A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Terapias Orientais na Estética Medicina Tradicional Ayurveda Medicina Tradicional Chinesa.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Terapias Orientais na Estética Medicina Tradicional Ayurveda Medicina Tradicional Chinesa."— Transcrição da apresentação:

1

2 Terapias Orientais na Estética Medicina Tradicional Ayurveda Medicina Tradicional Chinesa

3  Platão - uma união inseparável entre o belo, a beleza, o amor e o saber.  Aristóteles - simetria, composição, ordenação, proposição, equilíbrio.  Immanuel Kant - um objeto ou fenômeno que instiga a sensação de prazer provoca a fruição ou gozo e a essas sensações damos os nomes de belo, bonito e beleza.  Georg Hegel - ciência que estuda o belo, conferindo a estética à categoria de ciência filosófica.  Para mim a beleza vem de um equilíbrio físico, mental e espiritual que se expressa na forma do ser em questão. Uma visão holística típica do terapeuta oriental que ocidentalmente podemos compreender pela contemporaneidade da física quântica e seus incompreendidos precursores. Definição de Estética

4 Biofísica Quântica unindo as Terapias Orientais  As terapias orientais são basicamente fisicas, pois funcionam dentro dos princípios da biofísica ou seja funcionam com um sistema de freqüências que sintonizam nas células e as fazem reagir orientadamente.  É bom que se saiba que na fisica quântica, os átomos formam moléculas, que formam uma célula, que formam um tecido são ondas freqüênciais, ou seja são receptivos e interagem frequencialmente. Uma combinação de tecido formam orgãos que combinados formam um Ser Humano.

5 Biofísica Quântica  O Ser Humano é um ser interativo e receptivo no seu meio comandado pela sua mente, que é um sistema biofísico.  Resumindo, o pensamento, a vontade, as emoções, os sentimentos, são sistemas biofísicos que são gerados pela mente.  Como disse o Premio Nobel de Medicina de 1991, Dr. Bert Sackman: "a biofísica é o sistema primário e a bioquímica é o sistema secundário do Corpo Humano, portanto, se a biofísica não estiver funcionando, a bioquímica não funcionará".

6 Charles Darwin  Em 1859 o britânico Charles Darwin lançou a sua teoria sobre a evolução das espécies

7 Michael Faraday e James Clerk Maxwell  No século XIX, através de Michael Faraday e James Clerk Maxwell, foram criadas as principais teorias sobre o eletromagnetismo  A atração eletromagnética e eletrostática estão presentes em todas as reações físico-químicas  A água é formada a partir de campos eletromagnéticos, onde os íons hidrogênio e oxigênio se completam e se unem.

8 Max Planck  Em 1900, Max Planck o idealizador do modelo dos “quanta de energia” - Quantum energético, quantidade elementar, indivisível, de energia eletromagnética. Referindo-se à luz, é o mesmo que fóton. Que mais tarde teve o complemento genial de :

9 Albert Einstein  Albert Einstein (1905) ao publicar sua Teoria Geral da Relatividade  A Física Quântica ensina que nada é fixo: tudo é energia vibrante e em mutação.  Toda intenção, todo desejo cria vibrações no campo quântico

10 luz e eletromagnétismo  Trabalhos desenvolvidos com mecânica quântica houve uma surpreendente revelação:  A luz e outras formas eletromagnéticas ora se comportam como se fossem constituídas por partículas, ora agem como se fossem ondas que se expandem em todas as direções.  Esta teoria deu uma instabilidade à temporalidade.  Os átomos em níveis subatômicos só poderão ser considerados como interconexões dinâmicas de energia.

11 Albert Einstein e a meditação  Albert Einstein observou os efeitos da meditação e das reações emocionais na grande rede cósmica, e assim pronunciou:  "O ser humano vivencia a si mesmo, seus pensamentos, como algo separado do resto do universo - numa espécie de ilusão de ótica de sua consciência. E essa ilusão é um tipo de prisão que nos restringe a nossos desejos pessoais, conceitos e ao afeto apenas pelas pessoas mais próximas. Nossa principal tarefa é a de nos livrar dessa prisão, ampliando o nosso círculo de compaixão, para que ele abranja todos os seres vivos e toda a natureza em sua beleza. Ninguém conseguirá atingir completamente este objetivo, mas lutar pela sua realização já é por si só parte de nossa libertação e o alicerce de nossa do segurança interior”

12 De Eisnstein a Shakespeare  através conhecimento da inteligência cósmica, ponto de partida para todos os fenômenos físicos e metafísicos.  “Não pode existir um universo sem mente, pois a consciência é parte do universo. A mente molda a própria coisa que está sendo observada. A imaginação é tudo. Ela é uma prévia das próximas atrações que vão ocorrer ao nosso redor. A imaginação envolve o mundo”.  Shakespeare não estava sendo metafórico quando escreveu: “ Nós somos feitos da mesma matéria dos sonhos”.

