A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Hei! Que cara tão concentrada, meu! Que bicho te mordeu? Oh, olá… Tenho andado a matutar a manhã toda numa coisa.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Hei! Que cara tão concentrada, meu! Que bicho te mordeu? Oh, olá… Tenho andado a matutar a manhã toda numa coisa."— Transcrição da apresentação:

1 Hei! Que cara tão concentrada, meu! Que bicho te mordeu? Oh, olá… Tenho andado a matutar a manhã toda numa coisa.

2 Já pensaste… de onde vimos?

3 Hum… da escola?... Da venda do Sr. José?... Aaaah!... Queres dizer… da barriga das nossas mães? Ou coisa assim?...

4 Nope… Quero dizer… como surgiram as plantas e os animais, etc… Quero dizer…

5 Bem, vem aí o meu tio. Talvez ele saiba alguma coisa sobre isso…

6 Origem da vida? Claro que sei! Foi DEUS que criou todos os seres vivos! Chama-se a isso…

7 Hum… eu preferia que se chamasse Geração Espontânea : a matéria inanimada torna-se animada por um princípio activo! Este Aristóteles gosta mesmo de baralhar…

8 Não é verdade! Eu mostrei que a vida não pode surgir de matéria inanimada! Olha! O Francesco Redi! Lindos caracóis, meu! Echo! No frasco fechado não pode surgir vida! A abiogénese é falsa!

9 Eu sou John Needham e as minhas experiências revelam que a abiogénese é verdadeira! Eu sou Spallanzani e as minhas experiências provam que a abiogénese não existe!

10 Isto está a sair do controlo! Ninguém consegue uma prova definitiva?

11 Louis Pasteur! Oui, moi même! E a minha experiência prova definitivamente que a Vida só pode ser gerada a partir de outros seres vivos!

12 Mas isso faz voltar tudo ao princípio! Afinal, qual a origem da vida???

13 No final do Século XIX, Liebig, Richter e Helmholtz propuseram a possibilidade da vida ter surgido na Terra por contaminação transportada em meteoritos! A vida teria sido trazida de outros locais do universo, pelos meteoritos, sob a forma de esporos resistentes! Essa teoria chama-se… Helm… quem?!

14 Outros cientistas vieram mais tarde a propor teorias deste tipo, como a Panspermia (Arrhenius) ou a Panspermia Dirigida (Crick e Orgel)! Mas mesmo que a Vida tenha vindo de fora, continuamos sem saber como se origina!

15 Em 1936, o russo Alexander Oparin, tentou uma explicação para a origem da vida que não se baseava em fenómenos extraterrestres nem sobrenaturais, mas sim na Bioquímica das moléculas!

16 Combinação de metano, amoníaco, hidrogénio e vapor de água na atmosfera primitiva da Terra, sob altas temperaturas, descargas elétricas e radiação ultravioleta, formam AMINOÁCIDOS. Arrastados pelas chuvas para o solo rochoso, os aminoácidos combinam-se formando PROTEÍNAS. Levadas para o mar, as proteínas formam “colóides” que se interpenetram criando COACERVADOS.

17 Os Coacervados englobavam moléculas de nucleoproteínas e ficaram delimitados por uma membrana externa lipoproteica. Surgem as primeiras…

18 Oparin nunca conseguiu provar a sua teoria, mas em 1953, Stanley Miller realizou uma experiência em que, reproduzindo as condições atmosféricas e químicas da Terra primitiva, conseguiu sintetizar moléculas orgânicas simples: a base da Vida. Obrigado, Miller! Foi um prazer ajudar, Oparin!

19 E, portanto, tudo indica que a Vida na Terra terá tido origem numa combinação de moléculas de gases, em condições muito específicas da infância do nosso planeta… Aaaahhh!

20 Satisfeito? Hummm…. Que foi agora? E para onde vai a Vida quando morremos?...

21 TRABALHO REALIZADO POR JORGE CARLOTO NO ÂMBITO DA FORMAÇÃO “AUDACITY, WLMM E PPOINT 2014” FUNCHAL, 16 DE JUNHO DE 2014


Carregar ppt "Hei! Que cara tão concentrada, meu! Que bicho te mordeu? Oh, olá… Tenho andado a matutar a manhã toda numa coisa."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google