A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Profa. Denise de Fátima Alonso. Ementa: Conceituar organizações e suas características básicas. Demonstrar a importância do entendimento do comportamento.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Profa. Denise de Fátima Alonso. Ementa: Conceituar organizações e suas características básicas. Demonstrar a importância do entendimento do comportamento."— Transcrição da apresentação:

1 Profa. Denise de Fátima Alonso

2 Ementa: Conceituar organizações e suas características básicas. Demonstrar a importância do entendimento do comportamento organizacional. Explicar as organizações como sistemas abertos em uma sociedade globalizada. Desenvolver os conceitos estratégicos para as organizações que atuam em ambiente competitivo. Relacionar a importância e influência da globalização, da tecnologia, da informação e da ética sobre as organizações e as pessoas que atuam nelas.

3 Programa: 1)Conceito de Comportamento Organizacional 2)Características do Comportamento Organizacional 3)Desafios do Comportamento Organizacional 4)Conceitos e Características das Organizações 5)Organizações como Sistemas Abertos 6)A Sociedade de Organizações 7)Competitividade Organizacional 8)Organizações Globalizadas 9)Ética Organizacioanal

4 Avaliação de um Artigo : 19/09 – Aula 26/09 – Aula 03/10 - Aula 10/10 – 2 apresentações (20 min. Cada grupo) + aula 17/ apresentações (20 min. Cada grupo) + aula 24/ apresentação (20 min) + aula 31/10 - Fechamento Horário do inicio das apresentações: 13:10

5 Nota : Apresentação – slides (entregar CD + trabalho escrito a mão) = 33% Todos do grupo deverão participar = 33% Avaliação do grupo = 33% Total nota: 6.5 Participação em aula = 1.0 Entrega da análise de SWOT = 2.5 (0.5 em cada trabalho)

6 O que é então Comportamento Organizacional??? É um campo de estudo que ajuda a prever, explicar e compreender os comportamentos nas organizações.

7 Conceituação de CO Estudo dos indivíduos e grupos atuando em organizações. Preocupa-se com a influência das pessoas e grupos sobre as organizações e com a influência das organizações sobre as pessoas e grupos.

8 Outro Conceito... –Estudo sistemático do comportamento humano focando ações e atitudes dos indivíduos, grupos no ambiente das organizações, no intuito de alcançar produtividade, reduzir absenteísmo e a rotatividade e promover a cidadania organizacional.

9 Para que serve este estudo do comportamento organizacional???

10 Os Gerentes nas organizações As pressões sobre as empresas são cada vez maiores, exigindo das pessoas e, principalmente dos seus gerentes maneiras diferentes e seguras de se alcançar melhores resultados.

11 Funções dos Executivos Funções dos executivos executivosPlanejamentoPlanejamentoOrganizaçãoOrganizaçãoLiderançaLiderançaControleControle O QUE FAZEM OS EXECUTIVOS Executivos (ou administradores) Indivíduos que realizam trabalhos por meio do trabalho de outras pessoas. Atividades dos executivos: Tomar decisões. Alocar recursos. Dirigir as atividades de outros com o intuito de atingir determinados objetivos.

12 Organização Uma unidade social conscientemente coordenada, composta de duas ou mais pessoas, que funciona de maneira relativamente contínua para atingir um objetivo comum. Planejamento Engloba a definição das metas da organização, o estabelecimento de uma estratégia geral para o alcance dessas metas e o desenvolvimento de um conjunto abrangente de planos para integrar e coordenar as atividades. Organização das atividades Determina quais tarefas devem ser realizadas, quem vai realizá-las, como estas serão agrupadas, quem se reporta a quem e em que instâncias as decisões serão tomadas. Liderança Inclui a motivação dos funcionários, a direção do trabalho deles, a seleção dos canais mais eficientes de comunicação e a resolução de conflitos. Controle O monitoramento das atividades, para assegurar que elas sejam realizadas conforme o planejado, e a correção de quaisquer desvios significativos.

