A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

IMPLANTAÇÃO DE SISTEMA DE GERENCIAMENTO INTEGRADO DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "IMPLANTAÇÃO DE SISTEMA DE GERENCIAMENTO INTEGRADO DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS."— Transcrição da apresentação:

1 IMPLANTAÇÃO DE SISTEMA DE GERENCIAMENTO INTEGRADO DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS

2 A proposta de programa consiste na instalação, pelo Governo do estado, de centrais de compostagem anaeróbica estrategicamente localizadas, capazes de promover o tratamento adequado dos resíduos sólidos urbanos gerados pelos municípios localizados em um raio de 50 km. Além disto, o programa prevê também a organização de cooperativas de reciclagem e capacitação de cooperados para a remoção da fração dos resíduos cujos resultados econômicos da reciclagem possam configurar importante fonte de renda e reinserção social. PROPOSTA

3 Estas centrais seriam compostas por:  Unidades de transbordo para minimização dos custos de transporte do lixo por distancias mais longas;  Uma unidade de triagem de materiais recicláveis, uma unidade de compactação e armazenamento das bolsas durante a mineralização e uma unidade de tratamento de resíduos de serviços de saúde (quando aplicável) a serem instalados no município sede de cada consórcio;  Uma usina de reciclagem de entulho de construção civil montada sobre o chassi de um caminhão de maneira a promover a reciclagem itinerante, produzindo agregados que seriam utilizados no calçamento dos municípios. PROPOSTA

4 O programa deverá incluir uma etapa de comissionamento expandido onde a operação destas centrais será de responsabilidade do Governo do estado por um ano permitindo que os municípios se organizem em consórcios e capacitem a mão de obra necessária para operar o sistema independentemente da tutela do Estado. Para operacionalizar a formação dos consórcios e elaboração dos respectivos planos de gerenciamento integrado de resíduos sólidos urbanos a FAMEM disponibilizará o apoio técnico necessário sem custos aos municípios. À medida em que os municípios forem se organizando em consórcios, a “propriedade” destas centrais passaria a ser transferida para cada um dos consórcios. PROPOSTA

5 Para operacionalizar esta proposta a FAMEM propõe as seguintes etapas: 1.Assinatura, por parte de cada município do termo de adesão ao programa proposto; 2.Formação de uma comissão técnica constituída por prefeitos, presidentes de Câmaras Legislativas Municipais, e técnicos do governos estadual para visitar instalações onde a alternativa selecionada esteja instalada e funcionando permitindo verificar “in loco” sua aplicabilidade nos municípios maranhenses; 3.Assinatura de um convênio com o Governo do estado, iniciando- se assim o planejamento executivo do programa aqui proposto; 4.Seleção de 3 regiões no estado para receber as primeiras centrais 5.Formação dos consórcios e elaboração concomitante dos PGIRS e 6.Análise crítica dos resultados e aplicação do programa para todos os consórcios do estado. PROPOSTA

6

7


Carregar ppt "IMPLANTAÇÃO DE SISTEMA DE GERENCIAMENTO INTEGRADO DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google