A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Seminário Batista Projeto 70 Módulo: Hermenêutica Pastor Elenilson Ferreira Bispo Março 2012 – Januária.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Seminário Batista Projeto 70 Módulo: Hermenêutica Pastor Elenilson Ferreira Bispo Março 2012 – Januária."— Transcrição da apresentação:

1 Seminário Batista Projeto 70 Módulo: Hermenêutica Pastor Elenilson Ferreira Bispo Março 2012 – Januária

2 MATHLA (aramaico) MASHAL ( hebraico) PARABOLE (grego) Provérbios ( Português) São todos sinônimos

3 Lucas 4:23 traduzido como provérbios está correto Por causa da sua expressão poética, sábia e incisiva.

4 Estrutura poética em ditos parabólicos são úteis para entender os sentidos dos textos.

5 “Uma frase curta baseada numa experiência longa “ Miguel de Servantes

6 Frase curtas, fortes e sonoras. É um recurso literário. Aforismo = usado para afirmar Literatura Profética: Jesus usava largamente.

7 “ A Rainha do Sul se levantara no dia do Juízo com esta geração e a condenará, porque veio dos confins da terra para ouvir a sabedoria de Salomão. E eis que está aqui aquele que é maior que Salomão.” Mateus 12:42

8 Alguns provérbios são originais, outros são contemporâneos falados por antigos. Era a capacidade de Jesus de pronunciá-los melhor e mais forte. Por ser ele quem fala por seu ethos. Ethos = Arte Retórica, pelo seu caráter e carisma.

9 Transformador. O comum torna-se especial ou escandaloso

10 O Uso do Passivo Divino – Ao invés de colocar Deus como sujeito de uma ação, utiliza-se o verbo na voz passiva. Subentendendo-se que é Deus quem está agindo. Mateus 5:4 “ Bem aventurados os que choram porque serão consolados “

11 Poesia Poesia– A maior parte arranjo em Hebraico ou Aramaico. Rima de Idéias e não necessariamente em sons. Paralelismo. Oposto Similar Intensificador Equivalente Sinonímico

12 Antitético (Poesia) Antitético (Poesia) = 2 frases com idéias e expressões contrarias Um dos mais usados por Jesus. No Velho Testamento a primeira proposição da parelha é a que recebia mais ênfase. Jesus usava ao contrario, poucas exceções. “Muitos primeiros serão os últimos e os últimos os primeiros”. Marcos 10 :31

13 Uso de Parábolas Uso de Parábolas – Mais conhecidos ensinos de Jesus Provérbio diferente de Parábolas. Métodos de exegese de parábolas são imprescindíveis. Muitas parábolas são além de uma estória e são também um provérbio. “ Os sãos não precisão de médicos e sim os doentes” Lucas 5:31

14 Repetição Repetição - Como todo profeta e pregador, usava mais de 1 vez. Para ensino para melhor entendimento e realce da palavra. “ Se alguém quer ser o primeiro deve ser servo de todos” Marcos 9:35 “ E ele assentando-se chamou os doze, e lhes disse: Se alguém quiser ser o primeiro, será o último e servo de todos” Lucas 9:48 “ E disse-lhe qualquer que receber esta criança em meu nome recebe a mim, e qualquer que recebe a mim recebe o que me enviou, porque aquele que entre vós todos for o menor este mesmo é grande”.

15 Inclusões Inclusões – Modo de marcar o início e o fim de uma unidade oral ou literária. Mateus 20:16 “Assim os derradeiros serão os primeiros, e os primeiros serão os derradeiros” Mateus “19:30 Porém muitos dos primeiros serão os últimos e muitos dos últimos primeiros”

16 Ambigüidades e Duplo sentido Ambigüidades e Duplo sentido - Acomoda 2 sentidos mas não excludentes porque são verdadeiros e pertinentes. O tradutor terá que trair um dos sentidos ou tentar incluir ambos na tradução. “ Se alguém quer ser o primeiro deve ser servo de todos” Marcos 9:35. Por ser entendida como promessa ou exortação>

