A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ESCOLA NACIONAL DE SAÚDE PÚBLICA SERGIO AROUCA Educação a Distância Fundação Oswaldo Cruz Lucia Maria Dupret Coordenação Geral de Educação a Distancia.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ESCOLA NACIONAL DE SAÚDE PÚBLICA SERGIO AROUCA Educação a Distância Fundação Oswaldo Cruz Lucia Maria Dupret Coordenação Geral de Educação a Distancia."— Transcrição da apresentação:

1 ESCOLA NACIONAL DE SAÚDE PÚBLICA SERGIO AROUCA Educação a Distância Fundação Oswaldo Cruz Lucia Maria Dupret Coordenação Geral de Educação a Distancia Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca Fundação Oswaldo Cruz/MS

2 Missão da Fiocruz... “ gerar, absorver e difundir conhecimentos cient í ficos e tecnol ó gicos em sa ú de pelo desenvolvimento integrado das atividades de pesquisa e desenvolvimento tecnol ó gico, ensino, produ ç ão de bens, presta ç ão de servi ç os de referência e informa ç ão, com a finalidade de proporcionar apoio estrat é gico ao Sistema Ú nico de Sa ú de e contribuir para a melhoria da qualidade de vida da popula ç ão e para o exerc í cio pleno da cidadania. ”

3 CpqLMD CpqAM CpqGM DIREB CpqRR Fiocruz MINISTÉRIO DA SAÚDE Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca Instituto Oswaldo Cruz Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde Instituto Fernandes Figueira Casa de Oswaldo Cruz Centro de Informação Científica e Tecnologia em Saúde Centro de Pesquisa dol Evandro Chagas Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio Bio-ManguinhosFar-Manguinhos Centro de Criação de Animais de Laboratório Unidades

4

5 Educação em saúde Strito sensu Pesquisadores Docentes Formação profissional em saúde pública novo contexto novo contexto novo profissional novo profissional novas exigências formativas novas exigências formativas Lato sensu

6 Cursos de pós-graduação lato sensu Incentivo à pesquisa estratégica Capacitação de profissionais do SUS Escola de Governo em Saúde Orientação estratégica dos programas de ensino, pesquisa e cooperação técnica da ENSP, com o propósito de colaborar para o aumento da capacidade e da qualidade de governo do sistema de saúde do país. Orientação estratégica dos programas de ensino, pesquisa e cooperação técnica da ENSP, com o propósito de colaborar para o aumento da capacidade e da qualidade de governo do sistema de saúde do país.

7 Reforma sanit á ria (SUS) induzindo: Novos modos de gestão Descentraliza ç ão Participa ç ão Novos modos de aten ç ão à sa ú de Integralidade (na aten ç ão coletiva e individual)

8 Marcos conceituais do trabalho em sa ú de Sa ú de como problema complexo –Produ ç ão social, não simplesmente evento biol ó gico –Conceito afirmativo e amplo (não s ó combater a doen ç a, mas promover a vida com qualidade) Trabalho em sa ú de envolvendo –Campo interdisciplinar de conhecimentos –Campo intersetorial de pr á ticas

9 grande quantidade de novos postos de trabalho criados pela descentralizaçãoEscala da clientela: grande quantidade de novos postos de trabalho criados pela descentralização : interdisciplinaridade e da intersetorialidadeDiversidade da clientela: interdisciplinaridade e da intersetorialidade Novas exigências de formação: capacidades técnicas e políticas para solucionar problemas complexos Perfil profissional requerido: capacidades técnicas e políticas para solucionar problemas complexos

10 Alguns referenciais.... Educação a distância é EDUCAÇÃO! Processo educativo com todas as implicações políticas, pedagógicas, sociais e culturais. Formação profissional como um processo humanizado. Prática social construída por meio da participação, do diálogo e dos significados produzidos entre os sujeitos. Educação sem distâncias!!!

11 Pilares da ação educativa Processo educativo a distância Material didático Sistema de tutoria Acompanha mento acadêmico– pedagógico Ambiente Virtual de Aprendiza gem

12 Material didático Fio condutor de todo o processo. Os materiais didáticos são ferramentas que devem estar alicerçados dentro de um sólido modelo pedagógico.Os materiais didáticos são ferramentas que devem estar alicerçados dentro de um sólido modelo pedagógico. Produção especialmente desenvolvida para cada curso.

13 Material didático Utiliza diversidade de elementos que contribuem para a construção do conhecimento e o desenvolvimento da autonomia. Oferece aportes teóricos e estratégias metodológicas em uma perspectiva interativa => construção individual e coletiva de conhecimentos. Disponibilizado em diferentes meios (impresso, CD, web).

