A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Conceito de Grupo.  J.Pratt(1905) Início das grupoterapias em uma enfermaria de tuberculosos. Função continente do grupo.  Freud(1910)”...o êxito que.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Conceito de Grupo.  J.Pratt(1905) Início das grupoterapias em uma enfermaria de tuberculosos. Função continente do grupo.  Freud(1910)”...o êxito que."— Transcrição da apresentação:

1 Conceito de Grupo

2  J.Pratt(1905) Início das grupoterapias em uma enfermaria de tuberculosos. Função continente do grupo.  Freud(1910)”...o êxito que a terapia passa a ter no indivíduo haverá de obtê-la na coletividade”  J.Moreno(1930) terapia de grupo, técnica grupal do psicodrama.  K.Lewin(1936) criador da expressão “dinâmica de grupo”. Campo grupal e a formação de papéis. 

3 S.H.Foukes(1948)início da psicoterapia psicanalítica com enfoque Gestáltico. O grupo tem identidade. Pichon Riviére: Grupos operativos. Manejo com determinada tarefa objetiva. W.R.Bion (década de 40) : o grupo opera em dois planos: “grupo de trabalho”, opera no plano do consciente e está voltado para a execução de alguma tarefa e o grupo dos “pressupostos básicos”, o qual está radicado no inconsciente :dependência, luta e fuga, união.

4 O ser humano é gregário por natureza e somente existe, ou subsiste, em função de seus inter-relacionamentos grupais. Sempre, desde o nascimento o indivíduo participa de diferentes grupos numa constante dialética entre a busca de sua identidade individual e a necessidade de uma identidade grupal e social.

5 Todo indivíduo passa a maior parte do tempo de sua vida convivendo e interagindo com distintos grupos. Desde o primeiro grupo natural que existe em todas as culturas,( família), a criança estabelece vínculos diversificados e que vão se renovando e ampliando ao longo da vida.

6 Assim como o mundo interior e exterior são a continuidade um do outro, da mesma forma o individual e social não existem separadamente, pelo contrário, eles se diluem interpenetram,complementam-se e confundem-se entre si.

7 Grupo e Agrupamento Agrupamento: conjunto de pessoas que convive partilhando de um mesmo espaço e que guardam entre si certa valencia de inter-relacionamento e uma potencialidade em virem a se constituir como um grupo propriamente dito.Ex: fila à espera de um ônibus. A passagem da condição de agrupamento para grupo consiste na transformação de “interesses comuns” para a de “interesses em comum”.

8 Condições básicas que caracterizam um grupo Não é um mero somatório de indivíduos. Todos os integrantes possuem objetivos comuns ao interesse deles. O tamanho do grupo não pode por em risco a preservação da comunicação. O grupo assume uma identidade grupal genuína, é indispensável que fiquem preservadas as identidades individuais dos componentes dos grupos. Em todo grupo coexistem duas forças contraditórias permanentemente em jogo: uma tende à sua coesão, e a outra, à sua desintegração. É inerente a existência entre seus membros de alguma forma de interação afetiva, a qual assume as mais variadas formas. Sempre vai existir uma hierárquica distribuição de posições e papéis. É inevitável a formação de um campo grupal dinâmico, em que gravitam fantasias, ansiedades, mecanismos defensivos,funções,fenômenos resistenciais e transferenciais, etc,

9 Campo Grupal É dinâmico e se comporta como uma estrutura que vai além da soma de seus componentes, da mesma forma como uma melodia resulta não da soma das notas musicais, mas, sim da combinação e do arranjo entre elas.

10 É composto por múltiplos fenômenos e elementos do psiquismo e como trata-se de uma estrutura, resulta que todos esses elementos, tanto os intra como os inter- subjetivos, estão articulados entre si, de tal modo que a alteração de cada um deles vai repercutir sobre os demais em uma constante interação entre todos. Representa um enorme potencial energético psíquico, tudo dependendo do vetor resultante do embate entre as forças coesivas e as disruptivas.

11 Homem é um ser gregário vive em grupos 1ª. Experiência em grupo Família Solidariedade Poder

12 O que é um grupo? “ O referencial que caracteriza um grupo humano ou sistema humano é a interação entre seus membros.”

13 Dinâmica de Grupo X Dinâmica do grupo Dinâmica de Grupo: Técnicas Vivências Jogos Dinâmica do Grupo: Características Movimentos do grupo

14 Durante nossa vida assumimos diversos papéis em diversos grupos.

15 O que levamos para estes grupos ?


Carregar ppt "Conceito de Grupo.  J.Pratt(1905) Início das grupoterapias em uma enfermaria de tuberculosos. Função continente do grupo.  Freud(1910)”...o êxito que."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google