A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Idade Média sec. v - xv Arte Muçulmana. Dados históricos •Mudança do centro de gravidade cultural e intercâmbio cultural do Mediterrâneo para o Canal.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Idade Média sec. v - xv Arte Muçulmana. Dados históricos •Mudança do centro de gravidade cultural e intercâmbio cultural do Mediterrâneo para o Canal."— Transcrição da apresentação:

1 Idade Média sec. v - xv Arte Muçulmana

2 Dados históricos •Mudança do centro de gravidade cultural e intercâmbio cultural do Mediterrâneo para o Canal da Mancha; •640 d.c. os Árabes dominam com o Islã o Oriente Próximo e a África; •Mediterrâneo como zona fronteiríça; •732 d.c. Islã chega à Espanha e ao dudoeste da França;

3 Características do Islã •Influência judaico-cristã; •Maomé como o profeta; •Crença em Alá – Deus todo-poderoso; •Corão – inspirado na bíblia; •Juízo final, céu, inferno, anjos, demônios; •Obrigações religiosas simples: oração, esmola, jejum, peregrinação à Meca; •Não sacerdote;

4 •Religião universal; •Consumes e línguas exclusivamente árabes; •Integração social, política e econômica; Arquitetura até o Séc VII •Comparável a arquitetura paleocristã; •Nada monumental; •Voltada à religião; •Fuga da idolatria •Única exigência: Qibla;

5 Arte da Tradição Islâmica •A partir do séc VIII.; •Mosaicos de Vidro; •Ausência do caráter narrativo; •Paisagens sobre fundos de ouro; •Ilusionismo; •Motivos vegetais; •Num mesmo monumento, diferentes técnicas;

6 •Gosto pelos motivos simétricos abstratos; •Mais famoso de todos os feitos artísticos do Islã – Taj Mahal: •Construído por um soberano da Índia: Shah Jahan; •Séc. XII; •Construído em homenagem à sua mulher; •Todo construído em mármore branco; •Fundas reentrâncias – aspecto de papel; •Sensação de não tocar o chão;

7 Representação Figurativa •A partir de 800 d.c. o tema de animais vivos é proíbido; •Influência dos judeus convertidos; •Temor do poder divino do artista; •Na prática só não se trabalhava em tamanhos reais; •Não deveriam projetar sombras;

8 Arte Decorativa •Grande junção das melhores técnicas; •Nada comparável em técnica e requinte; •Simetria; •Animais ferozes colocados de forma abstrata; •Destaca-se em relação à arte religiosa, que, de fato, foi pouco desenvolvida;

9

10

11

12

13 Alta Idade Média A Idade das Trevas Arte Carolíngia e Otoniana Arte Românica Arte Gótica

14 Idade das Trevas •Lacuna histórica entre o séc. V e XV; •Idade da Fé; Estilo Celta-Germânico •Invasão do Império Romano do Ocidente; •Estilo animalista: •Imagens abstratas + orgânicas; •Simetria de imagens

15 •Arte ornamental; •Estampas (desenhar e esculpir) em ouro e metais; O Cristianismo Irlandes •Nunca dominados pelo império romano; •Vida rural; •“Cristianizados” por uma tribo céltica bárbara; •Migraram das cidades (igreja urbana) e formaram mosteiros – centros religiosos e artísticos;

16 •Responsáveis pela conversão da Escócia, norte da França, Países Baixos e Germânica; •Criação de manuscritos embelezados para a catequização; •Pouca interação com os desenhos de cenas bíblicas em paredes ou esculturas; •Grande dificuldade em retratar o corpo humano;

17 Arte Carolíngia •Forte influência nos séc. VIII e IX; •Império de Carlos Magno; •Ponto mais alto da arte - Escrita carolíngia; (clássicos – ilustração e escrita de salmos – Evangeliário de carlos magno); •Construção de grandes espaços arquitetônicos que contemplassem o império – Basílicas; •Basílicas romanas; •Arte OTONIANA como evolução do evangeliário após a morte de Carlos Magno e a subida ao poder de dois de seus netos (Alemanha como centro político e artístico da Europa);

