A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FTAD - Formação técnica em Administração de Empresas FTAD – Contabilidade e Finanças Prof. Karine Oliveira.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FTAD - Formação técnica em Administração de Empresas FTAD – Contabilidade e Finanças Prof. Karine Oliveira."— Transcrição da apresentação:

1 FTAD - Formação técnica em Administração de Empresas FTAD – Contabilidade e Finanças Prof. Karine Oliveira

2 Competências a serem trabalhadas Competências a serem trabalhadas PLANEJAMENTO ORÇAMENTÁRIO PLANEJAMENTO ORÇAMENTÁRIO GESTÃO FINANCEIRA GESTÃO FINANCEIRA CONTABILIDADE CONTABILIDADE ACI : ESTUDO DE VIABILIDADE ECONÔMICO-FINANCEIRA

3 CONTABILIDADE 1. 1.Introdução 2. 2.Conceito Contabilidade 3. 3.Contas 3.1. Débito 3.2. Crédito 3.3. Lançamento 4. Plano de contas

4 CONTABILIDADE 5. DEMOSTRAÇÕES CONTÁBEIS Balanço patrimonial 5.2. DRE 5.3. DRA 5.4. DLPA 5.5. DFC 5.6. DVA 5.7. Notas Explicativas 6. REPRESENTAÇÃO DAS CONTAS NA DEMOSTRAÇÃO.

5 CONTABILIDADE INTRODUÇÃO Origem da Contabilidade Origem da Contabilidade Está ligada a necessidade de registros do comércio. Tais informações não eram de fácil memorização quando já em maior volume, requerendo registros.

6 CONTABILIDADE INTRODUÇÃO No período medieval, diversas inovações na contabilidade foram introduzidas por governos locais e pela igreja. Mas é somente na Itália que surge o termo Contabilitá. A primeira obra impressa que difundiu as partidas dobradas é de autoria de Frei Luca Pacioli e foi inserida em uma obra de Aritmética, Geometria, proporções e proporcionalidade, editada em 1494.

7 CONTABILIDADE INTRODUÇÃO As partidas dobradas são simples, cada crédito corresponderá a um débito, ambos com o mesmo valor. Débito e crédito se opõem, é como se estivéssemos retirando recursos de uma conta, os repassando a outra.

8 CONTABILIDADE INTRODUÇÃO Exemplo: Uma empresa possui R$ 2.000,00 em caixa. A primeira transação que a empresa fará é a compra de um microcomputador, avaliado em R$ 1.500,00. No ato da compra, o sistema contábil da empresa registrará desta forma: Débito: Equipamentos de informática microcomputador R$ 1.500,00 Crédito- Caixa R$1.500,00

9 CONTABILIDADE INTRODUÇÃO Dessa maneira,sabemos a importância da partidas dobradas, a empresa pode saber onde aplicou parte dos recursos de seu caixa.

10 CONTABILIDADE CONCEITO Contabilidade é a ciência que estuda e controla o patrimônio das entidades, mediante o registro, a demonstração expositiva e a interpretação dos gastos nele ocorridos, com o fim de fornecer informações sobre sua composição e variações, bem como sobre o resultado econômico e decorrente da gestão da riqueza patrimonial (Hilário Franco 1996)

11 CONTABILIDADE OBJETIVO O objeto de estudo da contabilidade é o patrimônio, que é composto pelos: Bens Direitos Obrigações de uma entidade econômico- administrativa. Patrimônio = Bens + Direitos + Obrigações

12 CONTABILIDADE CONTAS Contas contábeis: Constituem-se representações escrituradas de bens, direitos, obrigações, capital, reservas, etc. A finalidade de tais contas é registrar as movimentações transcritas do livro diário, expressando-se monetariamente. Cada fato contábil é transportado para as respectivas contas, com sua data, histórico e valor.

