A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

TURISMO DE MASSAS VS TURISMO ALTERNATIVO UFCD – 9 INFORMAÇÃO E PROMOÇÃO DO DESTINO TURISTICO PORTUGAL.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "TURISMO DE MASSAS VS TURISMO ALTERNATIVO UFCD – 9 INFORMAÇÃO E PROMOÇÃO DO DESTINO TURISTICO PORTUGAL."— Transcrição da apresentação:

1

2 TURISMO DE MASSAS VS TURISMO ALTERNATIVO UFCD – 9 INFORMAÇÃO E PROMOÇÃO DO DESTINO TURISTICO PORTUGAL

3 TURISMO DE MASSAS vs TURISMO ALTERNATIVO • Praticado por grupos, com menor poder económico, fazem gastos reduzidos, permanência de curta duração • Praticado por grupos restritos com elevado poder económico, têm liberdade de gastos, permanência de longa duração

4 TURISMO DE MASSAS vs TURISMO ALTERNATIVO • Necessidade de evasão • Efeito de imitação • Férias em Julho e Agosto • Alojamento em estabelecimentos de menor categoria • Prazer em viajar e conhecer • Previligia o lado da procura • Férias ao longo do ano • Alojamento em estabelecimentos de maior categoria

5 TURISMO DE MASSAS • Intensificação da utilização das infra-estruturas e equipamentos turisticos • Excessiva utilização dos espaços que leva á degradação dos monumentos e centros históricos e do património natural mais sensivel

6 TURISMO ALTERNATIVO • Preservação das infra- estrutras e equipamentos turisticos • Desenvolvimento sustentável • Sensibilidade na gestão do consumo e na gestao dos recursos • Biodiversidade e conservação da natureza

7 A COESISTÊNCIA ENTRE TURISMO DE MASSAS E TURISMO ALTERNATIVO EM PORTUGAL • É impensável optarmos por um só tipo de turismo. Abolirmos um, teria consequências drásticas tanto a nivel social, como para a nossa balança de pagamentos. No entanto, podemos sugerir algumas indicações para um melhor desempenho, tanto para o turismo de massas como para o turismo alternativo, tais como;

8 • Campanhas de sensibilização (preservação ambiental, patrimonial e cultural)

9 • Consciencialização de comportamentos adequados ao meio em que estam inseridos. (formação permanente para os visitantes e naturais)

10 • Combatendo a desertificação do interior, criando melhores infra-estruturas e fontes de receitas, diversificar, publicitar, previlegiando as tradições culturais e preservando o património e recursos naturais.

11 TRABALHO ELABORADO POR: FERNANDA FERNANDES ROSA GUEDES


Carregar ppt "TURISMO DE MASSAS VS TURISMO ALTERNATIVO UFCD – 9 INFORMAÇÃO E PROMOÇÃO DO DESTINO TURISTICO PORTUGAL."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google