A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Carne - Conservação Sibery dos Anjos. Refrigeração Após o abate, a temperatura interna da carcaça – 30 a 39°C; Eliminado durante o resfriamento inicial.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Carne - Conservação Sibery dos Anjos. Refrigeração Após o abate, a temperatura interna da carcaça – 30 a 39°C; Eliminado durante o resfriamento inicial."— Transcrição da apresentação:

1 Carne - Conservação Sibery dos Anjos

2 Refrigeração Após o abate, a temperatura interna da carcaça – 30 a 39°C; Eliminado durante o resfriamento inicial.

3

4 Refrigeração Métodos de resfriamento: – Método usual; 0- 4°C Perda de peso 2 – 2,5% – Método rápido; (-1) –( 2°C); UR – 90% Perda de peso 1,8% – Método super-rápido ou shok. (-8) – (-5°C) – 2 hrs 0°C – 0,1m/s Perda de peso 1,3 a 1,4% 2 a 4 m/s

5 Refrigeração Modificação e Dano: – Perda de peso; – Rancidez oxidativa ; – Alterações microbianas; – Maturação; – Coloração; – Adsorção de odores estranhos – Encurtamento pelo frio.

6 Refrigeração Durabilidade – Carne fresca; – Carne picada; – Produtos curados.

7

8 Congelamento Atividade microbiana paralisada; Velocidade de reações químicas e enzimáticas são paralisadas. Ocorrem alterações menores do que qualquer outro método de conservação.

9 Congelamento Congelamento Lento – Líquido extracelular congela mais rápido que o intracelular; – Cristais de gelo. Congelamento rápido – Menos nocivo a célula da carne

10

11

12 Congelamento Métodos de congelamento – Congelamento em ar imóvel; -10 a -30°C – Congelamento em placas; Metal transfere o calor -10 a -30°C

13 Congelamento Métodos de congelamento – Congelamento em corrente de ar; Velocidade 5 a 6 m/s -30°C – Imersão e aspersão de líquidos; Produtos acondicionados em filmes plásticos; Não muito utilizado Líquidos com sais etc. Congelamento baixa e grande condutividade térmica. Não viscoso. – Congelamento criogênico.

14

15

16

17 Congelamento Modificações e danos: – Cristais de gelo Congelamento rápido – intracelular - cristais pequenos Congelamento lento – extracelular – cristais maiores Consequência – maior perda de água Congelamento - -1°C, 20% - 10°C 90%/ -18°C quase 100% – Desnaturação e pressão osmótica – Contaminação microbiana Leveduras cresce em -10°C

18 Congelamento Modificações e danos: – Infestações parasitárias – Queimaduras pelo frio ou por congelamento Evaporação da água – perda de cor, superfícies amareladas defeitos na textura, perda de peso, nutriente – Escurecimento ósseo (aspecto) Congelamento e descongelamento de frangos. Reduz com pré-cozimento antes do congelamento – Rigor do descongelamento Encurtamento - até 40% e perda de peso 25% – Racidez oxidativa (odores desagradáveis)

19

20

21

22 Congelamento Durabilidade da carne congelada – Varia com a espécie e com o tipo de produto e é influenciada pela temperatura do congelador; – Tipo de embalagem utilizada; – < rancidez oxidativa com T°C - 80°C – Usual -18 à -30°C – Oscilação de T°C – Armazenamento de carne de aves e suínos <. – Processos ou tratamentos antes do congelamento – Eliminação de oxigênio

23 Congelamento Descongelamento – Embalagens á vácuo

24 Congelamento Recongelamento – Não recomendado nem para salvar carnes já descongeladas.

25 Conservação através do calor Redução da carga microbiana; Desnaturação das proteínas e; Inativação de enzimas.

26


Carregar ppt "Carne - Conservação Sibery dos Anjos. Refrigeração Após o abate, a temperatura interna da carcaça – 30 a 39°C; Eliminado durante o resfriamento inicial."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google