A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

4º Encontro Nacional dos Fóruns Regionais4º Encontro Nacional dos Fóruns Regionais.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "4º Encontro Nacional dos Fóruns Regionais4º Encontro Nacional dos Fóruns Regionais."— Transcrição da apresentação:

1 4º Encontro Nacional dos Fóruns Regionais4º Encontro Nacional dos Fóruns Regionais

2 14h00 Abertura – Sérgio Nunes – Diretor DEPME/SCS/MDIC. Abertura – Sérgio Nunes – Diretor DEPME/SCS/MDIC. 14h10Práticas Atuais da Secretaria Técnica do FP (40 min). 14h50Abertura da palavra (20 min). 15h10Preenchimento e entrega dos Questionários (01 por SecTec). 15h30 Formação de Grupos de Discussão – Troca de experiências e disseminação das boas práticas das Secretarias Técnicas dos Fóruns Regionais referentes aos seguintes pilares:  Articulação Local.  Articulação com o Fórum Permanente e os Fóruns Regionais.  Operacionalização.  Recursos.  Ambiente Externo. 16h00 Apresentação dos trabalhos desenvolvidos pelos Grupos. Preenchimento e entrega do relatório (01 por Grupo). 16h55 Direcionamento dos trabalhos – Fábio Silva – Coordenador-Geral – DEPME/SCS/MDIC. 17h00 Encerramento. PAUTA DA REUNIÃO

3 OBJETIVOS:  Alinhar as ações desenvolvidas nos Fóruns Regionais e no Fórum Permanente das ME e EPP.  Identificar boas práticas de gestão em execução nas Secretarias Técnicas do Fórum Permanente e dos Fóruns Regionais.  Compreender aspectos da base legal. 4º Encontro Nacional dos Fóruns Regionais4º Encontro Nacional dos Fóruns Regionais

4 Oficina com as Secretarias Técnicas dos Fóruns Regionais OBJETIVO:  Identificar boas práticas de gestão em execução nas Secretarias Técnicas do Fórum Permanente e dos Fóruns Regionais. 4º Encontro Nacional dos Fóruns Regionais4º Encontro Nacional dos Fóruns Regionais

5 14h00Abertura – Sérgio Nunes – Diretor DEPME/SCS/MDIC. 14h10 Práticas Atuais da Secretaria Técnica do FP (40 min). 14h50Abertura da palavra (20 min). 15h10Preenchimento e entrega dos Questionários (01 por SecTec). 15h30 Formação de Grupos de Discussão – Troca de experiências e disseminação das boas práticas das Secretarias Técnicas dos Fóruns Regionais referentes aos seguintes pilares:  Articulação Local.  Articulação com o Fórum Permanente e os Fóruns Regionais.  Operacionalização.  Recursos.  Ambiente Externo. 16h00 Apresentação dos trabalhos desenvolvidos pelos Grupos. Preenchimento e entrega do relatório (01 por Grupo). 16h55 Direcionamento dos trabalhos – Fábio Silva – Coordenador-Geral – DEPME/SCS/MDIC. 17h00 Encerramento. PAUTA DA REUNIÃO

6

7 Lei Complementar nº 123, (de 14/12/06) e alterações posteriores LC nº 127/07, LC nº 128/08 e LC nº 139/12) Decreto nº (01/08/2007) - Instituiu e regulamentou o Fórum Permanente das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte Portaria nº 170 (31/08/2009)- Aprova o Regimento Interno do Fórum Permanente Portaria nº 170 (31/08/2009)- Aprova o Regimento Interno do Fórum Permanente

8

9 Presidência MDIC Secretaria Técnica CT Desoneração e Desburocratiza- ção CT Comércio Exterior CT Tecnologia e Inovação CT Investimento e Financiamento CT Rede de Disseminação, Informação e Capacitação CT Compras Governamen- tais Compras Governamen- tais Grupo de Assessoramento Técnico – GAT