13 O Ayurveda e a física quântica  filosofia Samkhya - a filosofia pré- védica classifica e estuda todo o processo da manifestação do universo.  energia agregadora de tudo que existe no universo conhecida como: “Consciência Cósmica”  A energia que produz o pensamento, possui a propriedade de conseguir interagir e acionar a matéria física.

14 Pólos opostos  Conhecimento Védico :  Energia masculina (Purusha) e energia feminina (Prakriti).  O principal fundamento do Veda é suprir a compreensão da nossa singularidade rumo ao Uno.  A compreensão que hoje e compreendida a partir dos conhecimentos da física.  Explica toda a ordenação do universo.

15 Terapia Ayurveda  Sistema tradicional de saúde  O homem é um microcosmo, um universo dentro de si mesmo  Cinco elementos básicos presentes em toda matéria existem também dentro de cada indivíduo.  Considerada a mãe da medicina como a medicina tradicional chinesa, árabe, romana e grega.

16 doshas  todas as pessoas recebem da natureza um molde, chamado pakriti, ou tipo de corpo. são denominados doshas  três elementos constitucionais – vata, pitta e kapha

17  - Vata - Movimento/ar corporal (energia sutil que governa o movimento biológico). A partir dos elementos Éter e ar é formado Vata.  - Pitta - Fogo/calor corporal (manifesta-se como o metabolismo do corpo). A partir dos elementos fogo e água é formado Pitta.  - Kapha - água biológica (consolida os elementos do corpo, fornecendo o material para a estrutura física. Mantém a resistência do corpo). A partir dos elementos terra e água é formado Kapha. Biótipos de Doshas

18 Como saber seu dosha  Como saber seu dosha :

19 Nadis  Nadis. São canais de fluxo da energia vital (prana) semelhantes aos meridianos da elementologia chinesa.  Os pontos de interseção marma  A terapia marma faz parte da massagem ayurveda até hoje.  os nadis são diretamente ligados aos órgãos, são ligados aos chakras.

20 Chakras  Chakra = significa roda  São centros especializados de energia situados ao longo do nosso corpo  Por eles o prana é absorvido e distribuído por nossas células, órgãos e tecidos do corpo  Influenciam-se pela personalidade e por nossas emoções.  A linguagem dos chakras vale-se do símbolo para designar diferentes estados mentais, emoções, glândulas endócrinas, órgãos, cores, sons, etc.  A doença pode estar presente num dos órgãos de um chakra se o movimento condicionado do prana correlacionado ficou de algum modo estagnado ou bloqueado.

21 Tipos de tratamento  O mais importante de todos é a Rotina da Vida.  Terapias de desintoxicação profunda :Panchakarma  Aplicada quando o corpo se encontra com excesso de toxinas (AMA).  Na visão ayurvédica, um excesso ou deficiência das características indica a contaminação dos tecidos (dhatus) com consequentes alterações patológicas no corpo físico.

22 Massagem Ayurveda ou Abhyanga  Abhyanga significa, em sânscrito, untar, friccionar com óleo.  O óleo ao penetrar a pele nutre os tecidos (dhatus) e as toxinas são liberadas.

23 Medicina Tradicional Chinesa  Mais de anos.  “Saúde não é só ausência de doença, mas sim o equilíbrio harmônico do ser humano como um todo.”  Maciocia :  “Corpo e mente não são vistos como um mecanismo, mas como um círculo de energia e substâncias vitais interagindo uns com os outros para formar o organismo”  Se integra com a natureza, de maneira que as mudanças ambientais podem direta ou indiretamente afetá-lo.

24 yin e yang  a manutenção do perfeito equilíbrio entre yin e yang resulta numa igualmente perfeita saúde física, mental e espiritual. O yin e o yang são pólos de uma mesma coisa, forças opostas, porém complementares.

