A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Especialização em Desenvolvimento de Aplicações WEB Metodologia de Desenvolvimento de Software – RUP 9. Ambiente Márcio Aurélio Ribeiro Moreira

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Especialização em Desenvolvimento de Aplicações WEB Metodologia de Desenvolvimento de Software – RUP 9. Ambiente Márcio Aurélio Ribeiro Moreira"— Transcrição da apresentação:

1 Especialização em Desenvolvimento de Aplicações WEB Metodologia de Desenvolvimento de Software – RUP 9. Ambiente Márcio Aurélio Ribeiro Moreira

2 Márcio Moreira9. Ambiente – slide 2Metodologia de Desenvolvimento de Software - RUP Conceitos  Ambiente: Tudo aquilo que o projeto necessita para desenvolver e implementar o software, tais como: processo, orientações, ferramentas, modelos e infra- estrutura (hardware e software)  Ambiente de desenvolvimento: Ambiente aplicado à implementação do software  Ambiente de testes: Ambiente aplicado aos testes Infra-estrutura dos Ambientes Desenvolvimento Individual (Espaço de Trabalho) Integração (Repositório) TestesSistemasIntegrados Performance e Aceitação Produção

3 Márcio Moreira9. Ambiente – slide 3Metodologia de Desenvolvimento de Software - RUP Funções envolvidas  Administrador de Sistemas: Responsável pela infra-estrutura do ambiente  Especialista em Ferramentas: Seleciona, adquire, instala e suporta as ferramentas necessárias  Engenheiro de Processos: Responsável pelo processo a ser aplicado ao desenvolvimento

4 Márcio Moreira9. Ambiente – slide 4Metodologia de Desenvolvimento de Software - RUP Objetivos da disciplina de ambiente  Fornecer a organização do desenvolvimento bem como o ambiente (processos e ferramentas) que suportarão a equipe de desenvolvimento do projeto Fornecer e manter todos os ambientes necessários ao desenvolvimento do projeto  Em linha gerais, podemos dizer que a disciplina de ambiente suporta todas as outras

5 Márcio Moreira9. Ambiente – slide 5Metodologia de Desenvolvimento de Software - RUP Fluxo de trabalho de ambiente

6 Márcio Moreira9. Ambiente – slide 6Metodologia de Desenvolvimento de Software - RUP Objetivos das atividades  Preparar ambiente do projeto: Utilizada na iniciação, com o propósito de preparar o ambiente de desenvolvimento do projeto  Preparar o ambiente para uma iteração: Adequar o ambiente de desenvolvimento do projeto para uma iteração  Suportar o ambiente durante uma iteração: Garantir que todas as demandas de processos e ferramentas sejam atendidas durante uma iteração do projeto

7 Márcio Moreira9. Ambiente – slide 7Metodologia de Desenvolvimento de Software - RUP A: Preparar ambiente do projeto

8 Márcio Moreira9. Ambiente – slide 8Metodologia de Desenvolvimento de Software - RUP A: Preparar o ambiente para uma iteração

9 Márcio Moreira9. Ambiente – slide 9Metodologia de Desenvolvimento de Software - RUP A: Suportar o ambiente durante uma iteração

10 Márcio Moreira9. Ambiente – slide 10Metodologia de Desenvolvimento de Software - RUP Essência da disciplina de ambiente Preparação do Projeto: Processo de Desenvolvimento Caso de Desenvolvimento Diretrizes e Templates Específicas do Projeto Ferramentas Preparação de Iteração: Caso de Desenvolvimento Diretrizes e Templates Específicas do Projeto Requisições de Mudança Manual de Guia de Estilo Ferramentas Suporte de Iteração: Infra-estrutura de Desenvolvimento

11 Márcio Moreira9. Ambiente – slide 11Metodologia de Desenvolvimento de Software - RUP P: Processo de Desenvolvimento  Trabalho do Engenheiro de Processos: Adequar o processo de desenvolvimento (RUP ou outro) ao Projeto Publicar o processo especificado para a equipe:  Ferramentas:  Rational Method Composer  Rational RUP Builder Preparar o Caso de Desenvolvimento, descrevendo como o processo deve ser utilizado

12 Márcio Moreira9. Ambiente – slide 12Metodologia de Desenvolvimento de Software - RUP P: Caso de Desenvolvimento  Seções típicas: Visão Geral do Caso de Desenvolvimento  Modelo de Ciclo de Vida  Exemplos de Planos de Iteração (1 para cada fase)  Fases: Iniciação, Elaboração, Construção e Transição Detalhe do Fluxo de Trabalho (1 para cada fase) Produtos de Trabalho (artefatos) Relatórios Funções Orientações e Procedimentos Específicos do Projeto

13 Márcio Moreira9. Ambiente – slide 13Metodologia de Desenvolvimento de Software - RUP P: Diretrizes Específicas do Projeto  Contém orientações específicas para o projeto em questão: Feito pelo Engenheiro de Processos e depende de linguagem e ferramentas de implementação Os guias produzidos são amplamente reutilizados  Seções típicas: Diretrizes de:  Modelagem de Negócio e Requisitos  Análise, Projeto e Implementação  Testes

14 Márcio Moreira9. Ambiente – slide 14Metodologia de Desenvolvimento de Software - RUP P: Templates Específicos do Projeto  Modelos de documentos do projeto: A padronização é fundamental Responsabilidade do Engenheiro de Processos Os padrões produzidos são amplamente reusados Exemplos:  Caso de Desenvolvimento  Plano de Desenvolvimento do Software  Requisições de Mudança  Plano de Iteração  Avaliação de Iteração  Etc.