17 Ambigüidades e Duplo sentido - Promessa: “Se alguém quer ser o primeiro, será o último e servo de todos” Marcos 9:35 Exortação: “ Se alguém quer ser o primeiro, seja o ultimo e servo de todos “ Lucas 9:48

18 Construções em Quiasmo – Quiasma = letra grega “chi” tem elementos similares ordenados em forma de “X”, “ Não deis aos cães o que é santo, nem lanceis aos porcos as vossas pérolas Para que não pisem com os pés e, voltando-se vos dilacerem “

19 Sentido determinado pelo contexto - UMA FRASE OU PALAVRA OU DE TODO UM DISCURSO SÓ PODE SER ENTENDIDO DENTRO UM CONTEXTO HISTÓRICO SOCIAL LITERARIO E ETC. NA QUAL ESTÃO INSERIDOS. Os ditos serão esclarecidos apenas dentro do contexto. Fora, perde o sentido e pode representar outros sentidos completamente diferentes.

20 Pressupostos: Pressupostos: Prioridade cronológica: Marcos sobre Mateus e Lucas Os evangelhos são sinóticos.

21 Estudo comparativo Estudo comparativo. Critica da redação - > Não acatamos as pressuposição defensores da técnica. Os evangelista inspirados pelo Espírito Santo compuseram obras com diferentes intenções teológicas para leitores diferentes mas sempre respeitando a historicidade e veracidade dos fatos e relatos. Os evangelista inspirados pelo Espírito Santo compuseram obras com diferentes intenções teológicas para leitores diferentes mas sempre respeitando a historicidade e veracidade dos fatos e relatos. Jesus é o Protagonista Jesus é o Protagonista.

22 1º. DITO Lucas 17:37

23 Lucas 17:37 ONDE ESTIVER O CADAVER, AI SE AJUNTARÃO OS ABUTRES Maranatha. Comum no 1º. Século. Significa “ Vem nosso Senhor “ 1 Cor 16:22.Apocalipse 22:20 Tentativa de marcar data da volta do Senhor Jesus. Após a destruição de Jerusalém há varias tentativas de se marcar esta data.

24 Lucas 17:37 ONDE ESTIVER O CADAVER, AI SE AJUNTARÃO OS ABUTRES QUANDO E COMO JESUS VOLTARÁ Contrariando todo tipo de idéia errada sobre a volta de Jesus há um provérbio de Jesus. ONDE ESTIVER O CADAVER, AI SE AJUNTARÃO OS ABUTRES

25 Lucas 17:37 ONDE ESTIVER O CADAVER, AI SE AJUNTARÃO OS ABUTRES O TEMPO OPORTUNO DA VOLTA DE CRISTO Fariseus perguntaram: “ Quando viria o Reino de Deus ? ” Lucas 17:20. Os discípulos inquiriram Jesus: “Onde será isso ?” Lucas 17:37. O provérbio foi dito a partir de uma pergunta e dúvida dos discípulos, logo após a explicação da volta no momento adequado. Jesus responde que virá no momento certo.

26 Lucas 17:37 ONDE ESTIVER O CADAVER, AI SE AJUNTARÃO OS ABUTRES Qual a situação especifica o dito está ligado ? Questionamento dos fariseus a “quando deveria vir o reino de Deus” e Questionamento do discípulos sobre “ Onde Senhor ? ”

27 Lucas 17:37 ONDE ESTIVER O CADAVER, AI SE AJUNTARÃO OS ABUTRES A quem Jesus se dirige (responde) diretamente ? Aos Discípulos. Por que não aos Fariseus?