10 Direção e Coordenação do Fórum Permanente Cargo no FR Cargo Atual Alteração proposta Presidente Ministro de Estado do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior - Secretário Técnico Secretaria de Comércio e Serviços (SCS) do MDIC Direção Diretor de Micro, Pequenas e Médias Empresas (DEPME) Coordenador Geral Coordenador Geral de Articulação Institucional, Crédito e Fomento às Médio Empresas (CGME) - Coordenador de Apoio Coordenadora de Apoio ao Fórum Permanente das ME e EPP(COFEP) - Secretário de Comércio e Serviços, por intermédio do Diretor do Departamento de Micro, Pequenas e Médias Empresas

11 Presidência MDIC Secretaria Técnica CT Desoneração e Desburocratiza- ção CT Comércio Exterior CT Tecnologia e Inovação CT Investimento e Financiamento CT Rede de Disseminação, Informação e Capacitação CT Compras Governamen- tais Compras Governamen- tais Grupo de Assessoramento Técnico – GAT

12 Comitês Temáticos Comitês Temáticos (CT) do Fórum Permanente Coordenação de Governo Coordenação da Iniciativa Privada CT Desoneração e Desburocratização DEPME/SCS/MDICASSIMPI CT Comércio Exterior SECEX/MDICCONAMPE CT Tecnologia e Inovação SI/MDICMONANPE CT Investimento e Financiamento BNDES CNI CT Rede de Disseminação, Informação e Capacitação SEBRAE Nacional CACB CT Compras GovernamentaisMP (antes: MPOG)CNC Responsáveis por articular, desenvolver estudos e elaborar propostas para formulação de políticas públicas relacionadas à temas específicos.

13 Presidência MDIC Secretaria Técnica CT Desoneração e Desburocratiza- ção CT Comércio Exterior CT Tecnologia e Inovação CT Investimento e Financiamento CT Rede de Disseminação, Informação e Capacitação CT Compras Governamen- tais Grupo de Assessoramento Técnico – GAT

14 Grupo de Assessoramento Técnico (GAT) Composição Coordenadores de Governo e da Iniciativa Privada dos Comitês Temáticos. PresidênciaSecretário Técnico do Fórum Permanente. Atribuições Aprovar o calendário anual de reuniões. Acompanhar e avaliar os trabalhos dos CT, propondo ajustes e temas de forma a compor a agenda de trabalho e a formulação de políticas públicas pertinentes ao segmento das ME e EPP. Acompanhar os trabalhos e consolidar estudos e propostas de ações, medidas e políticas públicas, elaboradas pelos comitês temáticos, relativas a temas inerentes a mais de um Comitê. Dirimir conflitos entre os Comitês Temáticos e definir o responsável pelo desenvolvimento dos trabalhos de determinado tema. Realizar as articulações entre os Comitês, em conjunto com a Secretaria Técnica. Elaborar o direcionamento estratégico do fórum e realizar o alinhamento e a consolidação dos objetivos e projetos estratégicos estabelecidos pelos comitês temáticos.

15 Presidência MDIC Secretaria Técnica CT Desoneração e Desburocratiza- ção CT Comércio Exterior CT Tecnologia e Inovação CT Investimento e Financiamento CT Rede de Disseminação, Informação e Capacitação CT Compras Governamen- tais Compras Governamen- tais Grupo de Assessoramento Técnico – GAT

16 Secretaria Técnica Estrutura de pessoal - 04 estagiários (2 por turno) - 02 servidores (ACE e Ag Adm) - 01 servidor terceirizado (Aux Adm) Subordinação DEPME/SCS AtribuiçõesAtividades, critérios e práticas da Secretaria Técnica Habilitação e Desabilitação de Entidades Edital de Habilitação. Critérios para Habilitação. Escolha dos CT que a Entidade se compromete a participar. Indicação de Representantes nos CT. Publicação dos resultados da habilitação para credenciamento de Entidades. Frequência anual mínima de 60% nas Reuniões Ordinárias dos CT aos quais a Entidade se habilitou a participar. Publicação da desabilitação das Entidades. Obs: quem habilita e desabilita é o Secretário Técnico.

