A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 Dia Mundial da Alimentação Faculdade de Engenharia de Alimentos, Unicamp, 16 de outubro de 2009. Enrique Ortega Laboratório de Engenharia Ecológica,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 Dia Mundial da Alimentação Faculdade de Engenharia de Alimentos, Unicamp, 16 de outubro de 2009. Enrique Ortega Laboratório de Engenharia Ecológica,"— Transcrição da apresentação:

1 1 Dia Mundial da Alimentação Faculdade de Engenharia de Alimentos, Unicamp, 16 de outubro de Enrique Ortega Laboratório de Engenharia Ecológica, Campinas, 16 de outubro de 2009.

2 2 A Terra esta doente! Não se poderá produzir alimentos em uma terra doente!

3 3

4 Diagnóstico rápido: Qual é a temperatura? Qual é a pressão? Como estão os batimentos cardíacos? E a pele? E o hálito? E a pupila? E as fezes? E a urina?

5 5

6 6 anos? Tem que ocorrer uma inversão da tendência! Como? Com inovação transdisciplinar e um novo modelo de desenvolvimento baseado em ruralização ecológica

7 Porém o cenário do futuro se complica muito mais se consideramos as mudanças climáticas. petróleo CO 2 CH 4 Produtos industriais CO 2 Aquecimento da temperatura média do planeta acima de 2 graus Celsius. Gases do Permafrost, auto-ignição de florestas, clatratos Ameaça gravíssima a resiliência da Biosfera!

8 1.A temperatura aumentou e pode virar febre mortal! 2.Seus órgãos (os ecossistemas naturais) estão sendo consumidos por alguns organismos que adquiriram comportamento viral! 3.A composição dos seus líquidos internos mudou muito. E a composição dos gases da atmosfera também! Está com mal cheiro! 4.Perdeu o pulso! 5.Está perdendo a consciência! 6.Quem toma conta dela acha que ela agüenta seguir recebendo pancada todo dia, para sempre!

9 Vejamos os resultados da junta de médicos especialistas!

10 10 Humanidade esgota seu "espaço de operação", dizem cientistas Folha de São Paulo (26/09/ h25) www1.folha.uol.com.br/folha/ciencia/ult306u shtml A humanidade pode estar tirando o planeta da excepcional estabilidade ambiental em que ele se encontra há 10 mil anos e lançando-o numa zona turbulenta com conseqüências "catastróficas".

11 11 O novo alerta é feito por um grupo internacional de 29 cientistas, em artigo nesta semana na revista "Nature". O time reúne alguns dos maiores especialistas no sistema terrestre, entre eles o holandês Paul Crutzen, que em 1995 ganhou o premio Nobel de Química por seu trabalho sobre a camada de ozônio.

12 12 Eles identificaram nove fatores-chave do funcionamento do planeta que não deveriam ser perturbados além de um certo limite para que a estabilidade ambiental que permitiu o florescimento da civilização continue por milhares de anos. Acontece que, os 9 "limiares planetários" estão atingindo valores limite, inclusive alguns deles já foram excedidos e precisam ser revertidos aos valores pré-industriais. Todos eles são importantes para o planeta e seus habitantes!

13 13 A poluição química; O lançamento de aerossóis na atmosfera; A perda da biodiversidade; A acidificação dos oceanos; A destruição do ozônio estratosférico. A alteração nos ciclos do nitrogênio e do fósforo A mudança climática; A mudança no uso da terra; O uso da água doce; Três já foram excedidos Não há informação suficiente Se a atividade humana seguir igual terão seus limites ultrapassados Único limiar revertido aos valores pré- industriais

14 14

15 15

16 16 O ciclo do nitrogênio não costumava aparecer entre as pragas ambientais mais citadas. Johan Rockström (Universidade de Estocolmo), aponta que a quantidade de nitrogênio removida da atmosfera para uso humano para uso como fertilizante agrícola, já é quatro vezes maior do que o limite proposto. Nos fertilizantes, o nitrogênio é convertido a uma forma reativa que deságua no ambiente, poluindo os rios e as zonas costeiras e formando óxido nítrico, um gás-estufa.

17 17 Outro nutriente importante, o fósforo, também está tendo seu ciclo alterado, embora haja "grandes incertezas" sobre qual seria seu limite.

18 18 O grupo de pesquisadores aponta que o fato de "apenas" três limiares terem sido cruzados não é garantia de que o mundo não sofrerá mudanças catastróficas pois, afinal, há múltiplas interações entre os limiares. "Transgredir a barreira do nitrogênio- fósforo pode erodir a resiliência dos ecossistemas marinhos, reduzindo sua capacidade de absorver CO 2, afetando assim a barreira climática."

