A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO. FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO Tumores do intestino delgado:  3-6% dos tumores gastrointestinais  Tu. Benignos –

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO. FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO Tumores do intestino delgado:  3-6% dos tumores gastrointestinais  Tu. Benignos –"— Transcrição da apresentação:

1 FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO

2 FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO Tumores do intestino delgado:  3-6% dos tumores gastrointestinais  Tu. Benignos – adenomas, leiomiomas, lipomas e lesões neuromatosas  Adenomas – ampola de Vater  Adenocarcinomas = Tu. Carcinóides ( linfomas e sarcomas)

3 FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO Tumores do cólon e reto Pólipos – massa tumoral que se projeta p/ a luz do intestino ( sésseis ou pediculados)

4 FCMSC-SP

5

6 NEOPLASIAS DO INTESTINO Pólipos não neoplásicos  Esporádicos – 60 anos PÓLIPOS HIPERPLÁSICOS PÓLIPOS HAMARTOMATOSOS ( JUVENIL E PEUTZ-JEGHERS) PÓLIPOS INFLAMATÓRIOS PÓLIPOS LINFÓIDES

7 FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO Pólipos hiperplásicos  90% dos p. epiteliais  < 5 mm  6ª e 7ª décadas  Sem potencial maligno

8 FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO Pólipos Hiperplásicos Macroscopia: Protrusões hemisféricas, lisas e úmidas da mucosa, múltiplos Microsocpia: Glândulas e criptas revestidas por células epiteliais não neoplásicas, células caliciformes ou absortivas maduras, com borba serreada e criptas irregulares

9 FCMSC-SP

10 NEOPLASIAS DO INTESTINO Pólipos Juvenis:  Hamartomas focais  reto  < 5 anos  Isoladamente sem potencial maligno

11 FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO Pólipos Juvenis: Macroscopia: Lesões grandes ( 1 a 3 cm), redondos, lisos ou levemente lobulados Microscopia: Numerosas glândulas dilatadas, inflamação

12 FCMSC-SP

13

14

15 NEOPLASIAS DO INTESTINO Pólipos de Peutz-Jeghers (Síndrome de Peutz- Jeghers)  Hamartomatosos  Únicos ou múltiplos  S. Autossômica dominante rara com múltiplos pólipos  Sínd. – pigmentação mucosa e cutânea melanótica ao redor dos lábios, mucosa oral, face, genitália e palmas

16 FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO Continuação..  P. Hamartomatosos  Sem potencial maligno, porém a síndrome aumenta o risco p/ ca. de pâncreas, mama, pulmão, ovário e útero.

17 FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO Pólipos de Peutz-Jeghers Macroscopia: Grandes, pediculados e lobulados Microscopia: Rede arboriforme de tecido conjuntivo e m. liso, circundado por glândulas normais ricas em células caliciformes

18 FCMSC-SP

19

20

21

22

23 Pólipos inflamatórios: Infiltrado inflamatório rico em linfócitos, plasmócitos, neutrófilos e as vezes fibrose discreta da lâmina própria NEOPLASIAS DO INTESTINO

24 FCMSC-SP

25 NEOPLASIAS DO INTESTINO Adenomas:  20-30% - antes dos 40 anos  40-50% - 60 anos  M= H  Predisposição familiar esporádica

26 FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO  Tipos de adenomas: - Tubulares: Gl. Tubulares - Vilosos: projeções vilosas - Túbulos-vilosos

27 FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO  Originários de displasia proliferativa epitelial, variando de leve a intensa  Risco p/ malignidade: três características interdependentes: - Tamanho do pólipo - Arquitetura histológica - Intensidade da displasia epitelial  Impossível à inspeção macroscópica de um pólipo, determinar sua importância clínica

28 FCMSC-SP

29

30

31

32

33

34

35

36 NEOPLASIAS DO INTESTINO Síndromes Familiares: Polipose adenomatosa familiar(PAF):  Múltiplos adenomas  100% de progressão p/ adenocarcinoma  adenomas colônicos  Mínimo de 100 pólipos

37 FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO Síndrome de Gardner:  Adenomas múltiplos, osteomas (mandíbula, crânio e ossos longos), cistos epidérmicos e fibromatose Síndrome de Turcot:  Polipose adenomatosa + tumores so sistema nervoso central ( gliomas)

38 FCMSC-SP

39

40

41

42 NEOPLASIAS DO INTESTINO Carcinoma colorretal  98% dos cânceres são adenocarcinomas  anos  Jovens – colite ulcerativa ou síndromes  Distribuição mundial: Altas taxas : USA e europa oriental Patogenia:  Adenomas  Síndromes genéticas: PAF, CCNPH

43 FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO Câncer Colorretal não polipose hereditária ( CCNPH – Sínd. De Lynch)  Maior risco de Ca. Colorretal  Poucos adenomas  Neoplasia colônica múltipla e nem sempre associada a adenomas preexistentes

44 FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO  Dieta: Ingestão excessiva de calorias em relação as necessidades Baixo conteúdo de fibras vegetais Elevado conteúdo de carboidratos refinados Alta ingestão de carne vermelha ingesta deficiente de micronutrientes protetores ( Vits A,C,E)

45 FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO Distribuição do Ca. Colorretal:  Ceco/cólon ascendente – 38%  Cólon transverso – 18%  Cólon descendente – 8 %  Retosigmóide- 35%  Múltiplos locais na apresentação

46 FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO Macroscopia: Polipóides Massas circulares anulares – “ argola de guardanapo” Microscopia: Células colunares altas, com anaplasia, invasivas.

47 FCMSC-SP

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59 NEOPLASIAS DO INTESTINO Outras neoplasias malignas:  Tumores carcinóides  Linfomas  Tumores mesenquimais - lipomas, tumores estromais gastrointestinais e sarcoma de Kaposi  Melanoma

60 FCMSC-SP

61

62

63

64

65

66

67

68

69 Estadiamento das Neoplasias do colon TNMpTpNpMAster-CollerDukes 0pTis pN0pM0A A IpT1 pT2 pN0 pM0 B1 IIpT3 pT4 pN0 pM0 B2 B IIIqquer pTpN1, pN2, pN3pM0C1-2C IV qquer pT qquer NpM1DD


Carregar ppt "FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO. FCMSC-SP NEOPLASIAS DO INTESTINO Tumores do intestino delgado:  3-6% dos tumores gastrointestinais  Tu. Benignos –"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google