A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

BLOCOS DE CONCRETO SISTEMAS CONSTRUTIVOS Professor:Regialdo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "BLOCOS DE CONCRETO SISTEMAS CONSTRUTIVOS Professor:Regialdo."— Transcrição da apresentação:

1 BLOCOS DE CONCRETO SISTEMAS CONSTRUTIVOS Professor:Regialdo

2 CONCEITO A tipologia estrutural composta por bloco, argamassa, graute e eventualmente armações é responsável por um dos sistemas construtivos que mais crescem no Brasil. Visto no passado como material para construção popular, a alvenaria estrutural com blocos de concreto esta em franca expansão e ja faz parte de construções de médio e ate alto padrão, com possibilidade de redução de custos. Blocos de concreto são componentes de grande aceitação na atualidade. São versáteis, tendo aplicação na execução de muros divisórios, alvenaria estrutural e de vedação, execução de piscinas, etc. Eles são formados por cimento, areia e pedriscos misturados e colocados em formas onde serão prensados e vibrados em máquinas especiais. Em casos de blocos bem feitos e acabados, o futuro revestimento pode ser em leve chapisco e massa fina. Eles exigem menos mão-de-obra e precisam de menor tempo para assentamento.

3 TIPOS DE BLOCO BLOCOS DE VEDAÇÃO Os blocos de vedação são utilizados na construção de alvenaria comum e podemos citar sua aplicação principal é em paredes ou muros. Neste tipo de estrutura será necessário a existência de colunas nas extremidades, ou conforme projeto de colunas intermediárias. Os blocos são fabricados nas seguintes dimensões: (L x A x C) unidades em centímetros. Os blocos com 39 cm de comprimento são os blocos normais, os demais comprimentos são especiais, para facilitar a amarração da estrutura, que necessita ter os blocos intercalados.

4 Blocos com largura de 9 centímetros: 9x19x199x19x29 9x19x34 9x19x39

5 Blocos com largura de 14 centímetros: 14x19x19 14x19x29 14x19x34 14x19x39 - vazado 14x19x39 - com fundo

6 Blocos com largura de 19 centímetros: 19x19x39 - com fundo 19x19x39 - sem fundo 19x19x19

7 BLOCOS ESTRUTURAIS São utilizados em estruturas em que se deseja passar ferragens, tubulações hidráulicas ou elétricas no interior da parede ou muro, evitando a necessidade de retirar o fundo do bloco. As laterais deste tipo de bloco são mais espessas, tendo também um traço de cimento maior, o que confere ao bloco uma resistência maior. Esta resistência é aferida pela unidade de medida (MPa). Os blocos são fabricados nas mesmas dimensões dos blocos com fundo: (L x H x C) unidades em centímetros.

8 Blocos com largura de 14 centímetros: 14x19x14 14x19x19 14x19x29 14x19x34 14x19x39 14X19X44 14x19x54

9 Blocos com largura de 19 centímetros: 19x19x19 19x19x39

10 BLOCOS TIPO T O bloco tipo "T" é utilizado no final de paredes de repartição, onde será colocado um batente de cada lado do topo do "T". Suas dimensões são : Na perna do "T" - 9x19x39, e no topo do "T" - 9x19x19, unidades em centímetros.

11 CANALETAS As canaletas foram desenvolvidas para serem utilizadas em várias situações encontradas em uma construção, principalmente nas junções de lajes e paredes, vigas e paredes, persintas, pingadeiras em muros. Devido a características destas junções foram criadas dois tipos principais a canaleta tipo "U" e a canaleta tipo "J", e para esses dois tipos temos várias dimensões. Unidades em centímetro.

12 TIPO "J" Neste tipo de canaleta temos duas medidas de altura A1 e A2 (LxA1xA2xC) 14X8X19X19 14x11x19x1914X19X29X19

13 TIPO "U" com largura de 9 centimetros 9x19x19 9x19x29 9x19x34 9x19x39

14 TIPO "U" com largura de 14 centimetros: 14X19X14 14x19x19 14X19X29 14x19x34 14x19x39

15 PASTILHAS As pastilhas de concreto estrutural, foram desenvolvidas para complemento de vãos deixados pela modulação de uma parede estrutural. Elas são produzidas nas dimensões 14 x 5 x x5x19 9x0,5x19

