A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Música: Nikos Ignatiadis Um urso percorria constantemente, para cima e para baixo, os seis metros de comprimento da jaula. Quando, ao fim de cinco anos,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Música: Nikos Ignatiadis Um urso percorria constantemente, para cima e para baixo, os seis metros de comprimento da jaula. Quando, ao fim de cinco anos,"— Transcrição da apresentação:

1

2 Música: Nikos Ignatiadis

3 Um urso percorria constantemente, para cima e para baixo, os seis metros de comprimento da jaula. Quando, ao fim de cinco anos, o tiraram da jaula, o urso continuou a percorrer, para cima e para baixo, os mesmos seis metros, como se ainda estivesse na jaula... … E estava... Para ele... 1 As paredes que nos aprisionam são mentais, não reais.

4 2 Nossos inimigos não são os que nos odeiam, mas aqueles que nós odiamos... Um ex-prisioneiro de guerra foi visitar un amigo que havia compartilhado com ele tão penosa experiência. ”Já esqueceste a prisão durante a guerra?” perguntou ao seu amigo. “Sim”, disse o outro. ”Pois eu ainda não. Ainda continuo a odiar todos aqueles que nos aprisionaram com toda a minha alma.” Seu amigo disse-lhe calmamente: ”Então… ainda te mantens prisioneiro”!!!

5 -“Perdoe-me, senhor”, disse o tímido estudante, “mas eu não fui capaz de decifrar o que me escreveu na margem do meu último exame...” -“Eu te dizia que escrevesses de um modo mais legível ”, Respondeu-lhe o professor. 3 A maior parte das vezes, os defeitos que vemos nos outros são os nossos próprios defeitos.

6 A Peste dirigia-se para Damasco e passou velozmente junto à tenda do chefe de uma caravana no deserto. -“Aonde vais com tanta pressa?” Perguntou-lhe o chefe. -“A Damasco. Penso cobrar um milhar de vidas.” No regresso de Damasco, a Peste passou de novo junto à caravana. Então, o chefe disse-lhe: -“Eu já sei que cobraste vidas, não o milhar que havias dito!.” -“Não,” respondeu-lhe a Peste. -“Eu só cobrei mil vidas. As restantes levou-as o Medo.” 4 O poder do medo 4 O poder do medo

7 Dizia um velho que só se havia queixado uma vez, em toda a sua vida: Foi quando ia com os pés descalços e não tinha dinheiro para comprar sapatos. Então, viu um homem feliz que não tinha pés. E nunca mais voltou a queixar-se. 5 Felicidade

8 Estava o filósofo Diógenes comendo lentilhas quando viu o filósofo Aristipo, que vivia, confortavelmente, com base em lisonjear o rei. E Aristipo disse-lhe: “Se aprendesses a ser submisso ao rei, não terias que comer esse lixo de lentilhas". Ao que Diógenes replicou: “Se tivesses aprendido a comer lentilhas, não terias que bajular o rei". 6 Diógenes

9 Adaptação: IAS

10 Belas apresentações (slides) em PowerPoint, mensagens motivadoras, lindas imagens e textos para criar um ambiente de alegria e bem-estar. Receba duas mensagens semanais gratuitas, uma na segunda- feira e outra na sexta. Basta enviar um para: não precisa escrever nada no , nem no campo assunto é só enviar o e daí a pouco você recebe uma mensagem de confirmação, clique em responder sem escrever nada no , clique em Enviar e já estará inscrito(a) para receber as mensagens. Acesse:


Carregar ppt "Música: Nikos Ignatiadis Um urso percorria constantemente, para cima e para baixo, os seis metros de comprimento da jaula. Quando, ao fim de cinco anos,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google