A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

www.dct.uc.pt/lrn A TERRA É COMPOSTA POR ROCHAS QUE CONTÊM ELEMENTOS QUÍMICOS COM ISÓTOPOS RADIOACTIVOS NA SUA COMPOSIÇÃO 2.8 % 10.7 ppm 2.8 ppm.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "www.dct.uc.pt/lrn A TERRA É COMPOSTA POR ROCHAS QUE CONTÊM ELEMENTOS QUÍMICOS COM ISÓTOPOS RADIOACTIVOS NA SUA COMPOSIÇÃO 2.8 % 10.7 ppm 2.8 ppm."— Transcrição da apresentação:

1

2

3 A TERRA É COMPOSTA POR ROCHAS QUE CONTÊM ELEMENTOS QUÍMICOS COM ISÓTOPOS RADIOACTIVOS NA SUA COMPOSIÇÃO 2.8 % 10.7 ppm 2.8 ppm

4 238 U 235 U 232 Th 40 K ISÓTOPOS RADIOACTIVOS A partir de cada um destes geram-se novos isótopos, também radioactivos, formando cadeias

5 238 U 234 Th 234 Pa 234 U 226 Ra 210 Bi 210 Po 206 Pb 218 Po 214 Pb 214 Bi 214 Po 210 Pb 222 Rn 231 Th 231 Pa 227 Th 223 Ra 207 Pb 215 Po 211 Pb 211 Bi 211 Po 207 Tl 219 Rn 228 Ra 228 Ac 228 Th 224 Ra 208 Pb 216 Po 212 Pb 212 Bi 212 Po 208 Tl 220 Rn 40 Ca 40 Ar CADEIAS DE DECAIMENTO RADIOACTIVO NATURAIS 235 U 40 K 232 Th 230 Th alfa beta + gama Radiação emitida em cada transformação

6 Ar Ingestão Alimentação Inalação Radiação interna Por conseguinte, em qualquer lugar estamos sempre expostos a radiações ionizantes de origem natural Espaço exterior (Radiação cósmica) Radiação externa Rochas Solos (Exposição directa)

7 Medicina Fontes artificiais Radiação cósmica Radiação externa Radiação interna Radão 45% Fontes naturais e artificiais de radiação ionizante e sua importância relativa (média anual global) Então a mãe-natureza é a principal fonte de exposição do Homem à radiação ionizante, em especial através da inalação do gás radão. 1,2 0,80,4 mSv

8 IsótopoMeia-vida 238 U4,5 x 10 9 a 234 Th24,1 d 234 Pa1,2 m 234 U2,5 x 10 5 a 230 Th7,7 x 10 3 a 226 Ra1600 a 222 Rn3,82 d 218 Po3 m 214 Pb27 m 214 Bi20 m 214 Po 164  s 210 Pb22 a 210 Bi5 d 210 Po138 d 206 Pbestável 234 Pa 234 Th 238 U 234 U 230 Th 226 Ra 222 Rn 218 Po 214 Pb 214 Bi 214 Po 210 Pb 210 Bi 210 Po 206 Pb Decaimento alfa Decaimento beta 222 Rn – radão (3,8 dias) Integra a cadeia do 238 U O caso particular do gás radão Meia vida Descendentes sólidos

9 206 Pb 218 Po 214 Pb 214 Po 214 Bi 222 Rn Mineral Ar Água 226 Ra 222 Rn Permeabilidade Principais factores geológicos de controlo: concentração em U, suporte mineralógico e permeabilidade 226 Ra 222 Rn Transferência do gás radão da rocha para o ar

10 Canos Fissuras Transferência do gás radão da rocha para o interior de uma habitação

11 Radão Descendentes Descendentes radioactivos radioactivos Inalação do gás radão e seus descendentes pelo Homem

12 Os descendentes de vida curta, em especial 218 Po e 214 Po, depositam uma elevada dose de radiação no tracto respi- ratório Chumbo-210 Polónio-214 Bismuto-214 Chumbo-214 Polónio-218 Radão-222      Chumbo-206 Polónio-210 Bismuto-210    22 anos 4 dias 3 min 27 min 20 min 0.2 ms 5 dias 138 dias Estável

13 O que acontece na célula quando os descendentes do radão são inalados? nRnRnRnRadiação pode alterar as células (DNA) incrementando o potencial de risco de cancro  P P P Partículas altamente radioactivas aderem ao tecido pulmonar podendo deste modo irradiar células sensíveis.

