A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Seleção Técnico de Estradas CEFET / MG Coordenação: Profs. Tules e Chan Acesse:

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Seleção Técnico de Estradas CEFET / MG Coordenação: Profs. Tules e Chan Acesse:"— Transcrição da apresentação:

1 Seleção Técnico de Estradas CEFET / MG Coordenação: Profs. Tules e Chan Acesse:

2 HISTÓRICO A Castellar Engenharia foi criada em 1999 com o objetivo de atender demanda crescente pelo serviço de construção pesada principalmente no setor rodoviário. Desde então a empresa atua no segmento de manutenção e restauração de rodovias em todo território brasileiro, priorizando as regiões sul e sudeste do país. Durante este período, a Castellar desenvolveu serviços de construção, conservação e manutenção rodoviária, junto a instituições públicas e privadas, tornando-se reconhecida pela competência e qualidade nos serviços ofertados.

3 MISSÃO Participar do desenvolvimento social e econômico nacional, mediante a prestação de serviços de manutenção e restauração rodoviária com dedicação e criatividade, prezando pela qualidade dos serviços e superação das expectativas dos clientes.

4 VISÃO Tornar-se uma empresa reconhecida no segmento pela excelência de seus serviços, fruto da qualidade, agilidade e flexibilidade de seus processos, conquistando maior espaço no mercado.

5 META Dobrar o faturamento nos próximos 5 anos, distribuídos no maior número de clientes possíveis, sem perder a rentabilidade e agilidade conquistada.

6 A EMPRESA Faturamento até 07/2009: Aprox. R$ ,00 Matriz: Curitiba/PR Estados de Atuação: RS/SC/PR/SP/MS Obras em licitação: 06 até 12/2009 Nº colaboradores diretos: 500 Nº colaboradores indiretos: 150 Contratos de Manutenção: 10 Contratos de Restauração: 03 Principais clientes: –Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes - DNIT; –Departamento de Estradas e Rodagem – DER –Iniciativa privada (Concessões)

7 ORGANOGRAMA GERAL DIRETOR GERAL DIRETORIA OPERACIONAL GERENTE REGIONAL GERENTE DE CONTRATO GERENTE ADM DPTO TÉCNICO OPERACIONAL CONTROLLER DIRETORIA COMERCIAL DIRETORIA ADM/FINANCEIRA GERENTE FINANCEIRO ANALISTA FIN ASSISTENTE FIN ESTAGIÁRIO GERENTE ADM GERENTE RH ANALISTA RH ESTAGIÁRIA GERENTE ADM DIRETORIA TÉCNICA ORÇAMENTÁRIA GERENTE DPTO TÉCNICO GERENTE DE PROJETOS

8 ORGANOGRAMA CONSERVA Gerente Regional Gerente do Contrato Supervisor de Equipe Motorista Profissional 01 Profissional 02 Ajudante 01Ajudante 02Ajudante 03Ajudante 04 Gerente Adm

9 ORGANOGRAMA RESTAURAÇÃO GERENTE REGIONAL GERENTE DE CONTRATO GERENTE ADMDPTO TÉCNICOEQUIPAMENTOS OPERACIONAL

10 Estrutura Física Escritórios

11 Usinas de Asfalto

12 Programa Rodovia Limpa

13 Técnico de Estradas O Técnico em Estradas é um profissional com formação e capacitação para atuar em empresas nas áreas de: planejamento, projeto, implantação, conservação e gerenciamento das vias integrantes dos sistemas de transportes; produtividade de máquinas e equipamentos; levantamento topográfico e locação nas fases de projeto e de execução de obras viárias; serviços de orçamentos, medições e apropriação de custos. O Técnico em Estradas também atua na elaboração de projetos visando à determinação da geometria das vias, pavimentação, drenagem, sinalização, terraplenagem, loteamento e obras de arte.

