A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O presente projeto tem por finalidade resgatar as memórias, cultura, tradição, lugares de nosso município, fazendo com que os alunos conheçam sua cidade.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O presente projeto tem por finalidade resgatar as memórias, cultura, tradição, lugares de nosso município, fazendo com que os alunos conheçam sua cidade."— Transcrição da apresentação:

1

2 O presente projeto tem por finalidade resgatar as memórias, cultura, tradição, lugares de nosso município, fazendo com que os alunos conheçam sua cidade e a história da mesma. Neste livro virtual, está uma breve passagem por alguns campos relevantes que constituem Guarapuava. Buscamos juntamente com nossos alunos escrever de forma coletiva um texto onde as pessoas possam conhecer nossa cidade. Além da escrita do livro virtual em sala de aula, também fizemos vários passeios por lugares históricos e turísticos da cidade. Conversamos com alguns vereadores e fizemos entrevistas com moradores. Nós alunos e professores das 2ª séries do Colégio Aliança sentimo-nos honrados em poder conhecer e fazer parte desta história de conquistas e lutas do povo guarapuavano. Introdução

3

4 CAPÍTULO I HISTÓRICO Guarapuava foi dominada pelos espanhóis e recebeu o nome de Província de Vera, quando os portugueses chegaram e passaram a chamar o povo de Atalaia, pois construíram um pequeno forte (Fortim Atalaia) para se defender dos índios. Em 1819, foi criado um povoado chamado Freguesia Nossa Senhora de Belém de Guarapuava para onde se mudaram todos os moradores do atalaia. Mais tarde passou a ser chamada Guarapuava, vem da língua tupi-guarani e significa: Guará = lobo Puava = bravo Recebeu esse nome porque na região haviam muitos lobos.

5 PRIMEIROS HABITANTES Os primeiros habitantes de Guarapuava foram os índios caingangues. Eles trabalhavam na terra e os serviços eram divididos entre homens e mulheres. Eles caçavam, pescavam e guerreavam.

6 FUNDAÇÃO E ELEVAÇÃO A CIDADE Em 1852, passou a ser uma vila. No ano seguinte instalou-se a câmara municipal. O primeiro prefeito de Guarapuava foi Pedro Lustosa de Siqueira que assumiu em 21 de fevereiro de ÍCONES DE GUARAPUAVA LOBO-GUARÁ O animal símbolo da região, sua imagem na vasta paisagem e nos campos de Guarapuava mostra a riqueza na biodiversidade.

7 CACIQUE GUAIRACÁ O Cacique Guairacá ficou conhecido pela expressão: “co ivi oguere cô iara”, que quer dizer: “esta terra tem dono”. Ele lutou muito contra as invasões dos espanhóis.

8 TROPEIROS Os tropeiros foram pessoas importantes para Guarapuava, pois marcaram a cultura, com seu vestuário, hábitos e costumes. Eles viajavam o Brasil com suas tropas.

9 CAVALHADAS As “cavalhadas”, grande festa da cultura de Guarapuava, é uma tradição muito antiga. Mostra a luta entre mouros e cristãos.

10 NATUREZA Guarapuava representa uma boa parte da floresta paranaense. Conta com belas paisagens, serras, vales, pastagens e outros.

11 MUSEUS DE GUARAPUAVA MUSEU MUNICIPAL VISCONDE DE GUARAPUAVA Foi criado em 1948, funciona em um casarão no centro da cidade que pertenceu a: Antonio de Sá Camargo, o visconde de Guarapuava. O museu municipal conta com um valioso acervo da arquitetura urbana e histórica da cidade.

12 MUSEU DE CIÊNCIAS NATURAIS Esse museu está localizado dentro do “parque das araucárias”. Estão no museu variedade de insetos, coleção de rochas, ossos e carapaças de animais e vários animais empalhados

13 MUSEU DE ARTE SACRA D. FREDERICO HEMEL Estão nesse museu objetos antigos da igreja católica. Tem como responsável Pe. José de Paulo Bessa. MUSEU CASA DE LEITURA E DA MEMÓRIA Este museu guarda a história da cidade em forma de literatura. MUSEU HISTÓRICO DA COOPERATIVA AGRÁRIA DE ENTRE RIOS.. Este museu preserva a história da chegada dos alemães à Guarapuava e sua cultura.

