A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

36º ENPL – Iniciação Cristã Escola de Ministérios Acólitos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "36º ENPL – Iniciação Cristã Escola de Ministérios Acólitos."— Transcrição da apresentação:

1 36º ENPL – Iniciação Cristã Escola de Ministérios Acólitos

2 Baptismo das crianças Pelos sacramentos da Iniciação Cristã, os Homens, libertos do poder das trevas, mortos com Cristo, e com Ele ressuscitados, recebem o Espírito de adopção filial e celebram, com todo o povo de Deus o memorial da Morte e ressurreição do Senhor. CVII- AG, 14

3 Sepultura do pecado, do homem velho Regenerado como Nova Criatura, nascimento do Homem novo. Mergulhar com Cristo na Morte Para com Cristo ressuscitar

4 A Celebração Entrada O presidente da celebração espera pelos pais e padrinhos à entrada da igreja ou outro local mais conveniente O acólito do livro apresenta o ritual O presidente faz o diálogo com os pais e padrinhos - Acolhimento na Comunidade Cristã Após o sinal da cruz na fronte da criança dirigem-se para junto do altar e tomam os seus lugares Introdução na vida da Igreja

5 Liturgia da Palavra Como habitualmente na missa Escutar a Palavra de Deus que ilumina o catecúmeno e toda a comunidade Imagem da Comunhão dos Santos Terminada a oração o presidente reza a ladainha dos santos. Depois da homilia o acólito do livro apresenta o livro da Oração Universal ou o ritual e faz-se a oração universal

6 Liturgia baptismal Um acólito do livro apresenta o ritual, outro acólito apresenta o óleo dos catecúmenos O presidente unge o peito da criança - sinal da Força de Deus no Catecumeno, força que se vê e que não permite o “apego” ao pecado, força que nos impulsiona a fé. O acólito apresenta o ritual O presidente faz a bênção da água ou invocação à água já benzida Pede a renuncia ao pecado e a profissão de fé aos pais e padrinhos – Cada um tem a sua fé, juntos vivemos a mesma fé, verdadeira comunhão dos Santos O presidente pega na concha e baptiza a criança Um acólito do livro apresenta o ritual e outro acólito apresenta o Óleo do Crisma O presidente unge a criança na fronte – Sinal da Unção Divina, quem é Baptizado é escolhido por Deus. Exala o Seu perfume Acende-se a vela da criança no Círio Pascal Os pais e padrinhos pegam e ajudam a criança a pegar na vela O presidente faz a evocação à vela acesa – Sinal da fé, mas sinal de que quem é baptizado é a presença de Cristo Luz no meio do Mundo. O presidente faz a invocação da veste branca – Sinal da dignidade, pureza cristã e da santidade. O Sacramento da Penitencia vem renovar em nós esta graça e dignidade baptismal, lava a nossa veste baptismal. A alva, ou túnica, do Acólito e de todos os ministros do altar tem este significado da veste baptismal. O presidente profere o Effatha Caso o baptismo seja celebrado dentro da missa, esta segue com o ofertório e prossegue como é habitual - O neófito, novo baptizado, participa plenamente no banquete eucarístico

7 Ritos finais Pai Nosso Quem é baptizado torna-se filho de Deus O neófito diz pela primeira vez a oração dominical (oração do Senhor) Depois o presidente inicia a bênção final Será usada o bênção própria bênção da mãe, do pai e de toda a comunidade para que todos, vivendo o baptismo, sejam para a criança verdadeiras testemunhas de Cristo Todos se retiram As assinaturas devem realizar-se na sacristia ou noutro local apropriado que não o altar

8 2010


Carregar ppt "36º ENPL – Iniciação Cristã Escola de Ministérios Acólitos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google