades de Negócios Contábeis Tema Análise Crítica da Convergência Internacional."— Transcrição da apresentação:

1

2 APRESENTAÇÃO Evento I Encontro Profissional de Negócios Contábeis I Expo de Oportunidades de Negócios Contábeis Tema Análise Crítica da Convergência Internacional – O Novo Perfil da Contabilidade e do Contabilista. Data 13 a 15 de maio de 2010 Local Hotel InterContinental – São Conrado – Rio de Janeiro Público estimado 500 participantes. Atividades Palestras e Expo.

3 Este é o primeiro evento nacional de negócios voltado para o profissional contabilista com o objetivo de desenvolvimento e aperfeiçoamento profissional. Os maiores especialistas do mercado estarão reunidos durante três dias para tratarem de temas de real interesse profissional, atualizados com o mercado. O encontro acontece no momento mais oportuno, quando a Contabilidade sofre grandes transformações e desafios em função da convergência da Contabilidade brasileira com a Contabilidade internacional iniciada com a Lei Uma grande chance de ver de perto os resultados destas mudanças e poder fazer análises críticas juntamente com quem mais entende do assunto. Paralelamente a todos os debates os participantes terão acesso a uma grande feira de negócios onde poderão fazer contatos, buscar novas oportunidades profissionais, conhecer cursos de pós-graduação e especialização, bem como buscar o melhor software para seu escritório, ou seja, um verdadeiro ambiente de networking da Contabilidade. Tudo isto em uma das mais bonitas cidades do Brasil, o Rio de Janeiro. Uma oportunidade ú nica para se destacar em um mercado cada vez mais competitivo ao lado de grandes empresas e profissionais renomados.

4 EDUCAÇÃO CONTINUADA

5 Educação Profissional Continuada é a atividade programada, formal e reconhecida que o contador, na função de Auditor Independente, com registro em Conselho Regional de Contabilidade, inscrito no Cadastro Nacional de Auditores Independentes (CNAI), e aquele com cadastro na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), aqui denominado Auditor Independente, e os demais contadores que compõem o seu quadro funcional técnico devem cumprir, com o objetivo de manter, atualizar e expandir seus conhecimentos para o exercício profissional. O Auditor Independente pessoa física e os sócios que representam sociedade de auditoria independente na CVM, nos termos do inciso IX do art. 6º da Instrução CVM nº 308/99, são os responsáveis perante o Conselho Federal de Contabilidade pelo cumprimento da presente norma, pelos demais contadores não-cadastrados na CVM, que compõem o seu quadro funcional técnico. Esta Norma tem por objetivo regulamentar as atividades que o Auditor Independente e os demais contadores que compõem o seu quadro funcional técnico devem cumprir com relação às exigências da Educação Profissional Continuada e às ações que o Conselho Federal de Contabilidade promove para facilitar, controlar e fiscalizar o seu cumprimento.

6 PROGRAMA

7 13/05/ quinta feira 15h00 – Credenciamento com welcome coffee 17h00 – Abertura do Evento Juarez Domingues Carneiro (Presidente do CFC) Diva Maria de Oliveira Gesualdi (Presidente do CRC/RJ) 17h45 – A Responsabilidade Civil e Criminal do Exercício da Profissão Dr. Sérgio Cavalieri (Desembargador do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro) 19h00 – Empreendedorismo: Diferencial Competitivo para o Desenvolvimento Profissional Cláudio Nasajon (Empresário) 20h00 - Rodada de Negócios na área Expo

8 14/05/ sexta feira 09h00 – Rodada de Negócios na área Expo 09h30 - Globalização da Economia com base no IFRS Palestrante: Mauro Osório da Silva Moderador: Jorge Ribeiro dos Passos Rosa (Diretor Presidente do IBRACON – Regional – RJ). 10h45 - Análise das regulamentações da CVM - pontos positivos e negativos José Carlos Bezerra da Silva (Gerente de Normas Contábeis da CVM) e Osiane do Nascimento Arieira (Membro do Comitê de Pronunciamentos Contábeis) Moderador: Hugo Rocha Braga (Consultor) 12h45 – Intervalo para Almoço

