A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

COGEN RIO / NORTE SHOPPING GERAÇÃO DISTRIBUÍDA CO-GERAÇÃO A CO-GERAÇÃO EM SHOPPING CENTERS Dezembro 2006 Dezembro 2006 Eng. Osório de Brito Eng. Osório.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "COGEN RIO / NORTE SHOPPING GERAÇÃO DISTRIBUÍDA CO-GERAÇÃO A CO-GERAÇÃO EM SHOPPING CENTERS Dezembro 2006 Dezembro 2006 Eng. Osório de Brito Eng. Osório."— Transcrição da apresentação:

1 COGEN RIO / NORTE SHOPPING GERAÇÃO DISTRIBUÍDA CO-GERAÇÃO A CO-GERAÇÃO EM SHOPPING CENTERS Dezembro 2006 Dezembro 2006 Eng. Osório de Brito Eng. Osório de Brito

2 COGEN RIO / NORTE SHOPPING Associação Fluminense de Co- geração de Energia – COGEN-RIO Reune empresas que trabalham com co-geração de energia: fornecedoras de gás;fornecedoras de gás; investidoras;investidoras; fabricantes de equipamentos;fabricantes de equipamentos; projetistas;projetistas; instaladores.instaladores.

3 COGEN RIO / NORTE SHOPPING Jogando energia no lixo 45% 15% 14 unidades de energia Setor ElétricoSetor Consumo

4 COGEN RIO / NORTE SHOPPING The Economist 5/08/00 O Que é Geração Distribuída ?

5 COGEN RIO / NORTE SHOPPING Geração distribuída é : Geração elétrica realizada junto ou perto do consumidor independentemente da fonte de energia ou da tecnologia utilizada.Geração elétrica realizada junto ou perto do consumidor independentemente da fonte de energia ou da tecnologia utilizada. Independe da dimensãoIndepende da dimensão Independe da propriedadeIndepende da propriedade

6 COGEN RIO / NORTE SHOPPING Geração Central G T D C C C C Características : Economias de escala Economias de escala Monopólio “natural”Monopólio “natural”

7 COGEN RIO / NORTE SHOPPING GeraçãoDistribuída G T D C C C C

8 O FUTURO DA DEMANDA Futuro do atendimento da demanda de ee Cenário GC Grandes usinas Linhas extensas Cenário GD EE e Reservas e geradas junto das cargas Recursos Governo “anos 60/70” Recursos Privados

9 COGEN RIO / NORTE SHOPPING TENDÊNCIAS DO CUSTO DA ELETRICIDADE Grandes UHEs cada vez mais longe dos pontos de consumo: na Amazônia.Grandes UHEs cada vez mais longe dos pontos de consumo: na Amazônia. Aumento da complexidade e da extensão das LTs.Aumento da complexidade e da extensão das LTs. País caminha para uma base hidro- térmica.País caminha para uma base hidro- térmica. Clara tendência altista do custo da eletricidade.Clara tendência altista do custo da eletricidade.

10 COGEN RIO / NORTE SHOPPING RISCOS PREVISIVEIS Dificuldades para a obtenção de licenciamentos ambientais: UHEs e LTs.Dificuldades para a obtenção de licenciamentos ambientais: UHEs e LTs. Incertezas ainda presentes.Incertezas ainda presentes. Caso a economia venha a crescer a taxas superiores a 4 % aa, risco de racionamento.Caso a economia venha a crescer a taxas superiores a 4 % aa, risco de racionamento.

11 COGEN RIO / NORTE SHOPPING CO-GERAÇÃO CombustívelEquipamento de Co-geração Iluminação, motores etc Vapor, água quente/fria, ar condiciona- do etc

12 COGEN RIO / NORTE SHOPPING Economia de escopo: co- geração Caldeira Co- geração Geração Central GC GD Demanda: 50 u calor 35 u ee

13 COGEN RIO / NORTE SHOPPING SITUAÇÃO CONVENCIONAL ELETRICIDADE Iluminação, motores etc COMBUSTÍVEL ( ÓLEO, GÁS, CAR- VÃO ETC ) Vapor, água quente, etc

14 COGEN RIO / NORTE SHOPPING A GD HOJE NO RIO DE JANEIRO: REDE GLOBO Rede Globo de Televisão

15 COGEN RIO / NORTE SHOPPING EXCEDENTES Co-geração com excedentes de energia elétrica.Co-geração com excedentes de energia elétrica. Co-geração com necessidade de comprar energia elétrica externa.Co-geração com necessidade de comprar energia elétrica externa.

16 COGEN RIO / NORTE SHOPPING PRINCIPAIS VARIÁVEIS EM JOGO PRINCIPAIS VARIÁVEIS EM JOGO SOLUÇÃO CONVEN- CIONAL - Investimentos na prod. de calor e no fornecimento de e.e. (subestações etc.). –Despesa com e.e. –Despesa c/ combustível –Manutenção e operação Co-geração Investimento (eq. de Co-geração).Investimento (eq. de Co-geração). Novo custo operacional:Novo custo operacional: –c/ combustível; –“back up”; –manutenção e operação.

17 COGEN RIO / NORTE SHOPPING MOTIVAÇÃO PARA INVESTIR A viabilização de um projeto de co- geração: redução do custo da energia; aumento da produtividade em seu uso; e certeza da continuidade do suprimento.A viabilização de um projeto de co- geração: redução do custo da energia; aumento da produtividade em seu uso; e certeza da continuidade do suprimento. O que comanda o porte da unidade co-geradora: é a energia térmica requerida.O que comanda o porte da unidade co-geradora: é a energia térmica requerida.

18 COGEN RIO / NORTE SHOPPING VARIAÇÕES Climatização.Climatização. Geração de ponta.Geração de ponta. Importa considerar estas variações possíveis sem perder de vista a possibilidade de co- gerar.


Carregar ppt "COGEN RIO / NORTE SHOPPING GERAÇÃO DISTRIBUÍDA CO-GERAÇÃO A CO-GERAÇÃO EM SHOPPING CENTERS Dezembro 2006 Dezembro 2006 Eng. Osório de Brito Eng. Osório."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google