A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 JUST-IN-TIME “JIT” Integrantes:Ana Paula G. de Oliveira Bruno da Silva Hélida Electo Ramon César R. Milão Anderson F. da Silva.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 JUST-IN-TIME “JIT” Integrantes:Ana Paula G. de Oliveira Bruno da Silva Hélida Electo Ramon César R. Milão Anderson F. da Silva."— Transcrição da apresentação:

1 1 JUST-IN-TIME “JIT” Integrantes:Ana Paula G. de Oliveira Bruno da Silva Hélida Electo Ramon César R. Milão Anderson F. da Silva

2 2 Introdução O Just-in-time é uma proposta de reorganização do ambiente produtivo assentada no entendimento de que a eliminação de desperdícios visa o melhoramento contínuo dos processos de produção, é a base para a melhoria da posição competitiva de uma empresa, em particular no que se referem os fatores com a velocidade, a qualidade e o preço dos produtos.

3 3 Conceitos Básicos O conceito básico é fabricar bens com a completa eliminação de funções desnecessárias à produção, na quantidade e tempo necessários, nem mais nem menos, eliminando-se estoques intermediários e de produtos acabados, com a conseqüente redução dos custos e o aumento da produtividade. O Sistema Just-in-Time, que em português significa no momento exato ou ainda, num linguajar mais corriqueiro "em cima da hora", é um sistema de produção cuja idéia principal é fabricar produtos na quantidade necessária no momento exato em que o item seja requisitado, entendendo-se aqui que a exigência pode ter origem externa à fábrica, mercado consumidor por exemplo, quanto interna, neste caso é feita por uma estação de trabalho subseqüente aquela em que o item é produzido.

4 4 Características O elemento humano tem participação fundamental no sistema Just-in-time, sendo o envolvimento da mão de obra e o trabalho em equipe pré-requisitos para a implementação do JIT. É dada ênfase na redução dos tempos do processo, como forma de conseguir flexibilidade. O fornecimento de materiais no sistema JIT deve ser uma extensão dos princípios aplicados dentro da fábrica tendo com principais objetivos os lotes de fornecimento reduzidos, recebimentos freqüentes e confiáveis, lead times de fornecimento reduzidos e altos níveis de qualidade. O layout do processo isso para tornar o processo mais eficiente, reduzir a movimentação e o tempo gasto com a preparação da máquina.

5 5 Objetivos O sistema JIT tem como objetivo fundamental à melhoria contínua do processo produtivo. A perseguição destes objetivos dá-se, através de um mecanismo de redução dos estoques, os quais tendem a camuflar problemas. O objetivo do JIT é promover a otimização de todo o sistema de manufatura, desenvolvendo políticas, procedimentos e atitudes requeridos para ser um fabricante responsável e competitivo. Problemas podem ser classificados principalmente em três grandes grupos: Problemas de qualidade Problemas de quebra de máquina Problemas de preparação de máquina.

6 Kanban um sistema de informações que realiza o controle da quantidade de produção em cada processo; Próprio sistema Kanban integrado no conceito Just in Time; Chamado de Kanban, o qual tem origem na palavra japonesa que significa cartão. Kanban é um cartão que indica ao operador o que fazer, em que quantidade e onde colocar; Existem 2 tipos de cartões kanban. Esse tipo de produção autoriza a manufatura de um contêiner de material. O Kanban de movimentação/requisição autoriza a retirada e o movimento daquele contêiner; Propósito deste sistema é manter o estoque em nível mínimo, mas com aumento da produtividade e a redução dos custos. 6 Kanban

7 7 Meios para mudar Simplificar e otimizar: A nova arrumação e layout da fábrica deverá ser flexível, responder a altos padrões de qualidade, evitar tempos de espera e responder rapidamente a alterações na produção. Formar os recursos humanos: A idéia é a de ensinar o pessoal a funcionar segundo novos moldes, com novos objetivos e segundo novas regras. Colaborar com os fornecedores: É preciso estabelecer novas relações com eles para que possam colocar as quantidades necessárias de matérias-primas ou produtos semi- acabados, com elevada qualidade, na altura certa. A relação com os fornecedores passará a assentar mais numa parceria que numa simples compra e venda. Só com o apoio destes é que se consegue uma passagem para o Just-in-time eficaz. Colaborar com os clientes: É útil que os clientes possam colaborar com a empresa que funciona no regime de Just-in-time. A empresa pode pedir-lhes, por exemplo, ajuda de forma a estabilizar a carga da produção, combinando com eles um programa de entregas. Sempre vantajoso para a empresa passar a mensagem aos clientes do aumento de qualidade conseguido. Conceber a produção em novos moldes: Funcionar em Just-in-time representa para a empresa uma alteração profunda das suas práticas. Toda a organização da empresa deve assim ser modificada para responder mais eficazmente.

8 8 As 12 regras 1) Produzir apenas o que é pedido pelo cliente e só quando ele o pretende, e portanto não constituir estoques, sejam de produtos acabados ou intermédios. 2) Ter prazos de fabricação curtos 3) Dispor de uma grande flexibilidade, de forma a poder responder rapidamente a alterações no mercado. 4) Fabricar pequenas quantidades de peças, subconjuntos ou produtos finais. 5) Conseguir efetuar uma rápida mudança de ferramentas; 6) Só comprar as quantidades necessárias à produção; 7) Dispor as máquinas e organizar a produção de modo a que se minimizem as esperas ou perdas. 8) Armazenar as matérias-primas e os produtos semi-acabados junto dos locais onde são necessários, para evitar perdas de tempo e de eficiência no transporte. 9) Dispor de máquinas e ferramentas altamente fiáveis, de modo a que não se avariem no momento exato em que são necessárias. 10) Controlar com muito rigor a qualidade das peças a serem fabricadas. 11) Só comprar as matérias-primas e os componentes que assegurem uma qualidade superior. 12) Empregar recursos humanos polivalentes e capazes de se adaptar a uma produção descontinuada.

9 9 Considerações Finais O JIT é o resultado do emprego de conceitos simples para eliminar as perdas e para elevar o moral e a dignidade dos funcionários. O JIT não é um programa específico, formal, e sim “um programa para melhora constante do desempenho do empregado dentro da manufatura, no meio integrado”. É uma ação integrada de todos os funcionários para melhora continuada do desempenho operacional, mantendo qualidade e reduzindo desperdícios. Todos os conceitos contidos neste trabalho são relevantes, seja o JIT a meta ou não, porque estamos falando, principalmente, sobre a melhor maneira de conduzir um negócio. FIM


Carregar ppt "1 JUST-IN-TIME “JIT” Integrantes:Ana Paula G. de Oliveira Bruno da Silva Hélida Electo Ramon César R. Milão Anderson F. da Silva."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google