A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Começando nossa conversa MOTIVAÇÃO NO TRABALHO A motivação –Quando um colega de trabalho ou vizinho disse “estou desmotivado com.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Começando nossa conversa MOTIVAÇÃO NO TRABALHO A motivação –Quando um colega de trabalho ou vizinho disse “estou desmotivado com."— Transcrição da apresentação:

1

2 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO

3 Começando nossa conversa

4 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO A motivação –Quando um colega de trabalho ou vizinho disse “estou desmotivado com o meu emprego”, como essa pessoa estava? –Ela estava empolgada ou desanimada? Estava feliz ou infeliz?

5 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Entendendo o que é A motivação é o “combustível” para o nosso esforço. Ela determina: •A direção. •A intensidade. •A persistência.

6 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO IntensidadeDireçãoPersistência Intensidade Quantidade de esforço que fazemos. Mesmo com bastante intensidade, se o esforço não tiver a direção certa, pode não trazer os resultados esperados. Mesmo com bastante intensidade, se o esforço não existir sempre até que a gente atinja o objetivo, pode ter sido desperdiçado. Direção Mesmo se estiver na direção certa, se o esforço não tiver a intensidade necessária, não atingimos nosso objetivo. Para onde nosso esforço é direcionado. Mesmo se estiver na direção certa, se não tivermos persistência até atingir nosso objetivo, o esforço pode ter sido desperdiçado. Persistência Mesmo se tivermos persistência, se o esforço não tiver a intensidade necessária, talvez o objetivo não seja alcançado. Mesmo se tivermos persistência, se o esforço não tiver a direção certa, pode não trazer o resultado que esperamos. Tempo que dura nosso esforço.

7 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Entendendo o que é Imagine que você quer comprar um carro (esse é seu objetivo), mas ainda não tem o dinheiro para isso.

8 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Entendendo o que é –A direção de seu esforço: fazer economia para comprar o carro. –Mas se dois meses depois você comprar um celular novo? Nesse mês, seu esforço não teve a intensidade necessária. –E se desistiu de comprar o celular? Você guardou todo o dinheiro que planejou. E, por quase um ano, fez isso todos os meses.

9 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Entendendo o que é –Mas chegou dezembro e você, então, desiste do carro, pois ainda precisaria de mais seis meses passando por esse sufoco! Você até caminhou na direção certa, com intensidade suficiente. Mas faltou a persistência e desistiu. Ficou sem o carro que tanto queria. Só quando estamos motivados, conseguimos colocar em nossos esforços a direção, a intensidade e a persistência suficientes para realmente alcançar nossos objetivos.

10 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO A motivação influencia nossas relações com: •os amigos, •nossa família, •nosso dinheiro e, claro, •nosso trabalho. A motivação faz com que a gente aja, não importa qual é a situação em que estamos. Podemos ser exemplo negativo ou positivo.

11 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Entendendo o que é Podemos entender a motivação como um desequilíbrio interior. É como se uma necessidade aparecesse e atrapalhasse nosso equilíbrio, trazendo para a gente tensão e desconforto. Daí, buscamos agir para descarregar essa tensão.Se isso for feito com sucesso, nós atingimos nossa satisfação e voltamos ao equilíbrio. Se não conseguirmos, nosso corpo busca outra forma de eliminar a tensão — sintomas físicos ou psicológicos. VONTADE

12 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Entendendo o que é •Não podemos dizer que uma pessoa “tem” ou “não tem” motivação — ela depende da relação entre a pessoa e o ambiente. •Apesar de ser uma vocação interna, a motivação é causada por fatores que vêm tanto do ambiente, quanto de nós mesmos. A seguir, vamos conhecer as principais teorias sobre o assunto, ou seja, um entendimento do que é motivação.

13 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Teoria da hierarquia das necessidades (Maslow): –O ser humano sempre tem a necessidade de algo e, quando consegue, passa a ter uma nova. –Para essa teoria, nossos desejos estão divididos em cinco grupos: 1.necessidades fisiológicas; 2.necessidade de segurança; 3.necessidades sociais; 4.necessidades de estima; e 5.necessidades de autorrealização. Uma relação com o dia a dia.

14 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Teoria da expectação de Vroom: Nessa teoria a motivação se desenvolve por três relações, em sequência: 1.Relação esforço–desempenho - se eu me esforçar, o meu chefe perceber meu avanço? 2.Relação desempenho–recompensa - se meu ótimo desempenho for visto, vou subir de cargo? 3.Relação recompensa–metas pessoais - e se subir de cargo, é isso o que quero? Apesar do salário maior, eu vou querer mais responsabilidades? Uma relação com o dia a dia.

