A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Hebreus e Epístolas Gerais A Superioridade do Sacerdócio de Cristo e as Práticas da Vida Cristã.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Hebreus e Epístolas Gerais A Superioridade do Sacerdócio de Cristo e as Práticas da Vida Cristã."— Transcrição da apresentação:

1 Hebreus e Epístolas Gerais A Superioridade do Sacerdócio de Cristo e as Práticas da Vida Cristã

2

3 25 livros A. T. 20 livros - N. T.

4 CAPÍTULO 1 – NOÇÕES GERAIS DA EPÍSTOLA AO HEBREUS EPÍSTOLA - stol - interpositivo, alongamento da raiz do verbo grego STÉLL – significa ENVIAR - exemplos – apóstolo, diástole ( no sentido de médico), sístole e outras. Mensagem enviada – 1.1 – A AUTORIA No ano 150 d.C., PANTENO, o principal professor de Alexandria na época, referia-se a ela como uma epístola geralmente atribuída a PAULO – o que significa que apenas 70 anos depois da morte do apóstolo ela era geralmente aceita como dele! Outros autores começaram a serem citados somente no terceiro século. PANTENO Tito Flávio Clemente – 150 –

5 1.2 - A DATA DA EPÍSTOLA - proposta três possíveis datas – A ) período anterior a 55 d.C - B ) período posterior a 63 d.C. – C ) período posterior a 70 d.C. – A data mais coerente – antes do ano 70.

6 1.3 – OS DESTINATÁRIOS E LOCAL DA ESCRITA DA EPÍSTOLA A comunidade de judeus cristãos – helenizados ( semelhantes aos gregos na cultura e civilização ) – hellenizein – falar grego - viver como os gregos – OS JUDEUS CRISTÃOS – Os gentios novos convertidos não tinham contato com o Antigo Testamento. Os judeus convertidos a Cristo tinham profundo conhecimento do Velho Testamento, com seus rituais, suas liturgias, com a história de Moisés, com a promulgação da LEI. Cita um ambiente levítico ao qual estariam acostumados e demonstra a superioridade do Sacerdócio de Cristo.

7 1.3.2 – OS ESSÊNIOS – Originários do EGITO no período do Império Selêucida a.C. Acreditavam em dois Messias – um Messias Rei e outro Messias Sacerdote. Teoria de que a Carta aos Hebreus foi destinada a eles, para desfazer tal confusão. É uma teoria fraca – OS GENTIOS Teoria baseada em versículos incidentais, mas é uma teoria fraca, pois os termos dos versículos são expressões de utilização geral – tantos de judeus quanto de gentios. Apostatar do Deus vivo – 3.12 e obras mortas – 6.1 e Mais aceitável – destinada ao Judeus Cristãos.

8 1.3.4 – O LOCAL DA ESCRITA - Hebreus – OS DA ITÁLIA VOS SAÚDAM. Foi escrita da cidade de ROMA para os crentes judeus moradores de JERUSALÉM.

9 CAPÍTULO II - A CANONICIDADE DA EPÍSTOLA AOS HEBREUS – 2.1 – Os critérios para o CÂNON do Novo Testamento – CÂNONE – haste de junco – em geral crescem até 1,5 metros. Vara de medir – derivou para regra, medida. Conjunto de livros avaliados como INSPIRADOS. Canonicidade das Escrituras, significando que a medida dos livros do Antigo e do Novo Testamentos, já está completa. Livro aceito e reconhecido como de autoridade divina – O TESTEMUNHO DO ESPÍRITO SANTO – A APOSTOLICIDADE – A ORTODOXIA – A POPULARIDADE OU CATOLICIDADE – A CANONICIDADE DA EPÍSTOLA AOS HEBREUS

10 CONCÍLIO DE CARTAGO – 397 d.C. - LISTA DOS LIVROS CANÔNICOS – 27 livros.

11

12 CAPÍTULO 3 – O CONTEÚDO E O OBJETIVO DA EPÍSTOLA AOS HEBREUS – 3.1 – A SUPERIORIDADE DE CRISTO Temas centrais da carta – superioridade do sacerdócio de Cristo – superioridade do ministério de Cristo – superioridade do sacrifício de Cristo. 3.2 – A ADVERTÊNCIA À APOSTASIA – capítulos 1 ao 7 - Jesus, o Deus Homem – superior aos anjos – 1.2 Jesus, o novo APÓSTOLO – superior a Moisés – 3 - SERVO DE DEUS – TESTEMUNHA DAS COISAS QUE SERIAM ANUNCIADAS. Jesus, o novo Líder – superior a Josué – 4. 1 a 13 Jesus o novo Sacerdote – superior a Arão – ao capítulo 7. AQUI O OBJETIVO É DEFENDER A SUPERIORIDADE DO SACERDÓCIO DE CRISTO SOBRE O SACERDÓCIO ARÔNICO.