9 Continuação – 14/05/ h00 - Estudo de Casos do fechamento contábil 2009 Marcelo Cavalcanti Almeida (Sócio da Deloitte Touche Tohmatsu) e Marcus Vinicius Dias Severini (Diretor de Controladoria da Vale) Moderador: Antonio Ranha (Contador) 16h00 – Rodada de Negócios na área Expo 16h30 – Mudanças e Novos Cenários: Desafios e Perspectivas para a Profissão Contábil José Carlos Fortes (Diretor Presidente do Grupo Fortes) Moderadora: Vitória Maria da Silva (Vice-presidente do CRCRJ e Presidente do SindiCont-Rio) 17h30 – Mercado de Capitais perante as mudanças na Contabilidade Haroldo Reginaldo Levy Neto (Vice-coordenador de Relações Institucionais do CPC) Moderador: Guilherme Tostes (Vice-Presidente da FENACON para a Região Sudeste) 19h00 – Encerramento

10 15/05/2010 – sábado 09h00 – Aspectos fiscais decorrentes das alterações promovidas na Lei das S/A Ricardo de Souza Moreira (Auditor-Fiscal e Coordenador Operacional da Coordenação Geral de Fiscalização da RFB) e Pedro Onofre Fernandes (Auditor-Fiscal e Supervisor Técnico do Projeto Central de Balanços/SPED) Moderador: Gil Marques Mendes (Auditor) 10h30 – Rodada de Negócios na área Expo 11h00 – As Mudanças na Contabilidade do Setor Público Lino Martins da Silva (Controlador Geral do Município do Rio de Janeiro de 2001 a 2008 e Professor da UERJ) Moderador: Francisco José dos Santos (Vice-presidente de Pesquisa e Desenvolvimento Profissional do CRCRJ) 12h00 – A Influência das Mudanças da Contabilidade na Política Econômica Nacional. Palestrante: Henrique Meirelles (Presidente do Banco Central) 13h00 – Encerramento

11 PALESTRANTES CONFIRMADOS

12 Henrique de Campos Meirelles – confirmado, mas sujeito a alterações pelo Banco Central Economista e executivo do setor financeiro brasileiro e internacional, presidente do Banco Central do Brasil desde janeiro de 2003 (início do governo do presidente Luís Inácio Lula da Silva). Conforme a lista de presidentes do Banco Central do Brasil, foi quem por mais tempo ocupou a presidência desta instituição.brasileiroBanco Central do Brasil2003presidenteLuís Inácio Lula da Silva lista de presidentes do Banco Central do Brasil O seu sucesso eleitoral e o apoio do mercado financeiro internacional fizeram com que fosse indicado pelo presidente Lula para ocupar o cargo de presidente do Banco Central do Brasil.presidente LulaBanco Central do Brasil Iniciou sua gestão de presidente do Banco Central em um momento de crise econômica com o câmbio do dólar em valores próximos a R$ 4,00, taxa de juros Selic de 25% ao ano, inflação prevista para acima de 11% em 2003 e valores mensais de inflação equivalente a 30% ao ano. Em conjunto com o ministro da Fazenda, Antonio Palocci, o Banco Central do Brasil adotou políticas econômicas severas mantendo as taxas de juros Selic altas e até aumentando-as em 26,5% no primeiro semestre de A partir de então, a taxa de juros Selic foi progressivamente reduzida, embora de modo considerado muito lento pelos críticos da política econômica do Banco Central do Brasil.Banco Central ministro da FazendaAntonio PalocciBanco Central do Brasil

