A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Balanço de Actividade 2005 Jaime Andrez Janeiro, 2006.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Balanço de Actividade 2005 Jaime Andrez Janeiro, 2006."— Transcrição da apresentação:

1 Balanço de Actividade 2005 Jaime Andrez Janeiro, 2006

2 Estrutura de Apresentação  Actividade •Gestão de Incentivos •Melhoria das condições de financiamento •Revitalização Empresarial •Dinâmica e Inovação Empresarial  Assistência, Facilitação Institucional e Desburocratização •CFE •Rede de Gabinetes de Empresas  Inquérito à satisfação dos clientes •Avaliação •Sugestões

3 Gestão de incentivos Compromissos de recuperação Nosso compromisso 95% de abatimento ao stock de situações pendentes (3740) Análise Encerramento Garantias Outros Realizado 93% (resolvidas 3463 situações pendentes)

4 Gestão de incentivos Recuperação Análise:  316 projectos empresariais  638 M € de investimento  Mais de 100 M € de Incentivo  750 alegações contrárias Encerramento:  Mais de 300 projectos encerrados  70 M € de investimento  18 M € de incentivos  Cerca de 1200 propostas de encerramento para GPRIME Outros:  Descondicionados 181 projectos ( 954 M € investimento e 170 M € incentivo)  Libertação de 200 garantias bancárias  55 prémios de realização (22 milhões de euros)  120 relatórios de verificação, mais 2x esforço de controlo  70 projectos Saúde, Benefícios Fiscais e Programas Regionais

5 Gestão de incentivos Lançamentos / Reformulações Lançamentos  Colaboração com a DGE no lançamento do MODCOM  Colaboração na elaboração do Plano Tecnológico Reformulações  Definição do quadro de financiamento do Dínamo, com intervenção directa junto das empresas  Participação activa no desenho do novo PRIME e nas medidas directamente geridas pelo IAPMEI  Articulação com Tutela e GGPRIME de metodologias de simplificação e redução de tempos de intervenção

6 Melhoria das Condições de Financiamento Continuidade  Incentivo à Actividade de Capital de Risco direccionada para o segmento das PME, através de instrumentos em que o IAPMEI participa em parceria com outras entidades - sociedades, fundos de investimento e estrutura de refinanciamento  Incentivo à Actividade Creditícia direccionada para o segmento das PME, através dos instrumentos em que o IAPMEI participa em parceria com outras entidades no domínio da Garantia Mútua e da Titularização de Carteiras - sociedades e estruturas de resseguro

7 Melhoria das Condições de Financiamento Lançamentos / Reformulações  Definição da matriz estratégica que passa a enquadrar a intervenção do IAPMEI na gestão dos instrumentos de apoio ao financiamento  Clarificação do posicionamento relativo dos instrumentos de capital e dívida para potenciar os efeitos da sua utilização articulada em segmentos de mercado assumidos como prioritários  Configuração de Programas estruturados em função das fases do ciclo de vida das empresas, combinando instrumentos financeiros e de natureza qualitativa, com o envolvimento de instituições financeiras, agentes do sistema nacional de inovação e estruturas associativas – v. Programa FINICIA que será apresentado no dia 30 de Janeiro

8 Revitalização Empresarial Lançamentos / Reformulações Continuidade / Reformulação  Articulação do SIRME e do PEC com o AGIIRE Lançamento do AGIIRE  Criação da unidade de coordenação, dos regulamentos de funcionamento, dos formulários de acesso  Início da implementação do sistema de informação  Proposta de criação de instrumentos específicos de apoio  Cerca de 500 pedidos de assistência / esclarecimento  Abertura de 280 processos  123 PEC (19 acordos / 12 vias de acordo)  4 SIRME

9 Dinâmica e Inovação Empresarial Empreendedorismo Continuidade  Fecho e avaliação do programa FIVE, que envolveu:  850 empreendedores  570 ideias de negócio  criação de 17 empresas inovadoras (7 de base tecnológica) Lançamento  Configurado novo programa para 2 anos, com enfoque em dinâmicas de concretização de projectos inovadores, em particular de base tecnológica  FINICIA