13 QUADRO 1-1 Papéis dos executivos segundo Mintzberg

14 Restrições aos gerentes Não conhecem em profundidade as demandas, características e tendências. Não sabem das suas necessidades,expectativas e dificuldades. Têm medo das conseqüências, não têm autonomia, preferem que seus superiores assumam as conseqüências.

15 O gerente precisa... Conhecer da melhor forma e em profundidade os fatores relacionados ao comportamento humano, como a importância das percepções, a influência das atitudes e a abrangência dos nossos valores.

16 Habilidades dos executivos Habilidades técnicas A capacidade de aplicação de conhecimentos ou especialidades específicas. Habilidades humanas A capacidade de trabalhar com outras pessoas, compreendendo-as e motivando-as, tanto individualmente como em grupos. Habilidades conceituais A capacidade mental para analisar e diagnosticar situações complexas.

17 Atividades eficazes versus atividades bem- sucedidas (Luthans) 1. Gerenciamento tradicional Tomada de decisões, planejamento e controle. 2. Comunicação Troca de informações rotineiras e atividades burocráticas. 3. Gestão de recursos humanos Motivação, disciplina, administração de conflitos, recrutamento e seleção de pessoal e treinamento. 4. Interconexão (networking) Socialização, políticas e interação com o ambiente externo da organização.

18 Fonte: Baseado em F. Luthans, R.M. Hodgetts e A. Rosenkrantz, Real Managers. Cambridge: Ballinger, QUADRO 1-2 Alocação de tempo por tipo de atividade

19 Substituindo a Intuição pelo estudo sistemático Estudo Sistemático Intuição Exemplo: Vamos supor que vc se inscreva em um curso introdutório de cálculo. No primeiro dia de aula, o professor pede que vc escreva em uma folha a resposta para a seguinte questão: “ Por que o sinal da segunda derivada é negativo, quando a primeira derivada é igual a zero, se a função for côncava abaixo? Vamos supor que vc se inscreva em um curso introdutório de Comportamento Organizacional. No primeiro dia de aula, o professor pede que vc escreva em uma folha a resposta para a seguinte questão: “Por que os trabalhadores não se sentem mais motivados como a trinta anos?

20

21 DISCIPLINAS QUE CONTRIBUEM PARA O ESTUDO DO COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL Psicologia Ciência que busca medir, explicar e, algumas vezes, modificar o comportamento dos seres humanos e dos animais.

22 Sociologia O estudo das relações das pessoas entre si. DISCIPLINAS QUE CONTRIBUEM PARA O ESTUDO DO COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL

23 Psicologia social Área dentro da psicologia que mistura conceitos desta ciência e da sociologia e que tem seu foco na influência de um indivíduo sobre o outro. DISCIPLINAS QUE CONTRIBUEM PARA O ESTUDO DO COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL

24 Antropologia O estudo das sociedades para compreender os seres humanos e suas atividades. DISCIPLINAS QUE CONTRIBUEM PARA O ESTUDO DO COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL

25 Ciência política O estudo do comportamento dos indivíduos e dos grupos dentro de um ambiente político. DISCIPLINAS QUE CONTRIBUEM PARA O ESTUDO DO COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL

26 Poucas coisas são absolutas no comportamento organizacional

27 DESAFIOS E OPORTUNIDADES NO CAMPO DO COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL  Respondendo à globalização  Aumento das missões internacionais.  Trabalhando com pessoas de diferentes culturas.  Enfrentando movimentos anticapitalistas.  Administrando a fuga de empregos para países com mão-de-obra mais barata.  Administrando a diversidade da força de trabalho  Adotando a diversidade.  A mudança na demografia dos Estados Unidos.  Implicações.