14 CAPÍTULO II AS INDÚSTRIAS Guarapuava tem várias indústrias, elas produzem e exportam muitos produtos. Estão entre eles o papel, papelão, pasta mecânica, madeira serrada, chapas de madeira compensada, móveis, carvão ativado, goma laca, breu, erva-mate e malte. Principais indústrias: - Coamig - Agrária - Santa maria - Iberkraft - Agromalte e outras

15 A EDUCAÇÃO: ANTIGA E ATUAL No início, Guarapuava não tinha escolas e nem professores. E como só os meninos podiam aprender a ler, seus pais contratavam professores para irem ensinar em suas casas. As meninas só podiam aprender os afazeres domésticos. Mais tarde foram chegando à Guarapuava e se formaram as primeiras escolares. A primeira escola de Guarapuava funcionava onde hoje é o colégio visconde de Guarapuava. Hoje nós temos várias escolas em Guarapuava, da rede municipal e estadual, e também escolas particulares que fazem parte da educação de nossa cidade.

16 AS UNIVERSIDADES Nossa cidade tem uma grande universidade pública: a “Unicentro”, ela conta com curso de graduação, especialização e mestrado. A cidade tem ainda três faculdades particulares, são elas: Campo Real, Guarapuava e Guairacá.

17 OS HOSPITAIS A cidade conta com bons hospitais para atender a população de Guarapuava e região. São eles: •Hospital de Caridade São Vicente de Paulo •Hospital Santa Tereza •Hospital Estrela de Belém OS BANCOS A casa Missino foi a primeira casa bancária da cidade, que realizava as operações de crédito. Mais tarde foram se instalando outros bancos privados e públicos, como: Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil, Banestado (hoje Itaú), Banco Bamerindus (HSBC), Bradesco, Mercantil, Unibanco, Real, Sicredi e outros que atendem a população urbana e rural. MEIOS DE TRANSPORTE No começo os transportes eram bem difíceis, pois não havia boas estradas e só se usavam alguns animais ou mesmo a pé. Com a construção de algumas estradas, e a modernização dos carros tudo melhorou. Hoje Guarapuava conta com o transporte rodoviário (estradas de rodagem), transporte coletivo urbano, transporte ferroviário e aéreo.

18 CAPÍTULO III A ZONA RURAL O solo de Guarapuava é próprio para agricultura, ele é muito fértil. Em nosso município os solos recebem as seguintes plantações: soja, trigo, arroz, cevada, batata, feijão, milho. E predominam algumas frutas como a maçã. A PECUÁRIA A nossa cidade tem um grande rebanho, se destaca pela modernidade nas tecnologias adotadas na criação desses animais. Na criação de gado destacam-se as raças Charolês, Simental, Nelore, Limousin, Jérsey, Holandês e Gir. Entre os ovinos estão: Ddown, Texel, Sulffolk, Ile de France, Hampshire. E os eqüinos da raça Árabe e crioulo.

19 O EXTRATIVISMO As nossas riquezas minerais mais importantes estão em lugares do município onde as águas são termais. Existem grandes jazidas de pedra granito que são usadas em construções. E também a extração da erva-mate e da madeira.

20 CAPÍTULO IV FESTAS TÍPICAS Uma festa tradicional em Guarapuava são “as cavalhadas”, ela marcou o início do folclore de Guarapuava por muitos anos. Outra festa guarapuavana é a dança de são Gonçalo, que foi trazida para Guarapuava pelos portugueses. Gonçalo era um padre português, tocador de violas, que gostava muito de dançar. Essa dança é oferecida como pagamento de promessas por uma graça recebida. As festas juninas também são uma forma de cultivar um costume ou uma cultura, de reverenciar os santos do mês de junho: São João, São Pedro e Santo Antônio.

21 PONTOS TURÍSTICOS DE GUARAPUAVA SALTO SÃO FRANCISCO DA ESPERANÇA É um dos maiores saltos d’água do sul do Brasil, são 196 metros de cachoeira. É uma atração inigualável.

22 LAGOA DAS LÁGRIMAS Entre prédios e construções temos uma bela paisagem natural. Onde podemos fazer caminhadas e um ótimo espaço para as crianças. PARQUE DO LAGO Mais um pedaço da natureza na cidade. Cheio de atrações para todas as idades, como: pista de caminhada, pista de skate e bicicleta, parques, academia e outros.

