A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

HEPATITES VIRAIS PET FARMÁCIA UNIFAL – MG - 2011.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "HEPATITES VIRAIS PET FARMÁCIA UNIFAL – MG - 2011."— Transcrição da apresentação:

1 HEPATITES VIRAIS PET FARMÁCIA UNIFAL – MG

2 O QUE É?

3

4 QUAIS OS TIPOS?

5 HEPATITE A

6

7 HEPATITE B

8

9 HEPATITE C

10

11

12

13 HEPATITE D

14 HEPATITE E

15 Disponibilidade de água potável para consumo humano PREVENÇÃO E CONTROLE

16 Sistema destinado ao escoamento e depósito de dejetos de origem humana, como fossas sépticas PREVENÇÃO E CONTROLE

17 Alimentos devem ser preparados com boas práticas de higiene PREVENÇÃO E CONTROLE

18 Manicures e podólogos devem usar alicates esterilizados e outros instrumentos descartáveis PREVENÇÃO E CONTROLE

19 Portadores de hepatites dos tipos B, C e D devem ser orientados a não compartilhar objetos de uso pessoal, ao uso de “camisinha” nas relações sexuais, a não compartilhar materiais para colocação de piercing e tatuagem PREVENÇÃO E CONTROLE

20 Ampliar os testes sorológicos para hepatites virais RESULTADO

21

22 MANICURE: UMA PROFISSÃO DE RISCO E RESPONSABILIDADE

23 A manicure está sempre exposta a riscos e infecções, isso sem falar na responsabilidade e respeito que qualquer profissional deve ter com suas clientes.

24 Se você já é uma profissional de vários anos ou está começando agora, esperamos que esse curso possa lhe ser útil...

25  Uma em cada dez manicures ou pedicures possui hepatite;  Essas profissionais não adotam medidas de segurança necessárias para evitar o contágio e sequer sabem dos riscos de saúde relacionados à atividade que exercem.  2% simplesmente não utilizavam nenhum método de esterilização.

26 Você que é manicure, já parou para pensar, por exemplo, na enorme quantidade de microrganismos que fica embaixo das unhas das mãos? E nas unhas dos pés?

27 Agora você começa a entender quais são as responsabilidades de uma manicure!!!

28 Classificação dos Instrumentos: 1- CRÍTICOS: como alicates, conseguem atravessar a pele e penetrar no sistema circulatório. Por isso precisam ser esterilizados constantemente. 2- SEMI-CRÍTICOS: penetram apenas um pouquinho na pele, como as espátulas e os afastadores. Mesmo assim também precisam ser desinfetados. 3- NÃO CRÍTICOS (as lixas): tocam a superfície da pele, mas não entram em contato com o sangue e, por isso, oferecem menos perigo.

29 Fórmulas anti-sépticas e Desinfetantes • O hipoclorito de sódio (cloro), por sua vez, é indicado para a limpeza de bacias, mas não para os instrumentos metálicos, como alicates e espátulas, pois sua fórmula é altamente corrosiva; • Além de seguro (e fácil de ser encontrado em qualquer farmácia), o álcool etílico (70%) é bastante eficaz para a higienização de materiais. Também é compatível com ferramentas metálicas. Mergulhe-as na solução por 10 minutos.

30 BELEZA COM SEGURANÇA

31 A CLIENTE CHEGOU, E AGORA?

32 ALICATES, ESPÁTULAS E OUTROS MATERIAIS DE METAL • Devem ser lavados e escovados com sabão líquido, em água corrente abundante, ou lavadora ultrassônica a cada procedimento; • Em seguida, enxaguar, secar e acomodar o material em embalagem apropriada para o processo de esterilização; • Data de esterilização e o nome de quem preparou o material;

33 ALICATES, ESPÁTULAS E OUTROS MATERIAIS DE METAL • Recomenda-se que cada profissional tenha no mínimo 06 (seis) jogos de alicate e espátula de metal, para garantir sua saúde e a de seu cliente.

34 NO ENTANTO...

35 AGORA, UMA PÉSSIMA NOTÍCIA...

36 PROCESSO DE ESTERILIZAÇÃO • VAPOR SATURADO / AUTOCLAVE Um dos métodos mais seguros.

37 ESTERILIZAÇÃO POR AUTOCLAVE • Deixar os instrumentos em imersão em detergente enzimático por dez minutos;

38 ESTERILIZAÇÃO POR AUTOCLAVE • Limpar os alicates e as espátulas com escova pequena e de cerdas macias;

39 ESTERILIZAÇÃO POR AUTOCLAVE • Enxaguar. Secar com toalha de papel;

40 ESTERILIZAÇÃO POR AUTOCLAVE • Utilize um borrifador ou gotejador para lubrificar as áreas de articulação. Movimente os alicates para facilitar a penetração do líquido;

41 ESTERILIZAÇÃO POR AUTOCLAVE • Proteger as pontas de alicates com algodão;

42 ESTERILIZAÇÃO POR AUTOCLAVE • Embalar em papel grau cirúrgico, montando cada kit em um envelope com 1 alicate e 1 espátula;

43 ESTERILIZAÇÃO POR AUTOCLAVE • Colocar no suporte para envelopes, um pacote em cada espaço;

44 ESTERILIZAÇÃO POR AUTOCLAVE • Coloque a quantidade de água destilada conforme solicitado no manual de instruções;

45 ESTERILIZAÇÃO POR AUTOCLAVE • Coloque o suporte com os envelopes na autoclave e realize o ciclo de esterilização; • Ciclos entre 121ºC e 134ºC de temperatura em presença de vapor. O ciclo total com secagem dura cerca de 1 hora.

46 ESTERILIZAÇÃO POR AUTOCLAVE • Luvas - Depois de usar as luvas, lave-as com água e sabão, enxágue, enxugue com papel toalha e desinfete-as com álcool a 70%, ainda calçadas nas mãos. Retire e guarde-as em local apropriado.

47 CALOR SECO/ ESTUFA • A temperatura para garantir a esterilização é de 170ºC por 1 hora ou 160º C por 2 horas. • Não pode ser aberta durante a esterilização; • Os alicates, espátulas e outros instrumentos de metal esterilizados devem ser guardados, em local limpo e seco e constar na embalagem a data da esterilização.

48 • Não é recomendado o uso de palitos de madeira por não ser possível uma adequada limpeza/desinfecção do mesmo, quando usá- lo descarte-o imediatamente após o uso.

49 CONCLUÍDO O SERVIÇO, DEVE-SE: • Lavar as mãos após o atendimento de cada cliente; • Lavar e esterilizar todos os instrumentos utilizados ou não, pois mesmo sem uso, estarão contaminados e devem estar limpos e esterilizados para o próximo cliente; • Lavar as bacias e cubas com água e sabão líquido ou detergente após cada uso; • Colocar os instrumentos utilizados em caixa plástica lavável, sinalizada: “Instrumentos Contaminados” e prepará-los para o processo de esterilização.

50 OBRIGAD O!!!


Carregar ppt "HEPATITES VIRAIS PET FARMÁCIA UNIFAL – MG - 2011."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google