A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

De Luís de Camões. É uma narrativa com interesse histórico, geralmente em estrutura de poema, que enaltece os feitos extraordinários e ilustres de um.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "De Luís de Camões. É uma narrativa com interesse histórico, geralmente em estrutura de poema, que enaltece os feitos extraordinários e ilustres de um."— Transcrição da apresentação:

1 de Luís de Camões

2 É uma narrativa com interesse histórico, geralmente em estrutura de poema, que enaltece os feitos extraordinários e ilustres de um herói ou de um povo. Normalmente, esse herói chega à glória através de uma viagem que envolve conhecimento, astúcia e coragem. Nesta narrativa misturam-se o humano e o divino através do maravilhoso pagão (deuses).

3 CivilizaçãoObraAutorHerói Grega Odisseia Ilíada (séc. VIII AC) Homero Ulisses Aquiles RomanaEneida (séc. I AC) VirgílioEneias

4 Trata-se de uma narrativa em verso. Com uma ação grandiosa onde contracenam heróis representativos de um povo ( neste caso, Vasco da Gama e outros heróis portugueses são representantes do peito ilustre Lusitano). Contracenam também com personagens humanas e mitológicas num espaço vasto, no caso Europa, África, Ásia, e num período de tempo.

5 1. Estrutura Externa: 10 cantos 1102 estrofes 8 versos cada estrofe – oitavas 10 sílabas métricas cada verso - decassílabos e como são acentuados na 6º e 10º sílabas chamam-se versos heróicos Rima cruzada do 1º ao 6º verso e emparelhada no 7º e 8º verso: AB AB AB CC

6 2. Estrutura Interna: Proposição : o poeta expõe o objectivo da sua obra (canto I est. 1,2,3) Invocação: o poeta invoca as Tágides ou Ninfas do Tejo(canto I est.4 e 5) Dedicatória: o poeta dedica o poema a El-Rei D. Sebastião (canto I est. 6 à 18) Narração: a partir da estrofe 19 no canto I até ao fim do canto X

7 Plano das reflexões do poeta Plano das reflexões do poeta

8 A viagem de Vasco da Gama Início da narração (I, 19) Chegada a Mombaça (I, 103) Estadia em Melinde (II, 101) Despedidas em Belém (IV, 87) Velho do Restelo (IV, 94) Despedidas em Belém (IV, 87) Velho do Restelo (IV, 94) Chegada à Índia (VI, 92) Regresso a Lisboa (X, 144) Ilustração de Pedro Gonçalves e Clara Vilar, in Na Crista da Onda, n.º 14, março de 1997


Carregar ppt "De Luís de Camões. É uma narrativa com interesse histórico, geralmente em estrutura de poema, que enaltece os feitos extraordinários e ilustres de um."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google