A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

SEGUNDA SEMANA TEMA: O TRABALHO NA SOCIEDADE CAPITALISTA PERÍODO 3 PROFESSOR WASHINGTON BRUM.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "SEGUNDA SEMANA TEMA: O TRABALHO NA SOCIEDADE CAPITALISTA PERÍODO 3 PROFESSOR WASHINGTON BRUM."— Transcrição da apresentação:

1 SEGUNDA SEMANA TEMA: O TRABALHO NA SOCIEDADE CAPITALISTA PERÍODO 3 PROFESSOR WASHINGTON BRUM

2 O trabalho antes da industrialização Dimensão individual; Um único trabalhador dominava o processo produtivo do início, meio e fim. Eram os chamados artesões, um trabalho tipicamente manual e familiar com poucas influências tecnológicas, produzia-se o necessário para subsistência. Até o início do século XV, a sociedade ocidental (europeia) se organizava no sistema do feudalismo (neste sistema inexistia a ascensão social, ou seja não havia mudança na organização social, as posições dos indivíduos na sociedade eram hereditárias). Não havia oportunidade para que um servo se tornasse um senhor, ou um senhor,um rei;

3 Quais as mudanças após a industrialização? A ascensão social é possível; As chances de mudar a posição social são maiores e permitidas na sociedade capitalista, que apresenta o trabalho como uma das possibilidades de ascensão social; Passamos da produção de subsistência para de excedente. Desde o meado do século XV não estamos mais vivendo sobre o domínio do feudalismo; As mudanças na estrutura da sociedade, a primeira revolução industrial e a organização racional do trabalho, produziram novas necessidades, gerenciadas sobre a lógica do capitalismo e da exploração do trabalho alheio. * Capitalismo  Sistema econômico caracterizado pela propriedade privada dos meios de produção e pela existência de mercadoria livres, de trabalho assalariado. Agentes que investem em troca de um lucro futuro, o respeito as leis e contratos, a existência do financiamento, moedas e juro, ocupação dos trabalhadores segundo um mercado de trabalho. Acessado em 24 jun 2010.

4 CAPITALISMO Segundo Paro (2005), as relações de produção da sociedade capitalista se sustentam na exploração. PROPRIETÁRIOS  GARANTIA DO SEU SUSTENTO  EXPLORAÇÃO DA MAO DE OBRA DOS OPERÁRIOS. Vantagens para os proprietários  o enfoque é dado ao processo de produção e não aos sujeitos envolvidos. Os homens (operários) não têm vez nem voz. Proprietários (pequena parte da população)  comando de um número significativo de trabalhadores que desempenham funções “determinadas” não havendo,portanto necessidade de reflexão. SUJEITOS PENSANTES E EXECUTORES. Explorador X explorados  o trabalho se caracteriza pela exploração do outro, gerando o excedente (além de garantir o sustento da família, o empregado doa parte do seu tempo produzindo para o seu empregador). LUCRO DO EXPLORADOR. Divide a sociedade em classes dominantes (os donos dos meios de produção) e dominadas (expressivo contingente de trabalhadores).

5 MEIOS DE PRODUÇÃO + FORÇA DE TRABALHO = MERCADORIA MERCADORIAS Observe os produtos acima por alguns instantes... Quando acessamos as mercadorias, elas já estão acabadas, dificilmente pensamos no processo de construção ou na matéria prima, aquela que deu origem. Acreditamos que o produto final é dotado de características próprias, quando na verdade, foi a força de trabalho, ou seja,o homem imprimiu nela suas formas e cores.

6 EDUCAÇÃO E CAPITALISMO Sociedade feudal  máquina a vapor  industrialização  capitalismo  novas necessidades surgiram. O homem e a família não dominam a produção, quem comanda é a máquina. Cabendo ao operário executar uma função específica frente à máquina. Exigência de mão de obra qualificada – domínio do processo de funcionamento da máquina para o uso racional e lucrativo. É preciso alguém para administrar o processo produtivo, fornecendo as instruções e organizando a produção. PAPEL DA EDUCAÇÃO Assume um papel primordial no novo tempo, preparar a mão de obra qualificada para as novas exigências da sociedade. Então, o trabalhador analfabeto não interessa.

7 Para alguns teóricos a educação na sociedade capitalista cumpre dois papeis: reprodução e libertação. REPRODUÇÃO  Ela atua em prol da reprodução quando coopera com a lógica do capital preparando sujeitos alienados, apenas para o trabalho. LIBERTAÇÃO  Proporcionando aos sujeitos condições de refletirem e questionarem a realidade concreta, para que se percebam como explorados, desconstruindo o processo de alienação. REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA: IN PARO, Vitor Henrique.Administração Escolar: introdução crítica. 12. ed. – São Paulo: Cortez, IN. SILVA, R. O. Teorias da Administração. São Paulo: Pioneira, 2001.


Carregar ppt "SEGUNDA SEMANA TEMA: O TRABALHO NA SOCIEDADE CAPITALISTA PERÍODO 3 PROFESSOR WASHINGTON BRUM."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google