A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Sistemas de informação em planos de saúde: rede credenciada, usuários e ANS André Junqueira Xavier.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Sistemas de informação em planos de saúde: rede credenciada, usuários e ANS André Junqueira Xavier."— Transcrição da apresentação:

1 Sistemas de informação em planos de saúde: rede credenciada, usuários e ANS André Junqueira Xavier

2 Apresentação A complexidade atual dos aspectos relacionados ao financiamento da assistência à saúde leva ao desenvolvimento de meios de coleta, transmissão, arquivamento e transformação da informação (conhecimento) cada vez mais sofisticados. Os aspectos escolhidos para estudo foram duas pontas de um sistema de informação automatizado: Em primeiro lugar a interface entre a operadora e sua rede credenciada, e em segundo lugar o contato entre o usuário e a operadora por meio da Internet em seguida são discutidos aspectos éticos e de segurança inerentes a sistemas de informação em saúde. Este trabalho tem como objetivo fornecer subsídios para a agência reguladora (ANS) nas suas decisões e competências. Pretende-se oferecer um panorama sobre Sistemas de Informação em Saúde (SIS) e Tecnologia da Informação (TI) que são aplicados na construção e organização de sistemas de informação em saúde informatizados.

3 Exposição O primeiro grande obstáculo que as tecnologias de informação precisam vencer são os vocabulários e jargões técnicos de várias áreas da saúde com diferenças culturais, regionais e temporais que se misturam nas várias formas de coleta de dados Ao se discutir a padronização da informação no mercado de saúde no Brasil se denota que a sua principal característica é a extrema fragmentação, o que dificulta a integração de informações e conseqüentemente contribui para a ineficácia geralmente percebida pelos participantes do processo A correta aplicação das tecnologias de informação pode contribuir decisivamente para reduzir custos e melhorar a qualidade do atendimento, promovendo, ao mesmo tempo, a utilização de padrões que estão em processo de certificação pelo Grupo de Trabalho coordenado pelo CFM e SBIS.

4 Exposição Aspectos financeiros Aspectos tecnológicos Segurança e privacidade Em termos de sistemas de informação, os aspectos éticos se concentram em como se dá o acesso aos registros do paciente. A informação em saúde precisa ser protegida para que se evite discriminação, obstáculos para empregabilidade e acesso a seguros de saúde. Três conceitos são essenciais para que se obtenha um tratamento ético da informação: privacidade, confidencialidade e segurança.

5 Exposição Outro aspecto fundamental dos sistemas de informação são os portais tanto de intranet quanto de internet que as operadoras mantém com seus usuários, prestadores, e funcionários. O site ou portal de um plano de saúde é a interface do sistema de informação (SI) com o usuário e/ou com o prestador e a comunidade em geral pode encontrá-los na Internet. Os sites destas empresas também podem ser apenas para seus funcionários servindo de apoio aos vários procedimentos administrativos da empresa e abrigando jornais internos e acesso a informações mais usadas, normalmente são sites fechados em intranets.

6 Exposição No transcorrer deste texto foram estudados três aspectos principais dos sistemas de informação em saúde das operadoras: seu relacionamento com a rede credenciada de forma fragmentada e custosa por meio de rede própria, a dificuldade de acesso em relação ao cliente que visita o sistema via internet e aspectos éticos e de segurança que precisam estar presentes em todas as transferências de informação entre as operadoras de saúde e a ANS.

7 Conclusões/Propostas Espera-se com este panorama uma contribuição para a solução de problemas de tratamento de informação nas operadoras de saúde, por meio da concepção, construção e manutenção de modelos informatizados de automação corporativa que contemplem o relacionamento com a rede credenciada, usuários on-line e ANS. Em relação a forma como se constrói a rede informatizada de atendimento à rede credenciada há uma grande necessidade de integração no sentido de se baixar custos, quanto aos usuários on- line deve haver preocupação com uma melhor acessibilidade para portadores de necessidades especiais, idosos e usuários inexperientes. Alguns portais não possuem política de privacidade e/ou certificação digital acessível. Alguns são mais objetivos no sentido de uma interação com o usuário proporcionando serviços úteis tais como rede conveniada, segunda via de contas e cartões. A Internet é uma “Plataforma Universal”, possibilitando um conjunto de padrões que viabilizam a troca de informações (entre operadoras e ANS) independente de marca, fabricante, nacionalidade e linguagem.

8 Conclusões/Propostas Os grandes sistemas de informação atuais se baseiam na construção de hierarquias de hardware e software, são sistemas descentralizados, poderosos e complexos que emergem de métodos simples de armazenamento e manipulação de dados. A comunicação e distribuição possibilitada pela Internet representa mais um grau de complexidade sobre a hierarquia básica de hardware e software. Entre as perspectivas para o futuro estão o Sistema de Registro Eletrônico de Saúde (RES), a Formação de Comunidades de Informação Multi-Institucionais, o uso de Software compatíveis com as Tecnologias de Internet. As características mais importantes deste sistema: Não competir com os sistemas existentes, se Integrar aos recursos locais disponíveis, à rede própria e à de parceiros bem como aos recursos públicos (CNS). Uso de padrões abertos e universais com capacidade de incorporar “inteligência” e outras aplicações.

9 FIM DA APRESENTAÇÃO


Carregar ppt "Sistemas de informação em planos de saúde: rede credenciada, usuários e ANS André Junqueira Xavier."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google