17 Secretaria Técnica AtribuiçõesAtividades, critérios e práticas da Secretaria Técnica Indicação dos Coordenadores de Governo Duração e prorrogação do mandato. Cada representante de Instituição ou Órgão Governamental só poderá exercer a coordenação de um único CT. A Instituição ou o Órgão indicará o nome do Coordenador do CT e de seu suplente (ou suplentes). Escolha dos Coordenadores da Iniciativa Privada Titulares das Entidades integrantes do FP escolherão, entre seus pares, a Entidade coordenadora da iniciativa privada de cada CT. Duração e prorrogação do mandato. Cada Entidade terá direito a um voto na escolha do Coordenador da Iniciativa Privada de cada CT. Cada Entidade poderá ser coordenadora de um só CT por vez. Possibilidade de, em caráter excepcional, exercer a coordenação de mais de um CT, a critério do Secretário Técnico do Fórum. Participação de Entidades que tenham a frequência mínima estabelecida. Indicação do nome do Coordenador e do(s) substituto(s) pela Entidade. Prazo de até 60 dias, a contar da data de vencimento do mandato, para realização da reunião de escolha dos novos coordenadores.

18 Secretaria Técnica AtribuiçõesAtividades, critérios e práticas da Secretaria Técnica Envio de convites para reuniões e eventos do Fórum Integrantes do FP para Reuniões Plenárias, Ordinárias e Extraordinárias e outros eventos. Não integrantes do FP para reuniões e eventos. Cadastro dos dados dos integrante do FP e de convidados Solicitação de dados por (telefone). Recebimento dos dados por (no padrão solicitado). Atualização manual dos dados. Sistema de Gestão. Encaminhamento de propostas de ações e medidas voltadas para o segmento Analisar os aspectos legais. Realizar orientações e ajustes quando necessário. Encaminhar as propostas ao CT responsáveis pelas matérias. Encaminhar propostas restituídas para CT responsável pela matéria ou para o proponente.

19 Secretaria Técnica AtribuiçõesAtividades, critérios e práticas da Secretaria Técnica Elaboração de pautas de reuniões Receber e consolidar as sugestões de inclusão de tema para a pauta das reuniões (até 20 dias antes da data das reuniões). Receber as pautas encaminhadas pelos Coordenadores dos Comitês Temáticos (até 15 dias antes da data das reuniões). Submeter a pauta à aprovação do Secretário Técnico (até 15 dias antes da data das reuniões) e realizar as correções indicadas. Encaminhar a pauta anexa aos convites. Disponibilização no site do FP Modelo dos documentos a serem utilizados. Memórias Técnicas, pautas, Relatório Anual das atividades desenvolvidas e outros trabalhos apresentados nas reuniões ou de interesse. Manutenção do site atualizado Legislações. Informações sobre as ações desenvolvidas e em desenvolvimento. Informações sobre os Fóruns Regionais.

20 Secretaria Técnica AtribuiçõesAtividades, critérios e práticas da Secretaria Técnica Realização do registro, do controle de presença e do arquivamento do registro (*) Realizar o registro e controle da frequência dos representantes titulares ou respectivos suplentes dos integrantes do Fórum nas Reuniões Ordinárias. Possibilidade de representar apenas uma entidade por reunião de CT. Computada apenas a presença de representante oficial (titular/supl). Realizar o arquivamento dos registros de presenças de todas as atividades desenvolvidas pelo Fórum. Prestação de apoio técnico e administrativo Na execução dos Trabalhos do Fórum. Ao Presidente, ao GAT e aos CT. Apoio aos eventos Check List (atividades antes,durante e após os eventos).

21 Secretaria Técnica AtribuiçõesAtividades, critérios e práticas da Secretaria Técnica Realização do registro, do controle de presença e do arquivamento do registro (*) Realizar o registro e controle da frequência dos representantes titulares ou respectivos suplentes dos integrantes do Fórum nas Reuniões Ordinárias. Possibilidade de representar apenas uma entidade por reunião de CT. Computada apenas a presença de representante oficial (titular/supl). Realizar o arquivamento dos registros de presenças de todas as atividades desenvolvidas pelo Fórum. Prestação de apoio técnico e administrativo Na execução dos Trabalhos do Fórum. Ao Presidente, ao GAT e aos CT. Acompanha - mento das ações de interlocução Entre os Coordenadores de Governo e da Iniciativa Privada. Entre o Fórum Permanente e os Fóruns Regionais. Entre o Fórum Permanente e Instituições e Órgãos Estaduais e Distritais competentes, bem como Entidades vinculadas ao setor. Apoio aos eventos Check List (atividades antes durante e após os eventos).

