A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

EQUIPE DE SAÚDE DISCIPLINA: INICIAÇÃO EM FISIOTERAPIA PROFª RITA DE CÁSSIA PAULA SOUZA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "EQUIPE DE SAÚDE DISCIPLINA: INICIAÇÃO EM FISIOTERAPIA PROFª RITA DE CÁSSIA PAULA SOUZA."— Transcrição da apresentação:

1 EQUIPE DE SAÚDE DISCIPLINA: INICIAÇÃO EM FISIOTERAPIA PROFª RITA DE CÁSSIA PAULA SOUZA

2 EQUIPE A proposta do trabalho em equipe é utilizada como estratégia para enfrentar o intenso processo de especialização na área da saúde. A proposta do trabalho em equipe é utilizada como estratégia para enfrentar o intenso processo de especialização na área da saúde. Esse processo tende a aprofundar verticalmente o conhecimento e a intervenção em aspectos individualizados das necessidades de saúde, sem contemplar simultaneamente a articulação das ações e dos saberes. Esse processo tende a aprofundar verticalmente o conhecimento e a intervenção em aspectos individualizados das necessidades de saúde, sem contemplar simultaneamente a articulação das ações e dos saberes.

3 EQUIPE As equipes são capazes de melhorar o desempenho dos indivíduos quando a tarefa requer múltiplas habilidades, julgamentos e experiência, pelo fato de serem mais flexíveis, reagindo melhor às mudanças. As equipes são capazes de melhorar o desempenho dos indivíduos quando a tarefa requer múltiplas habilidades, julgamentos e experiência, pelo fato de serem mais flexíveis, reagindo melhor às mudanças.

4 EQUIPE Os pontos cruciais que estão na base de formação de qualquer equipe podem ser identificados como: Os pontos cruciais que estão na base de formação de qualquer equipe podem ser identificados como: Desempenho coletivo, Desempenho coletivo, Responsabilidade coletiva, Responsabilidade coletiva, Tomada de decisão coletiva, Tomada de decisão coletiva, Uso de habilidades e conhecimentos complementares... Uso de habilidades e conhecimentos complementares...

5 EQUIPE Critérios para a descrição de 1 bom funcionamento das equipes de trabalho: Critérios para a descrição de 1 bom funcionamento das equipes de trabalho: Estabelecimento de metas e como elas estão acordadas; Estabelecimento de metas e como elas estão acordadas; Liderança e como ela está organizada; Liderança e como ela está organizada; Comunicação; Comunicação; Processo de grupo; Processo de grupo; Sistemas de valores e normas; Sistemas de valores e normas; Tomada de decisão na equipe; Tomada de decisão na equipe; Auto desenvolvimento; Auto desenvolvimento; Exame regular do trabalho em equipe. Exame regular do trabalho em equipe.

6 EQUIPE Características da equipe de sucesso: Características da equipe de sucesso: Objetivos comuns; Objetivos comuns; Clara definição de papéis; Clara definição de papéis; Suporte e engajamento; Suporte e engajamento; Respeito; Respeito; Comunicação; Comunicação; Competência e habilidades; Competência e habilidades; Aptidão dos membros da equipe para funcionar como UNIDADE e não como grupo de indivíduos. Aptidão dos membros da equipe para funcionar como UNIDADE e não como grupo de indivíduos.

7 EQUIPE DE SAÚDE Trabalho em equipe na área da saúde: Trabalho em equipe na área da saúde: Devido a complexidade crescente das práticas; Devido a complexidade crescente das práticas; A eficiência, eficácia e efetividade das intervenções resulta de 1 produção coletiva. A eficiência, eficácia e efetividade das intervenções resulta de 1 produção coletiva. Requer: Requer: Coordenação e articulação de 1 conjunto muito diversificado de ações, executadas por 1 elenco também variado de agentes. Coordenação e articulação de 1 conjunto muito diversificado de ações, executadas por 1 elenco também variado de agentes.

8 EQUIPE DE SAÚDE Dentre as proposições que buscam novos modelos de organização dos serviços e dos processos de trabalho, evidencia-se: Dentre as proposições que buscam novos modelos de organização dos serviços e dos processos de trabalho, evidencia-se: A necessidade de substituir o trabalho isolado e independente de cada área profissional e de cada trabalhador... A necessidade de substituir o trabalho isolado e independente de cada área profissional e de cada trabalhador... Pelo trabalho em equipe, tanto a equipe multiprofissional como as equipes de profissionais de uma mesma área de atuação. Pelo trabalho em equipe, tanto a equipe multiprofissional como as equipes de profissionais de uma mesma área de atuação.

9 EQUIPE DE SAÚDE Há diferentes concepções sobre trabalho em equipe... Há diferentes concepções sobre trabalho em equipe... Noção predominante nos serviços de saúde: coexistência de vários profissionais numa mesma situação de trabalho, compartilhando o mesmo espaço físico e a mesma clientela. Noção predominante nos serviços de saúde: coexistência de vários profissionais numa mesma situação de trabalho, compartilhando o mesmo espaço físico e a mesma clientela....O que não se traduz automaticamente em integração dos trabalhos especializados....O que não se traduz automaticamente em integração dos trabalhos especializados.

10 EQUIPE DE SAÚDE Portanto, cabe discutir e analisar outras possibilidades de definição do tema, mais abrangentes, que ultrapassem o mero agrupamento de profissionais, e que contemplem o princípio da integralidade... Portanto, cabe discutir e analisar outras possibilidades de definição do tema, mais abrangentes, que ultrapassem o mero agrupamento de profissionais, e que contemplem o princípio da integralidade...

