A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Programa Sala de Leitura 2014

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Programa Sala de Leitura 2014"— Transcrição da apresentação:

1 Programa Sala de Leitura 2014
Diretoria de Ensino da Região de Jacareí Núcleo Pedagógico

2 Objetivos Orientar os Diretores de Escola sobre a implementação, organização, metodologia e projetos a serem desenvolvidos nas Salas de Leitura; Apresentar os materiais do Programa SuperAção Jovem na Sala de Leitura e os roteiros para o desenvolvimento de atividades.

3 Implementação de novas Salas de Leitura
Atualmente os critérios para a inclusão de novas escolas no Programa: Possuir um ambiente de pelo menos 25m2; Ter mobiliário mínimo para atendimento (não precisa ser o mobiliário padrão do Programa) e Não necessitar de reforma, ou seja, que tenha condições de atendimento imediato.

4 Solicitação para Sala de Leitura
A solicitação de inclusão será formalizada por meio do envio de um ofício para a Diretoria de Ensino, que encaminhará para CRE – Mario Covas.

5 Programa SuperAção Jovem
Roteiro do Professor Mobilizar e mediar a participação dos jovens na Sala de Leitura Aprender a ser, conviver, conhecer e fazer

6 Organização do trabalho
Desafio de Leitura: tornar a sala de leitura um espaço de leitura livre; Desafio de Protagonismo : tornar a sala de leitura um espaço para o protagonismo juvenil; Desafio de Estudo e Pesquisa: Tornar a sala de leitura um espaço para aprender a estudar.

7 Organização do trabalho dos Professores da Sala de Leitura
Ações Organização do trabalho dos Professores da Sala de Leitura

8 1- Mobilização da Comunidade Escolar
Mobilização dos gestores, professores, familiares e responsáveis e lideranças juvenis da escola.

9 2- Dia da Grande Mobilização
Mobilização dos jovens dos alunos e inscrição dos jovens interessados

10 3- Registro e Avaliação do Trabalho
Elaboração do Mural da Sala de Leitura; Envio de informações sobre o andamento do trabalho com os jovens.

11 4- Orientação: Três desafios
Orientações das atividades do Desafio de Leitura; Orientação das atividades do Desafio de Protagonismo; Orientação das atividades do Desafio de estudo e pesquisa.

12 Sala de Leitura e aprendizado
Ser Conviver Conhecer Fazer

13 Ver Sentir Pensar Decidir Agir
Jovem é a solução Ver Sentir Pensar Decidir Agir

14 Formar jovens leitores
Leitor protagonista Identidade leitora

15 Minha história de leitor
Memórias de leitor Minha história de leitor

16 O que é importante fazer:
Sala de Leitura O que é importante fazer: Parceria; Acolhimento; Criatividade; Convívio; Organização; Liberdade; Mobilização; Divulgação; Avaliação

17 Por uma escola leitora Planejamento de ações

18 Desafios na sala de Leitura
Desafio de Leitura; Desafio de Protagonismo; Desafio de Estudo e Pesquisa

19 Mobilização da comunidade escolar
Apresentação da Proposta: Equipe Gestora; Mobilização dos familiares e responsáveis; Reunião com as lideranças juvenis

20 Dia da Grande mobilização
Ambiência; Guia do leitor antenado;

21 Registro e avaliação do trabalho
Mural da Sala de Leitura Envio mensal das informações sobre o andamento do trabalho com os jovens Pesquisa de opinião

22 Referências CRE Mario Covas SEE SuperAção Jovem

23 Referências Instituto Ayrton Senna

24 Programa Nacional do Livro Didático
2014

25 PNLD EJA 2014 Para o triênio , a escolha foi realizada para a Educação de Jovens e Adultos - PNLD EJA 2014 A CGEB fará o registro da opção mais indicada pelas Diretorias de Ensino no site do FNDE, válido para uso em todo o Estado.

26 Registro na Unidade Escolar
As coleções serão classificadas de 1 a 6, sendo 1 a primeira opção. Para a classificação as Unidades Escolares deverão realizar a análise e escolha a partir dos Guias disponibilizados no site:

27 EJA Ensino Médio Para a EJA - Ensino Médio foi aprovado pelo MEC apenas uma coleção e, portanto, não será alvo de escolha das Diretorias.

28 RESOLUÇÃO SE-83, DE Dispõe sobre desfazimento de materiais didáticos e/ou de apoio considerados irrecuperáveis, desatualizados ou inservíveis, no âmbito da Secretaria da Educação e dá outras providências.

29 Marcos de Moura Albertim
Professor Coordenador do Núcleo Pedagógico Língua Portuguesa


Carregar ppt "Programa Sala de Leitura 2014"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google