14

15

16

17 Sistema de Tutoria Orientador Especialista com experiência docente no campo da saúde e educação Acompanha a trajetória do tutor durante o curso - prática pedagógica - conteúdos Participa da formação inicial do tutor, sendo também o responsável por sua formação permanente Tutor Profissionais com experiência docente no campo da saúde e da educação Atuam como mediadores da relação pedagógica e facilitadores da aprendizagem, atentos às interações possíveis com e entre os alunos. Recebe formação inicial de 40h e formação permanente durante todo o curso 20 h semanais sendo que 4h destinadas ao plantão presencial e 16h a distância Possibilidade de comunicação em diferentes meios : telefone, fax, correio comum, Ambiente Virtual de Aprendiz.

18 Ambientes Virtuais de Aprendizagem Estratégias de interação entre os atores do curso e de acesso a materiais complementares, assim como de inclusão digital. Ambiente para desenvolvimento de processo educativo a distância dinâmico => plataforma Viask. Comunidades de Aprendizagem = Plataforma Moodle Utilização de ferramentas interativas de comunicação, arquivamento e acompanhamento do desempenho.

19

20

21

22 Ambiente Virtual de Aprendizagem - Viask Login, senha e identificação por perfil Auto-organização = Meu espaço: agenda, contatos, sites favoritos, bloco de notas, biblioteca pessoal Comunicação assíncrona = fórum, , fale com o tutor, mural Comunicação síncrona = chat e mensagem Visualização dos usuários on-line Comunicação com o tutor e com os outros alunos da turma Envio de atividades Correção das atividades pelo tutor Tutorial Acompanhamento do desempenho

23

24 Processo de construção e implantação de cursos Etapas Projeto do curso - Oficina de elaboração do projeto (representantes com atuação nos campos da gestão, formação e serviço) -Plano de aplicação Construção do curso e elaboração do material - Identificação dos autores -Oficinas gerais e específicas de autores – construção coletiva -Processo de produção do material para cada mídia escolhida : impresso, CD, online -Preparação do AVA do curso (alunos e formação permanente) Planejamento das ações e organização dos instrumentos de gestão do curso Implementação -Identificação dos orientadores e outros atores -Divulgação do curso -Seleção e formação inicial dos tutores -Seleção dos alunos -Constituição de turmas e distribuição do material - Abertura do curso/Momento presencial

25 Tecnologias incorporadas ao processo de trabalho da EAD Videoconferência Ambiente virtual de aprendizagem Sistema de gestão acadêmica Listas de discussão Material impresso e outras mídias Novo sistema EAD

26 Formação de trabalhadores da saúde Educação a Distância Estratégia de implementação de política pública...

27 Cursos e Projetos Especialização = 11 Aperfeiçoamento = 13 Atualização = 6 Em desenvolvimento = 3 Novos projetos = 3 Demandas Institucionais = 14

28 Participação no Sistema Universidade Aberta do Brasil 2 Ofertas concluídas : / ª Oferta (em elaboração) 5 cursos –Vigilância Sanitária –Gestão em Saúde –Facilitadores de Educação Permanente em Saúde –Ativadores de Processos de Mudança na Formação Superior em Saúde –Gestão de Projetos de Investimentos em Saúde

29 Participação no Sistema Universidade Aberta do Brasil 1ª oferta = vagas – 23 Pólos 2ª oferta = vagas – 21 Pólos 3ª oferta = 3660 vagas – 34 Pólos

30 Números expressivos Mais de 60 mil alunos matriculados Mais de 30 mil alunos formados (até o momento) Mais de 1550 docentes nos 27 Estados do país Mais de municípios

31 Parceiros Rede de Escolas de Saúde Pública Demais unidades da Fiocruz Ministério da Saúde Ministério da Educação Secretaria Especial de Direitos Humanos Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde

32 Expansão da EAD com qualidade pedagógicaExpansão da EAD com qualidade pedagógica Acompanhamento e Avaliação dos Programas de FormaçãoAcompanhamento e Avaliação dos Programas de Formação Ampliação do Acesso / Inclusão DigitalAmpliação do Acesso / Inclusão Digital Desafios...

33 Obrigada Lúcia Maria Dupret Coordenadora Geral EAD/ENSP/Fiocruz/MS


Carregar ppt "ESCOLA NACIONAL DE SAÚDE PÚBLICA SERGIO AROUCA Educação a Distância Fundação Oswaldo Cruz Lucia Maria Dupret Coordenação Geral de Educação a Distancia."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google