14 Conserva Rodoviária A CONSERVA RODOVIÁRIA nada mais é que atuar de forma repetida e sempre atento, evitando a ocorrência de defeitos na pista, corrigir danos eventuais para que a rodovia esteja sempre em boas condições. Seu principal objetivo é: Condição ideal de tráfego e com isso promover a segurança para os usuários, redução de custo no transporte de cargas e redução do tempo de viagem.

15 Requisitos do Cargo Supervisor Equipe 2º Completo em Técnico de Estradas Sexo: Ambos os Sexos Experiência – ter atuado como estagiário ou efetivo pelo mínimo de 1 ano. Informática Carteira de habilitação. Disponibilidade para fixar residência em outros estados. Iniciativa/Flexibilidade Capacidade de iniciar e assumir novos desafios, além de adaptar-se oportunamente as diferentes variáveis, através de postura auto-corretiva e criativa, propondo novas idéias, métodos, processos, ou através da aceitação das idéias dos demais colaboradores, mas sempre com foco na melhor alternativa. Liderança Capacidade para unir os esforços grupais a fim de atingir ou superar os objetivos organizacionais, estabelecendo um clima motivador, formando parcerias e estimulando o desenvolvimento da Equipe.

16 Descrição da Atividade Supervisor de Equipes Caberá ao Técnico de Estradas supervisionar equipes de 6 a 10 colaboradores. Os quais estarão desenvolvendo as principais atividades da conserva rodoviária TAPA BURACO EMERGENCIAL OU PROGRAMADO REMENDO PROFUNDO LIMPEZA DE SARGETAS E MEIO FIO LIMPEZA MANUAL DE VALETAS LIMPEZA DE BUEIROS ROÇADA CORTE E LIMPEZA DE ÁREAS GRAMADAS CAPINA MANUAL RECOMPOSIÇÃO DA SINALIZAÇÃO LIMPEZA DE PLACAS RECOMPOSIÇÃO DE DEFENSAS RECOMPOSIÇÃO DE OBRAS DE DRENAGEM RECOMPOSIÇÃO DE BUEIROS

17 Requisitos do Cargo Departamento Técnico 2º Completo em Técnico de Estradas Sexo: Ambos os Sexos Experiência – ter atuado como estagiário ou efetivo pelo mínimo de 1 ano. Informática (Pacote Office, Auto Cad, Topografh) Carteira de habilitação. Disponibilidade para fixar residência em outros estados. Iniciativa/Flexibilidade Capacidade de iniciar e assumir novos desafios, além de adaptar-se oportunamente as diferentes variáveis, através de postura auto-corretiva e criativa, propondo novas idéias, métodos, processos, ou através da aceitação das idéias dos demais colaboradores, mas sempre com foco na melhor alternativa. Foco em Resultados Tendência natural de buscar informações e detalhes que garantam o respeito pelo prazo e pela qualidade do desafio assumido. Capaz de sugerir soluções, estratégias e/ou políticas para atingir as metas organizações, alem de empregar a energia necessária para as mesmas

18 Descrição da Atividade Departamento Técnico Controlar de estoque de materiais da obra. Realizar cotações e compras de materiais. Controlar os custos das obras. Controlar cronogramas, avanço físico, medições obra e de sub-empreiteiros. Controlar de execução e produção. Controlar a manutenção de equipamentos.

19 Informações Gerais Salário: R$ 2500,00 Benefícios: Almoço, Plano de Saúde (Unimed), Plano Odontológico (Uniodonto). Auxílio Moradia – R$ 465,00 (Sál.Mínimo) Plano de Cargos e Salários Treinamento

20 Fotos Treinamento 2009

21 Fotos Treinamento 2008

22 Cronograma Fevereiro de a 05 - Treinamento em Curitiba 08 a 20 – Visita e Treinamento nas Obras 22 a 28 – Mudança de Cidade Março de /03 – Início das Atividades

23 FIM Para conhecer mais sobre a Castellar Engenharia Acesse: para:


Carregar ppt "Seleção Técnico de Estradas CEFET / MG Coordenação: Profs. Tules e Chan Acesse:"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google