13 Antonio Ranha Mestre em Economia Empresarial pela Universidade Cândido Mendes - RJ, bacharel em Ciências Contábeis pela Universidade Gama Filho RJ. Foi auditor da KPMG Auditores no período de 1988 a 2001, onde atuou como responsável pelas atividades de auditoria nas áreas de Navegação Marítima, Terminais Portuários e Fundos de Investimento em nível Nacional e de Instituições Financeiras a nível do escritório do Rio de Janeiro, foi principal executivo financeiro da ALTM S.A., no período de 2001 a 2002 e desde 2003 tem se dedicado na prestação de serviços de auditoria e consultoria em médias e grandes empresas dos seguimentos Financeiros, Comércio e Indústria, Prestação de serviços e Terminais portuários. É o C.E.O da Humaitá Auditores Independentes. Membro do Instituto dos Auditores Independentes do Brasil - IBRACON e representante adjunto do Brasil junto ao IFAC, no Comitê de pequenas e médias empresas de auditoria. É membro efetivo do conselho fiscal da GPC Participações S.A. desde o exercício de 2001 e da Refinaria de Petróleos de Manguinhos S.A.(1999, 2000, 2008 e 2009). Possui Certificado Nacional de Auditor Independente - CNAI, para atuar em auditorias de Companhias de Capital Aberto (CVM) e Instituições Financeiras (BACEN). É professor da FGV e diversas outras instituições de ensino em cursos de MBAs, pós-graduação e de educação profissional continuada ligados às áreas de auditoria, contabilidade, controladoria e tributos. Integrante da equipe de Autores do Livro Auditoria das Demonstrações Contábeis da série Gestão Financeira, Controladoria e Auditoria do FGV Management, FGV Editora, 2007.

14 Claudio Nasajon Especialista em Estratégia e Inovação de Negócios pela Wharton School of Business da Universidade da Pensilvânia, Master em Marketing e professor de Planejamento de Negócios da PUC-Rio. Também é empresário de sucesso na área de informática. Sua empresa, a Nasajon Sistemas, está entre as 200 maiores empresas de TI do Brasil. É autor dos livros Venda-se, Planeje-se e Reinvente-se e coautor do livro Administração Empreendedora. Diva Gesualdi Formada em filosofia, ciências contábeis e administração, com pós graduação em Gestão Financeira e Contabilidade Gerencial, Diva é a atual Presidente do Conselho Regional de Contabilidade do Rio de Janeiro, com posse em Em outras atuações em entidades de classe, foi Vice Presidente de Pesquisa e Desenvolvimento Profissional do CRC/RJ, no período de 2007 a 2009, Vice Presidente de Administração e Finanças do CRC RJ, nos mandatos de 1994 a 1997 e de 1998 a 2003 e Membro do Conselho Consultivo da Academia de Ciências Contábeis do Estado do Rio de Janeiro com mandato de 2006 a Diva Gesuladi também é professora da UniverCidade e da Faculdade Moraes Junior Mackenzie Rio, além de professora no MBA de Perícia Contábil da Universidade Candido Mendes a partir de 2002.

15 Francisco Jose dos Santos Alves Possui graduação em Ciências Contábeis pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1987), mestrado em Ciências Contábeis pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1998) e doutorado em Controladoria e Contabilidade pela Universidade de São Paulo (2005). Atualmente é Contador da Controladoria da Controladoria Geral do Município, Professor Adjunto da Universidade Estácio de Sá, Membro de corpo editorial da Pensar Contábil, professor visitante da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Professor Assistente da Universidade Presbiteriana Mackenzie, Revisor de periódico da Revista Contabilidade & Financas e Revisor de periódico da Contabilidade Vista & Revista. Atuando principalmente nos seguintes temas: Contabilidade, Ética profissional, Tomada de decisão, Código de ética. Gil Marques Mendes Graduado em Ciências Contábeis pela Federação das Faculdades Celso Lisboa, pós-graduado em Controladoria, pós-graduado em Gerência Financeira, pós-graduado em Didática do ensino Superior. Ministrou palestras sobre Código Civil, Auditoria Contábil e Fiscal, Abertura e Alteração de Empresas, Imposto de Renda Pessoa Física e Jurídica, Normas Internacionais de Contabilidade (IFRS). Experiência Profissional de 32 anos em Auditoria Externa e Interna, trabalhando com clientes de grande porte no âmbito nacional e internacional no segmento industrial, comercial e prestação de serviço, Fundações, ONG´s e Setor Público. É sócio-Administrador da empresa GWM Auditores e Consultores, desde 1986.