14 Total de mortes estimadas em ,510 Total dos casos atribuídos ao gás radão – 21,000 e em Portugal ????? Dados estatísticos – cancro do pulmão (EUA) Quantas pessoas terão falecido, só nos EUA e desde o acidente de Chernobyl, devido à radioactividade natural ? E quantos óbitos resultaram do acidente de Chernobyl ?

15 Mortes por cancro Pulmão (radão) Fígado Cérebro Estômago Melanoma Boca Leucemia Ossos A incidência do cancro do pulmão, induzido pela inalação do gás radão, em comparação com outros tipos de cancros (EUA – 2005)

16

17 Limites propostos para as concentrações de radão em habitações (média anual – Bq.m -3 ) 1 – União Europeia 2 – República Checa 3 – Finlândia 4 – Reino Unido 5 – Alemanha 6 – Irlanda 7 – Noruega 8 – Eslovénia 9 – Suécia 10 – Suíça 11 – Estados Unidos 12 – Canadá e em Portugal ????? Nota: recentemente foi publicada legislação aplicável apenas a edifícios de serviços já existentes com área útil superior a 500 m 2 e a construir com área útil superior a 1000 m 2 (apenas para edifícios localizados nos distritos de Braga, Vila Real, Porto, Guarda, Viseu e Castelo Branco); segundo Decreto-Lei nº79/2006 de 4 de Abril que regula a certificação energética dos edifícios, referindo-se como valor máximo admissível 400 Bq.m -3. Bq (Becquerel) - desintegração de um átomo em cada segundo (Bq.l -1 ; Bq.m -3 /Bq.kg -1 )

18 Fonte: Radiation Atlas (1993) Fonte: ITN Assim, a região centro é campeã europeia no campeonato do radão Concentrações de radão no interior de habitações (Portugal, Europa) Valores médios (Bq/m 3 )

19 Rochas sedimentares Rochas metamórficas Rochas graníticas Qual a razão para isso? Onde está a fonte do radão ? O urânio presente nas rochas, em especial num certo tipo de rochas Pois, mas a culpa não é só minha...

20 Carta geológica Granito Falha Concentração de radão nas rochas/solos Minerais de urânio (autunite) As falhas geológicas enriquecidas em U são as principais fontes de radão Nº de locais semelhantes detectados até ao momento em Portugal: ca (dispersos especialmente nas Beiras e Alto Alentejo) Risco de radão Não, isto não é uma antiga mina de U mas sim o local de implantação de um edifício de habitação (área urbana situada na Beira Alta) U = 8 ppm U = 1500 ppm

21 Radiação gama (cps) Radão nos solos Como se detectam as zonas problemáticas ? Com base em dados geológicos e com utilização de técnicas complementares de prospecção Radão no ar Radão e outros radioisótopos (naturais e artificiais na água) Rochas metassedimentares ( cps) Granitos ( cps) Áreas com níveis elevados de radiação gama ( cps) Falhas Mapas geológicos

22 Avaliar as concentrações do gás radão e de outros radioisótopos naturais em diferentes meios (rochas, solos, água, ar e cadeia alimentar); Identificar os factores geológicos que controlam a distribuição no ambiente daqueles radioisótopos; Prevenir a exposição a concentrações elevadas de radão e de outros radioisótopos através da identificação prévia das áreas de maior risco (mapas de potencial de risco). Principais objectivos do trabalho de investigação realizado no LRN


Carregar ppt "www.dct.uc.pt/lrn A TERRA É COMPOSTA POR ROCHAS QUE CONTÊM ELEMENTOS QUÍMICOS COM ISÓTOPOS RADIOACTIVOS NA SUA COMPOSIÇÃO 2.8 % 10.7 ppm 2.8 ppm."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google