A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

TEORIA DAS CORES A Teoria das Cores se divide em duas linhas distintas: A teoria Cor Pigmento (Leonardo da Vinci); A teoria Cor Luz (Isaac Newton).

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "TEORIA DAS CORES A Teoria das Cores se divide em duas linhas distintas: A teoria Cor Pigmento (Leonardo da Vinci); A teoria Cor Luz (Isaac Newton)."— Transcrição da apresentação:

1 TEORIA DAS CORES A Teoria das Cores se divide em duas linhas distintas: A teoria Cor Pigmento (Leonardo da Vinci); A teoria Cor Luz (Isaac Newton).

2 TEORIA DAS CORES Teoria das Cores de Leonardo da Vinci (Cor Pigmento);
Tratado da Pintura e da Paisagem - Sombra e Luz; Primeira edição anos após sua morte.

3 Leonardo Da Vinci (Vilarejo de Vinci 1452-1519)
TEORIA DAS CORES Leonardo Da Vinci (Vilarejo de Vinci ) Mona Lisa

4 TEORIA DAS CORES Última Ceia Protótipo – “Helicóptero”

5 Teoria das Cores Teoria das Cores segundo Isaac Newton (Cor-Luz);
Experiência de Newton (composição da luz branca); A importância da Luz na percepção das cores; Enxergamos as cores segundo a reflexão da luz;

6 Isaac Newton (Woolsthorpe, 25/12/1642)
Teoria das Cores Residência de Newton - Inglaterra Isaac Newton (Woolsthorpe, 25/12/1642)

7 Experiência de Newton - 1666
Teoria das Cores Experiência de Newton Disco de Newton

8 Disco Cromático Usado para entender melhor a teoria das cores;
Trata do sistema cor-pigmento de da Vinci (diferente de cor – luz); Possui as cores: Primárias, Secundárias e Terciárias.

9 Disco Cromático

10 Cores (sistema Cor – Pigmento)
CORES PRIMÁRIAS: Cores puras, não se fragmentam; CORES SECUNDÁRIAS: São formadas a partir da combinação das cores primárias; CORES TERCIÁRIAS: São obtidas da combinação de uma primária com uma ou mais cores secundárias.

11 Cores Cores Primárias - Pigmento:

12 Cores Cores Primárias – Luz (comparação)

13 Cores Secundárias Verde = Azul + Amarelo;
Violeta (magenta) = Azul + Vermelho; Laranja = Azul + Amarelo. Obs: Cor – pigmento.

14 Cores Secundárias Verde, laranja e violeta;
Baseando-se no critério de cor-pigmento.

15 Cores Terciárias São formadas pela mistura das primárias e secundárias. - Amarelo-alaranjado; - Vermelho-alaranjado; - Vermelho-violeta; - Azul-violeta; - Azul-esverdeado; - Amarelo-esverdeado;

16 Cores Terciárias

17 Cores Complementares A Cor que está em oposição a cor primária no Disco Cromático; Elas causam grande contraste quando combinadas; Uma cor primária possui sempre uma cor secundária que a complementa; Elas se neutralizam. Ex.: Acrescentando violeta ao amarelo ele escurece até se tornar cinza e depois preto.

18 Vincent Van Gogh (Holanda 1853-1890)
Cores Complementares Vincent Van Gogh Vincent Van Gogh (Holanda )

19 Cores Neutras O cinza e o marrom são considerados cores neutras;
São também considerados cores neutras tons de amarelo, verde e azul acinzentados e violeta amarronzado; Função: Dar profundidade as cores aproximadas pois possuem baixa reflexividade à luz.

20 Moda: Idéia de luxo e conforto coleção inverno
Cores Neutras Baixa reflexividade – idéia de conforto. Moda: Idéia de luxo e conforto coleção inverno São João Batista (Leonardo da Vinci)

21 Cores Análogas São cores que pertencem a mesma família de tons (lado a lado no diagrama); Seu objetivo é dar a sensação de uniformidade sem deixar a sensação de monotonia; Elas possuem sempre uma cor básica. Ex.: O amarelo-ouro e o laranja-avermelhado possuem em comum a cor laranja.

22 Desenho em cores análogas e complementares.
O Rio (Claude Monet 1868)

23 Cores Complementares e Análogas

24 “Calor da Cores” Cores Quentes e Cores Frias;
Cores quentes: Vibrantes, transmitem calor, alegria, energia. Tons que variam do vermelho ao amarelo, passando pelo laranja; Cores frias: Calmantes, transmitem serenidade, frio, tranqüilidade. Tons de azul, verde e violeta.

25 Cores Quentes Girassóis – Van Gogh

26 Claude Monet (França 1840 – 1926)
Cores Frias Claude Monet (França 1840 – 1926)

27 Tons das Cores Os tons das cores são resultantes da combinação destas com o preto ou branco (escalas tonais); Refletem a maior ou menor quantidade de luz na cor; Para menores quantidades de luz (tons mais escuros) acrescenta-se o preto, do contrário acrescenta-se o branco (tons mais claros).

28 Tons das Cores

29 Agora que sabemos mais sobre as cores vamos entendê-las do ponto de vista psicológico. Abaixo segue um pequeno roteiro de aplicação das cores utilizando seu Potencial Comunicativo:                                                         Significado das Cores Força, euforia, alegria, confiança... Estimulante, alerta, segurança... Dinamismo, energia, revolta, calor, raiva... Bem-estar, paz, saúde, equilíbrio... Viagem, verdade, intelectualidade, advertência... Fantasia, mistério, egoísmo, espiritualidade... Estima, valor, dignidade... Pensar, melancolia, elegante, Tradição (tendendo ao antigo)... As cores, através da psicologia pode criar um significado, uma impressão.

30 Sistema CMYK e RGB Sistema RGB Sistema CMYK

31 Sistema CMYK Assim chamado por ser composto das cores primárias do sistema cor – pigmento; É utilizado em impressões, fotocopiadoras e impressoras (tintas, pigmentos); A mistura das três cores gera o preto; É um sistema subtrativo (subtrai luminosidade da luz branca – Absorção); Depende da reflexão da luz no pigmento para ser visto.

32 Sistema CMYK

33 Sistema CMYK - Impressão
Decomposição das cores na impressão (CMYK)

34 Sistema RGB Sistema baseado no princípio da teoria cor– luz;
Representa as cores primárias do sistema cor– luz; Sistema aditivo de cores (as cores são resultado da adição das luzes); Sua mistura produz a luz branca; É utilizado em monitores, olho humano, etc.

35 Sistema RGB


Carregar ppt "TEORIA DAS CORES A Teoria das Cores se divide em duas linhas distintas: A teoria Cor Pigmento (Leonardo da Vinci); A teoria Cor Luz (Isaac Newton)."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google