15 Márcio Moreira9. Ambiente – slide 15Metodologia de Desenvolvimento de Software - RUP P: Manual de Guia de Estilo  Uso típico: Descreve como os materiais de suporte ao usuário devem ser desenvolvidos Recomendado somente quando existem vários manuais a serem produzidos Recomenda-se o uso de guias prontos:  HAC97:  JoAnn T. Hackos e Dawn M. Stevens Standards for Online Communication. John Wiley and Sons, Inc.  Bíblia da documentação técnica moderna (inclusive on-line)  MOS98:  Microsoft O Microsoft Manual of Style for Technical Publications. Redmond, WA: Microsoft Press

16 Márcio Moreira9. Ambiente – slide 16Metodologia de Desenvolvimento de Software - RUP Exercício 5: Contexto  Considerando o mesmo projeto dos exercícios 1 a 4, e além disto: A empresa está tocando neste programa (conjunto de projetos) outros 4 grandes projetos estratégicos em paralelo, são eles:  SOA:  Implementação de Arquitetura de Aplicações, SOA (como barramento de integração, monitoramento e gestão por processos) e Gestão de Identidades (Single Sign On)  Operações:  Implementação de Inventário, Aprovisionamento, Configuração e Gestão automática de funcionalidades de rede de TI e Comunicação  Faturamento:  Implementação de aplicação para faturamento das vendas feitas no CRM e configuradas em Operações  Cobrança:  Implementação de aplicação para cobrança das faturas não pagas no vencimento pelos clientes Em outras palavras, toda a cadeia de valor está sendo afetada Esses projetos precisam ser concluídos em paralelo, para ter uma integração única com as aplicações legadas que continuarão O programa é responsável pela entrada das aplicações em produção. Mas, a operação (suporte e manutenção) das aplicações em produção é de responsabilidade da equipe de Operação de TI da empresa

17 Márcio Moreira9. Ambiente – slide 17Metodologia de Desenvolvimento de Software - RUP Exercício 5: Questões  Que Atividades e Tarefas de Gestão de Projetos & Ambiente vocês recomendam que sejam utilizadas neste caso?  Justifique porque vocês incluíram ou excluíram cada Atividade e Tarefa.  Quais disciplinas do PMI (GP: Introdução & Ciclo de Vida - slide 13 a 15, 29, 33 a 36) vocês recomendariam como reforço à Gestão de Projetos do RUP para este programa (conjunto de projetos) e por quê? Além das disciplinas do PMI, precisamos de algum Grupo de Processos do ITIL (Ciclo de Vida de Serviços – slide 43) para a entrega para a Operação de TI da empresa? Qual e por quê?Introdução & Ciclo de VidaCiclo de Vida de Serviços  Proponha uma estrutura organizacional (em termos de equipes) para o programa (todos os projetos).

18 Márcio Moreira9. Ambiente – slide 18Metodologia de Desenvolvimento de Software - RUP Referências SiglaReferência HAC97JoAnn T. Hackos e Dawn M. Stevens Standards for Online Communication. John Wiley and Sons, Inc. JAC98 Ivar Jacobson, Grady Booch, and James Rumbaugh. The Unified Software Development Process Addison Wesley Longman. KRO03 Per Kroll e Philippe Kruchten The Rational Unified Process Made Easy, A Practitioners Guide to the RUP. Addison Wesley Longman. KRU98P. Kruchten; The Rational Unified Process: An Introduction, Object Technology Series, Addison-Wesley, MAR05Márcio Moreira. Resumo do livro Unified Process. Márcio. Uberlândia (MG) Resumo do livro Unified Process MAR06Márcio Moreira. Engenharia de Software - RUP. Uniube - Universidade de Uberaba - Uberlândia (MG) Engenharia de Software - RUP MAR09Márcio Moreira. Metodologia e Conceitos de Implantação de Sistemas. Empresa. Bom dia TI. Uberlândia (MG) Metodologia e Conceitos de Implantação de Sistemas MOS98Microsoft O Microsoft Manual of Style for Technical Publications. Redmond, WA: Microsoft Press. PRE95PRESSMAN, R. S. Engenharia de software. São Paulo: Makron Books RUP08IBM Rational. RUP – Rational Unified Process – 7.5 – For Large and Small Projects IBM Rational. SUM07Sommerville, Ian. Engenharia de Software. 8ª Ed. Pearson / Prentice Hall


Carregar ppt "Especialização em Desenvolvimento de Aplicações WEB Metodologia de Desenvolvimento de Software – RUP 9. Ambiente Márcio Aurélio Ribeiro Moreira"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google