16 Guilherme Tostes Formado em Administração de Empresas pela PUC-RJ e Ciências Contábeis pela Universidade Cândido Mendes. Sócio da OCAM – Organização Contábil Adelino Motta, empresa de contabilidade com sede no Rio de Janeiro e com mais de 90 anos de atividade. Acumulou experiências em Consultorias para diversas empresas e em palestras para empresários do Projeto Gênesis do SEBRAE-RJ, para o GPP – Grupo de Prevenção a Perdas no Mercado da USP – Universidade de São Paulo, para o ILAQ – Instituto Latino Americano da Qualidade e para a Federação Nacional de Combustíveis - FECOMBUSTÍVEIS. Conselheiro do Conselho Regional de Contabilidade do Rio de Janeiro ( ), Presidente do SESCON – RJ ( ). Membro da Câmara de Comércio Americana, da Comissão Permanente da Micro e Pequena Empresa da Associação Comercial do Rio de Janeiro, Vice Presidente para Região Sudeste da FENACON –Federação Nacional das Empresas de Serviços Contábeis Assessoramento Pesquisas Perícias e Informações) e Presidente da INAA – International Network of Accountants and Auditors. Haroldo Reginaldo Levy Neto Economista, atuando como Profissional de Investimentos há quase 30 anos no mercado de capitais, Haroldo Levy é Conselheiro Fiscal suplente da Financeira Alfa S.A. e vice-coordenador de Relações Institucionais do CPC – Comitê de Pronunciamentos Contábeis, além de Membro do Conselho Consultivo da APIMEC SP, Membro da Comissão Consultiva de Normas Contábeis da CVM e Membro da delegação brasileira no Intergovernmental Working Group of Experts on International Standards of Accounting and Reporting (ISAR – UNCTAD) por vários anos. Ele é idealizador e Coordenador do CODIM – Comitê de Orientação para a Divulgação de Informações ao Mercado e recebeu os seguintes Prêmios: Analista de Valores Mobiliários da APIMEC NACIONAL de 2001 e da APIMEC SP de 1996.

17 Jorge Ribeiro dos Passos Rosa Contador, Administrador, possuindo Pós-Graduação em Didática de Ensino Superior e Livre-Docência em Contabilidade Financeira – Universidade Gama Filho. É professor (convidado) dos Cursos de MBA das Áreas de Contabilidade e Administração da Universidade Gama Filho; dos Cursos de MBA da Fundação Getúlio Vargas; UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro – MBAS de Gestão Empresarial e de Finanças (INDEC); UFF – Universidade Federal Fluminense – MBA de Controladoria e Finanças. É Conselheiro do Conselho Regional de Contabilidade do Estado do Rio de Janeiro. É Diretor Presidente do IBRACON – Regional – RJ. É Professor Adjunto I da Escola de Ciências Humanas e Sociais de Volta Redonda – ECHSVR. Possui cerca de 40 anos de experiência nas Áreas de Controladoria, Auditoria, Impostos, Consultoria e Finanças. José Carlos Bezerra Formado em Ciências Contábeis pela Moraes Júnior em Ingressou na Comissão de Valores Mobiliários – CVM em 1994, investido no cargo de Gerente de Normas Contábeis desde Bezerra é um dos representantes da CVM no Comitê de Pronunciamentos Contábeis. Representante da CVM no Grupos de Especialistas Contábeis do Instituto Iberoamericando de Mercado de Valores. Professor do curso de graduação da PUC-RIO. Professor do curso de Pós-Graduação da Moraes Júnior- Mackenzie Rio, Professor do curso de Pós Graduação da FAC-UFRJ.