25 Cinco Elementos  O sistema dos cinco elementos que compõe a medicina chinesa: água, madeira, fogo, terra e metal, rege os padrões de funcionamento do corpo e estão associados a cores, sabores, sons, órgãos e funções do corpo e da mente.  Eles são interdependentes e estão em constante movimento.  Os meridianos e colaterais estão distribuídos por todo corpo humano, ligando os órgãos internos zang-fu aos vários tecidos e órgãos da porção superficial do corpo para fazer do corpo uma integridade orgânica.

26 Correlações ELEMENTO MADEIRAFOGOTERRAMETALÁGUA Tecnicas GLÂNDULA Gônadas Pituitária (Hipófise) TimoTiróideAdrenaisendocrinologia SABOR Ácido / Azedo AmargoDocePicante / Pungente SalgadoFitoterapia Nutrição EXPRESSÃ O / EMOÇÃO RAIVA / REATIVIDA DE ALEGRIARUMINAÇÃO PREOCUPAÇÃO PESAR / TRISTEZA MEDOPsicologia Florais TECIDOSOlhos, unhas, ligamentos, tendões (músculos ), nervos Língua, orelha (ext.), artérias, vasos Boca, lábios, gengivas, músculos, colágeno, carne e gorduras, resistência dos vasos Nariz, pele, tecidos orgânicos, poros, cabelos (pêlos), linfa Ouvido (int.), ossos, dentes, medula, cérebro, coluna espinhal, ânus, uretra, ovários e testículos Itens de Anamnese ODORESRançosoQueimad o AromáticoApodrecidoPútridoAromoterapia VITAMINASA, B12B3, B5, CB1, B6EDOrtomolecular MINERAISCobre e Ferro Sódio, Potássio Manganês e ZincoFósforoMagnésio e Cálcio Ortomolecular CORVerde / azul VermelhoAmarelodourado prata / dourado Preto – Azul escuro Cromoterapia

27 Acupuntura  A acupuntura trata as doenças por meio de agulhas, que inseridas em determinados lugares do corpo ( pontos de Acupuntura ), e aplicando certos meios de manipulação, restabelecendo o equilíbrio energético e revertendo o estado que levou a doença invertendo o processo energético da enfermidade gerada pelo próprio desequilíbrio de energia.  A Acupuntura atua pela estimulação do fluxo de energia do corpo, permitindo que o corpo se equilibre e cure a si mesmo.

28 acupuntura no tratamento da obesidade  Fatores emocionais, tais como o stress e o excesso de preocupação sem necessidade levam ao aumento de peso.  Observou-se que a aplicação de acupuntura em obesos aumenta a excitabilidade do centro dos núcleos ventromedial do hipotálamo relacionado com a saciedade da fome e da sede e tranqüilidade isso influencia o tônus no músculo liso do estômago e aumentado, assim suprimindo o apetite.

29 Reações Endocrinas na Acupuntura  O aumento da serotonina realça a movimento intestinal.  Controla também o stress e a depressão através da produção de endorfinas e de dopaminas.  O aumento em níveis do plasma de beta-endorfinas após a aplicação da acupuntura pode contribuir à perda do peso de obesos mobilizando os depósitos da energia do corpo.

30 Efeitos da Acupuntura  Obesidade simples devido ao processo de regulação neuroendócrina da acupuntura  Reajustando o centro de alimentação do hipotálamo - ativando o metabolismo estimulando o catabolismo lipídeo, o que reduz conseqüentemente o peso.  Livre de efeitos colaterais.

31 Microsistemas Os microsistemas podem ser usados com as Técnicas da acupuntura ou tonificação e sedação do shiatsu com grande êxito.

32 Fitoterapia  Na China, surgiram os primeiros registros da fitoterapia em 3000 A.C. foram descritas as propriedades do ginseng e da cânfora.  Fitoterapia - uma única erva para trata diferentes males ao mesmo tempo.  às vezes, diferentes partes de uma mesma planta servem para tratar diferentes males.  Cuidado ervas tóxicas e combinações de ervas que não são aconselhadas.  As diferentes maneiras de preparo de plantas medicinais são: cataplasmas, xaropes, ungüentos, infusões (chás), sucos, compressas, banhos e cápsulas.

