A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ARTIGO: Predictors of Spoken Language Development Following Pediatric Cochlear Implantation AUTORES : Tinne Boons, 12 Jan P. L. Brokx, 3 Ingeborg Dhooge,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ARTIGO: Predictors of Spoken Language Development Following Pediatric Cochlear Implantation AUTORES : Tinne Boons, 12 Jan P. L. Brokx, 3 Ingeborg Dhooge,"— Transcrição da apresentação:

1 ARTIGO: Predictors of Spoken Language Development Following Pediatric Cochlear Implantation AUTORES : Tinne Boons, 12 Jan P. L. Brokx, 3 Ingeborg Dhooge, 4 Johan H. M. Frijns, 5 Louis Peeraer, 6 Anneke Vermeulen, 7 Jan Wouters, 1 and Astrid van Wieringen 1 'ExpORL, Department of Neurosciences, KULeuven, Leuven, Belgium; institute of Allied Health Sciences, Fontys University of Applied Sciences, Eindhoven, The Netherlands; 3 ENT Department, Maastricht University Medical Centre, Maastricht, the Netherlands; 4 ENT Department, Ghent University, Ghent, Belgium; 5 ENT Department, Leiden University Medical Centre, Leiden, the Netherlands; 6 Faculty of Kinesiology and Rehabilitation Sciences, KULeuven Leuven, Belgium; 7 ENT Department, Radboud University, Nijmegen, The Netherlands. PUBLICADO EM: EAR &HEARING, VOL XX NO XX, 2012

2 INTRODUÇÃO IMPLEMENTAÇÃO DO IC INFANTIL Desenvolvimento da LINGUAGEM evoluiu + Melhor acessibilidade ao som e à fala. Grande variabilidade nos resultados PREOCUPAÇÃO SIGNIFICATIVA

3 O Diferentes estudos têm investigado a relação entre os resultados da linguagem e os possíveis fatores preditivos; O Amostras pequenas inviabilizam a inclusão de novos fatores - n o de preditores. O Neste estudo: O Auditivos; O Relacionados à criança; O Fatores Ambientais INTRODUÇÃO K

4 OBJETIVOS O Avaliar as competências linguísticas em crianças com IC para estabelecer pontos de referência; O Fazer uma estimativa da idade ideal para realizar o IC que oferecesse oportunidade máxima para a criança alcançar bons conhecimentos linguísticos posteriormente; O Adquirir mais conhecimentos sobre as causas da variabilidade para definir recomendações e otimizar o processo de reabilitação das crianças com surdez pré lingual usuárias de IC.

5 METODOLOGIA ESTUDO RETROSPECTIVO 288 CRIANÇAS ATÉ 8 ANOS DE IDADE COM IC DADOS COLETADOS EM BANCO DE DADOS REALIZADO EM 5 CENTROS DE ESTUDOS SURDOS PRÉ LINGUAIS QUE FORAM IMPLANTADOS ATÉ OS 5 ANOS AVALIADOS POR PSICÓLOGOS – CAPACIDADES INTELECTUAIS NORMAIS - QI

6 MEDIDAS DE RESULTADOS 1. Escala de Desenvolvimento da Linguagem de Reynell (RDLS);  Compreensão verbal para crianças de 1a e 2m à 6a e 3m;  Grau de dificuldade aumenta gradualmente. 2. Teste de Linguagem Expressiva de Schlitching (SELT) – 3 medidas de linguagem expressiva.  Desenvolvimento de palavras;  Desenvolvimento de sentenças;  Desenvolvimento de memória auditiva;  Realizado em crianças de 1a e 9m à 6a e 3m. METODOLOGIA Testes realizados por Fonoaudiólogos onde não era permitido uso de sinais PALAVRAS SENTENÇAS

7 METODOLOGIA ANÁLISES: Médias e DP para variáveis contínuas como ex: idade Números e % para as variáveis categóricas como ex: sexo Medidas lineares e não lineares para avaliar relações entre idade do 1 o teste e os resultados de linguagem SPSS 16.0

8 RESULTADOS & DISCUSSÃO CADA CRIANÇA REALIZOU PELO MENOS UM DOS TESTES

9 53% Idade média do diag. RESULTADOS & DISCUSSÃO

10 IDADE DO IMPLANTE: crianças implantadas aos 2a obtiveram desempenho melhor nos 3 testes e são mais proficientes na linguagem oral. Antes de 2a: sem resultados significativos. 3 TESTES COM RESPOSTAS SEMELHANTES E CONSTANTES AO LONGO DO TEMPO RESULTADOS & DISCUSSÃO

11 O Estimulação contralateral (AASI) foi um importante fator preditivo; O Ao longo do tempo (após 2 a) foi possível observar a significância de fatores ambientais como envolvimento dos pais; O Deficiências adicionais - rendimento. RESULTADOS & DISCUSSÃO

12 CONCLUSÃO O IC em crianças surdas pre linguais deve ocorrer no período de 2a; O Importante a estimulação bilateral, seja com 2 IC/AASI + IC; O Dificuldade de aprendizagem – preditor negativo; O Influência de fatores ambientais aumentou ao longo do tempo; O Um ano após o IC – multilinguismo na família foi relacionado com escores mais baixos de linguagem O Dois anos após o IC – o multilinguismo foi acompanhado do insuficiente envolvimento dos pais na reabilitação; O Três anos surgiu novo fator ambiental – melhor desempenho das crianças cujas famílias utilizavam comunicação oral.


Carregar ppt "ARTIGO: Predictors of Spoken Language Development Following Pediatric Cochlear Implantation AUTORES : Tinne Boons, 12 Jan P. L. Brokx, 3 Ingeborg Dhooge,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google