18 José Carlos Fortes Advogado, Contador e Matemático. Pós-Graduação em Direito Empresarial (PUC-SP), em Administração Financeira e em Matemática Aplicada (UNIFOR). Mestre em Administração de Empresas (UECE). Professor Titular do Curso de Direito da UNIFOR-Universidade de Fortaleza (Disciplinas de Direito Empresarial, Direito Tributário e Direito Civil) e Professor do Curso de Ciências Contábeis da UECE-Universidade Estadual do Ceará. Membro da Comissão de Sociedade de Advogados da Ordem dos Advogados do Brasil - OAB-CE (2007 a 2009). Vice-Presidente de Fiscalização do Conselho Regional de Contabilidade do Estado do Ceará - CRC-CE ( ). Presidente do Instituto dos Auditores Independentes do Brasil -IBRACON - 1a.SR ( ). Membro ad immortatitatem da Academia de Ciências Contábeis do Estado do Ceará. Autor de livros nas áreas jurídica, contábil e matemática financeira. Palestrante. Perito Contábil e em Cálculos Financeiros e Auditor Independente. Diretor do CIC - Centro Industrial do Ceará ( ). Presidente do Grupo Fortes de Serviços (Informática, Contabilidade, Advocacia, Avaliação e Gestão Patrimonial, Consultoria Tributária, Treinamentos e Editora). Juarez Domingues Carneiro Graduado em Administração e Gerência pela Universidade do Estado de Santa Catarina, em Ciências Contábeis pela Universidade Federal de Santa Catarina (1983) e em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (1990), especialização em Organização Sistemas e Métodos pela Universidade Federal de Santa Catarina (1988), especialização em Quality Schools Leadership Training Program pela Pennsylvania State University (1997) e mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina (2001). É o atual presidente do Conselho Federal de Contabilidade.

19 Lino Martins da Silva Possui graduação em Contabilidade pela Faculdade de Ciências Contábeis e Administrativas Moraes Junior (1967) e Direito pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1984). É Professor Associado da Universidade do Estado do Rio de Janeiro desde 1971 (aposentado) onde lecionou as disciplinas: Custos, Contabilidade Pública e Análise das Demonstrações Financeiras. Coordenador Adjunto do Curso de Mestrado em Contabilidade onde leciona as disciplinas: Finanças Públicas e Planejamento Tributário. Já orientou 27 dissertações e teve diversos artigos publicados em jornais e revistas. É membro do Grupo Assessor para as Normas de Contabilidade Pública e do Grupo Gestor da Convergência do Conselho Federal de Contabilidade. É autor do livro Contabilidade Governamental um enfoque administrativo da nova Contabilidade Pública, na 8ª. Edição editado pela Editora Atlas. Tem experiência na área de Administração, com ênfase em Controladoria Pública tendo atuado como Consultor do PNUD para definição das premissas básicas do sistema de Custos do Banco Central do Brasil e da KPMG Auditores Independentes. Foi responsável pela implantação da Controladoria Geral do Município do Rio de Janeiro. Foi Inspetor Geral de Finanças da Secretaria Estadual de Fazenda no período de 1975 a 1979 sendo responsável pela fusão da Contabilidade dos antigos Estados da Guanabara e Estado do Rio de Janeiro e simultaneamente pela cisão da parte que constituiu o atual Município do Rio de Janeiro. Seus estudos envolvem linha de pesquisa na área de Controle no Setor Público envolvendo a Contabilidade, Auditoria e Análise e Controle de Custos. Atualmente vem atuando na implantação do projeto denominado Observatório de Controles com o objetivo de auxiliar as Prefeituras do Estado do Rio de Janeiro na melhoria dos processos de evidenciação e transparência.

20 Marcelo Cavalcanti Almeida Formado em Ciências Contábeis pela UERJ em 1976, tendo recebido prêmio de pesquisa contábil do Conselho Federal de Contabilidade e homenageado em várias turmas de formandos em Ciências Contábeis de diversas Universidades no Brasil. Ingressou na Deloitte Touche Tohmatsu em 1973, tendo sido promovido a Sócio em Foi chefe da empresa dos escritórios de Salvador e do Rio de Janeiro. Tem experiência diversificada de 36 anos em auditoria contábil, operacional e analítica, tendo participado da equipe internacional de controle de qualidade de serviços de auditoria de nossa Firma e servido grandes grupos nacionais e internacionais. Professor do Curso de Mestrado em Ciências Contábeis da FGV e do Curso de Graduação em Ciências Contábeis da UERJ. Escritor da Editora Atlas, com diversos livros publicados. Marcus Vinicius Dias Severini Nascido em 02/10/57, Marcus Severini é graduado em Ciências Contábeis e em Engenharia Elétrica, com Pós-Graduação em Engenharia Econômica. Severini é Diretor do Departamento de Controladoria da Vale, onde ingressou em outubro de De dezembro de 1981 até 1994, ocupou diversos postos na Arthur Andersen S/C tendo se desligado quando ocupava o cargo de Gerente de Auditoria e Consultoria Contábil. Ocupou também posto como membro efetivo ou suplente no Conselho Fiscal de várias empresas (CAEMI, CST, USIMINAS, FERROBAN, FCA e FOSFERTIL) e é presidente do Conselho Deliberativo da Fundação Vale de Seguridade Social – VALIA.