22 Secretaria Técnica AtribuiçõesAtividades, critérios e práticas da Secretaria Técnica Avaliação das reuniões e eventos desenvolvidos pelo FP Aplicar instrumento de avaliação ao final de cada reunião ou evento (*). Consolidar e analisar os resultados. Encaminhar os resultados consolidados e analisados aos responsáveis para as devidas providências. Estruturação do relatório para as Reuniões Plenárias Consolidar as informações recebidas dos Comitês Temáticos. Elaborar relatório a ser entregue, pelo Secretário Técnico, ao Presidente do Fórum, por ocasião das reuniões plenárias.

23 Secretaria Técnica AtribuiçõesAtividades, critérios e práticas da Secretaria Técnica Avaliação das reuniões e eventos desenvolvidos pelo FP Aplicar instrumento de avaliação ao final de cada reunião ou evento (*). Consolidar e analisar os resultados. Encaminhar os resultados consolidados e analisados aos responsáveis para as devidas providências. Estruturação do Relatório para as Reuniões Plenárias Consolidar as informações recebidas dos Comitês Temáticos. Elaborar Relatório a ser entregue, pelo Secretário Técnico, ao Presidente do Fórum, por ocasião das Reuniões Plenárias. Coordenação e acompanha- mento da atua- ção dos Con- sultores dos CT e do GAT Reuniões de Pontos de Controle (individuais e coletivas). Reuniões paralelas as Reuniões Ordinárias. Reuniões de Coordenação (coordenadores e consultores dos CT). Agenda Estratégica (*). Sumário Executivo (*). Plano de Ação - 5W2H (*). Obs: Relatórios anuais são disponibilizados no site do Fórum

24 Secretaria Técnica - Projetos Estratégicos AtribuiçõesObjetivos Estratégicos Coordenação e acompanhamento do desenvolvimento dos projetos estratégicos Fortalecer o Fórum Permanente das ME e EPP e Fóruns Regionais. Implementar os ACTs/Convênio/GT.

25 Objetivos Estratégicos Fortalecer Fórum Permanente e Fóruns Regionais das ME e EPP Implementar os ACTs/Convênio/GT 1 Implantar a Identidade Visual. 2 Desenvolver o Vídeo Institucional. 3 Desenvolver e implantar o site do FP. 4 Desenvolver e implantar o Sistema de Gestão. 5 Realizar eventos do FP. 6 Implantar o Alinhamento Gerencial. 7 Implantar a Estratégia de Fortalecimento dos FRs. 1 Realizar ACT MDIC - ECT - MC 2Realizar ACT MDIC – MJ 3Realizar ACT MDIC – INPI 4 Realizar ACT MDIC – IPEA Realizar Aditivo 5 Realizar ACT MDIC – Sebrae – FNP – CNM 6 Realizar ACT MDIC – Sebrae - Fórum 7Realizar ACT MDIC – CFA 8 Realizar convênio MDIC – APEX 9 Implementar GT para simplificação de normas de contabilidade para MPES. 10 Implementar GT para o PNCA 11 Implantar Plano Nacional de Empreendedorismo - PNE Plano Operacional

26 Secretaria Técnica - Projetos Estratégicos Projetos Estratégicos Atividades e estratégicas Fortalecimento dos Fóruns Regionais Criação de sistema para armazenamento de informações. Nivelamento dos consultores dos SEBRAE-UF. Realização do diagnóstico da situação dos Fóruns Regionais. Implantação de Fóruns Regionais não implantados. Fortalecimento dos Fóruns Regionais. Levantamento e disseminação de Boas Práticas. Alinhamento Gerencial Revisão e a Adequação do Regimento Interno e do Decreto do Fórum Permanente das ME e EPP. Mapeamento Análise, Racionalização e Padronização dos Processos de Trabalho da Secretaria Técnica.