13 CONTABILIDADE CONTAS DO ATIVO Estrutura do Balanço Patrimonial segundo a Lei 6.404/76 x Lei /07 ATIVO CIRCULANTE ( Lei n.º 6.404/76 ) REALIZÁVEL A LONGO PRAZO ATIVO PERMANENTE INVESTIMENTO IMOBILIZADO DIFERIDO

14 CONTABILIDADE CONTAS DO ATIVO Estrutura do Balanço Patrimonial segundo a Lei 6.404/76 x Lei /07 ATIVO NÃO CIRCULANTE ( Lei n.º /07) REALIZÁVEL A LONGO PRAZO INVESTIMENTO IMOBILIZADO INTANGÍVEL DIFERIDO

15 CONTABILIDADE CONTAS PASSIVO Estrutura do Balanço Patrimonial segundo a Lei 6.404/76 x Lei /07 PASSIVO CIRCULANTE ( Lei n.º 6.404/76 ) *PASSIVO EXIGÍVEL A LONGO PRAZO *RESERVA DE EXERCÍCIOS FUTUROS PATRIMÔNIO LÍQUIDO CAPITAL SOCIAL RESERVA DE CAPITAL RESERVA DE REAVALIAÇÃO RESERVAS DE LUCROS LUCROS OU PREJUIZOS ACUMULADOS

16 CONTABILIDADE CONTAS PASSIVO Estrutura do Balanço Patrimonial segundo a Lei 6.404/76 x Lei /07 PASSIVO NÃO CIRCULANTE ( Lei n.º /07 ) *EXIGÍVEL A LONGO PRAZO * RESULTADO DE EXERCÍCIOS FUTUROS PATRIMÔNIO LÍQUIDO CAPITAL SOCIAL RESERVA DE CAPITAL AJUSTE DE AVALIAÇÃO PATRIMONIAL RESERVAS DE LUCROS AÇÕES EM TESOURARIA PREJUIZOS ACUMULADOS

17 CONTABILIDADE As mudanças ocorridas no cenário internacional, exige que passem a adotar novos procedimento contábil harmônico com o mundo, produzindo informações da mesma forma em todos os lugares.

18 CONTABILIDADE LANÇAMENTOS O lançamento é o registro da informação contábil devendo estar suportado em documento hábil e idôneo, formando dessa a escrituração contabil. Dados e informação no lançamento: 1.O valor (ou valores); expresso em moeda nacional. 2.Data do lançamento. 3.Histórico.

19 CONTABILIDADE LANÇAMENTOS Os lançamentos contábeis podem ser: a) Lançamento de primeira fórmula; b) Lançamento de segunda fórmula; c) Lançamento de terceira fórmula; d) Lançamento de quarta fórmula.

20 CONTABILIDADE LANÇAMENTOS Lançamento de primeira fórmula; Data:21/03/12 Débito -Máquinas e equipamentos(ativo não circulante) Histórico – Compra de maquina DAVI S/A NF 13 R$1.000,00 Crédito – Caixa (ativo circulante) Histórico - Compra de maquina DAVI S/A NF 13 R$1.000,00

21 CONTABILIDADE LANÇAMENTOS Lançamento de segunda fórmula; Compra de máquina à vista e a prazo. Data:27/03/12 Débito - Máquinas e equipamentos (Ativo não circulante) Histórico – Compra de maquina DAVI S/A NF 13 R$1.000,00 Crédito – Caixa (Ativo circulante) Histórico - Compra de maquina DAVI S/A NF 13 R$ 900,00 Crédito – Fornecedores (passivo circulante) Histórico - Compra de maquina DAVI S/A NF 13 R$ 100,00

22 CONTABILIDADE LANÇAMENTOS Lançamento de terceira fórmula; Venda de mercadoria à vista e a Prazo.Data:27/03/12 Débito – Caixa (ativo circulante) Histórico – Venda de produtos conf. NF 01 R$ 100,00 Débito – Duplicatas a receber (Ativo circulante) Histórico – venda de produtos conf.NF 01 R$ 900,00 Crédito – Venda de mercadoria (resultado) Histórico - venda de produtos conf. NF 01 $ 1.000,00