21 Osiane do Nascimento Arieira Especializada em Contabilidade Financeira e Controle Econômico-Financeiro, atuando na elaboração de Normas Contábeis para o Mercado de Seguros e também em funções acadêmicas na área de Contabilidade de Geral, Contabilidade de Seguros e Análise Econômico-Financeira. Participa do Comitê de Pronunciamentos Contábeis. Pedro Onofre Contador, administrador, Mestre em Administração Contábil-Financeira e Pós-Graduado em Administração Pública. Pedro Onofre é Auditor-Fiscal da Receita Federal do Brasil, além de Supervisor Técnico Projeto Central de Balanços/Sistema Público de Escrituração Digital-SPED. Ele também é Membro Grupo de Trabalho instituído para analisar os efeitos tributários provocados pela Lei n° /07, e elaborar minutas de atos legais necessários à adequação da legislação tributária vigente; e Supervisor Grupo de Trabalho instituído para elaborar estudos dos impactos tributários decorrentes das alterações promovidas na Lei nº 6.404/76 pela Lei nº /07, pela Lei nº /09 e pelos pronunciamentos aprovados pelo Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC).

22 Mauro Osorio da Silva Economista, formado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Doutor em Planejamento Urbano e Regional, pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional da UFRJ. Professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro e Professor da Pós-Graduação lato sensu da Fundação Getúlio Vargas e da Universidade Estácio de Sá. Professor do Programa de Mestrado em Direito, na Universidade Federal do Rio de Janeiro, ministrando a disciplina Instituições e Desenvolvimento Regional. Consultor da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão, visando auxiliar a implantação do Planejamento Estratégico no período (desde 2009). Consultor da FECOMÉRCIO-RJ e coordenador do Projeto Rio 2026 (2007). Consultor na área de desenvolvimento regional da Prefeitura do Rio de Janeiro, da Prefeitura de Duque de Caxias, do SEBRAE-RIO, entre outras instituições. Membro do Conselho de Desenvolvimento Econômico-Social da Associação Comercial do Rio de Janeiro – ACRJ.

23 Ricardo de Souza Moreira Ricardo de Souza Moreira é Auditor-Fiscal da Receita Federal do Brasil. Graduado em Ciências Contábeis, ele também é Coordenador Operacional da Coordenação-Geral de Fiscalização. Na área de educação, Ricardo Moreira é instrutor da Escola Superior de Administração Fazendária (ESAF), nas matérias de Prática Fiscal, IRPJ, Auditoria Fiscal e Planejamento de Fiscalização, além de Monitor do Centro Interamericano de Administração Tributária (Ciat) no Curso sobre controle de instituições e operações financeiras. Atua ainda como supervisor do projeto: Sistema Público de Escrituração Digital (Sped), nos módulos de Escrituração Contábil e Escrituração Fiscal das Instituições Financeiras. É integrante da rede Eurosocial de Fiscalização, com sede na Espanha, na condição de especialista da Receita Federal no combate à Lavagem de Dinheiro e representante da RFB perante o Comitê de Pronunciamentos Contábeis. No ano de 2003 foi ganhador do "Prêmio de Criatividade e Inovação Auditor-Fiscal da Receita Federal José Antonio Schöntag (2º Prêmio Schöntag 2003)", tendo se classificado em 1º lugar com a monografia “A Representação Fiscal para Fins Penais como Instrumento na Promoção da Justiça Fiscal e Social dos Tributos”. Dr. Sérgio Cavallieri - Desembargador Possui graduação em Direito pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1967), especialização em Direito pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1969) e doutorado em Direito pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1969). Atualmente é Docente da Universidade Estácio de Sá e Desembargador da Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro.

