A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

CURSO DE COMPLEMENTAÇÃO EM PEDAGOGIA. Docente: Sociedades tribais: a educação difusa; Antigüidade Oriental: a educação tradicionalista; Antigüidade grega:

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "CURSO DE COMPLEMENTAÇÃO EM PEDAGOGIA. Docente: Sociedades tribais: a educação difusa; Antigüidade Oriental: a educação tradicionalista; Antigüidade grega:"— Transcrição da apresentação:

1 CURSO DE COMPLEMENTAÇÃO EM PEDAGOGIA

2 Docente:

3 Sociedades tribais: a educação difusa; Antigüidade Oriental: a educação tradicionalista; Antigüidade grega: a Paidéia; Antigüidade romana: a humanitas; Idade Média: a formação do homem de fé; Renascimento: humanismo e reforma; Brasil: início da colonização e catequese; Idade Moderna: a pedagogia realista; O Brasil do séc. XVII; Século das Luzes: o ideal liberal de educação; O Brasil na era pombalina; Século XIX: a educação nacional; Brasil: a educação no Império; Século XX: a educação para a democracia; Principais tendências pedagógicas e seus representantes; Brasil no século XXI: o desafio da educação; Novas relações entre sociedade e Estado no Brasil e as exigências de uma nova Educação; A Educação no Terceiro Milênio. EMENTA

4 Bibliografia Básica: BOUTINET, Jean-Pierre. Antropologia do Projeto. 5. ed. Porto Alegre: Artmed, DEMO, Pedro. Desafios Modernos da Educação. 12. ed. Petrópolis: Vozes, GADOTTI, Moacir. História das idéias pedagógicas. 6. ed. São Paulo: Ática, METODOLOGIA APLICADA Aula expositiva. Estudo do caderno do módulo, interpretação, análise, apresentação e debates. Trabalhos em grupo.

5 AVALIAÇÃO  A aquisição de conhecimentos relativos aos conteúdos abordados;  Apresentação dos grupos – Avaliação oral e escrita – sala;  Atividade escrita.

6 SOCIEDADES TRIBAIS Trata-se de sociedades que não têm Estado, classes, Escrita, Comércio e Escola. Essa sociedade é essencialmente mítica. Nas comunidades tribais, as crianças aprendem imitando os gestos dos adultos em suas atividades diárias. A adaptação aos usos e valores da tribo geralmente é levada a efeito sem castigo.

7 EDUCAÇÃO PRIMITIVA A Educação é um fato social; Tão antigo quanto a humanidade; Coincide assim História da Educação com História da Humanidade.

8 HOMEM PRIMITIVO “Primitivos são aqueles povos cujas atividades são pouco diversificadas, cujas formas de vida são simples e uniformes, e cuja cultura possui muito escasso conteúdo intelectual”. Franz Boas

9  Estado rudimentar de civilização, nem por isso, deixavam de apresentar na sua mentalidade e no seu comportamento social, as características essenciais do ser humano.

10 FONTES HISTÓRICAS São constituídas pelos restos e produtos pré-históricos, e a vida dos povos selvagens da atualidade.

11 ASPECTOS DA EDUCAÇÃO PRIMITIVA  Informal;  Natural;  Espontânea;  Imitação da vida adulta.

12 SENTIDO RELIGIOSO  A integração na vida social, ao que se reduzia a educação, nessa fase, era uma integração nas crenças e nas práticas religiosas tradicionais.

13 ANTIGÜIDADE ORIENTAL: EDUCAÇÃO TRADICIONALISTA Pink Floyd - The Wall.mpg Pink Floyd - The Wall.mpg  O pensamento pedagógico surge com a prática da educação, com a necessidade de ordená-la para determinados fins e objetivos.  O Oriente afirmou os valores da não- violência e da meditação. A educação estava relacionada sobretudo com a religião, como o Taoísmo, o Budismo, o Hinduísmo e o Judaísmo.