27 14h00Abertura – Sérgio Nunes – Diretor DEPME/SCS/MDIC. 14h10Práticas Atuais da Secretaria Técnica do FP (40 min). 14h50 Abertura da palavra (20 min). Abertura da palavra (20 min). 15h10Preenchimento e entrega dos Questionários (01 por SecTec). 15h30 Formação de Grupos de Discussão – Troca de experiências e disseminação das boas práticas das Secretarias Técnicas dos Fóruns Regionais referentes aos seguintes pilares:  Articulação Local.  Articulação com o Fórum Permanente e os Fóruns Regionais.  Operacionalização.  Recursos.  Ambiente Externo. 16h00 Apresentação dos trabalhos desenvolvidos pelos Grupos. Preenchimento e entrega do relatório (01 por Grupo). 16h55 Direcionamento dos trabalhos – Fábio Silva – Coordenador-Geral – DEPME/SCS/MDIC. 17h00Encerramento. PAUTA DA REUNIÃO

28 14h00Abertura – Sérgio Nunes – Diretor DEPME/SCS/MDIC. 14h10Práticas Atuais da Secretaria Técnica do FP (40 min). 14h50Abertura da palavra (20 min). 15h10 Preenchimento e entrega dos Questionários (01 por SecTec). (*) 15h30 Formação de Grupos de Discussão – Troca de experiências e disseminação das boas práticas das Secretarias Técnicas dos Fóruns Regionais referentes aos seguintes pilares:  Articulação Local.  Articulação com o Fórum Permanente e os Fóruns Regionais.  Operacionalização.  Recursos.  Ambiente Externo. 16h00 Apresentação dos trabalhos desenvolvidos pelos Grupos. Preenchimento e entrega do relatório (01 por Grupo). 16h55 Direcionamento dos trabalhos – Fábio Silva – Coordenador-Geral – DEPME/SCS/MDIC. 17h00Encerramento. PAUTA DA REUNIÃO

29 14h00Abertura – Sérgio Nunes – Diretor DEPME/SCS/MDIC. 14h10Práticas Atuais da Secretaria Técnica do FP (40 min). 14h50Abertura da palavra (20 min). 15h10Preenchimento e entrega dos Questionários (01 por SecTec). 15h30 Formação de Grupos de Discussão – Troca de experiências e disseminação das boas práticas das Secretarias Técnicas dos Fóruns Regionais referentes aos seguintes pilares:  Articulação Local.  Articulação com o Fórum Permanente e os Fóruns Regionais.  Operacionalização.  Recursos.  Ambiente Externo.  Ambiente Externo. 16h00 Apresentação dos trabalhos desenvolvidos pelos Grupos. Preenchimento e entrega do relatório (01 por Grupo). 16h55 Direcionamento dos trabalhos – Fábio Silva – Coordenador-Geral – DEPME/SCS/MDIC. 17h00Encerramento. PAUTA DA REUNIÃO

30 Metodologia 1. Formação de grupos de trabalho, mantendo representantes da Sec Tec e da UPP de cada estado ou do DF em um mesmo grupo.

31 Metodologia 2. Definição do Coordenador e do Relator de cada um dos grupos. 3. Durante 30 minutos, cada um dos grupos deverá identificar as práticas de gestão utilizadas pelos Fóruns Regionais (integrantes de seu grupo) em cada um dos cinco pilares definidos. 4. Cada um dos grupos deverá preencher e entregar o Relatório, contendo a descrição das práticas. 5. Serão selecionados grupos relatores para apresentação das práticas utilizadas em cada um dos pilares. 6. Os demais grupos complementarão cada tema, apresentando práticas diferentes utilizadas por seus Fóruns. 1. Formação de grupos de trabalho, mantendo representantes da Sec Tec e da UPP de cada estado e DF em um mesmo grupo.