24 Vitoria Maria da Silva Contadora formada em Ciências Contábeis pela UNISUAM e em Serviço Social pela Universidade do Rio de Janeiro. É Conselheira do CRCRJ desde 1998, tendo exercido a Presidência da Câmara de Fiscalização no período de 1998 a 2003 e atualmente é a Vice-presidente. Presidente do SindiCont-Rio, desde abril de 2006, sendo a primeira mulher eleita no cargo. Ocupou sempre cargos com o maior entusiasmo e determinação nos órgãos contábeis, tornando-se a 1ª mulher contadora eleita presidenta do Sindicont-Rio, nos 93 anos de existência da entidade. Tomou posse em abril de 2006 e continua como Conselheira do CRC-RJ.

25 I EXPO DE OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS CONTÁBEIS ESTANDES DE PATROCÍNIO E APOIO APOIO EXECUTIVO – CYBER CAFÉ – Estande de 15m2. PATROCÍNIO DIAMANTE – Estande de 18m2. PATROCÍNIO OURO (2) – Estande de 15m2. PATROCÍNIO PRATA (2) – Estande de 12m2. APOIO (4) – Estande de 10m2. EXPOSIÇÃO – MONTAGEM BÁSICA 03 ESTANDES DE 12 m2 06 ESTANDES DE 6m2 03 ESTANDES DE 9m2

26

27 PATROCÍNIO OURO – R$ ,00 (01 cota disponível apenas) Estande Ouro, em frente à entrada do Auditório, com 15m2 (montagem básica). Inserção de sua logomarca em toda a sinalização do evento – totens de sinalização e fundo de palco. Inserção de material impresso na pasta do evento. Inserção de sua logomarca em todo material gráfico do evento: materiais de divulgação, programas, folhetos, cartazes, bloco. Direito a três credenciais para convidados/ clientes. Inserção de logomarca no hotsite do evento. Mídia publicitária durante os intervalos (máximo 03 minutos). Inserção de logomarca em 02 anúncios coloridos a serem veiculados no Jornal do Commércio. Inserção de logomarca nas edições do Jornal Online do evento, a ser enviado por para diversos bancos de dados, atingindo, aproximadamente, 30 mil profissionais. Total de 12 edições. Mailing de participantes após o evento.

28

29 PATROCÍNIO PRATA – R$ ,00 – 02 COTAS (01 cota disponível apenas) Estande Prata, na área da Expo, com 12m2 (montagem básica). Inserção de sua logomarca em toda a sinalização do evento – totens de sinalização. Inserção de material impresso na pasta do evento. Inserção de sua logomarca em todo material gráfico do evento: materiais de divulgação, programas, folhetos, cartazes, bloco. Direito a duas credenciais para convidados/ clientes. Inserção de logomarca no hotsite do evento. Inserção de logomarca em 02 anúncios coloridos a serem veiculados no Jornal do Commércio.

30

31 APOIO – R$ ,00 – 04 COTAS (01 cota disponível apenas) Estande Apoio, na área da Expo, com 10m2 (montagem básica). Inserção de material impresso na pasta do evento. Inserção de sua logomarca em todo material gráfico do evento: materiais de divulgação, programas, folhetos, cartazes, bloco. Direito a uma credencial para convidado/ cliente. Inserção de logomarca no hotsite do evento.

32

33 ESTANDES DE EXPOSIÇÃO ESTANDES DE 6m unidades ** 01 unidade vendida Montagem básica com: painel com aplicação de imagem, carpete, totem com bancada e logomarca, 01 armário para guardar e apoiar materiais, mesa alta com 04 banquetas e jardim conforme projeto. Valor: R$ 3.800,00

34

35 ITENS EXTRAS A SEREM PATROCINADOS WELCOME COFFEE (CREDENCIAMENTO) Serviço de 01 hora para 500 participantes: 02 itens salgados, 02 itens doces, café, chá, leite, água e suco. Custo total da cota: R$ 7.000,00 Benefícios: 01 banner exclusivo do welcome coffee com logomarca da empresa/ Produção de 03 aventais para os garçons com logomarca da empresa/ logomarca da empresa no site do evento/ logomarca no programa oficial do evento.