16 COMPENSADORES PARA LAJE BLOCOS PILAR TIPOS DE ACABAMENTOS

17 COMO SÃO USADOS Paredes de blocos de concreto estão em toda parte, e são usadas para tudo, desde a construção de casas e edifícios ou para circular e marcar algum tipo de paisagismo. Os blocos de concreto são normalmente produzidos com seu centro oco para melhorar o isolamento e reduzir seu peso, e oferecem inúmeras vantagens sobre outros materiais quando são usados na construção. Esses tipos de paredes às vezes são considerados feios e sem graça quando comparados a outras estruturas e são, portanto, muitas vezes cobertos ou pintados para melhorar a sua aparência, e manter seus benefícios. As paredes de blocos de concreto são utilizadas para diversas finalidades. Elas fornecem suporte estrutural para casas e outros edifícios, e podem ser usadas para áreas ao ar livre, como jardins e evitar a erosão quando usadas como muros de arrimo de solo. Elas são relativamente fáceis de construir e requerem menos tempo e treinamento para serem levantadas do que paredes de tijolos ou outros materiais. Quando reforçadas com aço, as paredes de blocos de concreto permitem que os construtores construam edifícios maiores sem comprometer a segurança. No entanto, muitas pessoas não gostam da aparência do bloco de concreto, nesse caso a superfície pode ser normalmente pintada ou coberta com estuque, tapume ou tijolo por motivos de decoração.

18 PRODUÇÃO Recebimento da matéria-prima O cimento é entregue em carretas e estocado em silos metálicos, sendo liberado imediatamente para uso.

19 Pesagem Os agregados (areia, pó de pedra e pedrisco) chegam por caminhão, onde é feita a cubicagem (estimativa de quantos metros cúbicos de material tem no caminhão

20 Controle de agregados No laboratório, os técnicos controlam com um jogo de peneira se a granulometria e homogeneidade dos agregados estão ideais.

21 Preparação do concreto Para preparar o concreto, os materiais chegam por esteiras até o misturador. Cada tipo de bloco tem um traço diferente, que é a proporção entre água, cimento e agregados.

22 Prensagem dos blocos Depois de preparado, o concreto é levado até a vibroprensa por caçambas, onde os blocos tomam forma.

23 Embalagem e paletização Os blocos são empilhados sobre paletes de madeira e plastificados com um filme de polipropileno.

24 Cura Uma empilhadeira leva os blocos até uma câmara a vapor, em geral, a 80 o C e umidade a 100%, que acelera o processo de cura. Lá, os blocos ficam por 12 horas, até atingirem a resistência ideal.

25 Controle tecnológico Após dois dias, alguns blocos de cada lote são colhidos para testes de resistência à compressão, além de inspeções de dimensões, acabamento, espessura, tonalidade e integridade. Os testes são repetidos depois de 28 dias.

26 Estoque Os produtos ficam estocados sobre paletes, em até seis fiadas, antes de serem vendidos.

27 VANTAGENS Precisão das dimensões e modulação, garantindo a execução de obras racionais; · Redução do uso de formas e armaduras; · As paredes não precisam de revestimento externo; · As instalações elétricas podem ser embutidas no vazado dos blocos –no caso das instalações hidro-sanitárias é usado um bloco especial-; · Construção limpa, sem quebras e nem desperdícios; · Requerem menos mão de obra. Um pedreiro produz dez vezes mais com blocos de cimento; · Menor exigência de argamassa no assentamento e necessidade da metade de argamassa usada nos tijolos normais para o reboco; · O assentamento dos blocos é feito com muito mais rapidez, visto que eles possuem dimensões maiores que os tijolos convencionais; · Possibilidade de diversas composições devido à variedade de cores, formas e texturas; · Os blocos podem ser produzidos por uma máquina na própria obra, economizando no transporte. · É mais resistente que o tijolo comum e o de solo- cimento.

28 DESVANTAGENS · Ele possui menor conforto térmico quando comparado ao tijolo comum e o de solo-cimento. Nas paredes externas, é recomendado utilizar pintura acrílica para aumentar a proteção contra a umidade; · De acordo com o SINAPROCIM -Sindicato Nacional das Indústrias de Produtos de Cimento- muitos blocos de concreto produzidos não estão em conformidade com as Normas Técnicas, na maioria dos casos esta não adequação ocorre propositalmente por fabricantes e empreiteiras que fabricam os blocos na própria obra. Um exemplo disto é o não respeito ao tempo de cura -secagem- do cimento.

29 Casas com Blocos

30

31

32


Carregar ppt "BLOCOS DE CONCRETO SISTEMAS CONSTRUTIVOS Professor:Regialdo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google