23 RIO JORDÃO Está a poucos quilômetros da cidade, e é um excelente espaço para todas as famílias de Guarapuava desfrutarem da natureza.

24 CATEDRAL Espaço de religiosidade e que guarda muito da cidade, com pinturas feitas à mão, ela é um patrimônio histórico.

25 CAPÍTULO V OS LIMITES Guarapuava é uma cidade que atende os municípios vizinhos com hospitais, clínicas e o comércio. Os municípios que fazem divisa com Guarapuava são: Norte: Campina do Simão Turvo Sul: Pinhão Leste: Prudentópolis Inácio Martins Oeste: Candói Cantagalo

26 DISTRITOS URBANOS São distritos urbanos de nossa cidade: •Guarapuava (sede) •Carro quebrado •Boqueirão •Morro alto •Jordão DISTRITOS RURAIS São distritos rurais de Guarapuava: •Palmeirinha •Guará •Guairacá •Entre rios

27 OS RIOS Os principais rios de Guarapuava são: •Rio Jordão formado pelo Ribeirão das Pedras e o Rio Bananas. •Rio Pinhão •Rio Coutinho •Rio Campo Real •Rio das Mortes •Rio Piquiri •Rio São João

28 As principais serras são: •Esperança, São João e Araras.

29 CONCLUSÃO Ao finalizarmos este trabalho podemos dizer que os objetivos foram alcançados. Durante o período de realização do livro, visitamos os pontos turísticos de Guarapuava onde tivemos oportunidade de conhecer um pouco mais sobre a história de nossa cidade. O trabalho de pesquisa em livros, internet, acervos fotográficos, mapas, permitiram ampliar nossos conhecimentos e nos trouxe subsídios que usamos no livro virtual. Foi um momento onde a aprendizagem ocorreu de forma significativa e divertida. Feliz o povo que preserva sua memória, Feliz a criança que conhece e respeita! (Rosana ap. Schwartz)

30 BIBLIOGRAFIA •Marcondes, Gracita Gruber. Guarapuava, história e trabalho. Textos históricos. Guarapuava, Unicentro, •Vaz, Terezinha Aguiar. Guarapuava, história e poesia •www.guarapuava.pr.gov.br •www.ibge.com.br •www.wikipédia.com.br

31 ANEXOS FICHA DE ENTREVISTA 1. Qual é o seu nome? Iolanda Ribeiro Sanquetta 2. Qual a sua idade? 64 anos 3. Há quanto tempo você mora neste município? 64 anos 4. como foi a sua infância e sua juventude quanto a: a) diversão: Cheia de alegria e muita afinidade com a família. b) roupas: Roupas finas feitas à mão com muito cuidado e delicadeza pela minha irmã mais velha. c) costumes: Danças dos anos 60; alimentação toda caseira. d) meios de transportes: Somente a pé, carroça, charrete e carro (pouco). e) Festas típicas: Festas nas residências e clubes. 5. Quais foram as mudanças mais marcantes que ocorreram no município? Grande desenvolvimento econômico, cultural e religioso. Aumento da população com grande migração de diversas etnias. 6. Quais os principais problemas enfrentados pelos cidadãos do município? Estradas precárias, energia elétrica movida à lenda, comércio escasso. Porém as pessoas viviam alegres e felizes com amizades verdadeiras.

32 FICHA DE ENTEVISTA 1. Qual é o seu nome? Josélia Venâncio de Souza. 2. Qual a sua idade? 67 anos 3. Há quanto tempo você mora neste município? 42 anos 4. como foi a sua infância e sua juventude quanto a: a) diversão: bailes, festas religiosas, futebol, etc. b) roupas: roupas decentes: camisa branca e calça preta ou azul.. c) costumes: namoro na casa dos pais da moça ou se saísse, com acompanhante. d) meios de transportes: cavalo, carroça, ônibus, caminhão. e) Festas típicas: festas nas igrejas, casamentos, festa caipira. 5. Quais foram as mudanças mais marcantes que ocorreram no município? Educação: antes tinha que estudar nos grandes centros, Curitiba, etc. 6. Quais os principais problemas enfrentados pelos cidadãos do município? 1- Meios de transporte, não tinha asfalto. 2 – comunicação precária, só rádio, telefone quase não existia em muitos lugares. 3 – Saúde preventiva, não tinha, o povo não tinha informações a respeito

