A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Prof. Pablo Flôres Dias www.sogab.com.br Conceitos em Filosofia e Psicologia Programa de Formação de Professores Prof. Pablo Flôres Dias.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Prof. Pablo Flôres Dias www.sogab.com.br Conceitos em Filosofia e Psicologia Programa de Formação de Professores Prof. Pablo Flôres Dias."— Transcrição da apresentação:

1 Prof. Pablo Flôres Dias Conceitos em Filosofia e Psicologia Programa de Formação de Professores Prof. Pablo Flôres Dias

2 Filosofia  modernamente é uma disciplina, ou uma área de estudos, que envolve a investigação, análise e reflexão de idéiasem uma situação geral, abstrata ou fundamental.

3 Prof. Pablo Flôres Dias Filosofia  As interpretações comumente aceitas pelo homem constituem inicialmente o embasamento de todo o conhecimento.  Estas interpretações foram adquiridas, enriquecidas e repassadas de geração em geração

4 Prof. Pablo Flôres Dias Filosofia  Ocorreram inicialmente através da observação dos fenômenos naturais e sofreram influência das relações humanas estabelecidas até a formação da sociedade, isto em conformidade com os padrões de comportamentos éticos ou morais tidos como aceitáveis em determinada época por um determinado grupo ou determinada relação humana.

5 Prof. Pablo Flôres Dias Filosofia x Ciência  A partir da Filosofia surge a Ciência, pois o Homem reorganiza as inquietações que assolam o campo das idéias e utiliza-se de experimentos para interagir com a sua própria realidade. Assim a partir da inquietação, o homem através de instrumentos e procedimentos equaciona o campo das hipóteses e exercita a razão.Ciência

6 Prof. Pablo Flôres Dias Filosofia  São organizados os padrões de pensamentos que formulam as diversas teorias agregadas ao conhecimento humano.  Contudo o conhecimento científico por sua própria natureza torna-se suscetível às descobertas de novas ferramentas ou instrumentos que aprimoraram o campo da sua observação e manipulação, o que em última análise, implica tanto na ampliação, quanto no questionamento de tais conhecimentos. Neste contexto a filosofia surge como "a mãe de todas as ciências".

7 Prof. Pablo Flôres Dias Realidade  O que é?  Eu a sigo?  Eu a aceito?  Eu a percebo?  Eu a ignoro?  Eu a crio?

8 Prof. Pablo Flôres Dias

9 Prof. Pablo Flôres Dias Pensamento  vem da palavra Epistemologia "Epistemo" significa "ter Ciência" "logia" significa Estudo.  é um processo mental que permite aos seres modelarem o mundo e com isso lidar com ele de uma forma efetiva e de acordo com suas metas, planos e desejos.mentalmundo metasplanosdesejos

10 Prof. Pablo Flôres Dias Pensamento . O pensamento é considerado a expressão mais "palpável" do espírito humano, pois através de imagens e idéias revela justamente a vontade desteespíritohumano

11 Prof. Pablo Flôres Dias

12 Prof. Pablo Flôres Dias Etiologia da Filosofia  inquietação gerada pela curiosidade humana em compreender e questionar os valores e as interpretações comumente aceitas sobre a sua própria realidade

13 Prof. Pablo Flôres Dias Filosofia: consiste no estudo das característica mais gerais e abstratas do mundo e das categorias com que pensamos:  Mente (pensar)  Matéria (o que sensibiliza noções como quente ou frio sobre o realismo),  Razão(lógica), demostração e verdade.

14 Prof. Pablo Flôres Dias Áreas da Filosofia  Lógica: trata da preservação da verdade e dos modos de se evitar a inferência e raciocínio inválidos. Lógicaverdadeinferênciaraciocínio  Metafísica ou ontologia: trata da realidade, do ser e do nada. Metafísicaontologiarealidadesernada  Epistemologia ou teoria do conhecimento: trata da crença, da justificação e do conhecimento. Epistemologiateoria do conhecimento crençajustificaçãoconhecimento  Ética: trata do certo e do errado, do bem e do mal. Éticabemmal  Filosofia da Arte ou Estética: trata do belo. Filosofia da ArteEstéticabelo

15 Prof. Pablo Flôres Dias

16 Prof. Pablo Flôres Dias Verdade X Realidade  A que temos  A que tencionamos  A que construimos  Coisas  Pessoas  Ética