10 Dinâmica e Inovação Empresarial Qualificação / Formação Continuidade  Gerir participantes integrando consultoria e acção  Quadros – cerca de 200 candidaturas, 118 aprovados, 2,5 M € de incentivos  Projectos Autónomos de Formação – divulgação presencial junto de 350 empresas, aprovados 254 projectos (200% de candidaturas face a 2004) Lançamento  Inov-Jovem – coordenação geral das actividades IEFP, ITP, GGPRIME e IAPMEI  Em termos gerais  candidaturas  jovens a integrar até final de 2007  800 jovens já integrados  Medida IAPMEI (contratação) : 135 candidaturas, 39 aprovadas, 46 quadros

11 Dinâmica e Inovação Empresarial Benchmarking Continuidade  Disponível índice de avaliação de desempenho em 8 áreas  650 empresas no Índice de Benchmarking Português  Alargamento da rede de CNB (72 consultores e 37 outras entidades nacionais de benchmarking )  4 acções de imersão em benchmarking para novos consultores  Disponível avaliação comparativa internacional - Benchmark Index (9 países, cerca de empresas) Lançamento  Simulador online de benchmarking  Em preparação os módulos de Inovação e Responsabilidade Social

12 Dinâmica e Inovação Empresarial Outras Iniciativas Continuidade / Reformulações  Cooperação: Acções de divulgação e sensibilização sobre cooperação empresarial e Mini-site sobre Cooperação empresarial para informação e divulgação de boas práticas  Ser PME Responsável – projecto até 2007 para adopção e valorização de práticas de responsabilidade social Lançamentos  Contrapartidas - Mapa estratégico para o desenvolvimento do cluster de aeronáutica e programa de actividades associado  Diálogo Social e Igualdade nas Empresas – candidatura à Iniciativa Comunitária Equal (não discriminação H/M)

13 Assistência, Facilitação e Desburocratização Rede de Centros de Formalidades de Empresas Movimento  Cerca de 100 mil atendimentos (+ 12% que 2004)  Mais de 23 mil processos iniciados  Mais de 19 mil processos concluídos Melhoria do tempo de constituição de 12 para 10,7 dias úteis apesar de mais 5% de movimento Reformulações  Introdução de processos de extinção  Introdução da Empresa na Hora  1902 novas empresas constituídas “na hora” (Jul / Dez 2005)  42% do total nos CFE (Coimbra e Aveiro)  Lisboa, Loulé, Viseu e Braga (Leiria e Setúbal em 2006)  Preparação do alargamento das competências para novos serviços às empresas nos CFE

14 Assistência, Facilitação e Desburocratização Rede de Gabinetes de Empresas Continuidade  Atendimento regional em 14 pontos do país, participação em iniciativas locais para o desenvolvimento empresarial, contacto e acompanhamento de empresas Reformulação  Reforço do contacto com o empresário, retirando a verificação  Verdadeiras antenas de assistência técnica Lançamento  Criação de condições para arrancar 5 novos GE em Espanha  Formação de quadros para novos GE em Espanha

15 Satisfação de Clientes - Inquérito

16 Consolidar o nosso Compromisso com as PME  DESÍGNIOS  Ser útil ao desenvolvimento das PME  entregar produto útil em tempo útil  Intervir nas condições de funcionamento  Estratégias e financiamento  Respeitar e servir bem os empresários  cumprir prazos  PRESSUPOSTOS  Aposta na proximidade e na assistência  Reorganização interna (simplificação / inovação)  Autonomia do Core  Especialização por área de negócios  Investimento na produção de Informação  Recuperação responsabilidades internacionais em PME  Estatuto PME / Carta PME / Financiamento PME  Competitividade / Inovação nas PME

17 Inquérito à Satisfação de Clientes Avaliação dos clientes Clientes classificam como Bom ou Muito Bom  82 % - satisfação com os serviços do IAPMEI  66% - impacto na empresa  61% - atendimento  56% - proactividade dos quadros  49% - qualidade dos serviços Clientes classificam de Muito Fraco, Fraco ou Pouco Satisfatório  48% - Rapidez do processo

18 Inquérito à Satisfação de Clientes Sugestões De serviços  Reforçar a dinamização do empreendedorismo  Dinamizar a oferta e a procura de CR e GM  Melhorar a articulação das entidades envolvidas no PEC  Simplificar processos para empresas de menor dimensão  Melhorar apoios para dinamização do comércio  Promover o aumento da adesão ao benchmarking  Novos programas de formação  Apoiar processos de informatização e utilização das TIC  Retomar a PME Excelência De processos  Reduzir burocracias  Encurtar prazos  Concentrar pedidos de documentação


Carregar ppt "Balanço de Actividade 2005 Jaime Andrez Janeiro, 2006."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google