33 Fitoterapia no Tratamento  Bardana – excelente para tratamento da acne  Cartamo – trata obesidade  Garcinia – trata obesidade  Omega 3 – colesterol LDL  Óleo de Linhaça – controle hormonal

34 Terapia dos Florais  Edward Bach foi um médico inglês especializado em bacteriologia e imunologia que, através de sua observação, percebeu:  que o mesmo tratamento aplicado nas mesmas enfermidades em pacientes diferentes não era eficaz  pacientes com temperamentos semelhantes melhoravam com o mesmo remédio.  Tornou-se evidente para ele que a personalidade era mais importante que o corpo físico.  Com a carreira médica consolidada, ele partiu para o campo em busca de novos remédios e, entre 1930 e 1934, descobriu os 38 florais e escreveu os fundamentos de sua nova Terapia.  E essencial compreender que o homem tem dois aspectos: um espiritual e um físico, e que dos dois, o físico é infinitamente menos importante”.

35 Ele dividiu os florais em sete categorias:  1ª : Para os que tem medo: ROCK ROSE / MIMULUS / CHERRY PLUM ASPEN / RED CHESTNUT  2ª : Para indecisão: CERATO / SCLERANTUS / GENSIAN GORSE /HORN BEAN / WILD OAT  3ª : Para falta de interesse pelas circunstâncias atuais: CLEMATIS / HONEY SUCKLE / WILD ROSE WHITE CHESTNUT / OLIVE / MUSTARD CHESTNUT BUD  4ª : Para solidão: WATER VIOLET / IMPATIENS / HEATHER  5ª : Para sensibilidade excessiva a influências e opiniões alheias: AGRIMONY / CENTAURY WALNUT / HOLLY  6ª : Para os que estão desesperados e abatidos: LARCH / PINE / ELM SWEET CHESTNUT / STAR OF BETHLEHEN WILLOW / OAK / CRABB APPLE  7ª : Para os que tem preocupação excessiva com o bem estar dos outros: CHICORY / VERVAIN / VINE BEECH / ROCK WATER

36 Uso dos Florais Californianos na Estética  Chamomile - indicado para tratamento da rosácea. Melhora as irritações da pele em geral. Deve ser usada em creme ou gel.  Lavender - pode ser usada em massagens (em creme ou loção) para relaxar, além de suavizar a pele.  Arnica - ajuda a aliviar pancadas, hematomas e regenera tecidos em caso de acne.

37 Aromaterapia  É um ramo da Fitoterapia que consiste no tratamento de doenças através do uso de aromas vegetais conhecidas como óleos essenciais.  Para se obter óleos essenciais, existem varias maneiras, mas a mais usada é através de destilação à vapor. O rendimento geralmente é muito baixo, sendo necessário, mais ou menos, 200 kg da planta para obter 1 lt de óleo essencial.  A Aromaterapia é usada principalmente nos casos de doenças infecciosas, devido aos poderes anti- séptico, bactericida, antibiótico, antifungicida e antiparasitário.  Mas, conforme o caso, podem apresentar outros benefícios: melhora a circulação, hiper e hipotensivas, tonificantes, estomacais, hormonais, cicatrizantes e outras.

38 Aromoterapia no tratamento  Alecrim: estimula a memória e o bom humor. Trata dores musculares e resfriados. Em cosméticos, combate a queda de cabelos e rejuvenesce a pele;  Camomila: Calmante e sedativo, combate a insônia;  Jasmim: Estimula a energia sexual. Ótimo para massagear músculos contraídos. Usado em cosméticos para pele seca, sensível ou irritada;  Cânfora: alivia o estresse físico e restaura a energia do corpo. Indicado para massagem  Sândalo: ajuda a pele a se manter úmida e com aparência jovem;  Citronela: repelente de insetos é estimulante e tem ação tonificante na transpiração excessiva da pele e na oleosidade;

39 Cromoterapia  A cor é utilizada para curar e ajudar muitas pessoas doentes e estressadas.  Nosso corpo absorve a energia das cores pela vibração que elas emanam.  Todos os órgãos, sistemas e funções do corpo, são conectados a centros de energia principais.  Todas as pessoas têm 7 centros de energia, chamados Chakras, e cada centro corresponde a uma das sete cores energéticas.  A cromoterapia produz mudanças na Aura utilizando diferentes técnicas: a base de lâmpadas de cores diferentes; a partir da água energizada pelos raios solares em recipientes de diversas cores; à base dos alimentos e suas diferentes cores; tratamentos baseados em exercícios de auto- equilíbrio e visualização de cores.Vestuário- as cores das roupas que usamos e a influência em nossa personalidade.

