A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 REDE DE GESTÃO DA PROPRIEDADE INDUSTRIAL NO ESTADO DO PARANÁ Data: 19-21 de outubro de 2005 Marcus Julius.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 REDE DE GESTÃO DA PROPRIEDADE INDUSTRIAL NO ESTADO DO PARANÁ Data: 19-21 de outubro de 2005 Marcus Julius."— Transcrição da apresentação:

1 1 REDE DE GESTÃO DA PROPRIEDADE INDUSTRIAL NO ESTADO DO PARANÁ Data: de outubro de Marcus Julius Zanon Workshop para Avaliação dos Núcleos de Apoio ao Patenteamento e dos Escritórios de T T - Potencialidades Face à Lei da Inovação -

2 EDITAL FVA/TIB : FINEP/CNPq 01/2002 PROCESSO Nº / TÍTULO DO PROJETO REDE DE GESTÃO DA PROPRIEDADE INDUSTRIAL NO ESTADO DO PARANÁ INÍCIO - Dez./2002 TÉRMINO Set./2004 IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO Criação de uma Rede de GESTÃO da Propriedade Industrial no Estado do Paraná com a participação do TECPAR – Instituto de Tecnologia do Paraná, do Centro Federal de Educação Tecnológica do Paraná CEFET-PR e da UFPR – Universidade Federal do Paraná. JUSTIFICATIVA DA PROPOSIÇÃO Implantação de um Programa de Gestão da Propriedade Industrial no Estado do Paraná, na forma de rede integrada de núcleos de proteção da propriedade industrial,

3  Importa o presente convênio no valor global de R$ ,01  O CNPq disponibilizou  R$ ,69 para custeio das 3 instituições e o montante de  R$ ,32 na forma de 4 bolsas (3 ITI 1A + 1 DT 7H)  A CONVENENTE disponibilizou a título de contrapartida a importância de R$ ,00 na forma de bens e serviços economicamente mensuráveis, conforme proposta apresentada à chamada. EDITAL FVA/TIB : FINEP/CNPq 01/2002 PROCESSO Nº /2002-3

4 4

5 5  disseminar a cultura de Propriedade Industrial para as Instituições Paranaenses, através da criação da Rede Paranaense de Propriedade Industrial;  apoio em gestão do conhecimento científico e tecnológico aos pesquisadores e aos setores produtivos do Paraná;  apoio à proteção da Propriedade Industrial especialmente no que se refere a patenteamento de resultados inovadores de pesquisa. Agência Paranaense de Propriedade Industrial - APPI criada em agosto de 2002 com o apoio do TECPAR e da Fundação Araucária.

6 6 Universidades Estaduais e Órgãos Públicos

7 7 AÇÕES ESTRATÉGICAS DA REDE de PI no Paraná: • Introduzir a cultura do sistema de propriedade intelectual nas instituições tecnológicas; • Fomentar o uso dos Sistemas de Informações tecnológicas de Patentes; • Fomentar a criação de Núcleos de Gestão e Comercialização de Tecnologia nas instituições tecnológicas; • Capacitação Profissional em PI; • Estudar modelos de apoio ao inventor; • Discutir e propor mecanismos que viabilizem a transformação de tecnologias de bancada em produtos comerciais;

8 8 AÇÕES ESTRATÉGICAS DA REDE: • Implantar “Portais” com informações de PI, bibliotecas em propriedade intelectual; • Promover eventos, seminários, workshops e reuniões para disseminar informações em temas da propriedade intelectual; • Criar Fundos para custear Patentes no Brasil e Exterior com Tecnologias que sejam de interesse econômico e social para o Estado do Paraná. • Implantar Políticas de Propriedade Industrial em todas as Instituições da Rede

9 9 Serviços da APPI 1. Capacitação em PI, eventos, workshops, seminários 3. Informações, Helpdesk e Acervo de PI 4. Ajuda na Elaboração do Pedido de Patente 5. Monitoramento de Patentes 2. Pesquisa de Anterioridades

10 10 SEMINÁRIO: PROPRIEDADE INTELECTUAL COMO FATOR DE INTELIGÊNCIA COMPETITIVA REDE DE GESTÃO DA PROPRIEDADE INDUSTRIAL NO ESTADO DO PARANÁ Data do Evento: 6 a 8 de junho de 2005 Realização: TECPAR/APPI - CEFET-PR – UFPR- FIEP-PR Palestras disponibilizadas º SEMINÁRIO º SEMINÁRIO 2005 – 3º SEMINÁRIO

11 11 CAPACITAÇÃO PROFISSIONAL em PI MINICURSOS DE PROPRIEDADE INTELECTUAL E TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA 1. Curso Introdutório de Propriedade Intelectual 2. Curso de Direito Autoral e Software 3. Curso de Informação Tecnológica 4. Curso de Redação de Pedido de Patente 5. Curso de Gestão da Transferência de Tecnologia e da Propriedade Intelectual 6. PCT (Patent Cooperation Treaty)