28 Lucas 17:37 ONDE ESTIVER O CADAVER, AI SE AJUNTARÃO OS ABUTRES Qual a questão ? Onde deveria acontecer a vinda do Reino de Deus. O que Jesus responde ? “ONDE ESTIVER O CADAVER, AI SE AJUNTARÃO OS ABUTRES”

29 Lucas 17:37 ONDE ESTIVER O CADAVER, AI SE AJUNTARÃO OS ABUTRES Que resposta Jesus quer dar ? Exortação a vigilância, porque a vinda dele é inevitável. Não acreditar em Marcadores de Datas. Preparo para a volta de Jesus. Volta de Cristo é o sinal do fim da história

30 Lucas 17:37 ONDE ESTIVER O CADAVER, AI SE AJUNTARÃO OS ABUTRES Qual termo específico deve ser analisado ? Como pode ser analisado ? Abutres – Jo 39:30 ; Oséias 8:1 São usados como sinônimos de falcões e como buscam por seres mortos. Jó 39:26 Voa o gavião pela tua inteligência, e estende as suas asas para o sul ? 27 Remonta a águia pelo seu mandado e constrói no alto o seu ninho ? 28 Mora no penhasco, e ai permanece durante a noite; o cume da penha em lugar seguro. 29 Dalí descobre a presa; seus olhos enxergam de longe. Seus filhotes sugam o sangue e onde há morte, alí ela está

31 2º. Dito Marcos 2: 21,22

32 21 Ninguém costura remendo de pano novo em vestido velho, se o fizer o remendo novo rompe o velho e a rotura fica maior. 22 Ninguém põe vinho novo em odres velhos. Se o fizer o vinho novo rompe os odres e estragam-se tanto o vinho como os odres. O vinho novo deve ser posto em odres novos.

33 Provérbio duplo como as parábolas duplas que Jesus contou: Parábolas do Tesouro (Mateus 13:31-33) e da Pérola (Mateus 13:44-46). Poesia Hebraica do Velho Testamento era repetitiva (Paralelismo),(Sinonímico) A repetição é de frases paralelas que tem todas o mesmo sentido geral. Neste caso “remendo” e “vinho” trazem a mesma Idéias.

34 Colocar o provérbio em forma estrofes poéticas para estudo A “Ninguém costura remendo de pano novo em veste velha” B “Porque o remendo novo tira parte da veste velha” C “ E fica maior a rotura “ A´ “ Ninguém põe vinho novo em odres velhos “ B´ “ Do contrário o vinho romperá os odres “ C` “ E tanto se perde o vinho como os odres “ D “ Mas põe-se vinho novo em odres novos “

35 Qual a situação especifica o dito está ligado ? JESUS e seus Discípulos Levi convidara JESUS para uma refeição. Os religiosos tradicionais criticam JESUS e seus seguidores comiam com publicanos e pecadores.

36 JESUS E SEUS DISCÍPULOS DISCÍPULOS DE JOÃO E FARISEUS COMIAM COM PUBLICANOS E PECADORES JEJUAVAM E ORAVAM

37 A quem Jesus se dirige (responde) diretamente ? Fariseus e Discípulos de João. Qual a questão ? O Jejum como tradição religiosa. Controvérsia religiosa entre Jesus e as autoridades por que o que JESUS trazia era muito mais livre e novo. Era o prenuncio do rompimento com o Judaísmo. O que Jesus responde ? Que Jesus estava apresentando algo novo que não cabia dentro do tradicionalismo Judaico

38 Que resposta Jesus quer dar ? Que existe uma Nova Aliança em andamento e isso geraria novos conceitos. A necessidade de os Discípulos estarem com Jesus naquele momento e que quando o noivo fosse retirado eles jejuariam. ODRES eram feitos de peles, ficavam estragados com o tempo. Sistemas antigos assumem em si mesmos elementos prejudiciais e destruidores. O velho deve ceder lugar ao novo. O novo dentro do velho faz o antigo explodir. O antigo legalismo e cerimonialismo não poderia ser usados como “ vasos “ para a nova espiritualidade.