23 CONTABILIDADE LANÇAMENTOS Lançamento de quarta fórmula; Compra de mercadoria para estoque,uso e consumo à vista e a Prazo. Débito – Estoque material consumo (Ativo circulante)$200 Hist. – Vlr. compra NF 15 Davi S/A Débito – Estoque mercadoria (Ativo circulante)$800 Hist. – Vlr. compra NF 15 Davi S/A Crédito – Caixa (Ativo circulante)$400 Hist. – Vlr. pagamento NF 15 Davi S/A

24 CONTABILIDADE LANÇAMENTOS Lançamento de quarta fórmula; Compra de mercadoria para estoque e uso e consumo à vista e a Prazo. Crédito – Fornecedor (Passivo circulante)$600 Hist. - Saldo NF 15 Davi S/A

25 CONTABILIDADE PLANO DE CONTAS Plano de Contas: É a estrutura básica da escrituração contábil, pois é com sua utilização que se estabelece o banco de dados com informações para geração de todos os relatórios e livros contábeis, tais como: Diário, Razão, Balancete, Balanço Patrimonial, Demonstração de Resultados e Análises, além de outros. (CFC, 2002:31 )

26 CONTABILIDADE LANÇAMENTOS Plano de Contas é uma peça na técnica contábil que estabelece previamente a conduta a ser adotada na escrituração, através da exposição das contas em seus títulos, funções, funcionamento, grupamentos, análises, derivações, dilatações e reduções. (Sá, 2004:22).

27 CONTABILIDADE

28 CONTABILIDADE DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS As demonstrações contábeis São relatórios extraídos da contabilidade, após o registro de todos os documentos que fizeram parte do sistema contábil de qualquer entidade (empresa) em um determinado período. Essas demonstrações servirão para expressar a situação patrimonial da empresa, auxiliando assim os diversos usuários no processo de tomada de decisão.

29 CONTABILIDADE DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS A norma internacional de contabilidade IAS1 define as demonstrações financeiras como uma representação estruturada da posição financeira e do desempenho financeiro de uma determinada entidade.

30 CONTABILIDADE DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS ) Conforme Art. 176 da Lei – 6404/76 as Demonstrações Contábeis serão: IBRACON (NPC 27) normas procedimentos contábeis. § 1º As demonstrações de cada exercício serão publicadas com a indicação dos valores correspondentes das demonstrações do exercício anterior.

31 CONTABILIDADE DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS §3º As demonstrações financeiras registrarão a destinação dos lucros segundo a proposta dos órgãos da administração, no pressuposto de sua aprovação pela assembleia geral.

32 CONTABILIDADE DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS §4º As demonstrações serão complementadas por notas explicativas e outros quadros analíticos ou demonstrações contábeis necessárias para esclarecimento da situação patrimonial e dos resultados do exercício. As demonstrações contábeis devem especificar a natureza, data e/ou o período e a entidade (empresa) a que se referem.

33 ATIVIDADE 1 – 1 – Junior S/A fez as seguinte operações, realizar lançamentos: A) Em 20/05/2012 – Compra de equipamentos de informática 40% à vista e saldo restante para 60 dias: b) Em 21/05/2012 – Compra de mercadoria para revenda à vista no valor de R$1.000,00

34 ATIVIDADE Continuação: C) C) Em 22/05/2012 – Compra de mercadoria 70% á vista e saldo em 30 dias R$2.000,00 2- Resuma a importância da contabilidade para as empresas. Mínimo de 10 linhas.

35 ATIVIDADE Entrega: 30/11/2012 até às 23:00 hs às 23:00 hs EVITE DEIXAR A POSTAGEM DE SUA ATIVIDADE PARA O ÚLTIMO DIA. FAZENDO ISSO, IMPREVISTOS NÃO VÃO LHE PREJUDICAR. * LEMBRANDO QUE SUA ORGANIZAÇÃO TAMBÉM ESTA SENDO AVALIADA

36 DÚVIDAS Acesse o Fórum de dúvidas e discussões Chat dia no horário: 21/11/2013 das 19:00 às 20:30 Hs Chat dia no horário: 21/11/2013 das 19:00 às 20:30 Hs


Carregar ppt "FTAD - Formação técnica em Administração de Empresas FTAD – Contabilidade e Finanças Prof. Karine Oliveira."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google