12 12 ENTRE O INPI X SETI INSTITUTO NACIONAL DA PROPRIEDADE INDUSTRIAL e a SECRETARIA DE ESTADO DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E ENSINO SUPERIOR ACORDO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA

13 13 CURSO DE CAPACITAÇÃO DE GESTORES DE TECNOLOGIA EM PROPRIEDADE INTELECTUAL PÚBLICO ALVO: Gestores de diversas entidades ligadas ao sistema nacional de inovação CARGA HORÁRIA: 64 horas – 8 palestrantes do INPI Período Previsto: 11/07 a 15/07/2005 OBJETIVO: Objetiva-se apresentar uma visão atualizada dos mecanismos de proteção das criações intelectuais, enfocando o arcabouço legal ora disponível e as atribuições legais do INPI, com ênfase na sua importância como agente estratégico no processo proteção ao conhecimento, contribuindo para a inovação e o desenvolvimento nacional.

14 14 Módulos do CURSO INTRODUTÓRIO À PROPRIEDADE INTELECTUAL  INTRODUÇÃO À PROPRIEDADE INTELECTUAL  MARCAS  INDICAÇÕES GEOGRÁFICAS  PATENTES  PROTEÇÃO DO SOFTWARE  DESENHO INDUSTRIAL  TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA  INFORMAÇÃO TECNOLÓGICA  GESTÃO E COMERCIALIZAÇÃO DE TECNOLOGIA

15 15 NÚCLEO DE PROPRIEDADE INTELECTUAL DA UFPR

16 16 NÚCLEO DE PROPRIEDADE INTELECTUAL DA UFPR NOME DO NÚCLEO / ESCRITÓRIO Núcleo de Propriedade Intelectual da UFPR ENDEREÇO COMPLETO Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação PRPPG Universidade Federal do Paraná - UFPR R. Dr. Faivre, 405 – Ed. D. Pedro II – 1º andar CEP: – Curitiba – PR RESPONSÁVEL Professora Edmeire C. Pereira Departamento de Ciência e Gestão da Informação DECIGI – UFPR CARGO DA RESPONSÁVEL Coordenadora de Propriedade Intelectual na PRPPG (voluntária)

17 17 NÚCLEO DE PROPRIEDADE INTELECTUAL DA UFPR PRODUTOS QUE OFERECE: Folders informativos sobre Propriedade Industrial: Patentes, Marcas e o de Programas de Computador. SERVIÇOS QUE PRESTA: Informações sobre a proteção e o depósito de Patentes, Marcas, Softwares, Cultivares, Direitos Autorais e Desenhos Industriais. VISÃO: Transformar radicalmente a relação entre a Academia e o Setor Produtivo, bem como a relação dos pesquisadores com o seu próprio trabalho, ao fomentar o depósito de patentes como um forte indicador de produção de conhecimento tecnológico na UFPR.

18 18 NÚCLEO DE PROPRIEDADE INTELECTUAL DA UFPR PORTFÓLIO PATENTES: 12 pedidos depositados e 9 casos em processo de pedido MARCAS: 4 casos em processo de registro DIREITOS AUTORAIS: 2 casos em processo de registro MISSÃO Promover a proteção dos conhecimentos gerados e desenvolvidos na Universidade, aproximando a produção científica de suas aplicações práticas e mercadológicas, transformando a renda obtida com essas tecnologias em novas pesquisas à sociedade.

19 19 SENAI/ SESI/ IEL Empreendedor - Projeto NOPI - Núcleo de Orientação de Propriedade Intelectual – NOPI Objetivo Geral Disseminar, informar e orientar, o público interno e externo do Sistema FIEP, sobre o estado das artes das bases tecnológicas e valor econômico das inovações, bem como encaminhar, aos organismos competentes, os processos de registro de marcas e patentes em geral e direitos autorais.

20 20 SENAI/ SESI/ IEL Empreendedor - Projeto NOPI - •Demanda Interna: •Demanda Interna: Criações/invenções proveniente dos trabalhos dos alunos dos cursos ofertados pelo SENAI. •Demanda Externa: •Demanda Externa: Empresas que buscam a FIEP para orientação ou apoio no que se refere ao sistema de proteção de idéias/produtos. Atendimento previsto

21 21 SENAI/ SESI/ IEL Empreendedor - Projeto NOPI - Núcleo de Orientação de Propriedade Intelectual – NOPI Lançamento do escritório NOPI 2º semestre de 2005

22 22 CEFET-PR (UTFPR) •Núcleo de Transferência de Tecnologia NUTTE, criado •Participação junto à APPI, •Co-fundador da Rede Paranaense de Propriedade Industrial, •Co-realizador dos eventos da Rede. •Curso de Redação de Patentes, •Introdução do tema na disciplina de Projeto Final da Eng. Eletrônica/Tel., 2004.