32 14h00Abertura – Sérgio Nunes – Diretor DEPME/SCS/MDIC. 14h10Práticas Atuais da Secretaria Técnica do FP (40 min). 14h50Abertura da palavra (20 min). 15h10Preenchimento e entrega dos Questionários (01 por SecTec). 15h30 Formação de Grupos de Discussão – Troca de experiências e disseminação das boas práticas das Secretarias Técnicas dos Fóruns Regionais referentes aos seguintes pilares:  Articulação Local.  Articulação com o Fórum Permanente e os Fóruns Regionais.  Operacionalização.  Recursos.  Ambiente Externo. 16h00 Apresentação dos trabalhos desenvolvidos pelos Grupos. Preenchimento e entrega do relatório (01 por Grupo). Preenchimento e entrega do relatório (01 por Grupo). 16h55 Direcionamento dos trabalhos – Fábio Silva – Coordenador-Geral – DEPME/SCS/MDIC. 17h00Encerramento. PAUTA DA REUNIÃO

33 14h00Abertura – Sérgio Nunes – Diretor DEPME/SCS/MDIC. 14h10Práticas Atuais da Secretaria Técnica do FP (40 min). 14h50Abertura da palavra (20 min). 15h10Preenchimento e entrega dos Questionários (01 por SecTec). 15h30 Formação de Grupos de Discussão – Troca de experiências e disseminação das boas práticas das Secretarias Técnicas dos Fóruns Regionais referentes aos seguintes pilares:  Articulação Local.  Articulação com o Fórum Permanente e os Fóruns Regionais.  Operacionalização.  Recursos.  Ambiente Externo. 16h00 Apresentação dos trabalhos desenvolvidos pelos Grupos. Preenchimento e entrega do relatório (01 por Grupo). 16h55 Direcionamento dos trabalhos – Fábio Silva – Coordenador-Geral – DEPME/SCS/MDIC. 17h00Encerramento. PAUTA DA REUNIÃO

34 Ministério do Desenvolvimento, Indústria E Comércio Exterior Secretaria de Comércio e Serviços Departamento de Micro, Pequenas e Médias Empresas

35 AçõesStatusResultadosJustificativa Horizonte Temporal – 2 anos Ampliar e fomentar a utilização de fundos garantidores de crédito já existentes; Ações com- cretizadas e em continui- dade. Horizonte Temporal – 5 anos Reduzir o custo do crédito Horizonte Temporal – 10 anos AGENDA ESTRATÉGICA

36 Ação 7 - Atualizar as cartilhas elaboradas no âmbito do Comitê Temático Investimento e Financiamento. O quePor que Fase Como Quand o Quem AtividadesObjetivoPassos a serem executadosPrazosResponsáveis Atualizar as cartilhas ela- boradas no âmbito do Comitê Te- mático Investimento e Financia- mento. Ampliar o acesso ao crédito e aumentar a competitivi- dade. Desen- volvi- mento 1. Encaminhar às instituições financeiras e à ABDE documento para atualização. Sensibilizar instituições para o patrocínio das publicações. 2. Revisar e ajustar nos documentos. Publicação. Jun/ 2012 Coorde- nadores, Consultores e Secretaria Técnica. PLANO DE AÇÃO - 5W2H

37 SUMÁRIO EXECUTIVO COMITÊ TEMÁTICO INVESTIMENTO E FINANCIAMENTO (Maio/12) Agenda Estratégica 2010 – horizonte de 2 anos:  Ampliar e fomentar a utilização dos Fundos Garantidores já existentes Agenda Estratégica 2010 – horizonte de 5 anos:  Criação do marco regulatório do Sistema Nacional de Garantia de Crédito pelo poder executivo, em cumprimento à Lei Geral. Agenda Estratégica 2010 – horizonte de 10 anos:  Criação de mecanismos para aumentar o peso da oferta de crédito livre no país para as MPEs Posicionamento Posicionamento: Ação 1 Ação 1 - Articulação para o cumprimento do art. 58 da Lei Geral que trata de linha de crédito específica para o setor. Ação 2 Ação 2 - Proposição de destinação de recursos específicos para as MPEs.