19 E agora? O que podemos fazer?

20 (a) Assistir ao colapso de camarote e ir embora junto com a mãe natureza? (b) Perceber a gravidade da situação, estudar o fenômeno para entender o problema e tomar as medidas necessárias? (c) Chamar especialistas? Nesse caso, depois temos que entender o diagnóstico e mudar o funcionamento do sistema! Escolha sua opção!

21 (b) Perceber a situação, estudar o fenômeno e tomar as medidas necessárias! (c) Chamar os especialistas! Entender o diagnóstico! Mudar o funcionamento do sistema! Resposta correta para quem está na universidade: b + c

22 Isso exige um projeto político-pedagógico para a universidade e não apenas modificações curriculares aqui e acolá. Recuperar a universidade para que ela possa ajudar na transição a um modelo de desenvolvimento realmente sustentável Cada vez mais, os cientistas, os filósofos e os políticos reconhecem que é necessário um novo projeto de sociedade com uma relação sadia entre seres humanos e natureza.

23 MTB 09/27/05 O Futuro do Futuro. Mark T. Brown Curso Internacional sobre Análise Emergética. Florência, Itália, Setembro 27 de 2005

24 MTB 09/27/05 Devemos unir os fios soltos... e fazer uma TAPEÇARIA INTELECTUAL - um trabalho complexo, útil e belo.

25 MTB 09/27/05 A Tapeçaria… Pensamentos para a transição.... motivada pela crise dos picos (petróleo, CO 2, perda de ecossistemas, perda da biodiversidade, perda de funções ambientais, etc.)

26 MTB 09/27/05 A Tapeçaria… Meio Ambiente 1.Temos que tratar o meio ambiente não como um depósito de resíduos, mas como a fonte de toda a vida. 2.A reciclagem deve se tornar a principal estratégia para cuidar dos “resíduos”. 3.Nós precisamos reconstruir o capital natural (florestas, solos, terrenos alagados e água) e ao mesmo tempo projetar e implementar novos modelos de produção e consumo de alta sustentabilidade. 4.Acabar com idéia de que existem espécies exóticas e não desejáveis -> Usar toda a biodiversidade (e todas as populações) da Terra devem participar da reconstrução do capital natural global.

27 MTB 09/27/05 A Tapeçaria… Religião 1.As religiões devem passar a enfatizar questões de larga escala como meio ambiente, capitalismo, globalização, comunidade, crescimento populacional, guerra. 2.O espírito de serviço e altruísmo devem substituir a ética do “individualismo” e do “crescimento é progresso”. 3.Precisaremos incluir a natureza e os sistemas de energia da Terra em nossa ética religiosa. 4.Será fundamental compartilhar um código de atitudes que inclua o respeito pluralístico por outras fés.

28 MTB 09/27/05 A Tapeçaria… Trabalho 1.Todos precisam fazer parte ativa da sociedade, ter trabalho útil e contribuir para a produtividade. 2.Cortar gastos antes de demitir empregados. 3.Instituir a reforma de salários mínimo e máximo. 4.Atingir a empregabilidade total dos jovens e dos velhos. 5.Trabalhos à distância onde possível.

29 MTB 09/27/05 A Tapeçaria… Informação 1.A TV precisa de moderação e focar as questões prioritárias e divulgar idéias, propósitos e éticas valiosas junto com entretenimento de qualidade. 2.A Universidade deve recuperar sua condição de centro que gera e preserva informação, testa idéias novas e seleciona as melhores em um ambiente democrático. 3.Quanta informação é adequada? Como filtrar a informação?

30 MTB 09/27/05 A Tapeçaria… Educação 1.A educação terá que ser sistêmica e ecológica 2.Deverá ser construído um núcleo comum (para todos os cursos) de conhecimento em ciências exatas, biológicas, sociais, artísticas, com flexibilidade e sentido universal. 3. Nem todos precisam ir para a faculdade, muitos podem optar por ir a escolas orientadas para abordar diferentes modos de vida. 4. Com a redução da energia disponível virá uma redução na tecnologia de ensino … escolas e universidades pequenas serão muito úteis.

31 MTB 09/27/05 “Como já ocorreu em culturas do passado, as pessoas poderão encontrar motivação e sentido da vida se tornando agentes da Terra. Precisam ser descobertos novos mecanismos sociais que sejam conscientes, lógicos, emocionais, ritualísticos, normativos,... algo que ainda não conseguimos imaginar.” H.T. Odum, 2001

32 Agradeço a atenção e fico a disposição! Contato: Laboratório de Engenharia Ecológica ⇦ 3Gb


Carregar ppt "1 Dia Mundial da Alimentação Faculdade de Engenharia de Alimentos, Unicamp, 16 de outubro de 2009. Enrique Ortega Laboratório de Engenharia Ecológica,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google