A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Kraemer CCNA Exploration Comunicando-se pela rede.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Kraemer CCNA Exploration Comunicando-se pela rede."— Transcrição da apresentação:

1 kraemer CCNA Exploration Comunicando-se pela rede

2 kraemer Cronograma Elementos de comunicação Elementos de rede Dispositivos finais Dispositivos intermediários Meios físicos de rede Redes locais Redes de longa distância Regras que regem a comunicação Conjunto de protocolos e padrões da industria Interação dos protocolos Protocolos de tecnologias independentes Modelo de camadas Modelo de referência e de protocolo Endereço de rede Resumo e revisão

3 kraemer Elementos de comunicação

4 kraemer Elementos de comunicação

5 kraemer Elementos de comunicação

6 kraemer Elementos de comunicação

7 kraemer Elementos de rede

8 kraemer Alguns exemplos de dispositivos finais são: Computadores (estações de trabalho, laptops, servidores de arquivo, servidores Web) Impressoras de rede Telefones VoIP Câmeras de segurança Dispositivos móveis (tais como scanners de códigos de barras sem fio, PDAs) Dispositivos finais

9 kraemer Exemplos de dispositivos intermediários de rede são: Dispositivos de Acesso a Rede (Hubs, switches e pontos de acesso sem fio (access points)) Dispositivos de Redes Interconectadas (roteadores) Servidores e Modems de Comunicação Dispositivos de Segurança (firewalls) Dispositivos intermediários

10 kraemer Dispositivos intermediários (Papel da rede)

11 kraemer Dispositivos intermediários (Papel da rede)

12 kraemer Dispositivos intermediários (Papel da rede)

13 kraemer Meios físicos de rede

14 kraemer Os critérios para a escolha de um meio físico de rede são: A distância que o meio físico consegue transmitir um sinal com êxito. O ambiente no qual o meio físico deve ser instalado. A quantidade de dados e a velocidade na qual deve ser transmitido. O custo do meio físico e da instalação. Meios físicos de rede

15 kraemer Rede Local

16 kraemer Rede de Longa Distância

17 kraemer Regras que regem a comunicação

18 kraemer Regras que regem a comunicação

19 kraemer Regras que regem a comunicação

20 kraemer Regras que regem a comunicação

21 kraemer Regras que regem a comunicação

22 kraemer Principais padrões da indústria: Institute of Electrical and Electronics Engineers (IEEE) Internet Engineering Task Force (IETF) Conjunto de protocolos e padrões da industria

23 kraemer Interação dos protocolos

24 kraemer Protocolos de tecnologias independentes

25 kraemer Modelo de camadas

26 kraemer Modelo de referência e de protocolo

27 kraemer Modelo de referência e de protocolo

28 kraemer Modelo de referência e de protocolo

29 kraemer Modelo de referência e de protocolo

30 kraemer Modelo de referência e de protocolo

31 kraemer Modelo de referência e de protocolo

32 kraemer Modelo de referência e de protocolo

33 kraemer Modelo de referência e de protocolo

34 kraemer Modelo de referência e de protocolo

35 kraemer Endereço de rede

36 kraemer Endereço de rede

37 kraemer Endereço de rede

38 kraemer Endereço de rede

39 kraemer Redes de dados são sistemas de dispositivos finais, dispositivos intermediários e o meio físico conectando os dispositivos, que fornecem a plataforma para a rede humana. Esses dispositivos, e os serviços que operam neles, podem se interconectar de maneira global e transparente ao usuário porque eles cumprem com as regras e protocolos. O uso de modelos de camadas como abstrações significa que as operações de sistemas de rede podem ser analisadas e desenvolvidas para atender as necessidades de futuros serviços de comunicação. Resumo e revisão

40 kraemer Os modelos de rede mais amplamente utilizados são o OSI e o TCP/IP. Associar os protocolos que estabelecem as regras de comunicação de dados com as diferentes camadas é útil na determinação de quais dispositivos e serviços são aplicados em pontos específicos à medida que os dados passam por LANs e WANs. À medida que passam pela pilha, os dados são segmentados em pedaços e encapsulados com endereços e outros rótulos. O processo é revertido à medida que os pedaços são desencapsulados e passam na pilha de protocolo de destino. Aplicação de modelos permite que vários indivíduos, empresas e associações comerciais analisem redes atuais e projetem as redes do futuro. Dicas: acesse instale um sniffer para visualizar o tráfego da rede (wireshark) Resumo e revisão


Carregar ppt "Kraemer CCNA Exploration Comunicando-se pela rede."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google