14  A educação oriental baseava-se na imitação e na oralidade, limitada ao presente. Era também espontânea, natural e não- intencional.  A escola como instituição formal surgiu como resposta à divisão social do trabalho e ao nascimento do Estado, da família e propriedade privada.  Com a divisão social do trabalho aparece também as desigualdades na educação: uma para ricos e outra para pobres.

15 CONFÚCIO E O TAOISMO Conf ú cio O tao í smo é a doutrina pedag ó gica mais antiga e seus princ í pios são uma vida tranq ü ila, sossegada. Baseado nesta doutrina, Conf ú cio criou um sistema moral que exaltava a tradi ç ão e o culto aos mortos. Considerava o poder dos pais sobre os filhos ilimitado. Criou tamb é m um sistema de exames baseado no ensino dogm á tico e memorizado. Dessa forma, fossilizava a inteligência, a imagina ç ão e a criatividade.Conf ú cio A educa ç ão chinesa tradicional visava reproduzir o sistema de hierarquia, obediência e subserviência ao poder dos mandarins.

16 Lao Tsé: Fundou o taoísmo a partir da noção do Tao (originalmente significa o Caminho) e dos princípios opostos yin e yang (Mais do que opostos, representam a união dos contrastes, um todo de duas metades, a harmonia que forma o Universo).  Na China os letrados não são os sacerdotes, mas os mandarins;  A educação hinduísta também tendia para a contemplação e reprodução das castas, exaltando o espírito e repudiando o corpo;  A importância da tradição hindu está no fato de ter permanecido viva até os dias de hoje, por meio da herança de duas das principais religiões do mundo, o bramanismo e o budismo

17 EGÍPCIOS  Os primeiros a dar maior importância ao ensino e a eles deve-se o uso prático das bibliotecas. Criaram casas onde ensinavam a leitura, a escrita, a história dos cultos, a astronomia, a música, e a medicina.

18 ANTIGÜIDADE GREGA: A PAIDÉIA  Começa a "História da Educação" com sentido na nossa realidade educativa atual;  Coloca a educação como problema;  Os ideais educativos da Paidéia que vão ser desenvolvidos no século V a. C. se baseiam em práticas educativas muito anteriores;  Inicialmente, a palavra Paidéia, (de paidos - criança) significava simplesmente "criação dos meninos".  E que foi modificado ao longo dos tempos.

19 ANTIGÜIDADE ROMANA: A HUMANITAS  Cultura universalizada. Trata-se de uma cultura predominantemente humanística e, sobretudo cosmopolita e universal, buscando aquilo que caracteriza o homem, em todos os tempos e lugares. Concepção que não se restringe ao ideal de homem sábio, mas se estende à formação do homem virtuoso, como ser moral, político e literário.

20 IDADE MÉDIA: A FORMAÇÃO DO HOMEM DE FÉ  Igreja Católica toma maior força;  Os primeiros processos educativos organizados são criados pela Igreja, e esta constrói escolas para formar sacerdotes e transmitir assim a doutrina da Igreja ao longo do tempo.  A educação no Brasil começou com o Jesuítas na Companhia de Jesus em  Desenvolvendo um método pedagógico de ensino chamado Ratio Studiorion (Planos de estudos).

21 Os parâmetros da educação na idade média se fundam na concepção do homem como criatura divina, de passagem pela Terra e que deve cuidar, em primeiro lugar, da salvação da alma e da vida eterna. Tendo em vista as possíveis contradições entre fé e razão, recomenda-se respeitar sempre o princípio da autoridade, que exige humildade para consultar os grandes sábios e intérpretes, autorizados pela igreja, sobre a leitura dos clássicos e dos textos sagrados. Evita-se, assim, a pluralidade de interpretações e se mantém a coesão da igreja. Predomina a visão teocêntrica, a de Deus como fundamento de toda a ação pedagógica e finalidade da formação do cristão. EXPULSÃO DOS JESUITAS.PPT EXPULSÃO DOS JESUITAS.PPT