36 ITENS EXTRAS A SEREM PATROCINADOS COFFEE BREAK – 03 cotas 03 serviços de 30 minutos para 600 participantes, cada. Custo total de cada cota: R$ 8.000,00 Benefícios: 01 banner exclusivo do coffee break com logomarca da empresa/ Produção de 05 aventais para os garçons com logomarca da empresa/ logomarca da empresa no site do evento/ logomarca no programa oficial do evento.

37 ITENS EXTRAS A SEREM PATROCINADOS CANETAS ** VENDIDO Canetas do evento com logomarca da empresa patrocinadora, juntamente com a logo do evento. Quantidade: unidades. Inclusão da logomarca da empresa no programa oficial do evento. Custo total da cota: R$ 2.500,00

38 ITENS EXTRAS A SEREM PATROCINADOS CRACHÁS ** VENDIDO Crachá em plástico pvc com cordão personalizado. Impressão da logomarca da empresa nos cordões e também no layout do crachá, próximo ao espaço para a etiqueta com o nome do participante. Quantidade: unidades. Inclusão da logomarca da empresa no programa oficial do evento. Custo total da cota: R$ 3.900,00 PASTAS Pasta do evento com logomarca da empresa patrocinadora, juntamente com a logo do evento. Quantidade: 500 unidades. Inclusão da logomarca da empresa no site e no programa oficial do evento. Custo total da cota: R$ 3.000,00

39 PARCEIROS

40 Patrocínio Ouro Nasajon Sistemas A Nasajon Sistemas, empresa que desenvolve e comercializa software de gestão para organizações de pequeno e médio porte, está no mercado há 27 anos. Entre os principais produtos estão sistemas integrados de contabilidade, folha de pagamento e escrita fiscal, totalmente atualizados com a legislação, especialmente com o SPED e a Nota Fiscal Eletrônica. A empresa atua em nível nacional e, no seu segmento, situa-se entre as 10 melhores do mercado de software (Série Estudos), além de ter sido a primeira a conquistar a certificação ISO 9001 para "comercialização, produção, suporte técnico e manutenção de sistemas de gestão empresarial”. Patrocínio Prata Nasajon Sistemas Riocard Apoio Domínio Sistemas A Domínio Sistemas é uma empresa que atua há 11 anos no desenvolvimento de softwares para empresas de contabilidade. Com filiais nas principais capitais brasileiras e revendas em todas as regiões do país, a Domínio Sistemas dispõe de uma completa estrutura física e profissional, levando aos seus mais de clientes um atendimento ágil e eficiente. Sempre focada na qualidade de seus produtos, a Domínio Sistemas investe continuamente em novas tecnologias, garantindo soluções sempre modernas, atualizadas e fáceis de usar. Domínio Sistemas

41 Apoio Fortes Informática e OCF Informática A Fortes Informática é uma empresa pertencente ao Grupo Fortes de Serviços, que atua há mais de 20 anos na área de tecnologia da informação, desenvolvendo soluções em software nas áreas contábil, administrativo-financeira, gestão empresarial e recursos humanos. Presente em vários estados do país, no Rio de Janeiro, os softwares Fortes são comercializados pela OCF Informática, parceira autorizada, que também atua há mais de 20 anos neste segmento de negócio. Saiba mais: Fortes Informática - OCF Informática - Apoio de Mídia Jornal do Commercio Contabilidade na TV Revista Razão Contábil TV CRC/RJ TV CRC/SC

42 Apoio Institucional Federação Nacional das Empresas de serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas Conselho Federal de Contabilidade Conselho Regional de Contabilidade do Rio de Janeiro Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis, Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas do Estado do Rio de Janeiro Sindicato dos Contabilistas do Município do Rio de Janeiro Federação Nacional das Empresas de serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas Conselho Federal de Contabilidade Conselho Regional de Contabilidade do Rio de Janeiro Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis, Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas do Estado do Rio de Janeiro Sindicato dos Contabilistas do Município do Rio de Janeiro

43 Não perca esta grande oportunidade! Participe deste importante encontro para os Negócios Contábeis.

44 MAIS INFORMAÇÕES Rio de Janeiro Tel: Fax:


Carregar ppt "APRESENTAÇÃO Evento I Encontro Profissional de Negócios Contábeis I Expo de Oportunidades de Negócios Contábeis Tema Análise Crítica da Convergência Internacional."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google