11 EQUIPE DE SAÚDE O campo dos empreendimentos coletivos na área de saúde, sofreu o impacto com a introdução do conceito de qualidade, e ainda hoje se constitui num objeto de discussão e investimento. O campo dos empreendimentos coletivos na área de saúde, sofreu o impacto com a introdução do conceito de qualidade, e ainda hoje se constitui num objeto de discussão e investimento. Esta busca pela qualidade deveu-se, em parte, pela introdução da integralidade da assistência, “entendida como um conjunto articulado e contínuo das ações e serviços preventivos e curativos, individuais e coletivos, exigidos para cada caso em todos os níveis de complexidade do sistema” (LEI 8080/90). Esta busca pela qualidade deveu-se, em parte, pela introdução da integralidade da assistência, “entendida como um conjunto articulado e contínuo das ações e serviços preventivos e curativos, individuais e coletivos, exigidos para cada caso em todos os níveis de complexidade do sistema” (LEI 8080/90).

12 EQUIPE DE SAÚDE A integralidade foi responsável por alterar as configurações das interações profissionais. A integralidade foi responsável por alterar as configurações das interações profissionais. Com isso, 1 grande destaque foi concedido ao trabalho em equipe, porque os profissionais de saúde foram levados a reconhecer a necessidade de diferentes contribuições profissionais no cuidado ao paciente de maneira eficiente e eficaz... Com isso, 1 grande destaque foi concedido ao trabalho em equipe, porque os profissionais de saúde foram levados a reconhecer a necessidade de diferentes contribuições profissionais no cuidado ao paciente de maneira eficiente e eficaz...

13 EQUIPE DE SAÚDE Planejamento de serviços; Planejamento de serviços; Estabelecimento de prioridades; Estabelecimento de prioridades; Redução da duplicação dos serviços; Redução da duplicação dos serviços; Geração de intervenções mais criativas; Geração de intervenções mais criativas; Redução de intervenções desnecessárias pela falta de comunicação entre os profissionais; Redução de intervenções desnecessárias pela falta de comunicação entre os profissionais; Redução da rotatividade, resultando na redução de custos, com a possibilidade de aplicação e investimentos em outros processos... Redução da rotatividade, resultando na redução de custos, com a possibilidade de aplicação e investimentos em outros processos...

14 EQUIPE DE SAÚDE Pressupostos básicos: Pressupostos básicos: 1. Que os membros das equipes tenham uma compreensão compartilhada de regras, normas e valores dentro da equipe. 2. Que as funções da equipe ocorram de maneira independente, igualitária e cooperativa. 3. Que os efeitos da tomada de decisão cooperativa constituam benefício para o paciente (na saúde, cliente no geral) e não somente produzam efeito sobre o conhecimento que suas disciplinas possam ter sobre ele....

15 TIPOLOGIA DE EQUIPE Existem 2 modalidades de trabalho em equipe: Existem 2 modalidades de trabalho em equipe: EQUIPE AGRUPAMENTO, em que ocorre a justaposição das ações e o agrupamento dos agentes; EQUIPE AGRUPAMENTO, em que ocorre a justaposição das ações e o agrupamento dos agentes; EQUIPE INTEGRAÇÃO, em que ocorre a articulação das ações e a interação dos agentes. EQUIPE INTEGRAÇÃO, em que ocorre a articulação das ações e a interação dos agentes.

16 TIPOLOGIA DE EQUIPE Do Latim: Do Latim: Inter: entre 1 e outro, entre 2; Inter: entre 1 e outro, entre 2; Multi: muitos, múltiplos, diversos; Multi: muitos, múltiplos, diversos; Trans: transferência, transformação, trânsito. Trans: transferência, transformação, trânsito.

17 EQUIPE MULTIPROFISSIONAL, MULTIDISCIPLINAR OU PLURIDISCIPLINAR Diferentes profissionais que trabalham dentro de sua especificidade de forma complementar, sem permuta de saberes ou práticas, sem áreas de interseção. Diferentes profissionais que trabalham dentro de sua especificidade de forma complementar, sem permuta de saberes ou práticas, sem áreas de interseção.

18 EQUIPE INTERDISCIPLINAR Diferentes profissionais que trabalham juntos, mantendo suas atuações específicas, com troca de informações dentro de áreas de interseção, o que permite a construção de novos saberes. Diferentes profissionais que trabalham juntos, mantendo suas atuações específicas, com troca de informações dentro de áreas de interseção, o que permite a construção de novos saberes.

19 EQUIPE TRANSDISCIPLINAR Transdisciplinaridade é 1 “transgressão das fronteiras entre as disciplinas” Transdisciplinaridade é 1 “transgressão das fronteiras entre as disciplinas” A equipe transdisciplinar deve ser entendida como composta por profissionais que atuam em transição com outras disciplinas. A equipe transdisciplinar deve ser entendida como composta por profissionais que atuam em transição com outras disciplinas.

20 BENEFÍCIOS DO TRABALHO EM EQUIPE A permuta freqüente de informações e a organização das ações de forma conjunta permite que os diferentes profissionais se apóiem e que o paciente seja abordado de forma integral. A permuta freqüente de informações e a organização das ações de forma conjunta permite que os diferentes profissionais se apóiem e que o paciente seja abordado de forma integral.


Carregar ppt "EQUIPE DE SAÚDE DISCIPLINA: INICIAÇÃO EM FISIOTERAPIA PROFª RITA DE CÁSSIA PAULA SOUZA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google