40 Cromoterapia na Estética CORCaracter í sticas Ó leos RelacionadosObserva ç ões VIOLETA Cor da transmutação, útil em pessoas resistentes às mudanças do cotidiano. Preventivo de processos infecciosos. Auxilia a meditação e elevação Canela, Laranja, Flor de Laranjeira, Citronela, Sândalo SÉTIMO CHAKRA – CORONÁRIO (SAHASRATA) Cor – Branca, violeta. ANIL ligado à intuição e assuntos da mente Cedro, Lavanda SEXTO CHAKRA – FRONTAL ou 3º OLHO (AJNA) Cor – violeta, índigo, roxo. AZUL -Distúrbios do sono / Agitação (inclusive mental), Tensão muscular e Stress. -Quando se busca a paz no ambiente -Ligado à fala (sapos engolidos; dificuldade para se expressar) Lavanda, N é roli, Alm í scar, Sândalo QUINTO CHAKRA – LAR Í NGEO (VISHUDDHA) Cor – azul, turquesa, prateado.

41 Cromoterapia na Estética II VERDE Cor da Saúde, é excelente para problemas orgânicos. Muito eficaz quando há histórico de problemas digestivos e no sistema nervoso. Menta, Limão, Lemongrass QUARTO CHAKRA – CARDÍACO (ANAHATA) Cor – rosa, verde. AMARELO Útil em tratamento de problemas ósseos. Concentração mental e fixação de informações (excelente cor para estudantes) Patchoully, Laranja, Pinho, Cravo, Gerânio TERCEIRO CHAKRA – PLEXO SOLAR ou ESTÔMAGO (MANIPURA) Cor – amarelo, dourado. LARANJA Ligado aos órgãos sexuais e rins, estimula o apetite e digestão. Aplicado em problemas cardíacos Citrus, Herbal SEGUNDO CHAKRA – UMBILICAL (SUADHISHTHAN A) Cor – laranja, pode ser usado multicolorido com predominância do amarelo.

42 Cromoterapia na Estética III ROSA Sendo a cor do Amor Universal, é excelente para ambientes com pessoas tristes, deprimidas e angustiadas. Rosa, Ylang-Ylang, Sândalo QUARTO CHAKRA – CARD Í ACO (ANAHATA) Cor – rosa, verde VERMELHO -Aumenta a atividade física das pessoas e seus órgãos. -Estimula o desenvolvimento e alívio das funções respiratórias em crianças. -Eficaz em distúrbios relacionados à pele e sangue. Eucalipto, Palmarosa, Pinho, Gerânio PRIMEIRO CHAKRA – BÁSICO (MULADHARA) Cores – preto, vermelho, fumê. Antídoto – verde ou azul. Para o tratamento utilizamos os conhecimentos da ciência ocidental, Ayurveda e Chinesa em conjunto.

43 Terapia Ortobiomolecular Quântica  O termo ortomolecular provém de duas palavras gregas, orto (equilíbrio) e molecular (das moléculas).  A Terapia Ortomolecular tem como objetivo básico compreender as interrelações bioquímicas que ocorrem em nosso organismo.  A Terapia Ortomolecular hoje em dia tem uma variante que é a Terapia Ortobiomolecular Quântica que tem uma visão mais energética da saude.

44 Ortomolecular na Estética  Vitamina A: antioxidante, restaura e constrói novos tecidos, auxilia no tratamento de acne e queda de cabelos.  Vitaminas do complexo B: antioxidantes, retardam o envelhecimento e beneficiam pele, cabelos e unhas.  Vitamina C: protege a pele da ação dos raios ultravioleta. Preserva a estrutura dos fibroblastos (fibras da musculatura) e colágeno.  Vitamina E: antioxidante, atua na membrana celular e protege a ação da vitamina C. Sua capacidade de reter água deixa a pele macia e hidratada e ajuda a prevenir o surgimento de linhas finas de expressão e atenuar as já existentes.  Colágeno: a carência deste aminoácido provoca flacidez na pele, queda de cabelos e enfraquecimento das unhas.  Cálcio: sua deficiência torna os cabelos finos e quebradiços e deixa as unhas fracas.  Cobre: ajuda a combater a queda de cabelo e as manchas no corpo, é antioxidante e atua no formação de colágeno e elastina, responsáveis pela sustentação da pele.  Ferro: sua carência pode resultar em unhas e cabelos fragilizados.  Magnésio: atua em sinergia com o zinco para energizar e tonificar a pele. Também é essencial na formação de proteínas, como a queratina.