33 FICHA DE ENTREVISTA 1. Qual é o seu nome? Dirce Xavier Veshagem 2. Qual a sua idade? 85 anos 3. Há quanto tempo você mora neste município? 49 anos 4. como foi a sua infância e sua juventude quanto a: a) diversão/ roupas/ costumes/meios de transportes/festas típicas. Sempre participava das atividades na escola como teatro, desfile. Na juventude ia ao cinema, bailes. Quanto a roupas, meios de transportes, procurava me adaptar aos costumes da época. 5. Quais foram as mudanças mais marcantes que ocorreram no município? Com o fim do ciclo da madeira, houve o crescimento da agricultura e da pecuária. 6. Quais os principais problemas enfrentados pelos cidadãos do município? Falta de cursos profissionalizantes para pessoas com menos poder aquisitivo.

34 FICHA DE ENTREVISTA 1. Qual é o seu nome? Nahir Camargo Teixeira 2. Qual a sua idade? 76 anos 3. Há quanto tempo você mora neste município? 76 anos 4. como foi a sua infância e sua juventude quanto a: a) diversão: Minha infância foi saudável e plena de alegrias. Com as crianças da vizinhança brincava de roda, de amarelinha, esconde-esconde e de casinha de bonecas. Desde a minha infância, depois gostava de ler. Quando criança lia os Contos Infantis. Na adolescência, a coleção de Monteiro Lobato. Na juventude, os romances da série menina moça. A minha preferência te hoje é leitura. b) roupas: As roupas da época, eram vestidos no modelo camisola para as meninas menores e na adolescência, vestidos com saia godê, blusas com babados de renda e passa-fitas. c) costumes: As crianças daquela época eram bem comportadas e obedientes. Nunca faziam gritarias, nem na escola e nem no lar. Eram respeitosas com as pessoas idosas, avós, tios, padrinhos, pedindo-lhes a benção. Era costume, os vizinhos se visitarem, geralmente à noite. As famílias eram numerosas, algumas até com 10 a 12 filhos. As crianças quando se reuniam com os vizinhos, era uma festa, com brincadeiras variadas. d) meios de transportes: Como meio de transporte havia carroças, charrete e o carro motorizado Ford. Particularmente, a minha preferência era cavalgar. e) Festas típicas: Dentre as festas típicas as que mais se destacavam eram a festa da Padroeira Nossa Senhora de Belém, com novenas solenes e, após, as quermeces com barraquinhas de doces e salgados. Um dos atrativos para os jovens era o correio elegante: os rapazes enviavam bilhetinhos às suas admiradoras preferidas. Muitas vezes, essa brincadeira terminava em casamento. Comemorava-se também a Festa de São João, com reza na capela e, no pátio, a fogueira, onde pulavam e, depois sob as brasas assavam pinhão e batata doce. Não faltavam também o quentão, os fogos e rojões. À noite, a festa prosseguia com animado baile sob o comando de violeiros e sanfoneiros. 5. Quais foram as mudanças mais marcantes que ocorreram no município? Podemos citar como um acontecimento marcante para o município, a vinda dos Suábios do Danúbio que se estabeleceram na Colônia de Entre Rios, trazendo a força, a coragem e o exemplo de um trabalho intenso e produtivo, colaborando com o progresso desta região. Na cidade, o que mais se destacava é a fundação da Universidade e demais Faculdades, transformando Guarapuava num pólo universitário, com desenvolvimento, a dormação e a cultura em nossa região. Pois, sabemos que povo instruído e educado é povo desenvolvido. 6. Quais os principais problemas enfrentados pelos cidadãos do município? Dentre os problemas que os cidadãos do município enfrentam, destacamos dois: falta de emprego e mais dinamismo na área da saúde.

35 Fotos Praça 9 de Dezembro

36 Museu municipal

37 Parque das Crianças

38 Paço Municipal

39 Sala de reuniões do Prefeitura Municipal

40 Sessão com o Vereador Gilson Amaral

41 Estando no papel de vereadores


Carregar ppt "O presente projeto tem por finalidade resgatar as memórias, cultura, tradição, lugares de nosso município, fazendo com que os alunos conheçam sua cidade."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google