28  Aumentando a qualidade e a produtividade  Programa Gestão da Qualidade.  Reengenharia.  Enfrentando a escassez de mão-de-obra  Mudança na demografia da força de trabalho.  Menos profissionais qualificados.  Aposentadorias precoces e funcionários mais velhos.  Melhorando o atendimento ao cliente  Aumento da expectativa quanto à qualidade dos serviços.  Cultura pró-cliente. DESAFIOS E OPORTUNIDADES NO CAMPO DO COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL

29  Melhorando as habilidades humanas  Dando autonomia para as pessoas  Estimulando a inovação e a mudança  Lidando com a "temporariedade"  Trabalhando em organizações interconectadas  Ajudando os funcionários a equilibrar a vida pessoal e a profissional  Melhorando o comportamento ético DESAFIOS E OPORTUNIDADES NO CAMPO DO COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL

30 ParceirosParceiros RaçaRaça ReligiãoReligião OrigemOrigem IdadeIdade Deficiência física SexoSexo Principais categorias da diversidade da mão-de-obra

31 1.Foco intenso no cliente. 2.Preocupação com a melhoria constante. 3.Melhoria da qualidade de tudo o que a organização faz. 4.Mensurações acuradas. 5.Autonomia dos funcionários. QUADRO 1-5 O que é a Gestão da Qualidade?

32 Modelo Uma abstração da realidade; uma representação simplificada de um fenômeno real. QUADRO 1-6 Modelo básico de comportamento organizacional - estágio 1

33 x y Fatores-chave que você pretende explicar ou prever e que são afetados por algum outro fator. As variáveis dependentes

34 Produtividade Uma medida de desempenho que inclui a eficácia e a eficiência. Eficácia Alcance dos objetivos. Eficiência A proporção entre o resultado alcançado e os recursos necessários para alcançá-lo. As variáveis dependentes

35 Absenteísmo O não-comparecimento do funcionário ao trabalho. Rotatividade Permanente saída e entrada de pessoal da organização, de forma voluntária ou involuntária. As variáveis dependentes Presenteísmo Presente somente fisicamente no local de trabalho.

36 Cidadania organizacional Comportamento discricionário que não faz parte das exigências funcionais de um cargo, mas que ajuda a promover o funcionamento eficaz da organização. As variáveis dependentes

37 Satisfação no trabalho Conjunto de sentimentos que uma pessoa possui com relação ao seu trabalho; a diferença entre as recompensas recebidas de fato pelo funcionário e aquilo que ele acredita merecer. As variáveis dependentes

38 VariáveisindependentesVariáveisindependentes Variáveis no nível do indivíduo Variáveis no nível do sistema organizacional Variáveis no nível do grupo Supostas causas de algumas mudanças em uma variável dependente. As variáveis independentes

39 QUADRO 1-7 Modelo básico de comportamento organizacional - estágio 2

40 Ponto e Contraponto “Debate” As Organizações Bem-Sucedidas colocam as pessoas em primeiro lugar.

41 Questões para Reflexão Critica 1. Analisar a pesquisa que compara os executivos eficazes com aqueles bem- sucedidos. Quais as suas implicações para os executivos? 2. “A melhor maneira de analisar o comportamento organizacional é através de uma abordagem contingêncial”. Desenvolva um argumento para apoiar esta afirmação.

42 3. Por que o objeto de estudo do comportamento organizacional costuma ser definido como “apenas senso comum”, quando isto raramente acontece em outras áreas de estudo como física ou estatística. 4.Milhões de trabalhadores perdem seus empregos por causa do downsinzing. Ao mesmo te reclamam, muitas organizações reclamam por não conseguir encontrar pessoal capacitado para preencher suas vagas. Como você explicaria essa aparente contradição?

43 Bibliografia Comportamento Organizacional Stephen P Robbins


Carregar ppt "Profa. Denise de Fátima Alonso. Ementa: Conceituar organizações e suas características básicas. Demonstrar a importância do entendimento do comportamento."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google