45 Ortomolecular na Estética II  Potássio: é importante para manter a flexibilidade e a hidratação dos fios.  Selênio: antioxidante, protege as células dos radicais livres, auxilia na firmeza dos tecidos e no combate à caspa.  Silício: fortalece o cabelo e estimula o seu crescimento. Também contribui para formar colágeno e elastina.  Zinco: aumenta a ação de enzimas, que combatem os radicais livres; dá força aos cabelos e às unhas; reduz as linhas finas de expressão e ajuda no tratamento da acne.  Ômega-3: neutraliza as agressões externas, protege os vasos sangüíneos e diminui o ressecamento  Polifenóis: combate os radicais livres, auxilia no tratamento da celulite e protege os vasos sangüíneos. Para começar um bom tratamento o terapeuta Ortobiomolecular Quântico faz uma desintoxicação e elimina parasitas para um posterior equilíbrio molecular.

46 Reiki  Uma técnica japonesa para a canalização de Energia Vital Universal.  É uma Terapia Energética Natural que além de ativar glândulas, órgãos, sistema nervoso e imunológico, auxilia no tratamento do estresse e da depressão.  Por tratar o estresse, o Reiki está se tornando muito conhecido e usado em todo o mundo.  É ainda excelente para o alívio de dores e para todos os tipos de doenças físicas e mentais.  A beleza do Reiki está na sua integralidade e simplicidade.  Reiki é um método científico de cura reconhecido pela OMS.

47 Reiki na Estética  Consegue canalizar a energia de uma forma que ela acelera o seu organismo e metabolismo em até 3 vezes, queimando a gordura localizada e melhorando o organismo como um todo, e também acelerando a cicatrização e ajuda o corpo a eliminar as fibroses no pós cirurgia.

48 Do In  Desenvolvida na China há aproximadamente 5000 anos, o Do In é uma automassagem que está relacionada com a energia do corpo.  Pela sua teoria, a saúde está relacionada com a condição energética de nosso corpo e dos órgãos.  Se houver deficiência de energia, é sinal de que a atividade de determinado órgão está baixa.  Se ao contrário, o órgão projetar uma hiperatividade, é porque há excesso de energia.

49 Shiatsu  O Shiatsu, (shi = dedo, atsu = pressão) é uma técnica de massagem oriental para manter o equilíbrio entre o corpo e a mente.  Segundo os orientais, existe no organismo uma energia vital dividida entre forças opostas complementares (Yin, Yang).  A técnica consiste numa compressão suave em vários pontos dos meridianos ( caminhos de energia que percorrem o corpo ).  Os toques estimulam ou sedam a energia acumulada, melhorando o funcionamento dos órgãos de acordo com a necessidade de cada um.

50 Feng Shui  Originou-se há cerca de anos, nas planícies agrícolas da China Antiga.  Desde aquela época essa arte vem evoluindo como disciplina capaz de oferecer um sistema completo, ligando-nos intimamente à natureza e ao cosmo.  Seus diagnósticos e sugestões são capazes de resolver quase todos os problemas de uma casa e das pessoas que nelas habitam.  O Feng Shui visa harmonizar os ambientes em que as pessoas vivem e trabalham, objetivando uma vida mais feliz e harmoniosa.  O Feng Shui se funde hoje em dia ao conhecimento da modernissima radiestesia.

51 O que as terapias orientais adicionam a estetica?  Fisiologica  Emocional  Energetica Profundidade no tratamento

52 E para o esteticista?  Possibilidade de tratamento  Qualificação profissional  Aumenta seu valor de mercado  Estilo no ambiente e no atendimento  Uma nova visão da vida / lapida o terapeuta sem interferir em sua crença  Comunicação energética

53 Considerações Finais Ética e moralidade e união


Carregar ppt "Terapias Orientais na Estética Medicina Tradicional Ayurveda Medicina Tradicional Chinesa."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google