38 RAC – Resumo de Ações dos Consultores / SECTEC Reuniões do GAT Elaborar a apresentação do respectivo CT, a ser utilizada durante a reunião, quando constar na pauta. Participar da reunião. Reuniões Ordinárias ANTES DURANTE APÓS Reuniões Plenárias CTs Diversos

39 FORMULÁRIO DE AVALIAÇÃO ( ) Comitê Temático Comércio Exterior ( ) Comitê Temático Desoneração e Desburocratização ATIVIDADES DESENVOLVIDAS COORDENADORES DA REUNIÃO INFRAESTRUTURA E LOGÍSTICA PARTICIPAÇÃO INDIVIDUAL SUGESTÕES Pontualidade da reunião Período e horário de realização Relevância da pauta Cumprimento da pauta Duração da reunião Insatisfeito Satisfeito Parcialmente satisfeito

40 NºRepresentanteEntidadeDDDTelefone Assinatura Lista de Presença

41 Informações referentes ao funcionamento dos Fóruns Regionais EventoLei ou LCDecretoPortaria Regulamentação da Lei Geral Criação / Instituição do Fórum Regional Publicação do Regimento Interno 1. Instrumentos Legais 2. Direção e Coordenação do Fórum Regional Cargo no FRNome Instituição/Órgão que representa Cargo no Órgão ou na Instituição de origem Presidente Secretário Técnico Coordenador

42 Informações referentes ao funcionamento dos Fóruns Regionais 3. Comitês Temáticos e respectivos coordenadores 2. Direção e Coordenação do Fórum Regional Comitês Temáticos (CT) do Fórum Regional (Estadual/Distrital) Coordenação de Governo (Instituição/Órgão) Coordenação da Iniciativa Privada (Entidade) CT 4. O Fórum Regional possui um Grupo de Assessoramento Técnico (GAT)? __________ Em caso positivo, em linhas gerais, quais são os integrantes (ex: Coordenadores dos Comitês Temáticos e a Secretaria Técnica do Fórum Regional): _________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________

43 Informações referentes ao funcionamento dos Fóruns Regionais 5. Atividades desenvolvidas no Fórum Regional Atividade Como é realizada cada atividade Habilitação de Entidades Privadas Emissão de convite para participação de Órgãos e Instituições de Governo no Fórum Regional Desabilitação das Entidades Privadas Forma de saída (se ocorrer) de Instituição e Órgão de Governo Acompanhamento da frequência dos representantes das Entidades Privadas nas reuniões do FR Controle dos dados cadastrais dos representantes de Entidades / Instituições / Órgãos do FR Definição da periodicidade das Reuniões Ordinárias e Plenárias 6. O Fórum Regional (Estadual/Municipal) tem, como integrante, algum Fórum Municipal (ou de Macrorregiões)? __________. Qual/Quais? _____________________________________

44 Informações referentes ao funcionamento dos Fóruns Regionais 8. Tecnologia da Informação QuestionamentoSituação atual O Fórum Regional possui sistema informatizado que apoia o desenvolvimento de suas atividades O Fórum Regional possui site (página na web) 9. Principais dificuldades que o FR encontra no desenvolvimento das atividades? AspectosDificuldades Articulação Local Articulação com o Fórum Permanente e os FR Operacionalização Recursos Disponíveis Ambiente Externo 7. Secretaria Técnica QuestionamentoSituação atual Estrutura de pessoal (quantos) A que Órgão/Instituição pertence

45 Organização dos Grupos de trabalho Grupo 1 AC - MA RN - DF SP - PR Grupo 2 AM - PE PI - TO MG - RS Grupo 3 PA - AP CE - GO RJ Grupo 5 RR - BA PB - MS SC Grupo 4 RO - SE AL - MT ES

46 CHECK LIST - REUNIÕES FORUM PERMANENTE DAS ME e EPP Nome do evento: Data:Horário: Local: ATIVIDADESPRAZORESPONSÁVELSUPLENTEOBSERVAÇÃO Verificar agenda do parceiro e da Secretaria Técnica e fechar data. Anotar contato(s) do(s) representante (s) da entidade/instituição ou do órgão parceiro(a) na operacionalização. Verificar contato do responsável pela operacionalização dos espaços. Ver espaços disponíveis / auditório. Enviar CGMI pedindo operador Ver se há microfones sem fio e quantos com fio. Providenciar Buffet

47 PILARESSUGESTÕES Articulação Local Articulação Junto ao FP Junto aos FR Operacionalização Recursos Disponíveis Ambiente Externo


Carregar ppt "4º Encontro Nacional dos Fóruns Regionais4º Encontro Nacional dos Fóruns Regionais."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google