15 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Teoria do reforço de Skinner “O comportamento é controlado pelas consequências [do próprio] comportamento”. Essas consequências envolvem: O reforço e a punição. Os reforços e as punições podem ser positivos ou negativos: •Reforço positivo: para incentivar que um comportamento se repita, oferecemos algo bom. •Reforço negativo: para incentivar que um comportamento se repita, tiramos algo ruim. •Punição positiva: para evitar que um comportamento se repita, oferecemos algo ruim. •Punição negativa: para evitar que um comportamento se repita, tiramos algo bom. Uma relação com o dia a dia.

16 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO A relação entre as teorias Se existem várias teorias, qual delas é a certa? A motivação é um impulso para que a gente aja de uma maneira. Assim, sem motivação não há, por exemplo, bom desempenho no trabalho.

17 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Trabalhando a (e com) motivação Uma pesquisa feita com gestores e funcionários indica que: •69% dos gestores apontam falta de motivação dos funcionários como o maior problema na companhia; •73% dos funcionários dizem que estão menos motivados do que costumavam ser; •84% dos funcionários dizem que, se quisessem, teriam melhor desempenho; e •50% dos funcionários dizem que se esforçam apenas o suficiente para manter o emprego. Como podemos, então, trabalhar a motivação?

18 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Como motivar e se motivar •Todos influenciam a motivação de uma equipe. •Ninguém melhor do que nós mesmos para trabalhar nossa própria motivação. •A motivação dentro das empresas não depende apenas de um bom salário ou de um chefe bacana. •Esteja atento, preste atenção em seus colegas. •Para que desanimar mais alguém que já está desanimado? •Precisamos mostrar a nossos colegas que as coisas não são bem do jeito que eles pensam, ou melhor, precisamos ser mais otimistas. •Nem sempre concordar com nosso colega é sinal de amizade.

19 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Estabelecendo um objetivo •Para que a motivação não acabe, é importante que a gente defina muito bem nossos objetivos, sempre em mente. •Se você sempre se lembrar do quanto quer seu carro novo e de como seria bom passear com ele pela cidade, isso servirá de impulso para que trabalhe mais. •Isso serve também para os colegas. Lembre-os de que eles devem ter objetivos sadios.

20 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Trabalhando em equipe O trabalho em equipe faz com que a gente troque experiências com colegas e desenvolva mais nossas habilidades. As conquistas e as responsabilidades são divididas. Você já deve ter ouvido falar que uma laranja podre estraga as outras. Pois bem, também é assim com a motivação das pessoas.

21 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Fortalecendo a confiança Confiar em nós mesmos é importante para o sucesso. Isso também vale para os colegas de trabalho. Mostrar para um colega que ele pode fazer algo ajuda a aumentar a confiança dele e, então, ele tem uma postura mais positiva no dia a dia.

22 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Trabalhando os resultados Ter um bom resultado é ótimo. Mas e quando não conseguimos o resultado que esperávamos? Devemos desistir? Reclamar? Chorar?

23 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO A influência do líder Juntamos na tabela a seguir algumas ações que os chefes podem usar para influenciar, de forma positiva, o ambiente de trabalho e a motivação no ambiente organizacional. Dividimos essas ações em quatro grupos, de acordo com aquilo que influencia: 1.O trabalho em si/crescimento profissional, 2.O indivíduo ou 3.O grupo; 4.O líder. sofia

24 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Ações do líder que influenciam a motivação da equipe Trabalho e crescimento profissional Dar aos funcionários a chance de atingirem seus objetivos. Promover programas para melhorar habilidades. Criar programas p/ desenvolver líderes entusiasmados e formadores de equipe. Criar planos de carreira. Não atribuir tarefas comuns, sem responsabilidade. Não manter alguém no mesmo cargo por muito tempo. Ampliar as tarefas dos funcionários sempre que possível. Indivíduo Identificar os motivadores de cada funcionário. Estimular a criatividade e a inovação. Reconhecer e valorizar cada colaborador individualmente. Não deixar o entusiasmo de um novo colaborador se perder. Dar retorno e elogiar o bom trabalho.

25 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Ações do líder que influenciam a motivação da equipe Ambiente/grupo Adotar programas descontraídos de confraternização. Dar aos colaboradores um tratamento justo e igual. Estimular o trabalho em equipe e a cooperação. Estimular a criatividade e a inovação. Fazer elogios em público. Nunca fazer críticas em público. Líder Reconhecer bons resultados. Incentivar uma estrutura organizada, mas flexível. Ter uma boa relação com a equipe. Não atribuir a si toda a responsabilidade e a tomada de decisões. Não acreditar que um bom salário seja suficiente para motivar. Confiar nos funcionários.

26 MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Conclusão


Carregar ppt "MOTIVAÇÃO NO TRABALHO Começando nossa conversa MOTIVAÇÃO NO TRABALHO A motivação –Quando um colega de trabalho ou vizinho disse “estou desmotivado com."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google