A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Rochas Metamórficas Rochas metamórficas são transformadas em condições elevadas de temperatura e pressão. O principal fator são os imensos movimentos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Rochas Metamórficas Rochas metamórficas são transformadas em condições elevadas de temperatura e pressão. O principal fator são os imensos movimentos."— Transcrição da apresentação:

1

2 Rochas Metamórficas Rochas metamórficas são transformadas em condições elevadas de temperatura e pressão. O principal fator são os imensos movimentos de placas tectônicas Elas são alteradas ou modificadas além do seu reconhecimento i.e. mudanças na composição química, textura e estrutura Rochas Metamórficas

3 Metamorfismo É o processo que ocorre nas rochas devido ao efeito da Alta temperatura Alta pressão Fluidos ativos químicos

4 A origem da temperatura é ou o magma ou devido a fotores ligados a profundidade Metamorfimo usualmente resulta de mudanças na composição e textura das rochas (Ignea e Sedimentares) as quais são sujeitas a temperatura > C e pressão > 1000 Mpa. Baixo metamorfismo: Ocorrem de C a C. Alto metamorfismo: Ocorrem em T > C Temperatura

5

6 Pressão Uniforme Pressão - Aumenta com a profundidade devido o aumento da pressão de carga (designada pressão litostática). Os minerais ligados a este tipo de metarmorfismo não tem orientação. Pressão Diferencial - O esforço é dirigido e provoca mudanças na forma e na composição do mineral. - Altas temperaturas nem sempre estão associadas com altas pressões. - Esforço é devido as forças tectônicas

7 Esforço Uniforme Esforço Diferencial min inter max

8 Granito Gnaisse Oriundo da rocha granítica Qual a diferença mais evidente entre estas duas rochas? Que implicações isto tem para a resistência das rochas?

9 ESTRUTURAS NAS ROCHAS METAMÓRFICAS Foliação: quando minerais placosos e laminares (ex. minerais de micas: biotita e muscovita, clorita, talco), occurrendo planos paralelos entre si (i.e. perpendicular a direção máxima de pressão ou esforço). Orientação aleatória de minerais Orientação preferencial de minerais

10 CLIVAGEM ARDOSIANA - usualmente formada durante os estágios iniciais do metamorfismo (baixo grau). Devido a esforços litostáticos. - entretanto, o afundamento ao ao longo das margens continentais junto com forças compressionais causarão deformação (dobramentos).

11 ArgilitoArdósia

12 ESTRUTURA XISTOSA -Usualmente formado durante as fases intermediárias e alta do metamorfismo; -O tamanho dos grãos aumenta e podem ser observados a olho nu. Os grãos tendem a crescer com o aumento do metamorfismo. Os minerais placosos – como a mica – tendem a ficar orientados; -O tamanho dos grãos é a principal diferença entre estrutura ardosiana e xistosa.

13 ESTRUTURA GNÁISSICA - usualmente associado com alto grau de metamorfismo (onde os esforços diferenciais prevalecem, isto é, forças tectônicas); - algumas vezes os minerais como quartzo/feldspato/hornblenda/piroxênio são segregados em bandas distintas e são designados gnaisses bandados.

14 Classificação das rochas metamórficas baseado na textura/estrutura ARDÓSIA -- planos de clivagem são desenvolvidos devido a orientação de grãos filossilicáticos, Ex. Muscovita, biotita, clorita etc; - Os grãos individuais são muito finos para serem vistos a olho nu.

15 XISTOS -Alinhamento paraleo de minerais (xistosidade); - Grãos são visíveis a olho nú ; - Predomina filossilicatos e outros minerais tais como micas e hornblendas GNAISSES -Grãos de vários milímetros; -Tendência para diferentes minerais se segregarem em camadas paralelas; tipicamente camadas ricas em quartzo e feldspato se separam das camadas micáceas. Variedades: --Ortogneisses: rochas provenientes de rochas igneas -- paragneisses: rochas provenientes de rochas sedimentares.

16 QUARTIZITOS Compreende minerais equidimensionais (quartzo e feldspato); Rochas não foliadas; estrutura granular

17 TIPOS DE METAMORFISMO Metamorfismo Cataclástico Este tipo de metamorfismo ocorre principalmente devido a pressão; ex. Quando dois corpos de rocha deslizam uma em relação a outra ao longo de uma zona de falha. Calor é geradp pela fricção e as rochas tendem tendem a quebrar e a pulverizar; Portanto, o metamorfismo cataclástico é um processo mecânico sem qualquer formação de novos minerais. Tipo de rocha de met. cataclástico: milonitos

18 Metamorfismo de Contato- Este tipo de metamorfismo ocorre localmente adjacente as intrusões ígneas, portanto com altas temperaturas e baixos esforções; Ocorre poucas mudanças na composição total da rocha; Area no entorno da intrusão (Batólito) é aquecida pelo magma; o metamorfismo é restrito a zona do entorno da intrusão; esta zona é conhecida como AURÉOLA METAMÓRFICA; As rochas formadas são não-foliadas e de grão fino.

19 Metamorfismo Regional Metamorfismo afeta uma grande área, sujeita a intensa deformação devido a esforços diferenciais; Rochas formadas neste ambiente são fortemente foliadas tais como ardósias, xistos e gnaisses.; O esforço diferencial é resultante das forças tectônicas; Ex. Quando duas massas continentais colidem uma com a outra resultam na formação de montanhas e esforços compressivos resultam em dobramentos das rochas.

20 Tipos de Rochas Metamórficas FOLIADAS As rochas metámórficas mais foliadas em ordem crescente de tamanho dos grãos são: ARDÓSIA – XISTOS – GNAISSES NAO-FOLIADOS QUARTZITOS

21 Importancia das Rochas Metamórficas ARDÓSIAS Grão fino, impermeáveis, “moles”, se dividem facilmente; Aquelas de maior tamanho e espessura uniforme podem ser extraídas para serem utilizadas como pisos; Importância econômica: como elas são más condutoras de eletricidade são usadas com propósitos industriais. GNAISSES Rochas gnáissicas são ricas em Sílica i.e. predominantemente Quartzo e Feldspatos com minerários máficos secundários; Rochas impermeáveis e não-porosas naturais aumentando a resistência das rochas; Carga colocada perpendicular a foliação torna as fundações mais resistentes; Se a composição mineral é semelhante a dos granitos (como frequentemente acontece), pode ser usado como pedra ornamental, como blocos para construção e agregados para fazer concreto.

22 Xistos Compostos principalmente de minerais placosos e prismáticos como talco, micas, hornblendas, cloritas. O predomínio de minerais com elevada clivagem faz com que estas rochas tenham uma certa fraqueza e um comportamento pouco rígido.

23 QUARTZITO ARENITOS (composto de areias originados de quartzo e feldspatos) quando sofrem metamorfismo resultam em quartzitos; A textura granular faz destas rochas a mais rígida e resistente entre totas as rochas metamórificas; Quartzitos são compactos, duros e resistentes; ela é bem menos porosa e menos permeável que a sua rocha parental (arenitos); Predominância de quartzo faz com que esta rocha seja muito dura e muito boa para fundações.

24 MÁRMORE Metamorfismo da rocha calcária; Ainda que tenha uma textura granular ela não é tão dura quanto o quartzito devido a sua composição calcária; porém pode receber uma carga significativa; Devido as suas cores bonitas e aparência brilhosa quando polidas são utilizadas largamente como pedras ornamentais em pisos e paredes. Calcita


Carregar ppt "Rochas Metamórficas Rochas metamórficas são transformadas em condições elevadas de temperatura e pressão. O principal fator são os imensos movimentos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google