17 Prof. Pablo Flôres Dias Antropologia  Estudo do Homem  Sua Cultura  Comportamento  Interação social

18 Prof. Pablo Flôres Dias Epistemologia ou teoria do conhecimento  é um ramo da filosofia que trata dos problemas filosóficos relacionados à crença e ao conhecimento.filosofiafilosóficoscrençaconhecimento  (do grego " ἐ πιστήμη ou episteme" - ciência, conhecimento; "λόγος ou logos" - discurso),grego

19 Prof. Pablo Flôres Dias A teoria de Platão  abrange o conhecimento teórico, o saber que. Tal tipo de conhecimento é o conjunto de todas aquelas informações que descrevem e explicam o mundo natural e social que nos rodeia.teórico

20 Prof. Pablo Flôres Dias Platão :Este conhecimento consiste em descrever, explicar e predizer uma realidade, isto é:realidade  analisar o que ocorre,  determinar por que ocorre dessa forma e utilizar estes conhecimentos para antecipar uma realidade futura.

21 Prof. Pablo Flôres Dias Tipos de Epistemologia conforme Japiassu:  a Epistemologia global ou geral que trata do saber globalmente considerado, com a virtualidade e os problemas do conjunto de sua organização, quer sejam especulativos, quer científicos;  a Epistemologia particular que trata de levar em consideração um campo particular do saber, quer seja especulativo, quer científico;  a Epistemologia específica que trata de levar em conta uma disciplina intelectualmente constituída em unidade bem definida do saber e de estudá-la de modo próximo, detalhado e técnico, mostrando sua organização, seu funcionamento e as possíveis relações que ela mantém com as demais disciplinas.

22 Prof. Pablo Flôres Dias Segundo Trindade  “todo conhecimento torna-se, devido á necessária vinculação do meio ao indivíduo que pertence ao próprio meio, um auto-conhecimento. Essa interação faz-se cogente pela gênese unívoca entre os muitos integrantes do mundo da vida, sem olvidar que o homem é um desses integrantes.  [...] Ocorre, deste modo, um acoplamento estrutural entre o sistema nervoso do observador e o meio proporcionando, assim, uma mútua transformação/adaptação. O ser é modificado pelo meio ao qual o próprio ser pertence e modifica”. (2007, p. 97)

23 Prof. Pablo Flôres Dias Sabedoria  Sabedoria humana seria a capacidade que ajuda o homem a identificar seus erros e os da sociedade e corrigi-los. Sabedoria divina será provavelmente a capacidade de aprofundar os conhecimentos humanos e elaborar as versões do Divino e questões semelhantes.  Na Bíblia Sagrada (Versão revista da tradução de João Ferreira de Almeida)podemos encontrar, dentre muitos outros, os seguintes versículos referentes à sabedoria:

24 Prof. Pablo Flôres Dias Sabedoria  "Ora, se algum de vós tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente e não censura, e ser-lhe-á dada." (Tiago 1:5)  "Feliz é o homem que acha sabedoria, e o homem que adquire entendimento; pois melhor é o lucro que ela dá do que o lucro da prata, e a sua renda do que o ouro" (Prov. 3:13-14)

25 Prof. Pablo Flôres Dias Inteligência x Esperteza  A inteligência pode ser definida como a capacidade de resolver situações problemáticas novas mediante reestruturação dos dados perceptivos.inteligência  A esperteza (entre as mais diversas definições), é considerada a capacidade maliciosa de adaptar-se habilmente a situações adversas, tirando proveito da situação. Este aproveitamento, (devida subjetividade), é considerado por muitos como inteligência e criatividade. maliciosa subjetividade criatividade

26 Prof. Pablo Flôres Dias Hedonismo  doutrina filosófico-moral que afirma ser o prazer individual e imediato o supremo bem da vida humanaprazer  tendência a buscar o prazer imediato, individual, como única e possível forma de vida moral, evitando tudo o que possa ser desagradável.  O contrário do Hedonismo é a Anedonia, que é a perda da capacidade de sentir prazer, próprio dos estados gravemente depressivos.Anedonia

27 Prof. Pablo Flôres Dias Educador  Aquele que educa.  Promove a facilitação do conhecimento  Aquele que ensina.  Aquele que ensina a ensinar.  O Mestre

28 Prof. Pablo Flôres Dias Educador x Professor  No Brasil, Professor é o profissional que ministra aulas ou cursos em todos os níveis educacionais, a saber: Educação infantil, Educação fundamental, Ensino médio e superior, além do Ensino profissionalizante e técnico.Educação infantil Educação fundamental Ensino médiosuperiorEnsino profissionalizante técnico  Nos Estados Unidos da América (E.U.A), o termo Professor é reservado apenas para indivíduos que ministram aulas em instituições de ensino superior (college ou university). Professores do ensino fundamental ou médio são denominados Teachers.Estados Unidos da América