18 Os quatro evangelistas, iluminura Catedral de Aachen, Alemanha. Alemanha

19 Arte Carolíngia

20 Arte Românica •Seria a arte pré-gótica, ou seja, a arte da Idade Média até o Séc. XII; •Séc. XI há a efetivação do cristianismo na Europa; •1095 cruzadas para libertar a Terra Santa do domínio maometano; •Reabertura do comércio no mediterrâneo; •Recuperação do comércio internacional, da força militar e da vida urbana; •“O mundo cobre-se com um manto branco de igrejas” – monge Raoul Glaber.

21 •Desaparecimento dos baixos-relevos e esculturas de pedra do séc. V ao séc. XII; •Pintura como iluminura ou derivado dela; Torre de Pisa •Mais famosas das torres românicas; •Toscana; •Pertence a um conjunto – Catedral + Batistério; •Campanile da Catedral de Pisa; •Suposições: defeito no terreno e/ou deficiência dos alicerces;

22 Campanile da Catedral de Pisa “Torre de Pisa”

23 Arte Românica

24 Catedral Românica

25 Arte Gótica •Começa na França 1150; •Declina séc. XVI; •Escultura (apogeu) – 1220 – 1420; •Pintura (apogeu) – 1300 – 1350 (Itália) e a partir de 1400 (Alpes); •Nasce da reedificação da abadia real de Saint-Denis; pelo abade Suger; •Narrativa de Suger sobre a empreitada;

26 Arquitetura •Formas graciosas, leves (sem a idéia de peso); •Janelas que ocupam paredes inteiras; •Colunas de sustentação externas – paredes internas parecem finas; •Clima interior: etéreo e leve; •Traçado é rigorosamente geométrico e uma constante busca pela luminosidade; •Harmonia – universo; •Luz – que é a força do espírito divino;

27 •Sant-Denis reafirma a monarquia francesa no séc. XII; •As abóbadas das Igrejas passam a desenvolver uma gama de combinações poligonais; •A partir do século XI – florescimento da vida urbana; •Centralização dos mosteiros como centros de saber; (Notre-Dame); •O traçado é vertical – busca-se altura;

28 •Rica decoração escultórica; •Maiores obras religiosas até então vistas; •Erguidas com o acúmulo de donativos de todas as classes sociais; (Fervor religioso e político); •A arquitetura gótica em sua verticalidade transcende as Igrejas e passam para a arquitetura civil e militar; •Ex.: Louvre (1200) Reconstruído em 1360 como moradia real;

29 Escultura •Conjuntos de imagens claras, não amontoadas; •Estátuas alongadas de vulto arrendondado, cada uma com um eixo em separado; (não se dedicava a esse tipo de estátuas desde o fim da Antigüidade Clássica); •Tendência realística;

30 Pintura •Esculturas projetadas em vitrais; •Pequenos pedaços de vidro pintados como quebra-cabeça; •Desenvolvimento pormenorizado das iluminuras; (jogo de harmonia e luz/sombra); •Fundos bidimensionais; •Figuras sinuosos;

31 Peste Negra •1348 – Siena e Florença; •Sinais divinos para os pecadores; •Anúncio para aproveitar a vida enquanto há tempo; •Pinturas murais, painéis e afrescos se dividem em duas tendências: •1º A vida pura ao lado dos ensinamentos de deus; •2º Cenas cotidianas de deleite dos homens; •1387 na literatura escreve-se Decameron – Boccaccio;

32

33

34

35

36

37

38

39


Carregar ppt "Idade Média sec. v - xv Arte Muçulmana. Dados históricos •Mudança do centro de gravidade cultural e intercâmbio cultural do Mediterrâneo para o Canal."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google