A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A cidade de Pompéia foi, no passado, uma típica cidade do império romano, cheia de charme e glamour. Fundada no século V a.C., cresceu e se desenvolveu.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A cidade de Pompéia foi, no passado, uma típica cidade do império romano, cheia de charme e glamour. Fundada no século V a.C., cresceu e se desenvolveu."— Transcrição da apresentação:

1

2

3 A cidade de Pompéia foi, no passado, uma típica cidade do império romano, cheia de charme e glamour. Fundada no século V a.C., cresceu e se desenvolveu rapidamente, e no ano 79 d.C. foi totalmente destruída por uma violenta erupção do vulcão Vesúvio, quando já se tinha convertido em uma cidade de 25 mil habitantes. Pompeia era muito famosa por ser uma cidade para onde se dirigiam romanos ricos, para veranear. Porém, sua localização às sombras do vulcão Vesúvio era uma ameaça constante, mas desconhecida até então por muitos daquela época. Porta da cidade Ruínas de Pompeia

4 Em agosto do ano 79 d.C., uma erupção do monte Vesúvio escureceu o céu e sepultou a cidade. As únicas crônicas confiáveis do ocorrido foram escritas por Plínio o Jovem, numa carta enviada ao historiador Tácito. Plínio observou desde a sua vila em Miseno (a 30 Km do Vesúvio) um estranho fenômeno: Uma grande nuvem escura, com forma de pinheiro, saindo do cume do monte. Ao cabo dum tempo, a nuvem desceu pelas bordas do Vesúvio e cobriu tudo pelos arredores, incluindo o mar. Pompeia e o Vesúvio (reconstrução digital)

5 Nas duas imagens acima, à esquerda a cratera do Vesúvio, hoje. Na foto à direita, a última erupção, em Ao lado à direita, casal de nobres romanos.

6 Tela ilustrando os últimos momentos de Pompeia

7 Múmia petrificada pelas lavas do Vesúvio

8 Muitos não tiveram tempo nem mesmo de sair do lugar, tão inesperada foi a erupção.

9 Apanhados desprevenidos, os habitantes de Pompeia não tiveram tempo de fugir, morrendo devido aos gases vulcânicos, ou imolados pelas cinzas. Incrivelmente, alguns dos seus corpos foram preservadas até aos dias de hoje, em formas mumificadas. No final do século XVIII, a cidade veio a ser descoberta por um agricultor que, ao trabalhar na região, na construção de um aqueduto, localizou um dos muros da cidade de Pompéia. Nos dois séculos que se seguiram, a cidade foi escavada por arqueólogos. Casas, prédios públicos, aquedutos, teatros, termas, lojas e outras construções foram encontrados. Os arqueólogos acharam também objetos e afrescos que revelaram importantes aspectos do dia a dia dessa linda cidade do Império Romano.

10 Ruínas do Templo de Apolo

11 Atualmente, as ruínas do sitio arqueológico de Pompéia são visitadas por milhares de turistas do mundo o todo. Rua do Centro da Cidade Parede de uma das casas

12 Ruínas de um Palacete e área onde foi um Jardim

13 Em algumas ruas ainda pode-se ver as marcas deixadas pelas bigas.

14 Ainda são visíveis as inscrições nas fachadas

15 Ao anoitecer, as ruínas do que já foram casas, tomam um aspecto de desolação.

16 Entrada reconstruída de um imponente palacete.

17 Pompeia possuía excelentes anfiteatros para agradar aos nobres veranistas.

18 Nesses Circos lutavam os Gladiadores, para deleite do povo.

19 Não raro, o vencedor era levado aos aposentos de alguma nobre dama romana a fim de prestar-lhe serviços. O escolhido devia sentir-se honrado.

20 Gladiador vitorioso saudando o povo. Gladiadores treinando. (Afresco) Na arena. (Gravura) Treinando para “os jogos” (Mosaico)

21 Uma das várias termas de Pompeia

22 Vestíbulo de um palacete.

23 Eram amantes dos banhos públicos os romanos, na foto, os fornos para aquecer a água que se transformava em vapor.

24 Afresco mostrando a deusa Vênus na fachada de um dos bordéis de Pompeia Sala para banho

25 Os afrescos nas paredes indicavam os serviços prestados pelos bordéis. Oferecia-se serviço para satisfazer a todos os gostos e preferências.

26 Príapo (Afresco)

27

28

29

30

31 Pinturas em alto relevo encontradas em uma casa.

32 Um beco da cidade recuperado depois de décadas de trabalho

33 O clarão dos relâmpagos e raios iluminam o que restou de Pompeia

34 Depois de quase anos, a cidade que havia, junto a seus habitantes, sido sepultada pela fúria de um vulcão, recebe anualmente milhares de turistas, vindos do mundo inteiro, para ver suas ruínas; o que no passado, foi uma cidade famosa por receber as mais respeitadas personalidades do então poderoso Império Romano, que a ela acorriam para desfrutar de seu clima agradável e dos prazeres oferecidos pelas suas termas e bordéis, foi, repentinamente, transformada em lavas incandescentes. Do esplendor do passado, sobraram tão somente corpos mumificados, afrescos belíssimos e objetos de uso diário. A pompeia de Fauno já não mais existe, a Pompeia tão amada e desfrutada por Lívia, hoje, está transformada em escombros.

35 Imagens – Internet Pesquisa – Wikipedia, Emmanuel, Missixty Comentários e texto final - Edson Música – Now we are free – Klaus Zimer Formatação – Edson


Carregar ppt "A cidade de Pompéia foi, no passado, uma típica cidade do império romano, cheia de charme e glamour. Fundada no século V a.C., cresceu e se desenvolveu."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google