39 Qual termo específico deve ser analisado ? Como pode ser analisado ? “ O vinho novo em odres velhos “ “ O vinho novo em odres velhos “ O vinho novo representa a Nova Aliança, que Jesus estava trazendo que transformaria tanto os costumes religiosos quanto mudaria as tradições Judaicas nos crentes.

40 O que significa: Exige tomadas de decisões; Seguir a Cristo é aceitar tudo novo: A renovação que Cristo trouxe não deve transformar-se em Novo Legalismo.

41 3º. DITO Mateus 26:41

42 Mateus 26:41 “ Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito está pronto mas a carne é fraca “ QUAL A SITUAÇÃO ESPECÍFICA ? Momentos que precedem a crucificação. Era noite. Pavor - Tristeza – Angustia Instantes antes da prisão

43 Mateus 26:41 “ Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito está pronto mas a carne é fraca “ QUAL A SITUAÇÃO ESPECÍFICA ? Repreensão porque os discípulos não participavam de suas orações Haveria muitos momentos difíceis e os discípulos não estavam se preparando.

44 Mateus 26:41 “ Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito está pronto mas a carne é fraca “ QUAL A SITUAÇÃO ESPECÍFICA ? Sabiam que JESUS haveria de morrer. Sabiam que teriam problemas com as autoridades. Já tinham ouvido de vários planos para matar JESUS. Mas sabiam que JESUS saíra vitorioso em várias situações anteriores. Não estavam preparados mentalmente para a situação.

45 Mateus 26:41 “ Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito está pronto mas a carne é fraca “ QUAL A SITUAÇÃO ESPECÍFICA ? Tinham passado pela ceia e visto o que JESUS dissera sobre Judas Iscariotes. Mas não perceberam a gravidade da situação. Mesmo sendo os preferidos de JESUS não tinham graça suficiente para vencerem as tentações.

46 Mateus 26:41 “ Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito está pronto mas a carne é fraca “ A QUEM JESUS SE DIRIGE DIRETAMENTE? PEDRO, TIAGO E JOÃO.

47 Mateus 26:41 “ Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito está pronto mas a carne é fraca “ QUAL A QUESTÃO. O QUE JESUS RESPONDE ? QUE RESPOSTA JESUS QUER DAR ? Os discípulos pareciam estarem prontos, dispostos até a morrerem por JESUS. Foi fato no ato da Prisão de JESUS. O ESPÍRITO ESTAVA DISPOSTO E PRONTO,MAS A FRAQUEZA HUMANA PREDOMINOU. O ESPÍRITO ESTAVA DISPOSTO E PRONTO,MAS A FRAQUEZA HUMANA PREDOMINOU.

48 Mateus 26:41 “ Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito está pronto mas a carne é fraca “ QUAL A QUESTÃO. O QUE JESUS RESPONDE ? QUE RESPOSTA JESUS QUER DAR ? Os disciípulos não estavam estavam preparados para a gravidade da PRISÃO, JULGAMENTO E MORTE DE JESUS. PEDRO negaria JESUS ao ser confrontado se era ele um daqueles que “ ANDAVA COM JESUS” JESUS DIZ QUE PEDRO SERIA PENEIRADO COMO O TRIGO POR SATANÁS, E QUE ELE NEGARIA AO JESUS ANTES DO GALO CANTAR.

49 Mateus 26:41 “ Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito está pronto mas a carne é fraca “ QUAL A QUESTÃO. O QUE JESUS RESPONDE ? QUE RESPOSTA JESUS QUER DAR ? APLICAÇÃO : 1. Vigiar em Oração. 2. Humildade Espiritual. 3. Confiar em Deus nos recursos do Espírito Santo 4. Gálatas 5:16-25 (deixar conduzir pelo Espírito )

50 DEUS ABENÇOE A TODOS ! CLÁUDIO NETO ANGELÚCIO MÁRIO

51 CÊ TÁ ENTENDENDO ?

52


Carregar ppt "Seminário Batista Projeto 70 Módulo: Hermenêutica Pastor Elenilson Ferreira Bispo Março 2012 – Januária."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google