A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Uma cadelinha que eu achava tão feiosa e desengonçada, que eu chamava de sindrômica, acabou se revelando um ser tão espetacularmente especial. Pulava.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Uma cadelinha que eu achava tão feiosa e desengonçada, que eu chamava de sindrômica, acabou se revelando um ser tão espetacularmente especial. Pulava."— Transcrição da apresentação:

1

2

3

4 Uma cadelinha que eu achava tão feiosa e desengonçada, que eu chamava de sindrômica, acabou se revelando um ser tão espetacularmente especial. Pulava na vertical, parecendo um canguru. Como só tinha um toco de rabo, abanava o corpo inteiro quando tinha a Jéssica ou a Jaque por perto. Com uma boca imensa, parecia que o sorriso fazia a volta ao redor da cabeça. Uivos, latidos, davam a nítida impressão de esforços supremos para falar como gente. Parecia que, a qualquer momento, sairiam palavras por aquele bocão. Mas para que palavras, se ela já dizia tanto sem elas? Ultra-mega-super bem cuidada de alimentação, saúde, higiene e, principalmente, carinho, certamente não entendia os “sumiços” da Jaque quando ela viajava. Mas tinha a oportunidade de enlouquecer quando ela voltava! Tudo o que nós queríamos é que desta vez ela é que estivesse viajando e, de repente, aparecesse descendo a escada com todo cuidado e trazendo a alegria e o amor que só ela sabia expressar por esta família. Mas a viagem dela foi sem volta. Nós não teremos mais a oportunidade de ouvir o toc-toc de suas patas caminhando no piso laminado, avisando da sua presença, e isso doi muito!

5 Ela também me conquistou, como sempre conquistava a todos. Quando eu iria deixar (e adorar) ver um cachorro faceiramente deitado no meu lugar na cama onde eu iria dormir? Jéssica e Jaque: vocês foram a melhor família que a Branca poderia ter e ela foi a melhor alma iluminada que poderia ter entrado nas suas (nossas) vidas. Esta é uma homenagem não apenas para a querida Branca, mas também para Goober, Panda, Galo Jorge, Fofinha, Dick, Ben, Bobby, Lady, Shangai, Pequim, Antonella, Tasha e tantos outros companheiros ditos irracionais que já se foram depois de terem alegrado e ensinado tanta coisa a seus “donos”. Beijo. Jonas.

6

7 Autoria: Jonas K. Sebastiany Fotografia/Arte: Joyce Lima Krischke Som: Ernesto Cortazar-Beethovens Silence-wave


Carregar ppt "Uma cadelinha que eu achava tão feiosa e desengonçada, que eu chamava de sindrômica, acabou se revelando um ser tão espetacularmente especial. Pulava."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google