22 RENASCIMENTO: HUMANISMO E REFORMA  A partir do Século XI o comércio mercantil se fortalece e surgem as primeiras cidades livres do domínio feudal.  A necessidade do aprendizado da leitura, da escrita e do cálculo, essenciais ao comércio, e de outros conhecimentos práticos, conduz a modificações no plano educacional.  Educação mais voltada para a vida prática,

23 IDADE MODERNA: A PEDAGOGIA REALISTA  A partir do século XVII, após um longo período onde o pensamento científico esteve a serviço da Igreja, através de sua doutrina, retoma-se a busca da verdadeira ciência, que em oposição a visão de Deus, converge para uma perspectiva mais humana e que, principalmente, atenda às necessidades da nova ordem burguesa.  O progresso científico desta época é marcado pela formação de diversas academias.

24 Começa duvidando de tudo: afirmações do senso comum, argumentos da autoridade, testemunho dos sentidos, informações da consciência, verdades deduzidas pelo raciocínio, realidade do mundo exterior e realidade do seu próprio corpo. Se duvido, penso: Se PENSO, LOGO EXISTO.

25 A IDADE CONTEMPORÂNEA E A SOCIEDADE BURGUESA. Definição: A Burguesia foi a classe social que enriqueceu com o comércio e as navegações ibéricas entre os sécs. XV e XVII. A Educação passa a ser direcionada para a formação de profissionais qualificados.

26  Surgimento das escolas profissionalizantes (França e Inglaterra)  O Código Napoleônico cria uma das primeiras legislações sociais voltadas para a Classes Sociais mais baixas e para a burguesia.

27 SÉCULO XX: A EDUCAÇÃO PARA DEMOCRACIA Regime político fundado na soberania popular e no respeito integral aos direitos humanos. A educação para a democracia A pedagogia do século XX, além de ser tributária da psicologia, da sociologia e de outras como a economia, a lingüística, a antropologia, tem acentuado a exigência que vem desde a Idade moderna, qual seja, a inclusão da cultura científica como parte do conteúdo a ser ensinado.

28 ERA VARGAS  Foi criado o Ministério da Educação e Saúde publica.  Manifesto dos Pioneiros da Educação.  Criação da universidade da São Paulo- A primeira a ser organizada segundo as normas do Estatuto da Universidades Brasileiras.

29 O Estado Novo A orientação político-educacional para o mundo capitalista fica bem explícita em seu texto sugerindo a preparação de um maior contingente de mão-de-obra para as novas atividades abertas pelo mercado. Neste sentido a nova Constituição enfatiza o ensino pré- vocacional e profissional.

30 JOHN DEWEY ( ) PEDAGOGO E FILÓSOFO AMERICANO. Suas idéias principais eram a defesa da escola pública e gratuita e a necessidade da implantação de experiências práticas nas salas de aula. A relação entre ensino e democracia também estava sendo discutida nos Estados Unidos. Dewey era um ferrenho defensor do direito de todas as classes sociais à educação.

31 Lev S. Vygotsky ( ) professor e pesquisador nasceu em Orsha, pequena cidade da Bielorrusia viveu na Rússia, quando morreu, de tuberculose, tinha 37 anos. Construiu sua teoria tendo por base o desenvolvimento do indivíduo como resultado de um processo sócio-histórico, enfatizando o papel da linguagem e da aprendizagem nesse desenvolvimento, sendo essa teoria considerada histórico-social. Sua questão central é a aquisição de conhecimentos pela interação do sujeito com o meio.

32 Jean Piaget ( ) foi um renomado psicólogo e filósofo suíço, conhecido por seu trabalho pioneiro no campo da inteligência infantil. Piaget passou grande parte de sua carreira profissional interagindo com crianças e estudando seu processo de raciocínio. Seus estudos tiveram um grande impacto sobre os campos da Psicologia e Pedagogia.

33 BRASIL NO SÉCULO XXI Desafio de construir a escola ética e cidadã. Qual seria o ideal de educação e sociedade?


Carregar ppt "CURSO DE COMPLEMENTAÇÃO EM PEDAGOGIA. Docente: Sociedades tribais: a educação difusa; Antigüidade Oriental: a educação tradicionalista; Antigüidade grega:"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google