23 23 Edital CT-Verde Amarelo/MCT/CNPq/Programa TIB – Nº 034/2004 •Linha 2: Escritórios De Transferência De Tecnologia •Título do Projeto: Escritório de Transferência de Tecnologia na UFPR. •Fomentar e realizar a interação entre grupos de pesquisa, estabelecidos em Centros de Pesquisa e Universidades, com as empresas, mediando a geração de inovação tecnológica desenvolvida entre as Instituições parceiras (TECPAR e UFPR, com a co-participação do CEFET-PR) e as demandas apresentadas pelos setores produtivos

24 24 Processo /2004-0

25 Escritório de Transferência de Tecnologia da UFPR

26 26 “Portal de Relacionamento da UFPR” Escritório de Transferência de Tecnologia Foi inaugurado no dia 18/04/05 um novo mecanismo da Universidade para mostrar à comunidade – e em especial ao setor produtivo – o que ela está fazendo em termos de pesquisa e as viabilidades que possui para novas parcerias.

27  A principal porta de entrada da UFPR:  Atendimento à comunidade em geral, prestando informações sobre como, onde, quando e a quem encaminhar os visitantes.  Escritório de Transferência de Tecnologia da UFPR:  Atendimento a empresários, dirigentes de instituições governamentais e organizações não governamentais, quanto a demandas específicas. O PORTAL

28 28 “Portal de Relacionamento da UFPR” Escritório de Transferência de Tecnologia Numa parceria da UFPR / TECPAR/APPI / CEFET-PR através de um projeto do Fundo Verde-Amarelo do CNPq, este portal irá Fomentar e realizar a interação entre grupos de pesquisa, estabelecidos em Centros de Pesquisa e Universidades, com as empresas, mediando a geração de inovação tecnológica desenvolvida entre as Instituições parceiras e as demandas apresentadas pelos setores produtivos. O embrião do Portal de Informações foi o “Catálogo de Inovação Tecnológica”, que contém informações sobre quase 100 laboratórios. Disponibilizado no endereço:

29 29 •Elo de comunicação do Portal de Relacionamento com a comunidade •Informações sobre projetos e pesquisas da UFPR •Periodicidade mensal •Áreas: Biológica / Tecnológica / Humanística •Banco de Dados: cerca de 1300 cadastros INFORMATIVO VIA

30 30 Setor Ciências Exatas Workshop “Exatas/UFPR: Comunidade Interação para o Desenvolvimento” •Palestrante convidado: Prof. Dr Roberto de Alencar Lotufo •Proposta: incentivar parcerias •Comparecimento: 120 pessoas, sendo 20 de empresas privadas •Resultados: parceria com Degussa e Tecpar EVENTO SETORIAL

31 31 ATENDIMENTOS A EMPRESAS •SETI – Tratamento de Resíduos •SETI – Homenagem a Cesar Lattes •SETI – Divulgação Científica •Labtelecom – Telecomunicações •Consilux – Software reconhecimento de imagens •Emic – Nanoindentador •FERG – Moradias Estudantis •Labra – Desenvolvimento de Cola •IPPUC – Tecnoparque - + de 30 milhões •TECPAR – Sensores – 10 mil •Cotolengo – Tatames – 30 mil •Degussa – Hidrobag – hidrolisado do bagaço de cana – bioprodutos + de 1 milhão

32 32 “Portal de Relacionamento da UFPR” Escritório de Transferência de Tecnologia

33 33 “Portal de Relacionamento da UFPR” Escritório de Transferência de Tecnologia

34 34 “Portal de Relacionamento da UFPR” Escritório de Transferência de Tecnologia

35 35 “Portal de Relacionamento da UFPR” Escritório de Transferência de Tecnologia

36 36 •CNPq •TECPAR / APPI •CEFET/PR •SETI •FUNPAR PARCERIAS “Portal de Relacionamento da UFPR” Escritório de Transferência de Tecnologia

37 37 •Biblioteca de Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia: Portal de Relacionamento, Cefet, Tecpar e NPI •Página na Internet e Banco de Dados: em construção •Próximos Eventos Setoriais: Setores de Ciências Socias Aplicadas e Ciências da Terra PRÓXIMAS REALIZAÇÕES

38 38 Problemas •Uniformização das políticas de Propriedade Intelectual no âmbito federal e das instituições de ensino e pesquisa •Capacitação de recursos humanos •Buscas em bases de patentes •Articulação com as Agências de Fomento •Titularidade •Financiamento de projetos de desenvolvimento (protótipos e escalonamento) •Programa de bolsas para fixação de pessoal nos núcleos/escritórios •Ensino da Propriedade Intelectual nas grades curriculares dos cursos universitários •Interação com as procuradorias das instituições de pesquisa e dos órgãos de governo – TCU e Secretaria Federal de Controle

39 39 Obrigado por sua atenção! TECPAR/APPI Tel. (41) Fax. (41)


Carregar ppt "1 REDE DE GESTÃO DA PROPRIEDADE INDUSTRIAL NO ESTADO DO PARANÁ Data: 19-21 de outubro de 2005 Marcus Julius."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google