13 3.3 – A FIGURA DO SACERDOTE – capítulo 4 Sumo sacerdote do A.T. – homem comum, escolhido dentre a Tribo de Levi, da descendência de ARÃO, para administrar o ofício sacerdotal – intermediário entre o povo e Deus. 3.4 – O SUMO SACERDOTE PERFEITO – Perfeito na Sua natureza – Perfeito na Sua eternidade – Perfeito na sua completude – 3.5 – AS CONSEQUÊNCIAS DA APOSTASIA – capítulo 6. APOSTASIA - Degradante e irreversível final daqueles que decidiram, voluntária e conscientemente, abdicar dos princípios da fé cristã. Hebreus 6.4 -

14 3.6 – OS PERSONAGENS QUE MARCARAM A HISTÓRIA PELOS EXEMPLOS DE FÉ – Capítulo 11 – Homens e mulheres que demonstraram um FÉ OPERANTE, crendo e vivendo na certeza de uma PROMESSA SUPERIOR – A VINDA DO MESSIAS -CRISTO !

15 3.7 – A PERSEVERANÇA DO CRISTÃO – capítulo 12 Uma experiência SUPERIOR pessoal de fé ! Hebreus a 2 FÉ OPERANTE - PRÁTICA ACIMA DA TEORIA. ATOS ACIMA DO CONHECIMENTO. ATITUDES ACIMA DAS PALAVRAS. A perseverança de um atleta, que não deve olhar para as dificuldades da corrida, mas ter o objetivo fixo na chegada. Não deixar a Cristo por causa das aflições da vida presente, mas ter os olhos fixos em CRISTO – nosso real objetivo da carreira cristã!

16 3.8 – OS VOTOS, AS EXORTAÇÕES FINAIS E O OBJETIVO – capítulo 13 OS PRINCÍPIOS SUPERIORES – FÉ – a resposta para essas coisas ´superiores´ - FÉ - suportando com perseverança, olhando para Jesus - FÉ - se expressa na forma de santidade prática.

17 CAPÍTULO 4 – A TEOLOGIA DA EPÍSTOLA AOS HEBREUS – 4.1 – PASSADO, PRESENTE E O PORVIR – Capítulo 9 – abandonem as ANTIGAS práticas judaicas. Os sacrifícios de animais, instituídos por Moisés, apontavam a necessidade SUPERIOR de um substituto ( VICÁRIO ) sacrificial para a remissão ( comprar de volta, resgatar ) dos pecados. 4.2 – CRISTOLOGIA EM HEBREUS – Cristo é excelente e superior. Rompam definitivamente com os velhos modelos do culto judaico. CRISTO – a exata imagem de Deus – a realidade das promessas de Deus - verdadeiramente DEUS e verdadeiramente HOMEM. “Eis o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo”.

18 JESUS – VERDADEIRAMENTE HOMEM, VERDADEIRAMENTE DEUS.

19 CAPÍTULO 5 – A INSTITUIÇÃO SACERDOTAL – ARÃO – filho de Anrão e Joquebede, irmão de Miriã, da tribo de Levi. Foi sacerdote escolhido por Deus, e seu sacerdócio foi instituído por Deus para ministrar no Tabernáculo. Necessitava de perdão, indicava o caminho, foi substituído, pois morreu e aguarda o arrebatamento da Igreja. MELQUISEDEQUE – rei de Salém ( atual Jerusalém ). Sábio, instruiu a Abraão – Gênesis capítulo 14 – a Bíblia não registra sua genealogia – tipo de Cristo. CRISTO – Eterno SUMO SACERDOTE, homem perfeito, EU SOU O CAMINHO..., nunca pecou e nem conheceu pecado, pode perfeitamente perdoar os nossos pecados. Morreu, ressuscitou e voltará para buscar os que PERSEVERAREM. Efetuou sacrifício ÚNICO e SUFICIENTE.


Carregar ppt "Hebreus e Epístolas Gerais A Superioridade do Sacerdócio de Cristo e as Práticas da Vida Cristã."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google