29 Prof. Pablo Flôres Dias EUA  Alum do ensino propriamente dito, Professors nas universidades americanas dedicam-se principalmente a atividades de pesquisa, incluindo a orientação de alunos de pós- graduação.pesquisapós- graduação

30 Prof. Pablo Flôres Dias Educador  Chama-se de educador o profissional da Educação que pode atuar tanto como professor quanto como pesquisador, administrador escolar, supervisor de ensino, orientador educacional, filósofo educacional ou como estudioso de questões educacionais de um modo geral.. Educação professor administrador escolarsupervisor de ensino orientador educacional

31 Prof. Pablo Flôres Dias Educador  Embora, em princípio, entenda-se o educador como um pedagogo, nem sempre essa é a realidade, podendo um educador ter formação em outras áreas pedagógicas, como as Letras, a Psicopedagogia, entre outraspedagogoLetrasPsicopedagogia

32 Prof. Pablo Flôres Dias Mestre  O mestre é um indivíduo que adquiriu um conhecimento especializado sobre uma determinda área do conhecimento humano. conhecimento  Usualmemente é aquele que defendeu um mestrado. mestrado  No oriente é aquele que guia para a sabedoria

33 Prof. Pablo Flôres Dias Grandes Educadores  Friedrich Froebel Friedrich Froebel  Célestin Freinet Célestin Freinet  Maria Montessori Maria Montessori  Decroly Decroly  Paulo Freire Paulo Freire  Anísio Teixeira Anísio Teixeira  Darcy Ribeiro Darcy Ribeiro  Pestalozzi Pestalozzi

34 Prof. Pablo Flôres Dias Metodologia  é o estudo dos métodos.métodos  etapas a seguir num determinado processo.  tem como finalidade captar e analisar as características dos vários métodos disponíveis, avaliar suas capacidades, potencialidades, limitações ou distorções e criticar os pressupostos ou as implicações de sua utilização. Além de ser uma disciplina que estuda os métodos, a metodologia é também considerada  uma forma de conduzir a pesquisa.pesquisa

35 Prof. Pablo Flôres Dias Disciplina  mesma etimologia da palavra "discípulo", que significa "aquele que segue".  qualquer área de conhecimento estudada e ministrada em um ambiente escolar ou acadêmico.escolar  uma Ciência ou Técnica, ou subderivados destas.CiênciaTécnica  Aqueles que seguem uma disciplina podem assim ser chamados de discípulos.discípulos  Adesão à um método

36 Prof. Pablo Flôres Dias Problema  Dificuldade  Algo que se quer saber  Algo que fazmover um objetivo ou que traduz a natureza deste

37 Prof. Pablo Flôres Dias Filosofia Oriental  Ren, humanidade ( altruísmo); altruísmo  Li, reverência ou cortesia ritual;  Zhi, conhecimento ou sabedoria moral; sabedoria moral  Xin, integridade;integridade  Zhing, fidelidade;fidelidade  Yi, justiça, retidão, honradez. honradez

38 Prof. Pablo Flôres Dias Ensino na concepção Oriental  Sabedoria  Disciplina / Obediência  Confucionismo

39 Prof. Pablo Flôres Dias Psicologia  é a ciência que estuda os processos mentais (sentimentos, pensamentos, razão)ciênciasentimentospensamentosrazão  o comportamento humano e animal (para fins de pesquisa e correlação, na área da psicologia comparada).humanoanimal psicologia comparada  Relacionada ao Valor da Introspecção

40 Prof. Pablo Flôres Dias Psicologia  o corpo e a mente não são separados, quando fala-se que o estudo se dá pelo viés da mente e/ou pelo viés do corpo, é necessário informar que essa é uma elaboração teórica, já que existem estudos, com grande comprovação ao longo das datas, que mostram a influência de um sobre o outro.  Psicossomática

41 Prof. Pablo Flôres Dias Maslow

42 Prof. Pablo Flôres Dias Professor/Educador  Atenção  Domínio  Conhecimento  Planejamento  Sabedoria  Método  Harmonia  Calma  Disciplina  Carisma  Aplicação  Humanidade  Moral  Ética  Segurança  Energia


Carregar ppt "Prof. Pablo Flôres Dias www.sogab.com.br Conceitos em Filosofia e Psicologia Programa de Formação de Professores Prof. Pablo Flôres Dias."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google